• Support policies for dependent older adults: Europe and Brazil Artigos

    Minayo, Maria Cecília de Souza; Mendonça, Jurilza Maria Barros; Sousa, Girliani Silva de; Pereira, Telma Freitas da Silva; Mangas, Raimunda Matilde do Nascimento

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Neste ensaio teórico discutem-se políticas sobre cuidados de longa duração para pessoas idosas dependentes. O objetivo é analisar o conteúdo e as estratégias que guiaram a formulação das chamadas “políticas de dependência” em alguns estados europeus, buscando orientações para a realização de ações relativas à mesma questão no caso brasileiro. As bases de conhecimento são documentos oficiais e artigos científicos que descrevem e analisam a institucionalização das propostas. O estudo mostra que os países europeus aqui analisados incluíram as políticas sobre a dependência nos marcos de seu sistema de seguridade social; alguns oferecem proteção total, outros, apenas parcial ao idoso e ao cuidador familiar. Em nenhum deles, a pessoa idosa dependente deixa de receber os cuidados de que precisa. No Brasil, há algumas experiências locais que atendem aos requisitos de atenção integral. São narradas uma de Belo Horizonte e outra de São Paulo. Embora sejam importantes, tais iniciativas não constituem uma política, são casos exitosos que podem evoluir para o aumento da consciência social ou se esvaírem como experiências não institucionalizadas. A questão tratada neste artigo é de grande relevância, pelo fato inexorável do crescimento acelerado da população longeva, a que mais depende do cuidado de terceiros.

    Abstract in English:

    Abstract This theoretical essay discusses long-term care policies for dependent older adults. It aims to analyze the content and strategies that guided the formulation of the so-called “dependence policies” in some European states, seeking guidance to formulate actions related to the same issue in the Brazilian case. The knowledge bases are official documents and scientific papers analyzing the institutionalized proposals. The study shows that all the countries investigated included dependence policies within their social security system framework. Some offer total protection, while others only partial protection to older adults and family caregivers. However, older adults and their caregivers never fail to receive the care they need. In Brazil, some local experiences meet comprehensive care requirements. Initiatives of Belo Horizonte and São Paulo are narrated, and while important, they are not policies. They are successful cases that can evolve to increase social awareness or simply disappear as non-institutionalized experiences. The issue addressed in this paper is very relevant, due to the inexorable fact of the accelerated growth of the long-lived population, which requires care from others the most.
  • Chronic non-communicable diseases and their implications in the life of dependente eldery people Artigos

    Figueiredo, Ana Elisa Bastos; Ceccon, Roger Flores; Figueiredo, José Henrique Cunha

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este estudo tem como objetivo investigar as implicações das doenças crônicas não transmissíveis em idosos dependentes. Trata-se de um estudo multicêntrico com abordagem qualitativa em que foram realizadas entrevistas semiestruturadas com 59 idosos dependentes que tinham diagnóstico de doença crônica. Para a análise das informações, utilizou-se a técnica da Análise Temática. A maioria dos idosos era do sexo feminino, da raça branca, com baixa escolaridade e vivia com a filha. Todos faziam tratamento medicamentoso e as doenças cardiocirculatórias foram as mais prevalentes. As implicações das doenças crônicas se manifestam no uso de medicamentos, que também se constituem como fator de risco; na condição da dependência e na vivência com doenças crônicas, que denotam em maior uso dos serviços de saúde; no alto impacto econômico das doenças crônicas para as famílias e para o Estado; e na precariedade da renda familiar, que condicionam os idosos a contarem com poucos dispositivos de apoio social e comunitário.

    Abstract in English:

    Abstract This study aims to investigate the implications of chronic noncommunicable diseases in dependent older adults. This is a multicenter, qualitative study in which semi-structured interviews were conducted with 59 dependent older adults diagnosed with chronic disease. The Thematic Analysis technique was used for analyzing the information. Most older adults were female, white, with low schooling level and lived with their daughters. All were undergoing drug treatment, and cardiocirculatory diseases were the most prevalent conditions. The implications of chronic diseases are manifested in the use of medications, which are also a risk factor; in the condition of dependence and in the experience with chronic diseases, which show more significant use of health services; the high economic impact of chronic diseases on families and the state; and the insufficient household income, which condition older adults to have few social and community support devices.
  • Formal caregivers of dependent elderly people in the home: challenges experienced Artigos

    Figueiredo, Maria do Livramento Fortes; Gutierrez, Denise Machado Duran; Darder, Juan José Tirado; Silva, Rutielle Ferreira; Carvalho, Mariana Lustosa de

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O objetivo deste artigo é analisar as características e os desafios vivenciados pelos cuidadores formais de idosos dependentes no domicílio. Estudo qualitativo multicêntrico, realizado em 6 cidades brasileiras, com cuidadores formais de idosos dependentes. As entrevistas foram realizadas mediante utilização de um roteiro semiestruturado, no domicílio, nos meses de maio a agosto de 2019, com duração média de 60 minutos. Participaram 27 cuidadores formais com idade média de 46 anos, predominantemente do sexo feminino, com tempo médio de cuidado ao idoso de 2 anos e 6 meses, sem formação profissional de cuidador. A análise e a interpretação das falas conduziram à formulação de três categorias temáticas: Condições de trabalho e de saúde do cuidador formal; Perfil e modos de cuidar; e Desafios para cuidar. É necessário conhecer as características e as demandas dos cuidadores formais de idosos dependentes domiciliados para que políticas públicas e intervenções eficazes possam ser desenvolvidas, levando-se em consideração as necessidades apresentadas por esses profissionais.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: To analyze the characteristics and challenges experienced by formal caregivers of dependent elderly at home. Methods: Multicenter qualitative study, conducted in six Brazilian cities, with formal caregivers of dependent elderly people. The interviews were conducted using a semi-structured guide, at their homes, from May to August 2019, lasting an average of 60 minutes. Results: Participants were 27 formal caregivers with a mean age of 46 years, predominantly female, with mean care time for the elderly of two years and six months, without professional training of caregivers. The analysis and interpretation of the statements led to the formulation of three thematic categories: Working and health conditions of the formal caregiver; Profile and ways of caring; and Care challenges. Final thoughts: There is need to know the characteristics and demands of formal caregivers of dependent elderly people domiciled for the development of public policies and effective interventions, taking into account the needs presented by these professionals.
  • Subjective life experiences of family caregivers of dependent older adults Artigos

    Gutierrez, Denise Machado Duran; Sousa, Girliani Silva de; Figueiredo, Ana Elisa Bastos; Ribeiro, Maria de Nazaré de Souza; Diniz, Cleisiane Xavier; Nobre, Guiomar Alegria Souza Silva

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O objetivo do presente estudo foi compreender os sentidos subjetivos atribuídos pelos cuidadores familiares de idosos dependentes do cuidado ofertado no domicílio, por meio de uma investigação qualitativa multicêntrica que reúne entrevistas em profundidade com 84 cuidadores familiares em oito localidades no Brasil. Utilizou-se o referencial teórico metodológico hermenêutico-dialético. Na leitura das entrevistas emergiram as seguintes categorias que serviram de base para as análises: 1. Movimentos de inibição de emoções e sentimentos; 2. Presença de processos de simbiose e de dependência emocional na relação entre idoso e familiar; 3. Contentamento em cuidar do idoso dependente; e 4. Renúncia a projetos de vida atuais e futuros. Os resultados apontam vivências marcadas por processos de simbiose, dependência emocional e estresse psíquico. A dependência gera sofrimento e sentimentos de desespero, impotência, impaciência, mas também de solidariedade e empatia. A renúncia ao trabalho profissional, a desvalorização social da atividade de cuidador familiar, o isolamento social, o cuidado “descuidado” de si e os conflitos familiares influenciam a subjetividade dos cuidadores. A formulação de políticas públicas precisa considerar as vivências socioafetivas dos cuidadores familiares de idosos dependentes, para nelas incluir o cuidado de quem cuida.

    Abstract in English:

    Abstract This study aimed to understand the subjective meanings attributed to home care by family caregivers of dependent older adults through a multicenter qualitative investigation that gathered 84 in-depth interviews with family caregivers from eight Brazilian locations. The hermeneutic-dialectic, theoretical, methodological framework was employed. The following categories emerged from the analysis: 1. Movements inhibiting emotions and feelings; 2. Presence of processes of symbiosis and emotional dependence in the older adult-relative relationship; 3. Contentment in caring for the dependent older adult; and 4. Giving up current and future life projects. The results reveal life experiences marked by symbiotic processes, emotional dependence, and psychic stress. Dependence causes suffering and feelings of despair, powerlessness, impatience, but also solidarity and empathy. Withdrawal from the job market, social depreciation of family caregiver’s activity, social isolation, neglected self-care, and family conflicts impact caregivers’ subjectivity. The elaboration of public policies must consider the social-affective life experiences of family caregivers of dependent older adults in order to include the care of those providing care.
  • Community health workers caring for dependent elderly people Artigos

    Brasil, Christina César Praça; Silva, Raimunda Magalhães da; Bezerra, Indara Cavalcante; Vieira, Luiza Jane Eyre de Souza; Figueiredo, Maria do Livramento Fortes; Castro, Fernanda Regina Vasconcelos Fernandes; Queiroz, Francisca Francisete de Sousa Nunes; Capelo, Maria Regina Teixeira Ferreira

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O Agente Comunitário de Saúde (ACS) é um elo entre os profissionais da Estratégia Saúde da Família (ESF) e a comunidade. Objetivou-se analisar as percepções de profissionais da atenção e da gestão em saúde sobre as atribuições do ACS no cuidado ao idoso dependente. Realizou-se um estudo qualitativo, na perspectiva hermenêutica-dialética, com 38 profissionais que atuavam na saúde do idoso em municípios das cinco regiões do Brasil. Os resultados identificaram o ACS como facilitador do acesso do idoso dependente à rede de atenção em saúde, lacunas na Educação Permanente e um número reduzido desses profissionais para atender a demanda na atenção primária. Os respondentes atribuíram grande importância à atuação do ACS, valorizaram a sua participação na Estratégia Saúde da Família, mas apontaram a deficiência de conhecimento e dificuldades para suprir a quantidade adequada nos serviços de atenção à saúde e na assistência do idoso com dependência e familiares. Conclui-se que os profissionais e gestores da saúde consideram os ACS uma grande força de trabalho e com atuação imprescindível junto ao idoso dependente e seus cuidadores. O número de ACS é insuficiente em relação à ESF e falta capacitação para lidar com os variados tipos de dependência.

    Abstract in English:

    Abstract Community Health Workers (CHWs) are a link between Family Health Strategy (FHS) professionals and the community. This study aims to analyze health care professionals’ perceptions and health management about CHWs’ role in caring for dependent elderly people. A qualitative study was carried out, from a hermeneutic-dialectic perspective, with 38 professionals working in elderly people’s health in cities in the five regions of Brazil. The results identified CHWs as facilitators of access to elderly people dependent on the health care network, gaps in continuing education and the reduced number of these professionals to meet the demand in primary care. Respondents attributed great importance to CHW’s performance, valued their participation in FHS, but pointed out a lack of knowledge and difficulties to supply the adequate amount in health care services and in assistance of elderly people with dependence and family. It is concluded that health professionals and managers consider CHWs to be a great workforce and essential to the dependent elderly people and their caregivers. The number of CHWs is insufficient in relation to FHS, and there is a lack of training to deal with various types of dependence.
  • Primary Health Care in caring for dependent older adults and their caregivers Artigos

    Ceccon, Roger Flores; Soares, Konrad Gutterres; Vieira, Luiza Jane Eyre de Souza; Garcia Júnior, Carlos Alberto Severo; Matos, Camila Carvalho de Souza Amorim; Pascoal, Macelle Dias de Holanda Alencar

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A Atenção Primária em Saúde é um modelo de cuidado cujos atributos contribuem para resolver a maioria dos problemas de saúde dos idosos, em um contexto de aumento da longevidade no Brasil. Esta investigação tem como objetivo analisar o cuidado dispensado ao idoso dependente e seus cuidadores no âmbito da Atenção Primária à Saúde. Trata-se de um estudo qualitativo realizado em oito municípios brasileiros no ano de 2019. Participaram da pesquisa 190 sujeitos, cujas informações foram coletadas por meio de entrevistas semiestruturadas e analisadas através do marco teórico da Hermenêutica Dialética. Foram identificados problemas no acesso, na atenção domiciliar, na rede de atenção à saúde e no trabalho interprofissional. As equipes ofertam práticas sob a lógica do modelo biomédico e centradas no profissional médico, embora tenham sido identificadas ações de promoção de saúde e prevenção de doenças. Há necessidade de qualificar a APS e ampliar o escopo de práticas, incorporando núcleos de saberes que não estão tradicionalmente inseridos nas equipes. Além do mais, é fundamental o fortalecimento do papel do Estado e a criação de políticas públicas específicas para os idosos dependentes e seus cuidadores.

    Abstract in English:

    Abstract Primary Health Care is a care model whose attributes contribute to solving most of the health problems of older adults in Brazil’s increased longevity. This investigation aims to analyze the care provided to the dependent older adults and their caregivers within Primary Health Care. This is a qualitative study conducted in eight Brazilian municipalities in 2019. A total of 190 subjects participated in the research, whose information was collected through semi-structured interviews and analyzed through the theoretical framework of Dialectic Hermeneutics. Problems with access, home care, the health care network, and interprofessional work were identified. The teams provide practices under the biomedical model’s logic focused on the medical professional, although health promotion and disease prevention actions have been identified. There is a need to qualify PHC and expand the scope of practices, incorporating the core of knowledge not traditionally introduced into the teams. Moreover, it is essential to strengthen the State’s role and create specific public policies for dependent older adults and their caregivers.
  • Aging and dependence in Brazil: sociodemographic and care characteristics of older adults and caregivers Artigos

    Ceccon, Roger Flores; Vieira, Luiza Jane Eyre de Souza; Brasil, Christina César Praça; Soares, Konrad Gutterres; Portes, Virgínia de Menezes; Garcia Júnior, Carlos Alberto Severo; Schneider, Ione Jayce Ceola; Carioca, Antonio Augusto Ferreira

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O artigo tem como objetivo identificar características sociodemográficas e assistenciais de idosos dependentes, cuidadores formais e familiares em municípios de diferentes regiões brasileiras. Realizou-se um estudo transversal com amostra de 175 pessoas, sendo 64 idosos, 27 cuidadores formais e 84 cuidadores familiares. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas, com questões específicas para cada grupo sobre a temática do cuidado e dependência. A maioria dos idosos era do sexo feminino, com idade igual ou maior a 80 anos, com baixa escolaridade e dependente há quatro anos ou mais. Os idosos relataram sentimentos de solidão, apontaram dificuldades na assistência médica e 29% tinham acesso apenas a ações da Atenção Primária à Saúde. Entre os cuidadores familiares, encontrou-se desigualdades, sobrecargas, adoecimentos e problemas sociais. Entre os formais predominou o sexo feminino, a raça negra, sem vínculo legal de trabalho, pouca ou nenhuma formação para a função e baixa remuneração; o cuidado associou-se aos afazeres domésticos. Conclui-se que perduram as desigualdades de gênero e raça no cuidado às pessoas idosas em situação de dependência. Observou-se também que a rigidez dos papeis sociais atribuídos a homens e mulheres no Brasil persistem nas dinâmicas familiares e laborais no cuidado ao idoso dependente.

    Abstract in English:

    Abstract This paper aims to identify sociodemographic and care characteristics of dependent older adults, formal and family caregivers in municipalities from different Brazilian regions. A cross-sectional study was carried out with a sample of 175 people, of whom 64 were older adults, 27 formal caregivers, and 84 family caregivers. Semi-structured interviews were conducted with specific questions for each group on the theme of care and dependence. Most older adults were female, aged 80 years or older, with low education and have been dependent for four years or more. Older adults reported feelings of loneliness, pointed out difficulties in medical care, and 29% had only access to Primary Health Care actions. Inequalities, burden, illnesses, and social problems were found among family caregivers. Black females with no formal employment, little or no training for the function, and low remuneration predominated among formal caregivers, and care was associated with domestic chores. We can conclude that gender and race inequalities persist in the care of dependent older adults, and we observed that the rigid social roles assigned to men and women in Brazil persist in the family and work dynamics in caring for the dependent older adults.
  • “We are humans after all”: Family caregivers’ experience of caring for dependent older adults in Brazil Artigos

    Sousa, Girliani Silva de; Silva, Raimunda Magalhães da; Reinaldo, Amanda Márcia dos Santos; Soares, Sônia Maria; Gutierrez, Denise Machado Duran; Figueiredo, Maria do Livramento Fortes

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O artigo visa compreender a vivência dos(as) cuidadores(as) familiares com a pessoa idosa dependente no Brasil, bem como entender as consequências dos cuidados de idosos dependentes na vida do cuidador familiar. Estudo multicêntrico, de caráter qualitativo, com referencial teórico hermenêutico-dialético. Foram realizadas entrevistas em profundidade com 84 cuidadores familiares nas cidades de Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Fortaleza, Teresina, Porto Alegre, Araranguá e Manaus. Da análise temática, emergiram três categorias: motivações para assumir o papel de cuidador; influências na vida do cuidador familiar; e modalidades de enfrentamento e de cuidado de si. O cuidado assumido é influenciado pelas relações afetivas com o idoso e pela responsabilidade ética e, também, moral. As influências dizem respeito a despreparo para o cuidado, dificuldades financeiras, cerceamento da liberdade e problemas de saúde física e mental. A religião, a espiritualidade, a alternância entre os cuidadores familiares no cuidado e o aprendizado sobre essas tarefas foram estratégias de enfrentamento. A mulher predomina no ato de cuidar por motivações culturais, éticas e morais. Mas frequentemente falta orientação aos cuidadores familiares, que precisam de uma rede de apoio e proteção.

    Abstract in English:

    Abstract This paper aims to understand the experiences of family caregivers with dependent older adults in Brazil and the consequences of caring for dependent older adults in the family caregiver’s life. This is a qualitative multicenter study employing dialectical hermeneutics as a theoretical framework. In-depth interviews were conducted with 84 family caregivers in Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Fortaleza, Teresina, Porto Alegre, and Araranguá, and Manaus. The thematic analysis yielded three categories: motivations for taking on the caregiving role, influences on the family caregiver’s life, coping, and self-care modalities. The care assumed is influenced by affective relationships with older adults and ethical and moral responsibilities. The influences are related to the lack of preparation for caregiving, financial hardship, restricted freedom, and physical and mental health problems. Coping strategies were religion, spirituality, turn-taking between family caregivers, and learning about the tasks. Women predominate in caregiving due to cultural, ethical, and moral reasons. However, family caregivers often lack guidance and require protection and a support network.
  • Caring for those who care for dependent older adults: for a necessary and urgent policy Artigos

    Minayo, Maria Cecília de Souza

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Apresenta-se e discute-se a situação das cuidadoras e dos cuidadores familiares de idosos dependentes. Ressaltam-se sua dedicação, seus problemas e os encaminhamentos para valorizá-los. Sabe-se que a tarefa de cuidar é eminentemente feminina, invisível, não remunerada, que afeta a sociedade como um todo. Descrevem-se as políticas vigentes em alguns países europeus, no Canadá e nos Estados Unidos a favor das cuidadoras e cuidadores. A maioria dos modelos de suporte existentes apresenta lacunas. Leis e regulações criadas têm sido pouco compreensivas, inorgânicas e a família continua a ser a responsável pelos parentes longevos que perderam autonomia. Em vários desses países, além de outras medidas, a tendência é integrar os cuidados familiares como primeiro patamar da atenção básica em saúde, universalizando o apoio aos cuidadores. Não se pode esquecer que a tendência de manter o idoso dependente em casa é uma aquiescência a seu próprio desejo, embora também oculte a delegação de responsabilidade do Estado às famílias por meio das políticas de deshospitalização e desinstitucionalização. No Brasil, o tema ainda não entrou no radar das políticas públicas, embora seja urgente pelo acelerado aumento da população idosa, em particular, que tem 80 anos e mais.

    Abstract in English:

    Abstract The situation of caregivers and family caregivers of dependent older adults is presented and discussed, highlighting their dedication, problems, and possible recommendations to value them. The task of caring is known to be eminently feminine, invisible, unpaid, but affects society as a whole. Policies of some European countries, Canada, and the United States in favor of male and female caregivers are described. However, most existing support models have gaps. The laws and regulations enacted have been poorly comprehensive, inorganic, and the family remains responsible for long-lived relatives who have lost their autonomy. In many countries, besides other measures, the tendency is to integrate the family care as the first PHC level, universalizing support to caregivers. One must not be forgotten that the tendency to keep dependent older adults at home is acquiescence to their desire, but it also hides the delegation of responsibility from the State to families through dehospitalization and deinstitutionalization policies. In Brazil, the issue has not yet entered the public policy radar, although it is urgent because of the accelerated increase of the elderly population, particularly those aged 80 and over.
  • The silenced sexuality in dependent older adults Artigos

    Soares, Konrad Gutterres; Meneghel, Stela Nazareth

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A sexualidade é um tema silenciado em relação à população idosa que é socialmente percebida como assexuada. Este artigo de abordagem qualitativa faz parte de uma pesquisa sobre idosos dependentes cujo objetivo foi analisar suas vivências em relação à sexualidade. O tema foi obtido a partir de entrevistas com 26 deles, que falaram sobre o sexo em suas vidas. A análise de conteúdo temática identificou duas categorias principais nas falas: diferenças de gênero no trato da sexualidade e dificuldade de falar sobre sexo. Observaram-se diferenças na percepção e valorização da sexualidade, segundo gênero. Homens idosos conferem importância para a potência sexual, e mulheres idosas consideram natural a cessação da vida sexual na velhice. Os idosos do sexo masculino enunciam um conceito de sexualidade pautado na satisfação biológica e no ato sexual, enquanto as mulheres valorizam mais a parceria, o afeto e o carinho. Constatou-se silêncio dos pesquisadores quanto ao tema, embora ele tenha sido colocado no manual de pesquisa para orientar a entrevista com a pessoa idosa. No entanto, embora apenas 26 tenham mencionado o assunto, foi possível constatar que a sexualidade do idoso é modulada pela percepção de gênero e é um tema pouco estudado e de difícil abordagem em cenários de pesquisa e de atenção à saúde.

    Abstract in English:

    Abstract Sexuality is a silent theme concerning the elderly population who is socially perceived as asexual. This qualitative approach paper is part of research on dependent older adults, which aimed to analyze their sexual experiences. The topic was retrieved from interviews with 26 of them, who talked about sex in their lives. The Thematic content analysis identified two main categories in the statements: gender differences in the treatment of sexuality and difficulty in talking about sex. Differences were observed in the perception and valuation of sexuality by gender. Older men give importance to sexual potency, and older women consider the cessation of sexual life in old age to be natural. Older men enunciate a sexuality concept based on biological satisfaction and sexual act, while women value partnership, affection, and fondness. Researchers were silent on the topic, although it was included in the research manual to guide the interview with older adults. However, while only 26 mentioned the subject, sexuality of older adults is modulated by gender perception. It is a poorly studied and challenging theme to approach in research and healthcare settings.
  • Dependent aging: what does cinema show? Artigos

    Meneghel, Stela Nazareth; Minayo, Maria Cecília de Souza

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo é um ensaio que pensa a arte, particularmente o cinema, como recurso complementar para a discussão de temas de saúde. O texto faz parte da reflexão produzida no âmbito de uma pesquisa multicêntrica sobre idosos com dependência realizada em oito cidades brasileiras. Analisam-se dois filmes que abordam as contingências de uma velhice com dependência e a relação entre pessoas que cuidam e que são cuidadas. “Poesia” mostra os impasses de uma idosa sobrecarregada econômica e emocionalmente que começa a apresentar sintomas da doença de Alzheimer. O segundo filme “O que terá acontecido com Baby Jane?” expõe a delicada e complexa relação entre a díade cuidador e pessoa cuidada. O artigo se propõe a ampliar a compreensão de processos sociais como o envelhecimento por meio do cinema, estimulando o uso de filmes em cenários de educação permanente envolvendo pesquisadores, estudantes e trabalhadores de saúde.

    Abstract in English:

    Abstract This paper is an essay that understands art, particularly cinema, as a complementary resource for discussing health issues, and it is part of a reflection on multicentric research on dependent older adults conducted in eight Brazilian cities. The paper analyzes two movies that address the contingencies of dependent old age and the relationship between caregivers and people cared for. “Poetry” shows the impasses of an elderly woman who is economically and emotionally overburdened, with early symptoms of Alzheimer’s disease. The second movie, “What ever happened to Baby Jane?” exposes the delicate and complex relationship between the caregiver and cared person dyad. The paper aims to broaden the understanding of social processes such as aging, through cinema, encouraging the use of movies in continuing education settings involving researchers, students, and health workers.
  • Family health strategy and older adults with dementia: care provided by health professionals Artigos

    Nascimento, Hellen Guedes do; Figueiredo, Ana Elisa Bastos

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Estudo qualitativo descritivo-analítico desenvolvido em um setor de atenção primária à saúde organizada pela Estratégia de Saúde da Família (ESF). Realizadas entrevistas semiestruturadas com cinco profissionais de saúde: dois médicos, uma enfermeira e dois agentes comunitários de saúde (ACS). Tópicos norteadores da entrevista: dados sobre o entrevistado; atendimento ao idoso; atenção aos familiares; percepção acerca de vivência de situações-limite no acompanhamento do idoso; e dificuldades encontradas na ESF para a assistência do idoso. Representações acerca dos profissionais da ESF estão diretamente relacionadas ao cargo exercido. Os ACS são descritos como o termômetro e os olhos da unidade. Os médicos se percebem com uma demanda grande e como detentores do saber biomédico e prescritores de medicação. A enfermagem como o profissional mediador entre ACS e médico. As demandas espontâneas dos idosos e familiares continuam sustentadas no tripé: médico, equipamentos e medicamentos. As dificuldades do familiar em compreender a demência, a percepção do cuidado como um peso e as limitações socioeconômicas foram aspectos descritos como intensificadores do processo demencial. A criação de vínculo entre os profissionais, familiares e idosos foi percebida como um dispositivo emocional de cuidado em saúde fundamental para o acompanhamento dos casos de demência.

    Abstract in English:

    Abstract This is a qualitative, descriptive-analytical study developed in a primary health care facility organized by the ESF. Semi-structured interviews were conducted with five health professionals: two doctors, a nurse, and two community health workers (ACS). The interview’s guiding topics were respondent data (name, gender, age, professional category, and seniority in the service); elderly care; care to relatives; perception of the experience of extreme situations in the elderly monitoring; and challenges in the ESF in assisting older adults. Representations related to ESF professionals are directly related to the position held. The ACS are appointed as the facility’s thermometer and eyes. Doctors perceive a great demand and see themselves as biomedical knowledge holders and medication prescribers. Nursing is perceived as a professional mediator between ACS and doctors. The walk-in demands of older adults and their families continue to be sustained by the tripod doctor, equipment (tests and procedures), and medication. As family hardships comprise dementia, the perception of care as a burden, and the socioeconomic constraints are intensifying aspects of dementia. The creation of a bond between professionals, relatives, and older adults was perceived as an emotional health care device fundamental for monitoring dementia cases.
  • Challenges and possibilities of health professionals in the care of dependent older adults Artigos

    Silva, Raimunda Magalhães da; Brasil, Christina César Praça; Bezerra, Indara Cavalcante; Figueiredo, Maria do Livramento Fortes; Santos, Míria Conceição Lavinas; Gonçalves, Jonas Loiola; Jardim, Maria Helena de Agrela Gonçalves

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Investiga desafios e possibilidades de profissionais de saúde para a gestão do cuidado de idosos dependentes na Atenção Primária à Saúde. Recorreu-se à abordagem qualitativa fundamentada na fusão hermenêutica dialética. Efetivou-se entrevista com 38 profissionais de saúde, nos meses de junho a dezembro de 2019, em oito cidades das cinco regiões brasileiras. Dos resultados, emergiram temáticas sobre os desafios que os profissionais enfrentam na gestão do cuidado ao idoso, as estratégias por eles utilizadas e suas sugestões para elevar a qualidade do cuidado aos idosos que dependem deste. Falhas na gestão, fatores estruturais, barreiras de acesso, escassez de insumos, desarticulação da rede e falta de segurança foram apontados como dificuldades para direcionar as ações de proteção, prevenção e promoção da saúde. Fortalecer o acolhimento, estimular a consulta domiciliar, mobilizar grupos de apoio e realizar educação em saúde figuraram entre as práticas integrativas sugeridas pelos participantes. Os profissionais reconhecem as deficiências nos serviços de saúde e enfrentam situações indesejadas pela ausência de pessoal qualificado nas equipes, bem como em razão da insuficiência de materiais e de transporte.

    Abstract in English:

    Abstract This study investigates the challenges and possibilities of health professionals in managing care for dependent older adults in PHC. We employed a qualitative approach based on dialectical hermeneutic fusion. Interviews were carried out with 38 health professionals, from June to December 2019, in eight cities in the five Brazilian regions, which resulted in themes about the challenges of professionals in the management of care for older adults, the strategies used, and their suggestions for improving the quality of care for dependent older adults. Management failures, structural factors, access barriers, scarce supplies, disrupted network, and lack of security, were pointed out as hardships in directing health protection, prevention, and promotion actions. The applied strategies are diverse and conflicting and aim to articulate the multiprofessional teams, which involve the Family Health Strategy and specialists to implement care. Strengthening reception, encouraging home consultation, mobilizing support groups, and carrying out health education were among the participants’ integrative practices. Due to the complex study object, it was evidenced that professionals recognize the shortcomings in the health services and face undesirable situations due to the lack of qualified personnel in the teams and the defective materials and transportation.
  • The meaning of aging for the dependent elderly Artigos

    Mendonça, Jurilza Maria Barros de; Abigalil, Albamaria Paulino de Campos; Pereira, Potyara Amazoneida Pereira; Yuste, Antonio; Ribeiro, Joaquim Hudson de Souza

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O envelhecimento constitui um fenômeno demográfico e uma questão econômica, social, política, cultural e ética. O objetivo deste ensaio é refletir sobre o envelhecimento e o sentido da velhice no sistema capitalista, sob o paradoxo que contrapõe lucro e necessidades humanas. A investigação efetuada sinaliza que sobre a pessoa idosa, com perdas de capacidades e incapacidades, recaem altos índices de negligências públicas e privadas. Isso exige a implementação de políticas específicas para a velhice, devido ao aumento tendencial de uma categoria de idosos/as, os dependentes. Em geral, as políticas têm atuado no sentido de reforçar os dados colhidos numa pesquisa realizada em 2019, em 6 estados brasileiros e no Distrito Federal, junto a uma população de 446.101 idosos/as, na qual se constataram descasos e maus tratos, mesmo com os avanços na legislação brasileira em vigor. Tais fatos endossam a percepção de imagens desvalorizadoras da velhice e do fato de ser velho/a, fazendo-se urgente uma ética global sob a perspectiva do cuidado que resgate valores democráticos essenciais a uma velhice com sentido.

    Abstract in English:

    Abstract Aging is a demographic phenomenon and an economic, social, political, cultural and ethical issue. The aim of this essay is to reflect on aging and the meaning of old age in the capitalist system, under the paradox that opposes profit and human needs. The investigation carried out indicates that the elderly, with loss of capacities and disabilities, have high rates of public and private negligence. This requires the implementation of specific policies for old age, due to the trend increase of a category of elderly people: the dependent. In general, policies have acted to reinforce the data collected in a survey conducted in 2019, in 6 Brazilian states and the Federal District, among a population of 446,101 elderly people, in which disregard and abuse were found, even with the advances in current Brazilian legislation. Such facts endorse the perception of devaluing images of old age and the fact of being old, making global ethics urgent from the perspective of care that rescues essential democratic values to meaningful old age.
ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: revscol@fiocruz.br