Cadernos de Saúde Pública, Volume: 8, Issue: 4, Published: 1992
  • Editorial

    Coimbra Jr., Carlos E. A.
  • Evaluation of health services: what to evaluate? Análise

    Akerman, Marco; Nadanovsky, Paulo

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo reconhece a limitada influência dos serviços de saúde no processo saúde-doença, em oposição a fatores sociais e econômicos mais amplos. Entretanto, o mesmo tem como objetivo oferecer uma base conceitual para aqueles interessados em avaliar o sucesso (qualidade) destes serviços. O artigo apresenta duas atuações distintas no campo da saúde que se diferenciam em suas funções: as ações de atendimento direto (serviços clínicos) e as ações indiretas ("advogar saúde"). Não é intenção dos autores reavivar a velha polêmica entre cura e prevenção, mas sim criar uma diferenciação metodológica que facilite o processo avaliativo, uma vez que cada nível de atuação teria o seu respectivo indicador de sucesso. Discutem-se o conceito de qualidade e as tarefas dos serviços diretos de atendimento (serviços clínicos), além de critérios a serem utilizados na elaboração de indicadores de qualidade. Conclui-se dizendo que os objetivos dos serviços diretos de atendimento (serviços clínicos) devem ser claramente explicitados e que a estratégia de avaliação será determinada por esta escolha. Os autores sugerem que os interesses dos usuários deveriam desempenhar um papel relevante no processo avaliativo e que a avaliação do cuidado como um todo deve receber maior ênfase, em oposição à tradicional ênfase atribuída à cura.

    Abstract in English:

    This article acknowledges the limited influence of health services in the health/disease process as opposed to broader socio-economic factors. However, its aim is to offer a conceptual basis for those who are interested in evaluating the success (quality) of such services. The author maintains that there are two clearly distinct fields of health action, namely non-personal health services and clinical services (McKeown, 1979). In so saying, the author does not intend to reinstate the old dichotomy between prevention and cure, but to create a methodological distinction which could aid the evaluation process, since each level of action has its own indicators of success. The article also explores the concept of quality for clinical services as well as such services' tasks, and some criteria to devise indicators of quality are considered. The author concludes that the objectives of clinical services should be defined and explicitly stated. This choice determines the evaluation strategy. The author suggests that significant importance should be ascribed to users' interests in the evaluation process, and a case is made that much more emphasis should be given to the evaluation of care as opposed to the traditionally overvalued concept of cure.
  • Social control over health policies Análise

    Sposati, Aldaíza; Lobo, Elza

    Abstract in Portuguese:

    Na história de democratização das políticas de saúde, um dos campos que construiu visibilidade aos movimentos de saúde, quer pela denúncia das "ausências e omissões" dos serviços instalados, quer pela luta no sentido de construir um espaço regular para o exercício do controle nos serviços e nas burocracias da gestão da saúde, foi o controle social da coisa pública. No início da década de 80, a experiência marcante na região leste da cidade de São Paulo foi a de criar os conselhos de saúde como representação popular no controle do Estado. Nesta reflexão, as autoras não pretendem discutir a composição da representação, mas sim avançar para novos problemas. Na conjuntura pós Constituição de 1988, vivemos um novo momento democrático. As leis, a princípio, amparam a participação da população nas políticas de saúde e são defensoras dos direitos sociais. Como, então, é entendido o campo do controle social? Este restringe-se aos serviços de saúde ou é mais ampliado, englobando a política de saúde? Como é que as leis passam da sua formulação para a sua aplicação? Busca-se, no texto, mapear questões que se colocam quando o controle social se orienta para constituir uma pressão pela mudança/alteração da situação.

    Abstract in English:

    As the democratization of health policies develops, social control over public interests has been of help in providing health movements with prominence, not only by denouncing cases of "negligence and omission" by established services, but also by struggling to create regular, favourable conditions by which to exercise control over services and governmental management of public health policies. In the early 1980s, a remarkable experience occurred in the "Zona Leste" or eastern burrough of the city of São Paulo, consisting of the emergence of Health Councils as a means of popular representation in the control over the state. Through their analysis of these issues, the authors' intent is to proceed to new problems rather than discussing the make-up of that representation. Within the political context in the aftermath of the 1988 Constitution, as we are experiencing a new democratic moment and legislation which (in principle) supports people's participation in health policies and defends social rights, then how is the field of social control to be understood? Is it limited to health services or extended to health policy? How do laws move from elaboration to practice? The text aims to follow issues which arise as social control pushes current conditions towards change.
  • Health/disease process and complexity in epidemiology Análise

    Schramm, Fermin R.; Castiel, Luis David

    Abstract in Portuguese:

    O emprego da idéia de complexidade em epidemiologia serve para assinalar as crises, tanto no domínio interno da disciplina - resultante de uma cada vez mais evidente limitação de seus instrumentos conceituais (modelos e teorias) para lidar com a realidade concreta da saúde - como no domínio do contexto cultural (paradigmas, quadro epistêmico, Zeitgeist, Weltanschauung) no qual os problemas de saúde estão inscritos. Apesar de ambas as abordagens serem pertinentes, sob a ótica do sistema e do ambiente, sua separação leva a uma apreensão restrita dos atuais desafios no campo sanitário, e, portanto, insuficiente para promover a saúde e o bem-estar de indivíduos, populações e biosfera. A idéia de complexidade propõe-se a ultrapassar esta precariedade, apontando o reducionismo das dicotomias oriundas da era moderna, que tende a não estar equipado para perceber o universo composto por relações e emergências de novas propriedades ao se transitar por níveis diferenciados de organização. Além disso, discute modos de encarar os processos que ocorrem entre os seres vivos de maneira a incluir dimensões dinâmicas, evolutivas e históricas. Assim, há indícios de crise da Epidemiologia que apontam para a necessidade da complexificação de seus instrumentos prático-discursivos, de forma a viabilizar construções mais satisfatórias do processo saúde-doença.

    Abstract in English:

    The use of the idea of Complexity in Epidemiology is an approach to point out either an internal disciplinary crisis, resulting from shortcomings in its conceptual instruments (theories, models) regarding health's concrete reality, or a crisis in terms of the broader cultural context (paradigms, epistemic framework, Zeitgeist, Weltanschauung) in which health issues are necessarily inserted. Although those two approaches are pertinent from a systemic and environmental standpoint, their disjunction is insufficient in dealing with the main contemporary health challenges that affect individuals, populations and the biosphere. Complexity consists of a point of view that appears to overcome this obstacle. On the one hand, it stresses the reductionism of dichotomous visions that shaped the Modern Age, generally unable to focus on a living universe made up of relations and the emergence of new properties, when we move from one level of organization to another. On the other hand, ways of dealing with living beings' interactive processes are presented. A dynamic, historical and evolutive perspective is presented as a way of looking upon the crisis in Epidemiology as a sign, pointing out the need to conceive a complex approach towards its practical discursive instruments in order to devise more suitable patterns for the Health/Disease process.
  • The initial success of the Chagas' Disease Control Program: factors contributing to Triatomine infestation Review

    Fleming-Moran, Millicent

    Abstract in Portuguese:

    Embora tenha sido controlado o principal vetor da doença de Chagas - o Triatoma infestans - em muitas áreas endêmicas do Brasil, os dados do início do programa de controle referentes ao Triângulo Mineiro (1976-79) sugerem a ocorrência de reinfestação por triatomíneos sob determinadas condições favoráveis. A autora compara as taxas de infestação domiciliar em 500 comunidades da região do Triângulo Mineiro para os anos de 1976 e 1979, utilizando modelos de regressão linear. Controlando para os três principais vetores triatomíneos, são variáveis independentes da infestação domiciliar nessas comunidades o amontoamento intra-domiciliar, a demolição e construção de habitações e as construções anexas infestadas. Embora vários fatores domiciliares tenham sido sugeridos como correlatos da infestação, o programa de controle se concentra nos índices comunitários de infestação, enquanto as comparações intra-comunitárias e regionais, até agora, têm-se mostrado inviáveis. Os dados computadorizados estão-se tornando disponíveis na identificação de comunidades sob alto risco de infestação, assim como, na definição de estratégias e atividades para os programas.

    Abstract in English:

    While the control of the major Chagas' disease vector Triatoma infestans has been achieved in many endemic areas of Brazil, data from the inception of the control program in the Triângulo Mineiro (1976-79) suggest that re-infestation by triatomines occurs under certain favorable conditions. The percentage of houses infested in 500 communities of the Triângulo Mineiro region is compared for two years: 1976 and 1979, using linear regression models. Controlling for three major triatomine vectors, household crowding, house demolition and construction, and infested out-buildings are all independent covariates of house infestation in these communities. While several household factors have been suggested as correlates of infestation, the control program focuses on community-level reductions in infestation, but intra-community or regional comparisons have heretofore been unfeasible. Computerized data are becoming available to identify communities at high risk for re-infestation, and for targeting control-program activities.
  • Medical care for teenage mothers during pregnancy and at delivery Resenha

    Bettiol, Heloisa; Barbieri, Marco A.; Gomes, Uilho A.; Wen, Liu Yao; Reis, Patricia M. dos; Chiaratti, Telma M.; Vasconcellos, Valéria; Yamawaki, Rosalina M.

    Abstract in Portuguese:

    Estudou-se em Ribeirão Preto, SP, Brasil, no período de 1º de junho de 1978 a 31 de maio de 1979, 98% do universo de nascidos vivos, totalizando 8878 crianças nascidas de parto único, sendo 6750 procedentes de Ribeirão Preto. Observou-se um aumento da proporção de mães adolescentes em Ribeirão Preto (14,1%) quando comparada com estudo realizado 10 anos antes (11,7%). A idade materna menor de 20 anos esteve associada com os indicadores mais desfavoráveis para a saúde perinatal, no que diz respeito à atenção médica à gestação e ao parto. Essa situação ficou mais evidente entre as mães adolescentes de classes sociais menos favorecidas, revelando que o grupo de mães adolescentes não é homogêneo, mas apresenta diferentes proporções de risco para a saúde perinatal de acordo com as frações de classe social que existem no seu interior.

    Abstract in English:

    Ninety-eight percent of all live births occuring in the city of Ribeirão Preto, state of São Paulo (Brazil), from June 1, 1978 to May 30, 1979 were studied, for a total of 8,878 single-delivery infants, 6,750 of whom were from this town. An increase in the proportion of teenage mothers in Ribeirão Preto (14.1%) was observed in relation to a study carried out ten years before (11.7%). Maternal age of less than 20 years was associated with more unfavorable perinatal health indicators with respect to medical care and delivery. This situation was more evident among teenage mothers from underprivileged social classes, showing that the group of teenage mothers is not homogeneous but presents different risk rates for perinatal health according to the social strata of which the group is composed.
  • Quality of life and health indicators: aspects of infant mortality in the state of Rio de Janeiro and its regions Resenha

    Duarte, Cristina Maria R.

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo principal deste estudo foi fornecer subsídios para a compreensão da dinâmica do indicador de mortalidade infantil no Estado do Rio de Janeiro, procurando avaliar, através de alguns indicadores, as desigualdades existentes nas condições de vida predominantes em seis regiões, bem como o padrão e tendências da mortalidade infantil, segundo causas específicas. Foram descritos os níveis e tendências da mortalidade infantil, segundo causas e idades, e estabelecidas as desigualdades existentes entre as áreas de estudo. As tendências da mortalidade foram avaliadas através de uma análise de regressão simples. Os resultados encontrados confirmam que os diferentes componentes da mortalidade infantil podem reagir de modo distinto às mudanças observadas ao nível da economia e das intervenções médico-sanitárias. Revelam a modificação do perfil de mortalidade infantil no Estado do Rio de Janeiro, resultado do comportamento diferenciado das taxas segundo principais causas de morte, e advertem para as desigualdades existentes entre as regiões do Estado. As conclusões do estudo indicam a necessidade de se avançar em indicações mais precisas a respeito de como os dados epidemiológicos registram as variações no padrão de vida da população, a nível da infra-estrutura urbana e do poder de compra dos salários.

    Abstract in English:

    The main aim of the present study was to furnish elements for the understanding of the dynamics of infant mortality as an indicator in the State of Rio de Janeiro, attempting to utilize certain parameters to evaluate present discrepancies in living conditions occurring in six regions as well as the pattern and trends in infant mortality by specific causes. The levels and tendencies of infant mortality were described by cause and age, and discrepancies existing within the study were established. Tendencies in mortality were then evaluated through a simple regression analysis. Results confirmed that components of infant mortality can react differently from economic changes and medical/sanitary interventions. They demonstrate the change in the profile of infant deaths in the State of Rio de Janeiro resulting from a differential pattern of the rates in relation to the main causes of death. Furthermore, they call our attention to the differences that exist from one region of the State to the next. The present study's conclusions indicate the need to proceed to more precise indicators about how the epidemiological data register variations in the population's standard of living, the urban sub-structure and real purchasing power of wages.
  • Social representations concerning AIDS, sexual practices and social life among heterosexuals, bisexuals and homosexuals in Brasília, Brazil Resenha

    Souza Filho, Edson A. de; Henning, Márcia G.

    Abstract in Portuguese:

    Através de 33 questões abertas e fechadas, observamos as representações sociais da AIDS, práticas sexuais e preventivas, auto-representações, vida social, valores e meios de informações de 89 heterossexuais (HE), 7 bissexuais (BI) e 33 homossexuais (HO). Os resultados mostraram uma crença geral de que todos estão vulneráveis ao vírus. Os HE e HO consideraram alterações corporais externas como o principal sintoma da AIDS. Os HE praticavam mais sexo vaginal e oral (52,69%), os HO, sexo anal e oral (43,33%), e os BI se dispersaram entre muitas práticas sexuais. Além do uso de preservativo, os HE evitariam grupos de risco e prefeririam um parceiro único, enquanto os HO evitariam praticar sexo (18,2%). Apesar das auto-representações de HE e HO em termos de conduta sexual, estes valorizaram mais a família do que a atividade sexual - o que pode ser um sinal de mudança psicossocial. Algumas sugestões de pesquisa foram feitas sobre a prática BI como elo entre os grupos, sobre as relações de poder e confiança entre parceiros, e sobre a urgência de novos estudos a respeito da vida psicossocial desses grupos.

    Abstract in English:

    The social representations of AIDS, preventive practices concerning sexually transmissible diseases, self-representations, social life, values, and forms of information for 89 heterosexuals (HE), 7 bisexuals (BI) and 33 homosexuals (HO) were investigated through a questionnaire containing 33 open and closed questions. Results showed a general belief that everybody is vulnerable to the AIDS virus, but that external changes in the body were considered the major sympton of AIDS by HE and HO. Vaginal sex (30.47%) and oral/anal sex (43.33%) were the most commonly referred by HE and HO, respectively, while BI were more diffuse with regard to their sexual practices. In addition to the use of condoms, HE referred avoiding risk groups and opting for only one partner, while HO would avoid sex (18.2%). Despite HE and HO self-representations in terms of sexual behaviour they gave more emphasis to family than to sexual activity - something that could be regarded as an indication of psychosocial change in these groups caused by AIDS. Suggestions for future research included BI practices as a link between the groups, the power and trust relationships among HE partners, and the urgent need for further studies on the psycho-social life of these groups.
  • Maternal mortality: evaluation of the situation in Rio de Janeiro from 1977 to 1987 Resenha

    Silva, Kátia S. da

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste estudo é identificar o perfil epidemiológico da mortalidade materna no estado do Rio de Janeiro, no período de 1977 a 1988, contribuindo, assim, para o planejamento de ações que tenham repercussão na redução da morbi-mortalidade materna. A taxa de mortalidade materna e a sua tendência temporal, sua distribuição por idade, por grupo de causas e por local de ocorrência (estado, capital e demais municípios) foram comparadas com as de outros estados e países, buscando-se identificar fatores de risco. Apesar do sub-registro existente, a taxa de mortalidade materna no estado apresentou-se entre 5 e 11,1 por 10.000 nascidos vivos, com uma tendência decrescente, embora tenha se estabilizado nos últimos anos. A capital apresentou melhores resultados que os demais municípios em praticamente todos os indicadores trabalhados. As principais causas de óbito foram a hipertensão arterial (36,5%), as hemorragias (21,5%) e o aborto (11,6%). As faixas etárias de 10 a 14 anos e 40 a 49 anos foram as de maior risco, com taxas de mortalidade materna de 54,8 e 32,0 por 10.000 nascidos vivos, respectivamente. O investimento na melhoria da qualidade de assistência à saúde da mulher no pré-natal, no parto e no puerpério é uma ação viável e de grande impacto neste quadro, dependendo apenas da vontade política das autoridades.

    Abstract in English:

    The aim of this study is, first, to trace the epidemiological profile of maternal mortality in the State of Rio de Janeiro (Brazil) during the period from 1977 to 1987 and, second, to contribute to the planning of strategies for reducing maternal morbi-mortality in that context. With the purpose of identifying risk factors, the maternal mortality rate, its prospective trends, and its distribution according to age group, causes and location are compared to the same factors in other States of Brazil and other countries. In the State of Rio de Janeiro, the maternal mortality rate is 5.0 to 11.1 per 10,000 live births with a decreasing trend at present, despite having stabilized in the last few years. The main causes of death - hypertensive disease in pregnancy, haemorrhage and abortion - and the risk groups involved are identified and analysed. Within this framework, it is suggested that investments in the improvement of women's health services in general, health care during pregnancy and childbirth and puerperal care would represent not only a feasible but also a highly effective focus of action, depending solely on political decision by policy-makers.
  • Factors associated with complications following induced abortion Resenha

    Hardy, Ellen; Alves, Graciana

    Abstract in Portuguese:

    O aborto provocado expõe a mulher a riscos e complicações. Estes diminuem quando o aborto é feito em boas condições. As complicações resultantes de abortos mal feitos podem levar à morte ou afetar as gestações futuras, aumentando, por exemplo, a gravidez ectópica e o abortamento espontâneo. O objetivo do presente trabalho é apresentar dados brasileiros sobre a relação entre complicações do aborto provocado e as condições de sua prática. A pesquisa foi desenvolvida em 1990 em uma universidade brasileira. Os dados foram obtidos através de um questionário distribuído a todas as funcionárias e alunas da graduação. Foram respondidos 42% dos questionários das alunas e 27% dos das funcionárias; 82 alunas e 264 funcionárias tinham feito pelo menos um aborto provocado; 15 e 50, respectivamente, tiveram problemas de saúde (complicações) após o último aborto. As mulheres que tiveram o aborto realizado por médico, em clínica ou hospital, e praticado por métodos mais modernos apresentaram menos complicações. As mulheres mais jovens não foram significativamente diferentes das outras com relação à freqüência das complicações. Entretanto, esse grupo esteve representado principalmente por alunas com maior nível de educação e, geralmente, mais recursos econômicos.

    Abstract in English:

    Illegal induced abortion exposes women to risks and complications. These decrease when the abortion is carried out safely. Complications resulting from unsafe abortions can cause death or may effect future pregnancies, increasing ectopic pregnancy and spontaneous abortion, for example. The purpose of this paper is to present Brazilian data on the association between complications caused by illegal induced abortions and the conditions in which they are performed. The study was done in 1990 in a Brazilian university. Data was obtained through a questionnaire distributed to all the female employees and graduate students. Forty-two percent of the students and 27% of the employees responded; 82 students and 264 employees had had at least one illegal abortion; 15 and 50, respectively, had suffered health problems (complications) after the last one. The women whose abortions had been done by physicians, in a clinic or hospital, and using modern techniques presented fewer complications. Younger women were not significantly different from the others when frequency of complications was studied. However, this group was composed mainly of students with a higher level of education and more economic resources.
  • Iron deficiency anemia control in pre-school children by food fortification with Bovine Hemoglobin (preliminary study) Notas

    Nogueira, Nadir N.; Colli, Célia; Cozzolino, Silvia M. F.

    Abstract in Portuguese:

    O efeito da introdução de biscoitos fortificados com ferro hemínico no estado de nutrição de ferro de pré-escolares foi avaliado em um estudo piloto que inclui 16 crianças, com idade entre 2 e 4 anos, de uma creche pública do estado do Piauí. A fonte de ferro utilizada foi o sangue bovino seco pelo processo de leito de jorro, uma alternativa para a secagem em spray, adaptada para a secagem de sangue. À primeira tomada de amostra, detectou-se anemia (Hb < 11 g/dL) em 12 crianças (75%). O valor médio de Hb foi de 9,4 2,6 g/dL. Os biscoitos fortificados com 3% de concentrado de hemoglobina bovina foram introduzidos na dieta oferecida (5 biscoitos (4mg Fe)/d) durante 3 meses. Após esse período, houve aumento da concentração de hemoglobina em todas as crianças e ausência de anemia (Hb = 13,2 0,2 g/dL). Os resultados obtidos apontam para a utilização do sangue total seco como uma fonte de ferro hemínico possível de ser utilizada na fortificação de alimentos, principalmente dirigidos a grupos de risco de anemia por deficiência de ferro, como é o caso dos pré-escolares.

    Abstract in English:

    The effect of hemoglobin-fortified cookies on hemoglobin (Hb) levels of 16 children (2 to 4 years of age) were evaluated The children were attending a day nursery managed under the Social Welfare Service of the State of Piauí (northeast Brazil). All children were iron deficient according to the average transferrin saturation of 7.1 + 3,7 %, and 12 (75%) of them were anemic (Hb < 11 g/dL). The average Hb concentration was 9.4 + 2,6 g/dL. Cookies fortified with 3% bovine concentrate (dried by the sponted bed technique) were offered to the children over the course of 90 days (5 cookies (4mg Fe)/child/d), with total iron intake of approximately 8 mg Fe/d. After the experimental period the levels of Hb in all children had risen to levels above 11.0 g/dL (average 13,2 + 0,2 g/dL). The results demonstrate the possibility of using dried Hb concentrate in food-fortification programs aimed at meeting daily iron requirements for pre-school and school children in Brazil.
  • Institutional obsolescence and environmental and social decay Opinião

    D'Ambrosio, Ubiratan

    Abstract in Portuguese:

    Embora as crises militares continuem a ser uma uma preocupação maior para toda a humanidade, é claro que problemas continuados, tais como a disparidade entre ricos e pobres, entre as nações e internamente às sociedades, e outras formas de violação de direitos humanos e de agressão ambiental, em níveis regional e global, ameaçam o futuro da civilização na Terra. A qualidade de vida nos países menos desenvolvidos permanece sem melhorias e, ao mesmo tempo, mergulha vertiginosamente nos países industrializados. Medidas urgentes se fazem necessárias e reclamam um esforço cooperativo entre países mais e menos desenvolvidos em projetos de longo alcance em educação, saúde, agricultura sustentável e suprimento de energia. Sem dúvida, o problema populacional é igualmente fonte de grande preocupação. Falamos não apenas de aspectos quantitativos, mas, principalmente, de aspectos qualitativos. Embora haja instrumentos científicos e tecnológicos para corrigir essas perversões da civilização moderna, um esforço concentrado de todas as nações do mundo em direção à paz, nas suas várias dimensões, é absolutamente necessário.

    Abstract in English:

    Although military crises continue to be a major concern for all of mankind, it is clear that ongoing problems such as disparities between rich and poor, among nations and within societies, other forms of violation of human rights and regional and global environmental aggression jeopardize the future of civilization on Earth. Quality of life continues to defy improvement in the less developed countries and at the same time plunges dizzily in the industrialized countries. Such issues call for a cooperative effort, bringing developed and less developed nations together in long-range projects in education, health, sustainable agriculture and energy supply. Clearly, the population problem is of equal concern. We are talking not only of quantitative aspects, but mainly of qualitative ones. Although there are scientific and technological instruments to correct these distortions in modern civilization, a concerted effort by all nations in the world towards peace in its various dimensions is an absolute necessity.
  • Remédio: saúde ou indústria? A Produção de medicamentos no Brasil Resenha

    Lefèvre, Fernando
  • Guia Terapêutico Ambulatorial 1992/1993 Resenha

    Sayd, Jane Dutra
  • Medical anthropology: contemporary theory and method Resenha

    Coimbra Jr., Carlos E. A.
  • Health transition review Resenha

    Coimbra Jr., Carlos E A.
Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br