Physis: Revista de Saúde Coletiva, Volume: 17, Issue: 1, Published: 2007
  • Conceitos de saúde/doença e a produção acadêmica Editorial

    Camargo Jr., Kenneth Rochel de
  • Health as negation of a negative: a dialectic perspective

    Lefevre, Fernando; Lefevre, Ana Maria Cavalcanti

    Abstract in Portuguese:

    Apresenta-se aqui uma visão da saúde e da relação saúde-doença de uma perspectiva dialética, situando o problema no contexto histórico contemporâneo. A problemática é colocada considerando uma tensão entre a visão hegemônica que, de uma perspectiva sincrônica, consiste na produção da saúde tendo como objeto o doente-consumidor. Portanto, implica a reprodução permanente de um sistema produtivo de bens e serviços de saúde e a perspectiva contra-hegemônica que, do ângulo diacrônico e histórico da promoção de saúde e pelo enfrentamento das causas básicas e estruturais do adoecer humano, passe a ler e a enfrentar a relação saúde-doença de modo a ultrapassar a semiologia médica, que tem o doente como objeto, em direção a uma semiologia geral ou semiótica, que tem a doença como seu objeto.

    Abstract in English:

    This paper presents a view of health and of health-disease relationship based on a dialectic perspective, placing the problem in the contemporary historical context. The issues consider a tension between the hegemonic view that, from a synchronic perspective, means health production, whose object is the sick one-consumer. So it implies the permanent reproduction of a system that produces health goods and services, and the counter-hegemonic perspective, which, from the diachronic and historical viewpoints of health promotion, and tackling the basic causes of human sickening, starts reading and facing the health-disease relation, in order to overcome medical semiology, whose object is the sick person, towards a general or semiotic semiology, whose object is disease.
  • History of the concept of health

    Scliar, Moacyr

    Abstract in Portuguese:

    Os conceitos de saúde e de doença são analisados em sua evolução histórica e em seu relacionamento com o contexto cultural, social, político e econômico, evidenciando a evolução das idéias nessa área da experiência humana.

    Abstract in English:

    The concepts of health and disease are analyzed in their historical evolution and in their relation with the cultural, social, political and economic contexts, highlighting the evolution of ideas in this field of human experience.
  • A hermeneutical concept of health

    Ayres, José Ricardo C. M.

    Abstract in Portuguese:

    O presente estudo é uma reflexão sobre o conceito de saúde. A tese central do ensaio é que a equivalência de saúde e doença como situações polares opostas de uma mesma natureza de fenômenos, identificados segundo uma mesma racionalidade, é tão limitante para a adequada compreensão dessas duas construções discursivas e das práticas a elas relacionadas, quanto negar as estreitas relações que guardam uma com a outra na vida cotidiana. Com base na Hermenêutica Filosófica, de Hans-Georg Gadamer, e na Teoria da Ação Comunicativa, de Jürgen Habermas, procuramos demonstrar que os conceitos de saúde e doença se referem a interesses práticos e instrumentais, respectivamente, na elaboração racional de experiências vividas de processos de saúde-doença-cuidado. Defende-se que o obscurecimento desses distintos interesses decorre da "colonização da nossa experiência vivida" pelas estruturas conceituais das ciências biomédicas. Aponta-se para a necessidade de contrapor, a essa tendência, a reconstrução chamada humanizadora das práticas de saúde, tornando-nos todos, profissionais, serviços, programas e políticas de saúde, mais sensíveis, críticos e responsivos aos sucessos práticos sempre visados por meio e para além de qualquer êxito técnico no cuidado em saúde.

    Abstract in English:

    This is a reflection on the concept of health. The central thesis of the essay is that the assumption of health and disease as opposite polar situations of a same nature of phenomenon, identified by means of a same rationality, is as limiting to an appropriate understanding of these two discursive constructions as it would be the ignorance of their close relationships in daily life. Based on Hans-Georg Gadamer's Philosophical Hermeneutics and Jürgen Habermas' Theory of Communicative Action, we seek to demonstrate that the concepts of health and disease are referred respectively to practical and instrumental interests in the rational elaboration of lived experiences of the processes of heath-disease-care. We sustain that the darkening of these distinctions is due to the "colonization of our lives experience" by the conceptual structures of the biomedical sciences. We stress the need to oppose to this trend a reconstructive movement, the so called humanization of health practices, by becoming all of us, professionals, services, programs and health policies, more sensitive, critical and responsive to the practical successes always aimed by means and beyond any technical efficacy in health care.
  • The pitfalls of the "positive concept of health"

    Camargo Jr., Kenneth Rochel de

    Abstract in Portuguese:

    Uma das linhas mais estruturadas de crítica ao modelo biomédico, em geral, e em particular da aplicação do mesmo a intervenções coletivas no bojo da tradicional saúde pública, centra seu foco nas distorções induzidas pela centralidade da categoria doença neste modelo, o que levaria a uma série de conseqüências indesejáveis. Como contraponto, cresce cada vez mais o clamor pela promoção da saúde, baseada numa "concepção positiva" desta, que, visando a extrapolar o empobrecimento da simples evitação das doenças, restaura em toda sua plenitude os valores mais amplos da vida. Este artigo apresenta dois contrapontos, um à crítica e outro às proposições dela decorrentes. Em primeiro lugar, o problema não consiste exatamente na categoria doença, mas na sua reificação, isto é: doença pode ser entendida como um artefato teórico e heurístico, que organiza o conhecimento disponível e delimita uma classe de problemas em que a intervenção técnica é não apenas justificada como eticamente mandatória, circunscreve a esfera de atuação dos profissionais de saúde e cria, ao menos em princípio, uma barreira à medicalização da vida. Em segundo lugar, o risco da ênfase excessiva numa suposta "definição positiva" da saúde como orientadora da atuação dos serviços de saúde está em estender a esfera de atuação do chamado "setor saúde" à totalidade da vida, da experiência humana, numa medicalização mais radical do que a denunciada pelos pioneiros do campo há quatro décadas.

    Abstract in English:

    One of the most structured critiques of the biomedical model, in general, and particularly with regards to its application to collective interventions under the aegis of traditional public health, focuses on the distortions produced by the central role played by disease, which would in turn lead to a series of unwanted consequences. As a counterpoint, there is an ever increasing demand for health promotion based on a "positive concept" of health, which in order to go beyond the limitations of a mere avoidance of diseases, aims to restore the wider values of life in their full extension. This paper presents two counterpoints, one to the criticism and the other to the proposals that arise from it. First, the problem is not exactly with the concept of disease but in its reification, that is: the term disease can be understood as a theoretical and heuristic artifact that organizes the available knowledge and delimits a certain class of problems where the technical intervention is not only justified but mandated, circumscribes the sphere of action of health care professionals an creates, at least in principle, a barrier to medicalization. Second, the risk of an excessive emphasis on a supposed "positive definition" of health as a guideline for the functioning of health care lies in the extension of the range of action of the so called "health sector" to all aspects of life, of the human experience, in an even more radical form of medicalization than what was denounced by the pioneers of the field four decades ago.
  • Health and its social determinants

    Buss, Paulo Marchiori; Pellegrini Filho, Alberto

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo busca analisar as relações entre saúde e seus determinantes sociais, apresentando inicialmente o conceito de determinantes sociais de saúde (DSS) e uma breve evolução histórica dos diversos paradigmas explicativos do processo saúde/doença no âmbito das sociedades, desde meados do século XIX. Em seguida são discutidos os principais avanços e desafios no estudo dos DSS, com ênfase em novos enfoques e marcos de referência explicativos das relações ente os diversos níveis de DSS e a situação de saúde. Com base nesses estudos e marcos explicativos, discute-se, em seguida, uma série de possibilidades de intervenções de políticas e programas voltados para o combate às iniqüidades de saúde geradas pelos DSS. Finalmente, são apresentados os objetivos, linhas de atuação e principais atividades da Comissão Nacional sobre Determinantes Sociais da Saúde, criada em março de 2006, com o objetivo de promover estudos sobre os DSS, recomendar políticas para a promoção da eqüidade em saúde e mobilizar setores da sociedade para o debate e posicionamento em torno dos DSS e do enfrentamento das iniqüidades de saúde.

    Abstract in English:

    This article aims to analyze the relationships between health and its social determinants, initially presenting the concept of Social Determinants of Health (SDH) and the historical evolution of paradigms that account for the health/disease process at societal level since mid-1800's. The main advances and challenges in the study of SDH are presented with emphasis on the new approaches and frameworks to explain the complex relationships between the various levels of SDH and health outcomes. Based on these frameworks, some entry points for interventions on SDH and types of policies and programs to tackle health inequities are explored. Finally, the article presents the objectives, lines of actions and main activities developed by the National Commission on Social Determinants of Health, created in March 2005 to promote studies on SDH, to recommend policies for promotion of health equity and to mobilize sectors in society to promote awareness about the importance of SDH and the fight against health inequities.
  • Causality, contingency, complexity: the future of the concept of risk

    Almeida-Filho, Naomar de; Coutinho, Denise

    Abstract in Portuguese:

    Defendemos a tese de que, na atual fase de maturação do campo epidemiológico, uma reavaliação do conceito de risco é necessária. Inicialmente, discutimos os fundamentos das categorias causalidade e contingência a partir da obra de dois filósofos, Aristóteles e Pascal. Em segundo lugar, recuperando algumas reflexões anteriores sobre as bases lógicas do conceito de risco, discutimos criticamente sua adequação e eficácia explicativa frente ao objeto saúde-doença. Em terceiro lugar, apresentamos brevemente categorias e conceitos fundantes do paradigma da complexidade, capazes de dar conta dos fenômenos da emergência, não-linearidade e borrosidade relacionados aos novos objetos complexos e mutantes da saúde. Concluímos com alguns comentários e reflexões ainda preliminares sobre fundamentos, perspectivas e conseqüências da aplicação da modalidade "contingência" como alternativa à noção de determinação no campo da saúde, a fim de visualizar o futuro do conceito de risco para além da área temática (científica e tecnológica) da Epidemiologia contemporânea.

    Abstract in English:

    We contend the thesis that, in the current phase of maturity of the epidemiological field, a reevaluation of the risk concept is timely needed. Initially, we discuss the foundations of categories of causality and contingency in the work of two philosophers, Aristotle and Pascal. Secondly, recovering previous reflections on logical bases of the concept of risk, we critically discuss its explanatory adequacy and efficacy for the health-disease object. Thirdly, we briefly present ground categories and concepts of the complexity paradigm, capable of tackling phenomena of emergency, non-linearity and fuzziness related to new, mutant, complex health objects. We conclude with a few remarks and thoughts yet preliminary on foundations, perspectives and consequences of applying the modality of "contingency" as alternative to notions of determination in the health field, in order to envision the future of the concept of risk far beyond the thematic area (scientific and technological) of contemporary Epidemiology.
  • Unveiling contradictions and incorporating best practices in the elderly's oral health Temas Livres

    Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Erdmann, Alacoque Lorenzini

    Abstract in Portuguese:

    O presente artigo tem por objetivo apresentar e discutir as contradições no processo de cuidar da saúde bucal de idosos e indicar rumos para a superação dessas contradições, na perspectiva do cuidado complexo e da lógica da complexidade. A pesquisa em que está lastreado adotou o referencial metodológico da Teoria Fundamentada nos Dados (Grounded Theory). Participaram do estudo 19 pessoas, entre idosos residentes em ILP, seus cuidadores profissionais da Enfermagem, dirigentes dessas instituições, cirurgiões-dentistas e gestores de serviços públicos de saúde. A categoria central emergente corresponde ao processo "Promovendo o cuidado à saúde bucal do idoso a partir do contexto das instituições de longa permanência". Nele são identificados dois estágios, um em que as contradições no processo de cuidar da saúde bucal do idoso mantêm a precariedade do quadro epidemiológico e outro, superior, que incorpora melhores práticas de cuidado nas estruturas e nos processos que compõem a promoção do cuidado à saúde bucal dos idosos. Tratar os elementos que compõem a contradição, sem eliminá-los ou desconsiderá-los - ao contrário, tomando-os em conta, buscando melhorias contínuas -, possibilita a superação da contradição, contornando o obstáculo que ela representa. Por esse caminho, a adoção da postura de melhores práticas pode ser considerada como um metaponto de vista, externo ao sistema de cuidado à saúde bucal, capaz de viabilizar a ultrapassagem de um estágio de contradição como o aqui revelado.

    Abstract in English:

    This paper presents and discusses the contradictions in the process of taking care of elderly's oral health in the perspective of the complex care and the logic of complexity, based on the Grounded Theory methodology. Nineteen people participated in the study, among elderly residents of long-term institutions, caregivers, directors, dentists and public health services managers. The emergent central category corresponds to the process of "Promoting oral health of the elderly in the context of long-term care institutions". Two levels were identified: one in which contradictions in the process of taking care of the elderly's oral health keeps the poor epidemiological status; and other, superior, that incorporates best practices in the structures and in the processes that form the promotion of the elderly's oral health care. To treat the elements that form the contradiction, without eliminating or disrespecting them, but working, looking for the improvement of each one, allows overcoming the contradiction, outlining the obstacle it represents. In the same way, the adoption of best practices can be considered a meta-viewpoint expressed to the elderly oral health care system, able to overcome the contradiction levels, as it is revealed here.
  • Data collection processes: categories and tendencies of Brazilian research in health areas Temas Livres

    Rummler, Guido; Spínola, Aracy Wittd de Pinho

    Abstract in Portuguese:

    O presente estudo tem por objetivo caracterizar a pesquisa em áreas da Saúde quanto aos processos utilizados na captação de dados, propondo um sistema de categorias para sua classificação. Para isso foram analisados 1.741 artigos extraídos de fascículos editados entre 2001 e 2003, de 46 periódicos nacionais indexados. O sistema estabelecido define duas vias e seis categorias de processos. A via direta abrange as categorias de processo indagativo (IN), perceptivo (PE), analítico (AN) e experimental (EX), e a via indireta abrange os processos apropriativo-transcritivo (AP-T) e apropriativo-aplicativo (AP-A). Suas ocorrências em relação ao conjunto das publicações analisadas correspondem, respectivamente, na via direta, a 30,0%, 7,0%, 31,1%, 15,7%; e na via indireta, a 21,8% e 1,1%. Num agrupamento de 922 artigos de Saúde Pública/Coletiva, a ocorrência, por ordem decrescente da freqüência relativa de cada categoria, é: AN, IN, AP-T, EX, PE, AP-A. Noutro, de 369 artigos de Enfermagem, corresponde a: IN, AP-T, PE, AN, EX, AP-A. No de Odontologia, com 220 artigos: EX, AN, AP-T, IN, PE, AP-A; e no de Educação Física, com 134 artigos: AN, IN, EX, AP-T, PE, AP-A. De acordo com essas tendências, o escore de similaridade de cada grupo acima em relação aos demais corresponde a 8 em Saúde Pública/Coletiva, 3 em Enfermagem, 6 em Odontologia e 7 em Educação Física. Este estudo aventa a possibilidade de que o sistema classificatório identificado seja aplicável a pesquisas de outros campos disciplinares como uma forma de caracterizá-las operacionalmente.

    Abstract in English:

    This paper aims at characterizing research in Health areas in relation to the processes in use for the gathering of data, and it also proposes a system of categories for their classification. For that reason, 1,741 articles have been selected from fascicles edited between 2001 and 2003, of 46 indexed national journals. The classification system forms a matrix that identifies two ways and six categories of processes: the direct mode, comprising the categories of the inquiring (IN), perceptive (PE), analytic (AN) and experimental (EX) processes, and the indirect mode, comprising the appropriative-transcriptive (AP-T) and the appropriative-applicative (AP-A) processes. The occurrence of each category, in relation to the totality of publications, corresponds to, respectively, 30.0%, 7.0%, 31.1% and 15.7% in the direct mode, and 21.8% and 1.1% in the indirect mode. From the discrimination of process in the decreasing rank of relative frequency corresponding to four different groups of articles results the following profiles: Public/Collective Health group (n=922): AN, IN, AP-T, EX, PE, AP-A; Nursing group (n=369): IN, AP-T, PE, AN, EX, AP-A; Dentistry group (n=220): EX, AN, AP-T, IN, PE, AP-A; Physical Education group (n=134): AN, IN, EX, AP-T, PE, AP-A. According to these tendencies, the consonance scores for the above groups correspond to 8 (Public/Collective Health group), 3 (Nursing group), 6 (Dentistry group) and 7 (Physical Education group). This study suggests the possibility that the identified classification system could be applied to research in other fields as a type of operational characterization.
  • Niteroi's family doctor program as a strategy to implement a care model that addresses SUS's principles and guidelines Temas Livres

    Hübner, Luiz Carlos Moreira; Franco, Túlio Batista

    Abstract in Portuguese:

    Este texto foi construído a partir da narrativa dos atores sociais envolvidos na gestão do Programa Médico de Família (PMF) de Niterói, que vivencia, desde 1992, sua concepção de modelo centrado na Estratégia de Saúde da Família, através de um desenho metodológico próprio, que difere em alguns aspectos da proposta do Ministério da Saúde. Tem o objetivo de revelar os modos de produção do cuidado com base nos processos desenvolvidos pelo PMF. Estes se referem ao processo de trabalho que envolve a equipe de base e uma equipe de supervisores técnicos; às práticas assistenciais centradas na concepção da produção social da saúde, referenciada no campo teórico da vigilância à saúde; e à produção de novos sujeitos históricos, profissional médico e população, com base em práticas de educação permanente, realizadas no próprio ambiente de trabalho e orientadas para a práxis, associada a processos de subjetivação disparados a partir do contato direto no ambiente social da população adscrita às equipes. A literatura que discute modelos tecnoassistenciais em saúde tem-se dedicado em grande medida ao estudo do Programa de Saúde da Família (PSF). Quanto ao PMF que foi inspiração para o próprio PSF, há pouca produção disponibilizada àqueles que buscam outros referenciais para modelos que trabalhem com a diretriz da vinculação de clientela a equipes assistenciais. Vale registrar que PMF e PSF, embora tenham inspiração na mesma matriz teórica da vigilância à saúde, na clínica do médico generalista e na diretriz central do vínculo, são na sua constituição e funcionamento diferentes, o que justifica estudos específicos de ambos os programas, ou estratégias de mudança do modo de produzir saúde.

    Abstract in English:

    This text is based on the narrative of social actors involved in the management of Niteroi's Family Doctor Program (FDP), whose idea of a family health strategy-centered model appeared in 1992, through its own methodology design, which differs, in some aspects, from the Health Ministry's proposal. It aims at revealing care production modes based on the processes developed by FDP. These refer to the work process which involves the basic team and a team of technical supervisors; care practices centered on health social production conception, setting the surveillance theoretical field as its reference; and the production of new historical subjects, medical professional, and population, based on permanent education practices, performed in the very work environment and oriented to praxis, associated to subjectivation processes triggered by direct contact in the social environment of each population assigned to the teams. Literature on health techno-care models has devoted itself largely to the study of Family Health Program (FHP). As for FDP, which was an inspiration for FHP, there is little production available to those who seek other references to the models working with the guideline of linking the clientele to care teams. It is worth recording that FDP and FHP, though inspired in the same surveillance theoretical matrix, in the practice of the GP and on the central guideline of the bond, are different in their constitution and functioning, which explains specific studies of both programs, or change strategies for health producing mode.
  • Samuel W. Bloom e a história da sociologia médica Resenhas e Críticas Bibliográficas

    Nunes, Everardo Duarte
  • Saúde e doença na América Latina e no Caribe: perspectivas histórico-sociológicas Resenhas e Críticas Bibliográficas

    Faria, Lina; Paiva, Carlos Henrique Assunção
IMS-UERJ RJ - Brazil
E-mail: publicacoes@ims.uerj.br