Revista Brasileira de Epidemiologia, Volume: 10, Issue: 4, Published: 2007
  • Editorial

    Almeida, Márcia Furquim de; Goldbaum, Moisés
  • Hospital morbidity of Xavante Indians from Mato Grosso, Brazil (2000-2002) Artigos Originais

    Lunardi, Rosaline; Santos, Ricardo Ventura; Coimbra Jr, Carlos E.A.

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Analisar as causas de hospitalização de indígenas Xavante, Estado de Mato Grosso, Brasil, no período 2000-2002. MÉTODOS: As causas de hospitalização foram pesquisadas nos prontuários de oito hospitais que atendem aos Xavante das reservas Areões, Pimentel Barbosa, Sangradouro e São Marcos. Os dados coletados incluíram: nome, idade, sexo, terra indígena, data de admissão, data de alta, diagnóstico no momento da internação. Os diagnósticos foram classificados segundo a CID-10. RESULTADOS: Foram analisados 1.698 prontuários. As idades variaram entre 0-93 anos. Mais da metade dos pacientes eram crianças < 5 anos (65,8%). As cinco principais causas de hospitalização foram: doenças do aparelho respiratório (41,5%); doenças infecciosas e parasitárias (17,4%); gravidez, parto e puerpério (12,7%); doenças endócrinas, nutricionais e metabólicas (9,7%); e lesões, envenenamentos e conseqüências de causas externas (3,7%). Se excluídas as causas relacionadas à gravidez, parto e puerpério, a distribuição passa a ser a seguinte: doenças do aparelho respiratório (47,7%); doenças infecciosas e parasitárias (19,9%); doenças endócrinas, nutricionais e metabólicas (11,2%); e lesões, envenenamentos e conseqüências de causas externas (4,3%). As crianças Xavante foram proporcionalmente mais hospitalizadas por doenças infecciosas e parasitárias, respiratórias e desnutrição que as não-indígenas de Mato Grosso. CONCLUSÕES: O perfil de morbidade hospitalar Xavante é coerente com a reconhecida precariedade do perfil sanitário e nutricional predominante nas aldeias. Destacam-se as seguintes conclusões: crianças < 5 anos constituem mais de 50% das hospitalizações; as principais causas de internação na população são devido a doenças respiratórias, nutricionais e infecciosas e parasitárias. Frisa-se a relevância dos achados para a discussão do modelo de assistência à saúde indígena no Brasil.

    Abstract in English:

    OBJECTIVES: to analyze the pattern of hospital morbidity of Xavante Indians, State of Mato Grosso, Brazil, from 2000 to 2002. METHODS: inpatient data were obtained from eight hospitals in the vicinity of four Xavante reservations (Areões, Pimentel Barbosa, Sangradouro and São Marcos). Data included name, age, sex, reservation of residence, date of admission; date of discharge, and diagnosis at admission. Causes of hospitalization were classified in accordance with the International Classification of Disease - ICD, 10th revision. RESULTS: data were obtained from 1,698 patient records. Ages of patients ranged from 0 to 93 years. More than half of the patients were children under 5 years of age. The five major causes of hospitalization were classified in the following ICD chapters: diseases of the respiratory system (41.5%); infectious and parasitic diseases (17.4%); pregnancy, childbirth and the puerperium (12.7%); endocrine, nutritional and metabolic diseases (9.7%); and injury, poisoning and certain other consequences of external causes (3.7%). When causes related to pregnancy, childbirth and the puerperium are not considered, the distribution is the following: diseases of the respiratory system (47.7%); infectious and parasitic diseases (19.9%); endocrine, nutritional and metabolic diseases (11.2%); and injury, poisoning and certain other consequences of external causes (4.3%). It was also observed that, in comparison to non-Indian children from Mato Grosso, Xavante children show higher rates of hospitalization due to infectious and parasitic diseases, respiratory infections and malnutrition. CONCLUSIONS: the hospital morbidity pattern observed in Xavante Indians highlights their overall poor health and nutrition. Children under five years of age account for more than half of the admissions. The study highlights serious deficiencies in the access and quality of health care services made available to Xavante Indians, as underscored by the high frequency of hospitalizations due to preventable causes at the level of primary health care.
  • Effects of biomass burning in Amazon: method to select municipalities using health indicators Artigos Originais

    Ignotti, Eliane; Hacon, Sandra de Souza; Silva, Ageo Mario Cândido; Junger, Washington Leite; Castro, Hermano

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Na Amazônia é intensa a queima de biomassa decorrente do desmatamento nos meses de seca. No entanto, os efeitos à saúde humana decorrentes da poluição atmosférica derivada das queimadas são pouco estudados. OBJETIVOS: Descrever o método de seleção dos municípios prioritários, orientado pelos indicadores de morbidade e mortalidade por doenças respiratórias para o estudo da "avaliação do efeito das queimadas do desmatamento à saúde humana" na região da Amazônia. MATERIAL E MÉTODOS: Estudo ecológico dos indicadores de morbidade hospitalar e mortalidade por doenças do aparelho respiratório em menores de cinco de idade no período de 2000 a 2004. Análise de: proporção de óbitos; taxa de internação e proporção de internações por doença do aparelho respiratório em menores de 5 anos para o cálculo dos escores e definição do ranking dos municípios. Foi considerada a localização geográfica dos municípios, tipo de bioma, estrutura da rede de serviços de saúde, número de habitantes, registros de dados ambientais prévios sobre poluentes atmosféricos e de dados meteorológicos. RESULTADOS: Foram selecionados os municípios de Alta Floresta e de Tangará da Serra no Estado de Mato Grosso para o desenvolvimento da pesquisa em razão destes alcançarem as piores classificações em termos de morbimortalidade. CONCLUSÃO: Os indicadores de saúde mostram consistência e orientam a análise integrada de saúde e ambiente.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: In the Amazon, biomass burning as a consequence of deforestation is intense. Nevertheless, the effects of air pollution from the burning forest on human health are rarely studied. OBJECTIVE: To describe the approach to select areas oriented by morbidity-mortality indicators to "assess the effect of exposure to biomass burning on human health at the border of deforestation in the Amazon region". METHODS: Ecological study of the indicators of hospital admissions and mortality by respiratory diseases in children under 5 years of age between 2000 and 2004. An analysis of the proportion of deaths, rate of admissions, and proportion of admissions by respiratory diseases in children under 5 years for computing scores was carried out, defining a ranking of municipalities. Geographical location, biome, structure of health services, population, availability of the previous data on environmental atmospheric pollutants and meteorological data were considered. RESULTS: Alta Floresta and Tangará da Serra, both in the State of Mato Grosso, were selected for the development of the study because of the worst classifications for morbidity and mortality. CONCLUSION: Health indicators showed consistency and oriented the integrated analysis of environment health.
  • Hospitalization for Diabetes Mellitus as the first-listed diagnosis in the Brazilian National Health System (SUS), 1999-2001 Artigos Originais

    Rosa, Roger dos Santos; Schmidt, Maria Inês; Duncan, Bruce Bartholow; Souza, Maria de Fátima Marinho de; Lima, André Klafke de; Moura, Lenildo de

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Descrever no âmbito nacional e por faixa etária, sexo e região as 327.800 hospitalizações por diabetes mellitus (DM) da rede pública do Brasil, entre 1999-2001. MÉTODOS: Foram utilizados dados do Sistema de Informação Hospitalar do Sistema Único de Saúde (SIH/SUS) referentes ao DM (diagnóstico principal CID-10 E10-E14 combinado com procedimento realizado) e indicadores anuais de hospitalizações/10(4)hab. e óbitos hospitalares/10(6)hab. (ajustados pelo método direto por idade), letalidade, médias de permanência e gastos por internação e por 10(4)hab. em US$, e regressão logística múltipla para desfecho óbito. RESULTADOS: Houve mais hospitalizações anuais do sexo feminino (7,5/10(4)hab. [intervalo de confiança de 95%: 7,4-7,6] vs. masculino (5,2/10(4)hab. [5,2-5,3]), mais óbitos hospitalares anuais de mulheres (38,1/10(6)hab. [36,8-39,3] vs. 30,7 [29,5-32,0]), porém maior letalidade no sexo masculino (5,9 vs. 5,0%) em todas as regiões. Observou-se incremento das hospitalizações com a idade, mais acentuado para mulheres. Não houve diferença na permanência das internações com óbito (6,5 dias [6,3-6,6]) ou sem (6,4 [6,3-6,6]), apesar do gasto por internação superior (US$ 275,27 [268,37-282,16] vs. 143,45 [136,56-150,35]). O gasto anual/10(4)hab. equivaleu a US$ 969,09. A razão de chances de óbito hospitalar aumentou com a idade, foi maior para homens (1,21 [1,17-1,24]) e 2 vezes maior para habitantes das regiões Nordeste e Sudeste comparados aos da região Sul. Os gastos anuais/10(4)hab. foram 50-100% maiores nas regiões mais desenvolvidas. CONCLUSÕES: O volume e a desigualdade nos gastos enfatizam a necessidade de cobertura mais adequada da população, evitando as hospitalizações e suas complicações.

    Abstract in English:

    AIM: To describe at the national level and by age group, gender, and geographic region, all 327,800 first-listed hospitalizations for diabetes mellitus (DM) financed by the national health system (SUS) in Brazil, 1999-2001. METHOD: Data from the SUS' Hospital Information System (SIH/SUS) for DM as the first-listed diagnosis (ICD-10 E10-E14 and procedure performed) were obtained and indicators calculated by region of residence of the patients and gender (adjusted by direct method for age with 95% confidence intervals), age intervals, average length of stay and expenditure by admission and population in US$. Multiple logistic regression analysis was performed for death as outcome. RESULTS: Hospitalization coefficients were higher for women (7.5/10(4)inhab. [7.4-7.6] vs 5.2 [5.2-5.3]), although hospital lethality was higher for men (5.9 vs 5.0%) in all five regions. No differences were found in the average length of stay between hospitalizations with/without death (6.5 days [6.3-6.3] vs. 6.4 [6.3-6.6]) despite higher average expenditures (US$ 275.27 [268.37-282.16] vs. 143.45 [136.56-150.35]). Population expenditure was US$ 969.09/10(4) inhabitants. Odds ratio for death were higher for men, patients > 75 yrs, and inhabitants of the northeast and southeast. Developed regions accounted for nearly twice higher expenses than other regions. CONCLUSIONS: Inequalities in hospitalizations and resources emphasize the need for a better health coverage that could reduce the number of hospitalizations and lessen the severity of DM and its complications.
  • Prevalence of multiple sclerosis in the city of Santos, SP Original Articles

    Fragoso, Yara Dadalti; Peres, Maristela

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Estudar a prevalência da esclerose múltipla (EM) no município de Santos, SP. METODOLOGIA: Análise dos dados do Centro de Referência em EM do Litoral Paulista, da Associação de Portadores de EM da Baixada Santista (APEMBS), com participação ativa de todos os neurologistas e neurocirurgiões da cidade, dados do IBGE, dados da Prefeitura Municipal de Santos, dados do EMPLASA. Foi usado o método proposto pelo BCTRIMS (já utilizado em outros estudos semelhantes) para coleta e análise de dados, sendo 30 de junho de 2005 o dia da prevalência. RESULTADOS: Santos tem uma área de 280,3 km², com 418.316 habitantes (1,49 habitantes por km²). Foram identificados 65 pacientes, dando um índice de 15,54/100.000. O sintoma inicial mais freqüente foi neurite óptica (28,8%). CONCLUSÃO: os dados no município de Santos são semelhantes aos já registrados porém não publicados de outras cidades do estado de São Paulo e do Brasil.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To assess the prevalence of multiple sclerosis (MS) in the city of Santos, SP. METHOD: Evaluation of data from the Reference Center for MS of the coastal region of the State of São Paulo, from the Regional Association of Patients with MS (APEMBS), with active participation of all neurologists and neurosurgeons of the city, data from IBGE, from the city council, and from EMPLASA. The protocol proposed by the BCTRIMS (already used in other similar studies) was used for data collection and analysis, June 30th 2005 being established as the prevalence day. RESULTS: Santos has an area of 280.3 km², with 418,316 inhabitants (1.49 inhabitant per km²). A total of 65 patients were identified, attaining the prevalence of 15.54/100.000. The most frequent initial symptom of the disease was optical neuritis (28.8%). CONCLUSION: data from the city of Santos are similar to those already observed, but as yet not published, in other cities of the State of São Paulo and of Brazil.
  • Validity of a quantitative food frequency questionnaire developed for women in the Northeast of Brazil Artigos Originais

    Lima, Flávia Emília Leite de; Slater, Bethzabeth; Latorre, Maria do Rosário D. O.; Fisberg, Regina Mara

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Verificar a validade relativa de um questionário quantitativo de freqüência alimentar (QQFA) para ser utilizado em estudo caso-controle sobre fatores dietéticos e câncer de mama no Estado da Paraíba. MÉTODOS: A validade relativa do QQFA, com 68 itens alimentares, foi investigada em uma população de 38 mulheres, entre 25 e 80 anos, potenciais controles para o estudo principal. As participantes responderam a quatro recordatórios de 24horas (R24h), administrados por entrevistador, por telefone, em um período de um ano, e um QQFA ao final do estudo. Os valores médios de energia e nutrientes do QQFA foram comparados com a média dos quatro R24h através do teste-t emparelhado. Os coeficientes de correlação de Pearson entre a média dos nutrientes antes e após o ajuste por energia nos dois métodos foram calculados e sua correção foi realizada pela variabilidade intrapessoal (coeficiente de correlação deatenuado). RESULTADOS: A validade relativa foi verificada para energia, carboidratos, lipídios, proteínas, vitamina A e Vitamina C. Analisando os coeficientes de correlação bruta, observaram-se valores adequados de energia (r=0,53) e lipídios (r=0,40) e baixo para vitamina C (r=0,08). Quando os coeficientes foram corrigidos pela variabilidade intraindividual, todos os nutrientes tiveram seus coeficientes consideravelmente aumentados (r= 0,36 0,67). CONCLUSÃO: Os resultados sugerem que o QQFA apresentou uma validade satisfatória para ser utilizado em estudos de dieta e câncer em mulheres na Paraíba. Contudo, para seu uso em áreas geográficas ou populações distintas, procedimentos de calibração do questionário devem ser realizados anteriormente.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To assess the relative validity of a Quantitative Food Frequency Questionnaire (QFFQ) for a case-control study on dietary factors and breast cancer in the state of Paraíba, Northeastern Brazil. METHODS: The validity of a 68-item QFFQ was investigated in 38 women, ranging from 25 to 80 years old, potential controls for a case-control study. Four 24-hour dietary recalls (24HDR) were administered by an interviewer, by telephone, during the 1-year period, and a QFFQ was applied at the end of the period to compare mean nutrient intakes. Paired t-tests were applied to verify differences in the mean of nutrients in both methods. Pearson correlation coefficients on nutrient data before and after energy adjustment in both methods were calculated and within-person variability was corrected for (de-attenuated correlation coefficient). RESULTS: Relative validity was verified for energy, carbohydrates, lipids, protein, Vitamin A and Vitamin C. Satisfactory values for energy (r=0.53) and lipids (r=0.40) were encountered for Pearson crude correlation coefficients, but remarkably lower for Vitamin C (r=0.08). When coefficients were corrected for within-person variability, all nutrients presented considerably higher values (r= 0.36 0.87). CONCLUSIONS: Results suggest that QFFQ presents a reasonably valid measure of intake for most nutrients and can be used for diet and cancer studies in women in the State of Paraíba, northeastern Brazil. Nevertheless, calibration procedures will be required for utilization in different geographical areas of Brazil .
  • Blood lipid levels and nutritional status of adolescents Artigos Originais

    Carvalho, Danielle Franklin de; Paiva, Adriana de Azevedo; Melo, Adriana Suely de Oliveira; Ramos, Alessandra Teixeira; Medeiros, Josimar dos Santos; Medeiros, Carla Campos Muniz de; Cardoso, Maria Aparecida Alves

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: Avaliar a associação entre obesidade e dislipidemias em adolescentes do ensino público e privado de Campina Grande-PB, Brasil. MÉTODOS: Estudo transversal com 180 adolescentes de 14 a 17 anos matriculados no ensino público e privado de Campina Grande-PB. O estado nutricional foi classificado segundo os percentis do Índice de Massa Corporal para sexo e idade. Foi realizada coleta sangüínea para avaliação do perfil lipídico (colesterol total, frações HDL-colesterol, LDL-colesterol e triglicerídeos). Considerou-se dislipidemia a existência de alteração em pelo menos um dos exames. As análises estatísticas foram realizadas a partir do Epi Info 3.3 e Stata 7.0. RESULTADOS: A prevalência de sobrepeso foi de 14,4% enquanto que 83,9% dos estudantes eram eutróficos e 1,7% apresentavam baixo peso. Não foram encontradas diferenças estatisticamente significantes para o estado nutricional quando estratificado por sexo e tipo de escola. Todas as taxas bioquímicas investigadas mostraram algum nível de alteração. Chamou à atenção a prevalência de dislipidemia, observada em 66,7% dos estudantes, e a alteração do HDL-colesterol, verificada em 56,7% destes. Registrou-se associação estatisticamente significante (p<0,05) do Índice de Massa Corporal, categorizado em tercis, com o colesterol total e sua fração LDL, inclusive quando estratificados por sexo e tipo de escola. CONCLUSÕES: Considerando-se a faixa etária estudada, foram elevados os achados de sobrepeso e dislipidemia. Recomenda-se a adição de medidas preventivas, a fim de evitar que cada vez mais crianças e adolescentes venham a se tornar adultos portadores de obesidades e outras doenças crônicas.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To evaluate the association between obesity and dyslipidemia in adolescents from public and private schools in Campina Grande, PB, Brazil. METHODS: Cross-sectional study of 180 adolescents, aged between 14 and 17 years, enrolled in the public and private school system of Campina Grande-PB. The nutritional status was classified according to the percentiles of Body Mass Index for gender and age. A blood sample was taken to evaluate the lipid profile (total cholesterol, HDL-cholesterol, LDL-cholesterol, and triglyceride levels). Dyslipidemia was considered when at least one of the blood parameters exceeded reference limits. Statistical analysis was performed with Epi Info 3.3 and Stata 7.0. RESULTS: The prevalence of overweight was 14.4%, while 83.9% of students were normal and 1.7% presented low weight. The nutritional status, when stratified by gender and type of school, did not show statistically significant differences. Dyslipidemia was present in 66.7% of students and inadequate levels of HDL-cholesterol in 56.7% of them. The tertiles of Body Mass Index were associated with total cholesterol and the LDL-cholesterol fraction, even when stratified by gender and type of school. CONCLUSIONS: Considering the age range of the sample, the results for overweight and dyslipidemias are of concern. There is a need to implement more effective policies oriented towards these adolescents to prevent children and adolescents becoming obese adults with other chronic diseases.
  • Trends of breastfeeding in Brazil in the last quarter of the 20th century Artigos Originais

    Sena, Maria Cristina Ferreira; Silva, Eduardo Freitas da; Pereira, Maurício Gomes

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: analisar a evolução do aleitamento materno no Brasil de 1974-1975 a 1999. MÉTODO: foram comparados três inquéritos populacionais realizados em 1974-1975, 1989, 1999. Os três estudos variaram quanto aos objetivos, plano amostral e coleta de dados, mas foi constante a definição de aleitamento materno. Os resultados das duas primeiras pesquisas foram retirados de trabalho que analisou a evolução do aleitamento materno no período correspondente. Os do terceiro foram gerados por nova análise do banco de dados do estudo original. A fim de permitir a comparação direta dos resultados desta análise com os demais, utilizou-se o modelo probito. A evolução do aleitamento materno nos três pontos no tempo aqui considerados foi verificada pelo método gráfico e por números-índice. RESULTADOS: o aumento da freqüência da amamentação, no período de 25 anos decorridos entre a primeira e a terceira pesquisa, correspondeu a 40% no grupo de crianças com um mês de vida, a 150%, no quarto mês, a 200%, no sexto mês, e a 240% aos 12 meses. CONCLUSÃO: persistiu nos anos de 1990 a tendência de aumento da prática da amamentação verificada no país no período de 1974-1975 a 1989.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: to analyze the development of Brazilian breastfeeding from 1974-1975 to 1999. METHOD: three population-based surveys carried out in 1974-1975, 1989, and 1999 were compared. Although they had different objectives, sampling plans, and data collection methods, the definition of breastfeeding was the same. The results of the first two surveys were taken from the original articles. For the 1999 survey, a new analysis was performed in order to allow direct comparison of results. The probit model was used to estimate prevalence in all three studies. The development of breastfeeding was examined through charts and index numbers. RESULTS: the increase in the frequency of breastfeeding, in the period of 25 years between the first and third studies, started at 40% in the group of children at one month of age, to 150% at the fourth month of age, to 200% at the sixth month of age, and to 240% at the 12th month of age. CONCLUSION: the increasing trend in the prevalence of breastfeeding verified in Brazil in 1974-1975 to 1989 continued in the 1990's.
  • Nutrition assessment: the agreement between observers Artigos Originais

    Beghetto, Mariur Gomes; Luft, Vivian Cristine; Mello, Elza Daniel de; Polanczyk, Carísi Anne

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo objetivou avaliar a concordância interobservadores de medidas antropométricas e avaliação subjetiva do estado nutricional em adultos hospitalizados. Pacientes internados em um hospital geral universitário tiveram peso atual, peso usual, altura, circunferência do braço, prega cutânea tricipital, percentual de perda de peso, Índice de Massa Corporal, circunferência muscular do braço e Avaliação Nutricional Subjetiva Global obtidos por avaliadores independentes. A concordância foi avaliada pelo coeficiente kappa, teste t pareado e coeficiente de correlação intraclasse (ICC). Foram avaliados 102 pacientes, com idade de 53±15 anos. Foi obtida boa correlação entre observadores para todos os métodos antropométricos (ICC>0,86) e diferenças médias de pequena magnitude. As variáveis categorizadas mostraram concordância ótima para o Índice de Massa Corporal (kappa=0,98; IC95%: 0,95-1,0), fraca para a Avaliação Nutricional Subjetiva Global (kappa=0,46; IC95%: 0,31-0,60) e moderada para os percentis 5 e 10 da circunferência do braço (kappa=0,78; IC95%: 0,65-0,91), circunferência muscular do braço (kappa=0,73; IC95%: 0,54-0,92) e prega cutânea tricipital (kappa=0,65; IC95%: 0,48-0,82). Para muitos pacientes houve discrepâncias clinicamente relevantes no percentual de perda de peso, circunferência do braço, prega cutânea tricipital e circunferência muscular do braço. Embora estatisticamente a reprodutibilidade dos métodos antropométricos tenha sido boa, deve-se ser prudente ao empregá-los no contexto hospitalar, visto as diferenças encontradas, em especial na antropometria do braço e na Avaliação Nutricional Subjetiva Global.

    Abstract in English:

    The aim of this study was to assess agreement between observers in performing anthropometric measures and a subjective assessment of nutritional status in hospitalized adults. In a general university hospital, independent observers obtained patients' current weight, usual weight, height, arm circumference, triceps skin fold thickness, percentage of weight loss, Body Mass Index, muscle arm circumference, and Subjective Global Assessment. Agreement was analyzed using the Kappa coefficient, paired t test, and intra-class correlation coefficient. The sample consisted of 102 patients, whose mean age was 53±15 years. Good correlations (ICC>0.86) and low mean differences between observers were obtained for all anthropometric measures. Agreement in classifying patients into categories of Body Mass Index was very strong (kappa=0.98; 95%CI:0.95-1.0), weak for Subjective Global Assessment (kappa=0.46; 95%CI:0.31-0.60) and moderate for the 5th and 10th percentiles of arm circumference (kappa=0.78; 95%CI:0.65-0.91), muscle arm circumference (kappa=0.73; 95%CI:0.54-0.92) and triceps skinfold thickness (kappa=0.65; 95%CI:0.48-0.82). Several patients had clinically relevant discrepancies in percentage of weight loss, arm circumference, triceps skin-fold thickness, and muscle arm circumference. Although anthropometric methods showed good statistical reproducibility, we should be prudent in applying these measures in the hospital setting, since discrepancies were observed, especially in arm anthropometry and Subjective Global Assessment.
  • Hepatitis B among female sex workers in Ribeirão Preto - São Paulo, Brazil Original Articles

    Passos, Afonso Dinis Costa; Figueiredo, José Fernando de Castro; Martinelli, Ana de Lourdes Candolo; Villanova, Márcia Guimarães; Nascimento, Margarida Pásseri do; Gaspar, Ana Maria Coimbra; Yoshida, Clara Fumiko Tachibana

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: Estimar a prevalência de marcadores de hepatite B e estudar os fatores de risco para esta doença entre mulheres profissionais do sexo na cidade de Ribeirão Preto, Brasil. MÉTODOS: Foi aplicado um questionário a 449 mulheres profissionais do sexo, com a finalidade de levantar informações demográficas, socioeconômicas e comportamentais. Amostras de sangue das participantes foram analisadas através de técnicas imunoenzimáticas, para detecção dos marcadores HBsAg, anti-HBs e anti-HBc. RESULTADOS: A idade média das participantes foi 23 anos, variando de 13 a 64 anos. Uma elevada mobilidade espacial foi verificada, com 47,9% delas residindo em locais fora da região de Ribeirão Preto ou em outros estados brasileiros. Completa ausência de vacinação prévia contra hepatite B foi referida por 98,2%. No total, observou-se presença de qualquer marcador de hepatite B em 106 participantes (prevalência de 23,6%; IC95%: 19,7 27,5), com 84 positivos para anti-HBs (18,7%), 100 para anti-HBc (22,3%) e apenas 3 para HBsAg (0,7%). A análise por regressão logística evidenciou associação entre marcadores de hepatite B e as seguintes co-variáveis: idade, baixo nível socioeconômico, consumo de crack, relações sexuais com indivíduos infectados pelo HIV, história de hepatite prévia, relações sexuais com pessoas portadoras de hepatite e positividade para hepatite C. CONCLUSÕES: As profissionais do sexo em Ribeirão Preto apresentam diversos fatores de risco para hepatite B e quase total ausência de vacinação prévia específica, tornando necessários esforços concentrados na aplicação dessa medida de baixo custo, preferencialmente através do uso de equipes móveis que levem a vacina até os seus locais de trabalho.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To estimate the prevalence of hepatitis B markers and to study the risk factors for this disease among female sex workers in the city of Ribeirão Preto, Brazil. METHODS: A questionnaire was given to 449 female sex workers in order to obtain information about demographic, socioeconomic and behavioral variables. Blood samples were collected and analyzed by immunoenzymatic techniques for detection of HBsAg, anti-HBs, anti-HBc and anti-HCV markers. RESULTS: The mean age of participants was 23 years, varying from 13 to 64 years. A high spatial mobility was observed, with 47.9% of participants residing in places out of the region of Ribeirão Preto or in other Brazilian states. Complete absence of previous vaccine against hepatitis B was referred by 98.2%. Overall, the presence of any hepatitis B marker was observed in 106 participants (prevalence of 23.6%; 95% CI: 19.7 27.5), with 84 positive for anti-HBs (18.7%), 100 for anti-HBc (22.3%), and only 3 for HBsAg (0.7%). The logistic regression analysis showed association between hepatitis B markers and the following co-variables: residence in Ribeirão Preto, age, low socioeconomic level, consumption of crack, intercourse with HIV-infected individuals, history of previous hepatitis, intercourse with a case of hepatitis, and positivity for hepatitis C. CONCLUSIONS: Ribeirão Preto's female sex workers present several risk factors for hepatitis B and almost absence of previous specific vaccination, making it necessary to emphasize this low-cost preventive measure, preferably through the use of a mobile team, taking the vaccine to their places of work.
  • Adherence to personal protection against hepatitis B among dentists and dental assistants Artigos Originais

    Garcia, Leila Posenato; Blank, Vera Lúcia Guimarães; Blank, Nelson

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: O vírus da hepatite B é um risco ocupacional reconhecido na odontologia. Além de aderir às precauções padrão, todos os profissionais da odontologia devem se proteger através da vacinação contra a hepatite B e confirmação da imunidade. Este estudo verificou a aderência às medidas de proteção individual contra a hepatite B, incluindo a vacinação e o uso de equipamentos de proteção individual, entre cirurgiões-dentistas e auxiliares de consultório dentário do município de Florianópolis, localizado no sul do Brasil. MÉTODOS: Neste estudo transversal, os dados foram coletados através de questionários auto-aplicáveis. Foram obtidas respostas de 289 cirurgiões-dentistas e 104 auxiliares. RESULTADOS: A prevalência da vacinação completa contra a hepatite B foi 73,4% entre os dentistas e 39,4% entre os auxiliares. Apenas 32,1% e 21,9% deles, respectivamente, monitoraram a resposta vacinal. A vacinação completa foi positivamente associada com o ano de formatura a partir de 1997 (RP = 1,16; IC95% = 1,01-1,33) e atuação predominantemente em especialidade cirúrgica (RP = 1,24; IC95% = 1,02-1,51) entre os dentistas e com a realização de curso de formação entre os auxiliares (RP = 1,96; IC95% = 1,23-3,14). O uso constante de luvas, máscara e óculos de proteção foi mais elevado entre os dentistas do que entre os auxiliares. CONCLUSÃO: São indicadas campanhas visando a vacinação daqueles que não o fizeram ou não completaram o esquema vacinal e informações sobre a necessidade do monitoramento da resposta vacinal. Medidas educativas são recomendadas para elevar a aderência às medidas de proteção pessoal, voltadas especialmente aos auxiliares.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: The Hepatitis B virus poses arecognized occupational risk to dental careworkers. All dental care workers must beprotected through immunization, withcompletion of vaccine series, and monitoring of vaccine response. This study examined the adherence to personal protectionagainst hepatitis B, including vaccinationand use of personal protective equipment,among dentists and dental assistants in thecity of Florianopolis, South of Brazil. METHODS: In this cross-sectional study, datawere collected through self-reported questionnaires. Responses were obtained from 289 dentists and 104 dental assistants. RESULTS: The prevalence of complete hepati-tis B series vaccination was 73.4% amongdentists and 39.4% among dental assistants. Only 32.1% and 21.9% of them, respectively, monitored vaccine response. Acomplete vaccine series was associatedwith year of graduation as of 1997 (PR =1.16; IC95% = 1.01-1.33) and working mainlyin a surgical specialty (PR = 1.24; IC95% =1.02-1.51) among dentists, and with attending a training program among assistants (PR = 1.96; IC95% = 1.23-3.14). The proportion of always wearing gloves, masks,and protective eyewear was higher amongdentists than assistants. CONCLUSION: Campaigns are necessary to vaccinate thosewho neither have been vaccinated norhave completed vaccine series and to inform about the need of vaccine responsemonitoring. Educational training is recom-mended to improve adherence to personalprotection, specially focused on dental assistants.
  • HIV/HCV co-infection in patients from Botucatu and region (Brazilian cities) Artigos Originais

    Corvino, Sílvia M.; Henriques, Rita M.S.; Grotto, Rejane M.T.; Pardini, Maria Inês de M.C.

    Abstract in Portuguese:

    Devido à similaridade nas rotas de transmissão, a co-infecção HIV/HCV é freqüente, afetando em média 30 a 50% dos portadores de HIV. O presente estudo visou avaliar uma possível associação entre os subtipos do HIV e genótipos do HCV em pacientes co-infectados, com base na análise das freqüências em pacientes mono e co-infectados. Para determinação da freqüência dos subtipos HIV e genótipos HCV, foram analisados respectivamente 124 e 496 pacientes mono-infectados. O estudo da co-infecção foi realizado num grupo de 150 pacientes HIV positivos e esteve presente em 22 (14,7%) dos pacientes. A freqüência dos subtipos do HIV-1 em mono-infectados foi: subtipo B (85,5%), subtipo F (12,9%) e recombinante B/F (1,6%), enquanto nos genótipos HCV foi: 1a (25%), 1b (29,4%), 1a/1b (3,6%), 3a (35%), 2 (1,8%) e 5 (0,4%). Nos co-infectados o padrão de distribuição dos subtipos HIV-1 é semelhante aos mono-infectados, ou seja, subtipo B (85,0%), seguido do subtipo F (15,0%). A distribuição de freqüência de genótipos HCV nos co-infectados foi: 1a (36,3%), 1b (27,3%), 1a/1b (9,1%) e 3a (27,3%) mostrando um aumento de 10% na freqüência do genótipo 1, queda de 7,7% no genótipo 3 e ausência de outros genótipos. A análise estatística de associação entre os subtipos HIV e genótipos HCV (Goodman) mostrou que no genótipo 1 (HCV) ocorreu predominância do subtipo B, enquanto no genótipo 3 (HCV) a distribuição dos subtipos B e F (HIV-1) foi casual. Isto aponta para a necessidade de mais estudos desse grupo e um maior valor amostral.

    Abstract in English:

    HIV/HCV co-infection is a frequent event due to the similarity of the means of transmission of both viruses; 30-50% of HIV infected individuals are co-infected¹. This paper assesses the possible association among HCV and HIV genotypes in co-infected patients based on frequency distribution in mono and co-infected patients. To determine HIV and HCV genotype frequency 124 and 496 respectively, mono infected patients were analyzed. The study of co-infection was performed in 150 HIV positive patients and 22 (14.7%) patients were found. The frequency of HIV-1 subtypes was 106 B subtype (85.5%), 16 F (12.9%), and 2 B/F recombinant (1.6%); HCV genotypes were 1a (25%), 1b (29.4%), 1a/1b (3.6%), 3a (35%), 2 (1.8%) and 5 (0.4%). The HCV genotype could not be determined in 6.3% of samples using the technique. The HIV-1 subtype distribution standard was B subtype (85.0%) and F subtype (15.0%) in mono-infected as in co-infected. The frequency distribution of HCV genotypes in co-infected was 1a (36.4%), 1b (27.3%), 1a/1b (9.1%) and 3a (27.3%). These results showed a 10% increase in frequency of 1a genotype, 7.7% decrease in 3 genotype and lack of other genotypes. The statistical analysis of association of HCV genotypes and HIV-1 subtypes (Goodman Test) showed a predominance of the B HIV subtype among HCV genotype 1, and among HCV genotype 3 the distribution of B and F HIV subtypes was casual. These results suggest the need for further studies in this group and larger samples.
  • Characteristics of Aids amongst the elderly at a reference hospital in the State of Ceará, Brazil Artigos Originais

    Araújo, Vera Lúcia Borges de; Brito, Daniele Mary Silva de; Gimeniz, Marli Teresinha; Queiroz, Terezinha Almeida; Tavares, Clodis Maria

    Abstract in Portuguese:

    Idosos contaminados pelo HIV ampliam as estatísticas ao redor do mundo. Este estudo teve como objetivo geral descrever as características da Aids em pessoas com 60 anos de idade ou mais, atendidos em hospital de referência para HIV/Aids no Ceará, no período de 1989 a 2004. Desenvolveu-se pesquisa documental utilizando fichas de notificação compulsória de Aids disponíveis no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN) e dados do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM). Obteve-se notificação de 107 casos, dos quais 50 encontravam-se vivos e 57 foram a óbito. Pela análise observou-se crescimento progressivo dos casos, que, em sua maioria (77,5%), concentravam-se em Fortaleza. A faixa etária mais comprometida foi a de 60 a 69 anos (77,5%). Grande parte dos indivíduos mostrou baixo nível de escolaridade (44,0%). A subcategoria heterossexual aumentou ao longo do tempo. Evidenciou-se maior letalidade entre as mulheres (73,9%). O conjunto de dados analisados permite inferir que entre a população acima de 60 anos com Aids no Ceará verifica-se tendência semelhante às demais faixas etárias e fenômenos observados no país, a saber: heterossexualização, feminização, envelhecimento, pauperização.

    Abstract in English:

    Elderly people contaminated by the HIV are increasing statistics throughout the world. This study's main aim was to describe the characteristics of AIDS in people aged 60 and over, seen at a benchmark hospital for HIV / AIDS in Ceará, Brazil, in the period between 1989 and 2004. Documentary research was performed using compulsory AIDS reporting forms available on the National Reporting Information System (SINAN) and data from the Mortality Information System (SIM). There were 107 cases reported, of which 50 patients were still alive and 57 deceased. Based on the analysis, a progressive growth in cases was observed, most of which (77.5%) were concentrated in Fortaleza. The most affected age group was the one between 60 and 69 (77.5%). Many of the individuals showed low level of schooling (44.0%). The subcategory of heterosexuals grew over time. Mortality amongst women was found to be higher (73.9%). The set of data analyzed enables one to infer that the population over 60 with AIDS in Ceará shows similar trends to other age groups and the phenomena observed throughout the country, that is: growth in cases among heterosexuals and women, and ageing and impoverishment.
  • Spatial distribution of leprosy among schoolchildren in Paracatu, State of Minas Gerais, through active case finding (2004 to 2006) Artigos Originais

    Ferreira, Isaias Nery; Evangelista, Maria do Socorro Nantua; Alvarez, Rosicler Rocha Aiza

    Abstract in Portuguese:

    A detecção da hanseníase no município de Paracatu é elevada em menores de quinze anos, abrangendo cerca de 6,8/10.000 hab. em 2003, e classificada como hiperendêmica. O estudo objetiva distribuir territorialmente os casos de hanseníase em adolescentes e crianças escolares menores de 20 anos, utilizando a estratégia da busca ativa de casos. Realizou-se um estudo de coorte prospectivo e ecológico com 16.623 escolares entre janeiro de 2004 a junho de 2006. No banco de dados utilizou-se o software Excel e na análise o chi2, Intervalo de Confiança - (IC) 95% e Risco Relativo - (RR). Para o geoprocessamento das informações, aplicou-se o Auto CAD - release 2000. Foram diagnosticados 68 casos da doença, sendo 25,1%, multibacilares. Cerca de 85,2% residiam na área urbana, 55,8% eram mulheres e a doença predominava no grupo de 10 a 14 anos (IC95%: 0,49-0,89%) e chi2 = 7,376. Houve um incremento de 38,2% na detecção dos casos no período, com visibilidade à prevalência oculta. Ao considerar a busca ativa em 2004, as microrregiões do Alto do Açude e Vista Alegre apresentaram maior detecção de casos com 41,5/10.000 habitantes, e RR = 10,9 vezes maior do que o Centro de Paracatu, com detecção de 3,8/10.000 habitantes. Em 2005, destacaram-se Paracatuzinho, Chapadinha, São João Evangelista I e II, Bandeirantes, Aeroporto e Bom Pastor, com detecção de 21,8/10000 habitantes, e RR = 8,7 vezes maior do que Nossa Senhora de Fátima e JK com detecção de 2,5/10.000 habitantes. A hanseníase entre escolares foi predominante nas áreas norte, leste, sudeste e central de Paracatu. O geoprocessamento das informações, por meio da busca ativa nas escolas, permitiu a visibilidade da hiperendemia da hanseníase por região, possibilitando aperfeiçoamento da vigilância da enfermidade.

    Abstract in English:

    The detection rate of leprosy in the district of Paracatu is high in people younger than fifteen years of age, with about 6.8/10,000 inhabitants in 2003, therefore classified as hyperendemic. The study aims at territorially distributing the cases of leprosy in teenagers and children still in school, using the case finding strategy. A prospective cohort and ecologic study was used with 16,623 students between January 2004 and June 2006. An Excel spreadsheet was built for the database and the statistical analysis included chi2, Confidence Interval - (IC) of 95% and Relative Risk (RR). The Auto-CAD release 2000 was used for geoprocessing information. 68 cases of the disease were diagnosed (25.1%, multibacilar forms). About 85.2% lived in the urban area, 55.8% were women, and the 10 to 14 year-old age group prevailed (61.7%; 95%IC: 0.49-0.89%). There was an increase of 38.2% in the case detection rate, giving visibility to the unknown prevalence. Considering case finding in 2004, the microregions of Alto do Açude and Vista Alegre presented a higher case detection with 41.5/10,000 inhabitants; and RR=10.9 higher than the center of Paracatu, with the detection of 3.8/10,000 inhabitants. In 2005, the microregions of Paracatuzinho, Chapadinha, São João Evangelista I and II, Bandeirantes, Aeroporto and Bom Pastor stand out, with the detection of 21.8/10,000 inhabitants, and Relative Risk=8.7 times higher than Nossa Senhora de Fátima and J.K with the detection of 2.5/10,000 inhabitants. Geoprocessing of the information, through case finding among students, allowed visibility of the high detection rate of leprosy by region, allowing improvement in the surveillance of the disease in Paracatu.
  • Spatial distribution of enteroparasites among school children from Guarapuava, State of Paraná, Brazil Original Articles

    Buschini, Maria Luisa Tunes; Pittner, Elaine; Czervinski, Tiago; Moraes, Ivonete de Fátima; Moreira, Mônica Monteiro; Sanches, Hermes Francisco; Monteiro, Marta Chagas

    Abstract in Portuguese:

    As infecções mais freqüentemente encontradas em seres humanos são ocasionadas por parasitos intestinais, os quais podem causar danos aos hospedeiros, que incluem, entre outros agravos, a obstrução intestinal, desnutrição, anemia por deficiência de ferro, quadros de diarréia e de má absorção. No Brasil, as enteroparasitoses estão entre os principais problemas de saúde pública. Este trabalho teve como objetivo avaliar a distribuição e freqüência de enteroparasitos em 635 crianças pertencentes a sete comunidades escolares do município de Guarapuava - PR. Além disso, verificar índices de similaridade e diversidade de parasitas nas comunidades. Nos resultados, foram encontradas 475 amostras positivas para pelo menos um parasito, cuja prevalência de enteroparasitoses nesta população foi de 75,27 % e a ocorrência de casos de poliparasitismo de 26,73 %, dos quais foram registrados maiores índices de infecções por Giardia duodenalis (56 %) e Ascaris lumbricoides (18 %). A análise estatística mostrou que três das sete comunidades avaliadas apresentaram maior índice de similaridade quanto à freqüência e carga parasitária. Nossos resultados sugerem que as crianças avaliadas apresentavam altos índices de infecção por enteroparasitas e que fatores como clima, condições sociais e econômicas da população estudada e características próprias do parasito podem estar facilitando o acometimento destes indivíduos.

    Abstract in English:

    The most common infections in human beings are caused by intestinal parasites. They can lead to a number of harmful effects, which could include, among others, intestinal obstruction, malnutrition, iron deficiency anemia, diarrhea, and poor absorption. In Brazil, enteroparasites are one of the main public health issues. The present study aims at analyzing the distribution and frequency of enteroparasite occurrence in 635 children from seven community schools in the city of Guarapuava, Paraná (PR). In addition, we used similarity and diversity indices to analyze the parasite community. We found 475 samples with at least one parasite showing that 75.27% of children had enteroparasites. A smaller fraction (26.73%) of children harbored several parasites (multiparasitism), especially Giardia duodenalis (56%), and Ascaris lumbricoides (18%). Statistical analysis showed that three (out of seven) children communities had higher similarity in frequency and amount of parasites. Our results suggest that the children studied were highly infected by enteroparasites. These levels of infestation could be related to several factors, such as climate, social and economic conditions and characteristics of the parasites.
  • Features of morbidity due to external causes at emergency services Artigos Originais

    Mesquita Filho, Marcos; Jorge, Maria Helena Prado de Mello

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Causas externas de morbi-mortalidade são problemas relevantes de saúde pública. Dados referentes à morbidade são pouco conhecidos. Muito se perde por ausência de informações dos serviços de urgência/emergência. O objetivo deste trabalho é conhecer a situação da morbidade por causas externas em um serviço de pronto-atendimento em cidade de médio porte do sul de Minas Gerais. MÉTODOS: Realizou-se estudo transversal e descritivo no ano de 2003, sobre 380 pacientes vitimados por causas externas encaminhados a um serviço de atendimento a urgências de Pouso Alegre, MG. RESULTADOS: Os grupamentos mais atendidos foram: outras causas externas de traumatismos acidentais (73,1%), destacando-se contato com objeto cortante, quedas e mordedura/golpe provocado por cães; acidentes de transportes, que corresponderam a 13,7% das vítimas; e agressões, 10,8%. A prevalência em homens foi maior do que em mulheres. A maioria das vítimas tinha menos de 40 anos. O local de ocorrência mais comum foram residências, nos fins de semana, entre 12:00 e 17:59 h. Os tipos mais comuns de lesão foram ferimentos. Os traumatismos apresentaram localizações mais freqüentes nos membros superiores. CONCLUSÕES: Estes achados sugerem a existência de uma realidade, em causas externas, pouco conhecida e trabalhada pela saúde pública. A implantação de políticas de saúde e sistemas específicos de informação é alternativa para se enfrentar e conhecer melhor este problema.

    Abstract in English:

    GOALS: External causes of morbidity and mortality are relevant public health problems, although this kind of data is not very well known. Much is lost due to lack of information at emergency services. This study aimed to acknowledge the status of morbidity due to external causes in an emergency unit of a medium-size city in the south of the State of Minas Gerais Brazil. METHODS: a cross-sectional, descriptive study was performed along the year of 2003, involving 380 patients who were victims of external causes and referred to an emergency care service in Pouso Alegre, MG. RESULTS: The groups most frequently seen were: other external causes of accidental traumas (73.1%), especially contact with sharp objects, falls and dog bites/aggression. 13.7% of the individuals were victims of transportation accidents, and 10.8% were victims of aggression. Men presented a higher prevalence than women. Most of the victims were less than 40 years old. The site with the highest number of occurrences were households on weekends, between 12 and 5h59 p.m. The most common types of injuries were wounds. Traumas affected mostly upper limbs. CONCLUSIONS: The findings of this study may suggest that the status of external causes is very little known and approached in public health. The development of specific information systems is a possible alternative to acknowledge this kind of problem better.
  • Evaluation of cognitive decline and its relationship with socioeconomic characteristics of the elderly in Viçosa, Minas Gerais Artigos Originais

    Machado, Juliana Costa; Ribeiro, Rita de Cássia Lanes; Leal, Paulo Fernando da Glória; Cotta, Rosângela Minardi Mitre

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Este estudo teve como objetivo avaliar o declínio cognitivo de idosos (indivíduos com 60 anos ou mais), freqüentadores do Programa Municipal da Terceira Idade (PMTI), em Viçosa, MG, e sua relação com as características socioeconômicas. MÉTODOS: Realizou-se um estudo analítico transversal com 74 idosos. Foram incluídos no estudo os idosos alfabetizados que preencheram os seguintes critérios: ausência de perda visual ou auditiva, eventualmente corrigidas, ausência de alterações motoras e paralisia nos membros superiores ou a falta deles, ausência de problemas neurológicos ou psiquiátricos que prejudicassem o desempenho no Mini-Exame do estado mental (MEEM). Os instrumentos de coleta de dados adotados foram um questionário, elaborado pela equipe de pesquisadores para a avaliação das características socioeconômicas, e o MEEM. RESULTADOS: Dentre os idosos avaliados, encontrou-se uma freqüência de declínio cognitivo de 36,5%. A média de pontuação no MEEM foi de 19,48 pontos em um total de 30 pontos e a média da idade dos idosos foi de 68,5 anos. DISCUSSÃO: Os resultados encontrados mostram que o menor nível de escolaridade tem influência negativa no estado mental dos idosos. Conclusão: Conclui-se que é alto o número de idosos identificados com declínio cognitivo. Para se concluir um diagnóstico de demência em idosos, cujas respectivas pontuações foram abaixo do determinado, é necessária uma avaliação neuropsicológica mais apurada.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: This study assesses cognitive decline in individuals 60 years of age and over, participants of a City Third Age Program (CPTA) in Viçosa, MG, and its relation with social and economic characteristics. METHODS: A cross-sectional analytical study was carried out with 74 elderly individuals. The study included literate individuals who filled out the following criteria: absence of visual or auditory loss, with some inclusions of corrected cases; absence of motor alterations, upper member paralysis or lack of members; absence of neurological or psychiatric problems affecting performance in the MMSE (Mini-Mental State Examination). Data collecting tools were a questionnaire prepared by the research team, and the MMSE. RESULTS: The frequency of cognitive decline was 36.5%. The average MMSE score was 19.48 points of a best total of 30, and the average age of the elderly was 68.5 years. DISCUSSION: The results showed that a lower level of schooling has a negative influence on the mental state of the elderly. CONCLUSION: A high number of elderly individuals with cognitive decline were identified, which is an unsettling factor. To conclude, the diagnosis of dementia in the elderly whose scores indicated cognitive decline needs more refined neurological and psychiatric evaluation.
  • Sociodemographic factors associated with oral hygiene habits in Brazilian adolescents Artigos Originais

    Freire, Maria do Carmo Matias; Sheiham, Aubrey; Bino, Yedda Avelino

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Investigar os hábitos de higiene bucal de adolescentes e sua relação com o sexo e o nível socioeconômico. MÉTODOS: Foram analisados dados secundários de um estudo transversal utilizando questionários auto-aplicáveis em 664 escolares de 15 anos, selecionados aleatoriamente de escolas públicas e privadas e suas mães, em Goiânia-GO. RESULTADOS: 51,8% da amostra eram do sexo feminino e 48,2% do masculino, 325 (48,9%) pertenciam ao grupo de nível socioeconômico alto e 339 (51,1%) ao nível baixo. Todos os adolescentes afirmaram que limpavam os dentes. Os principais motivos foram relacionados à saúde (73,5%) e limpeza (40,2%). Os motivos foram associados ao sexo (p<0,001) e nível socioeconômico (p<0,05). A maioria dos adolescentes relatou escovar os dentes três vezes ou mais ao dia (77,7%). Os recursos de higiene mais relatados foram escova (97,6%), creme (90,5%) e fio dental (69,1%). Adolescentes do sexo feminino apresentaram maior freqüência de escovação do que os do masculino (p=0,001). Os horários de escovação mais comuns foram após o almoço (80,3%), antes do café da manhã (73,5%) e antes de dormir (62,5%). A maioria (82,7%) respondeu que não necessita ser lembrada para higienizar os dentes, sendo a necessidade mais freqüente entre os indivíduos do sexo masculino (p=0,017). A mãe foi relatada como a principal pessoa a lembrá-los para higienizar (66,1%) e a dar as primeiras instruções sobre a importância da limpeza dos dentes (81,3%). CONCLUSÕES: Os adolescentes relataram bons hábitos de higiene bucal, os quais são influenciados pelas variáveis sexo e nível socioeconômico.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To investigate the oral hygiene habits of Brazilian adolescents and their relation with gender and socioeconomic status. METHODS: Secondary data analyzed were from a cross-sectional study using self-completion questionnaires among 664 15-year-old schoolchildren randomly selected from public and private schools and their mothers, in Goiânia-GO, Brazil. RESULTS: 51.8% of the sample comprised girls and 48.2% boys; 48.9% were from a high social class and 51.1% from a low social class. All adolescents said they cleaned their teeth. The main reasons were related to health (73.5%) and cleanliness (40.2%). Reasons varied by gender (p<0.001) and socioeconomic status (p<0.05). Most adolescents said they brushed their teeth three times or more a day (77.7%). The most common oral hygiene aids were toothbrush (97.6%), toothpaste (90.5%) and dental floss (69.1%). Females brushed their teeth with higher frequency than males (p=0.001). Main brushing times were after lunch (80.3%), before breakfast (73.5%) and before going to sleep (62.5%). Most adolescents (82.7%) said they did not need to be reminded to brush. Significantly, more males than females said they needed to be reminded (p=0.017). Mothers were the main person to remind them to brush (66.1%) and the person who gave them their first instructions on the importance of teeth cleaning (81.3%). CONCLUSIONS: Brazilian adolescents reported appropriate hygiene habits. Habits were influenced by gender and socioeconomic status.
  • Characteristics of hospital abortions in a public maternity in the municipality of Serra - ES Artigos Originais

    Nader, Priscilla Rocha Araújo; Blandino, Vanez da Rocha Panetto; Maciel, Ethel Leonor Nóia

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo do estudo foi descrever as características do abortamento de mulheres admitidas em uma maternidade pública do Espírito Santo. É um estudo transversal. A amostra constituiu-se de 21 mulheres que induziram o abortamento e 62 que o declararam como espontâneo, internadas no período de agosto de 2005 a janeiro de 2006. Para a coleta de dados, foi utilizado um formulário. Os dados foram analisados pelo SPSS, versão 14.0. Em ambos os tipos de abortamento, a maioria das mulheres (85,5%) não planejou a gestação e a idade gestacional predominante foi de dez semanas e menos. Um maior percentual de mulheres do grupo do abortamento induzido foi aconselhado a abortar (47,6%), apresentou hemorragia (28,6%) e sinais de infecção (19,1%) à admissão, e necessitou utilizar antibioticoterapia (19,1%). O método de escolha para a prática do abortamento foi o Misoprostol (76,2%). O pai do concepto teve maior participação na decisão do aborto do que a família. Os principais motivos que levaram à indução do abortamento foram falta de condições financeiras (29,4%), falta de apoio do pai do concepto (20,6%), e ter uma relação conjugal instável (17,7%). Conclui-se que é necessário aumentar as possibilidades de se planejar a gestação e valorizar o Planejamento Familiar como um componente indispensável para o processo global de desenvolvimento social e econômico do País.

    Abstract in English:

    The study aimed to describe the characteristics of abortion of women in a public hospital in the state of Espírito Santo. It is a cross-sectional study. The sample consisted of 21 women who had induced abortion, and 62 who declared miscarriage, hospitalized in the period between August 2005 and January 2006. A form was used for data collection. Data were analyzed by SPSS, version 14.0. In both kinds of abortion, most women (85.5%) had not planned to become pregnant and the predominant gestational age was 10 weeks and less. A greater percentage of women from the induced abortion group were advised to abort (47.6%), had bleedings (28.6%) and signs of infection (19.1%) at admission and needed antibiotic therapy (19.1%). The method chosen to abort was Misoprostol (76.2%). The concepto's father was more participative in the decision of abortion than the family. The main reasons for induced abortion were the lack of good financial situation (29.4%), lack of father support (20.6%), and non-stable marital status (17.7%). The authors conclude it is necessary to increase the possibility of planning pregnancy and valuing Family Planning as an indispensable component for the global process of the Country's social and economic development.
  • Voice Disorder: case definition and prevalence in teachers Original Articles

    Jardim, Renata; Barreto, Sandhi Maria; Assunção, Ada Ávila

    Abstract in Portuguese:

    Várias pesquisas têm mostrado elevada prevalência de disfonia em professores, porém não há uma definição padronizada de alteração vocal nos estudos realizados, o que dificulta a comparação dos resultados obtidos e o desenvolvimento da pesquisa na área. O objetivo deste estudo foi discutir a necessidade de padronizar a definição de disfonia funcional e discutir possíveis implicações da falta da padronização na estimação da prevalência da disfonia funcional em professores. Foi realizada uma revisão bibliográfica sistemática sobre disfonia em professores, por meio de consulta a diversas bases de dados, sendo considerados os artigos publicados a partir de 1990. De 3.186 citações, 15 artigos preencheram os critérios de inclusão para a discussão da prevalência da disfonia em professores. Nove artigos definiram disfonia baseados somente na presença de sintomas vocais, com variações em relação ao tipo, número, freqüência e período de referência. Rouquidão e cansaço vocal foram mencionados em todos os estudos que avaliaram sintomas vocais. Somente três estudos analisaram a prevalência da disfonia baseada na avaliação profissional. As prevalências variaram conforme o período de referência e a freqüência dos sintomas pesquisados. Os resultados ratificaram a importância de padronizar a definição de disfonia para melhor estudar e compreender a sua ocorrência e comparar a prevalência obtida em diferentes populações e através do tempo, em uma mesma população. A definição padronizada da disfonia deveria incluir alterações laríngeas observadas em fases mais avançadas da disfonia, assim como sinais e sintomas presentes em fases que precedem as alterações orgânicas, potencialmente reversíveis.

    Abstract in English:

    Several studies have shown a high prevalence of voice disorders among teachers. However, it is difficult to establish comparisons among the results found given the great variability among criteria and symptoms used to define the presence of vocal alteration, in addition to the variations in the composition of the populations studied (age, gender, origin, working schedule, profession, among others). This study aims to discuss the need for a standard definition of functional voice disorder and possible implications of the lack of such a standard definition on estimating the prevalence of functional voice disorders among teachers. A systematic bibliographic review on voice disorders in teachers was carried out as of 1990 in the Medline, Scielo, Ovid, Pubmed and Lilacs databases. Of the 3,186 citations, 15 fulfilled the inclusion criteria to discuss prevalence of vocal disorder in teachers. Nine articles defined vocal disorder based solely on the presence of vocal symptoms, which varied in relation to type, number, frequency, and reference period. Hoarseness and vocal tiredness were mentioned in all studies that evaluated vocal symptoms. Only three studies reported prevalence based on professional examination. Prevalence rates varied according to reference period and frequency of symptoms. The results ratified the importance of standardizing the case definition of voice disorder in order to better study and understand its occurrence and to compare prevalence obtained from different populations and along time in the same population. Standardized definitions should include laryngeal alterations observed in later phases of voice disorder as well as signs and symptoms present in phases previous to organic alterations, when they are potentially reversible.
  • Evaluation of the patterns of alcohol consumption at Primary Health Care services in Juiz de Fora and Rio Pomba (MG) Artigos Originais

    Magnabosco, Molise de Bem; Formigoni, Maria Lúcia Oliveira de Souza; Ronzani, Telmo Mota

    Abstract in Portuguese:

    Uma parte significativa da população brasileira apresenta padrões de consumo de álcool associados a alto risco de desenvolvimento de problemas. Por tal razão, é fundamental avaliá-los na população para traçar estratégias de prevenção primária e secundária ao seu uso. O objetivo deste estudo foi avaliar esse padrão de consumo dos usuários de serviços da Atenção Primária à Saúde das cidades de Juiz de Fora e Rio Pomba, Minas Gerais. Foi aplicado um instrumento de rastreamento -o AUDIT- a 921 sujeitos recrutados durante as consultas de rotina. Considerando os dados em conjunto, 18,3% das pessoas avaliadas encontravam-se na faixa de uso de risco, 77,9% da amostra faziam uso de baixo risco ou eram abstêmios, e 3,8% pontuaram na faixa sugestiva de dependência. De modo geral, os homens apresentaram comportamento de risco em maior freqüência do que as mulheres, sendo mais prevalente na faixa etária dos 38 aos 47 anos de idade.

    Abstract in English:

    A significant part of the Brazilian population presents alcohol consumption patterns associated with high risk of development problems. Therefore, it is fundamental to verify the patterns of alcohol consumption among the population in order to outline primary and secondary prevention strategies. The aim of this study is to verify the patterns of alcohol consumption among the users of Primary Health Care in the cities of Juiz de Fora and Rio Pomba, in the state of Minas Gerais. We applied a screening test -the AUDIT- in a sample of 921 people selected during routine consultations. Considering data as a whole, 18.3% of the evaluated people were at the risk use zone; 77.9% had low hazardous alcohol use or were abstemious and 3.8% pointed toward the suggestive dependence zone. In general, men more frequently demonstrated hazardous behavior compared to women, which was also more prevalent in the 38 to 47 year-old-age group.
Associação Brasileira de Pós -Graduação em Saúde Coletiva São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revbrepi@usp.br