Saúde e Sociedade, Volume: 30, Issue: 3, Published: 2021
  • Quilombola’s Health: health perceptions in a quilombo in the agreste of Pernambuco/Brazil Artigos Originais

    Gomes, Wanessa da Silva; Gurgel, Idê Gomes Dantas; Fernandes, Saulo Luders

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este estudo analisa a percepção de saúde dos quilombolas de uma comunidade no agreste de Pernambuco à luz da determinação social da saúde. A comunidade apresenta uma população de aproximadamente 250 famílias, sendo a agricultura e o trabalho na casa de farinha suas principais fontes de subsistência. Trata-se de uma pesquisa-ação, de caráter analítico, baseada na abordagem qualitativa na coleta e análise dos dados, a partir de entrevistas em profundidade, círculo de cultura e observação participante. Os dados foram analisados pela técnica do discurso do sujeito coletivo. Destaca-se, nos resultados, que a compreensão da saúde se insere num contexto de complexidade integrando a qualidade da alimentação, o trabalho desenvolvido e a relação com a terra. O olhar por meio da perspectiva sistêmica proporcionada pela determinação social da saúde, contribuiu para a compreensão da saúde em sua totalidade, onde o território aparece como elemento central na reprodução dos modos de vida e de saúde da população quilombola, estando esta, em constante luta pela demarcação e titulação de suas terras, condição fundamental para o viver saudável na comunidade quilombola.

    Abstract in English:

    Abstract This study analyzes health perception within a quilombola community in the agreste region (scrubland) of Pernambuco based on the social determinants of health. The community comprises approximately 250 families, with agriculture and work in the flour mill as their main sources of subsistence. This action-analytic research was conducted with data collected and analyzed by means of qualitative approaches, through in-depth interviews, culture circle, and participant observation. Data were analyzed using the collective subject discourse technique. The results indicate that a complex context underlies the perception of health within this environment, including diet quality, the work developed, and the relationship with the land. The systemic perspective offered by the social determinants enabled us to understand health in its entirety, whereby territory appears as a central element in the reproduction of the quilombola population’s health and way of life. This is especially relevant when we consider that these groups are in constant struggle for the demarcation and titling of their lands - a fundamental condition for a healthy living in the community.
  • Organizational communication, microcephaly and aesthetics of difference: analysis of 2 (two) years of the Federal Government’s discourses in face of the Zika virus’ epidemic Artigos Originais

    Freitas, Adriana Helena de Almeida; Mafra, Rennan Lanna Martins

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo objetiva analisar formas de afetação da diferença presentes na comunicação organizacional do governo federal em meio ao contexto do aumento do número de nascimentos de crianças com microcefalia no Brasil, durante a epidemia do vírus Zika, entre novembro de 2015 e novembro de 2017. Suas bases conceituais discutem a comunicação e o regime estético das/nas organizações, diante da aparição pública da microcefalia, que afeta discursos oficiais a partir de estéticas da diferença, reveladoras de cenários de vulnerabilidade. A metodologia pautou-se por uma análise interpretativa do discurso organizacional, tendo como suporte empírico publicações sobre a microcefalia no Blog da Saúde, do Ministério da Saúde. Como resultados, os tratamentos discursivos sinalizam, progressivamente, posturas de: impassibilidade (em relação a mulheres/crianças); erradicação do vetor (prioridade da ação pública); confissão (admissão circunscrita de um desafio de saúde pública); admissão expandida; atribuição de aparência (naturalidade); e atrofiamento (microcefalia associada unicamente à erradicação do vetor). Conclui-se que, à exceção dos tratamentos de admissão expandida e atribuição de aparência, todos os outros revelam abordagens que podem colaborar com o apagamento da existência de seres humanos, com visíveis marcas sociais de vulnerabilidade, por apostas discursivas que, ironicamente, reforçam uma personificação do vetor transmissor do Zika.

    Abstract in English:

    Abstract This article aims to analyze ways of difference’s affecting present in the Federal Government’s organizational communication in the context of the increase in the number of births of children with microcephaly in Brazil, during the Zika virus epidemic, between November 2015 and November 2017. Its conceptual bases discuss communication and the aesthetic regime of / in organizations, in the face of the public appearance of microcephaly, which affects official discourses based on aesthetics of difference, revealing vulnerability scenarios. The methodology was based on an interpretative analysis of the organizational discourse, having as empirical support publications on microcephaly in the Health Blog, from the Ministry of Health. As a result, the discursive treatments progressively signal positions of: impassibility (in relation to women/children); vector eradication (priority of public action); confession (circumscribed admission of a public health challenge); expanded admission; appearance attribution (naturalness); and atrophy (microcephaly associated only with vector eradication). It is concluded that, with the exception of the treatments of expanded admission and appearance attribution, all the others reveal approaches that can collaborate with the erasure of the existence of human beings, with visible social marks of vulnerability, by discursive bets that, ironically, reinforce a personification of the Zika transmitting vector.
  • In the era of disbeliefs and uncertainties: news coverage of vaccines in Portuguese newspapers Artigos Originais

    Langbecker, Andrea; Catalan-Matamoros, Daniel

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Os países europeus estão experimentando uma redução nas taxas de imunização em um momento de expansão dos movimentos antivacinas. Nesse contexto, a mídia pode desempenhar um papel crucial, tanto na difusão de crenças, quanto na circulação de informações confiáveis sobre o tema. Este estudo analisou a cobertura jornalística sobre vacinas na imprensa portuguesa. Foi realizada uma análise de conteúdo em uma amostra de 300 artigos publicados no Diário de Notícias e no Jornal de Notícias de 2012 a 2017. Houve uma predominância de textos relacionados às vacinas contra a gripe, sarampo e meningite. Os temas mais frequentes foram: estoque de vacinas, pesquisa sobre vacinas, cobertura vacinal e campanha de vacinação. A maioria dos artigos apresentou um tom positivo e neutro em relação à imunização. Os jornais colocaram as vacinas em sua agenda midiática, possivelmente influenciados pelas políticas de saúde pública presentes em Portugal. Tais achados reforçam a percepção que a mídia pode ser um instrumento na divulgação de informação confiável sobre o tema. Apesar de o tom negativo ser pouco presente, títulos de notícias com ênfase nas reações adversas das vacinas poderiam contribuir para despertar ou aumentar a desconfiança nos seus benefícios.

    Abstract in English:

    Abstract At a time when anti-vaccine movements are spreading, European countries are experiencing a decrease in immunization rates. In this context, the media can play a key role both in spreading beliefs and in circulating reliable information on the subject. This study aimed to analyze the journalistic coverage of vaccines in the Portuguese press by assessing the content of 300 articles published from 2012 to 2017 in the newspapers Diário de Notícias and Jornal de Notícias. Most texts addressed themes related to vaccine stock, vaccine research, vaccination coverage, and vaccination campaign regarding influenza, measles, and meningitis. Possibly influenced by public health policies in Portugal, vaccines comprise the media agenda of newspapers. These findings reinforce the perception that the media can be used as a tool for disseminating reliable information on this subject. Most of the articles had a positive and neutral tone concerning immunization, but, although little present, headlines emphasizing adverse reactions could foment or increase distrust in the benefits of vaccines.
  • History of the participation of the State and civil society in the formulation of the State Policy of Food and Nutrition Security in Ceará, Brazil Artigos Originais

    Fé, Márcia Andréia Barros Moura; Oliveira, Lucia Conde de; Ávila, Maria Marlene Marques

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este estudo visa descrever a participação da sociedade civil e do Estado na construção da Política Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional no estado do Ceará, conhecendo o passado para compreender o presente e as perspectivas futuras. Para tanto, foi realizado levantamento bibliográfico sobre a seca e a fome no Ceará em livros, artigos e jornais, além disso, foram realizadas entrevistas semiestruturadas junto aos conselheiros do Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional e militantes pelo direito humano a alimentação. As ações de combate à fome no Ceará tiveram início com a criação dos campos de concentração durante as secas, fato desconhecido pela maioria dos cearenses. A trajetória da formulação da política estadual de segurança alimentar foi entremeada com os movimentos de luta e o fortalecimento da participação social, que levou à conquista dos marcos legais do direito humano à alimentação no Ceará. No entanto, alguns desafios precisam ser enfrentados para a para a continuidade dessa política: investir na qualidade da participação social, no fortalecimento dos espaços de participação, conquistar apoio político, lutar pela garantia de financiamento, dar visibilidade à legislação e mecanismos de exigibilidade.

    Abstract in English:

    Abstract Facing the need of knowing the past to understand the present and plan the future, we elaborated a recollection explaining the participation of civil society and the State in the formulation of the State Policy on Food and Nutrition Security in Ceará. This paper presents the results of a bibliographic survey conducted in books, articles, and newspapers addressing the theme of drought and famine in Ceará, as well as a semi-structured interview with the Advisers of the Food and Nutrition Security Council and members of the Human Right to Food. The (re)told story begins by recovering facts that are still unknown by most of Ceará’s inhabitants, such as the concentration camps during droughts, the formulation of the state policy on food security interspersed with social movements, strengthening of social participation, and the conquest of the right to food as a human right in Brazil and in Ceará. Despite these advancements, the continuity of this policy still has to overcome some challenges, such as investing in the quality of social participation, strengthening participation spaces, gaining political support, guaranteeing financing, giving visibility to legislation, and enforcing mechanisms that ensure the human right to adequate food.
  • Discourses on ag(e)ing individuals, social inequality, and the effects of social distancing in times of covid-19 Artigos Originais

    Mazuchelli, Larissa Picinato; Soares, Maria Francisca de Paula; Noronha, Diana Oliveira; Oliveira, Marcus Vinicius Borges

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este trabalho discute os efeitos da covid-19 na saúde de idosos, considerados principal grupo de risco nesta pandemia. Para tanto, partiremos de uma breve exposição demográfica do envelhecimento no Brasil para, então, discutir sobre como este período tem produzido e reforçado discursos que revelam estereótipos sobre envelhecimento. Esses discursos se relacionam com as dificuldades no enfrentamento dos efeitos deste período de distanciamento social e de suas possiblidades, tanto no contexto do cuidado residencial quanto nas instituições de longa permanência na Bahia, onde centralizamos esta discussão. Para finalizar, ressaltamos a urgência de ações organizadas e coordenadas que compreendam a complexidade do processo de envelhecimento para o enfrentamento, tanto dos discursos preconceituosos sobre os idosos quanto para os efeitos do isolamento. Também apontamos para a necessidade de nos reconhecermos e nos implicarmos nas demais gerações de que fazemos parte, seja em memória ou projeção.

    Abstract in English:

    Abstract Our work discusses the effects of Covid-19 on older adults’ health, which is considered the leading risk group in this pandemic. We start with a brief ag(e)ing demographic discussion in Brazil and then address how this period has produced and reinforced discourses that show ag(e)ing stereotypes. These discourses are related to the difficulties in facing the social distancing effects and its possibilities in the context of residential care and in long-term institutions in the state of Bahia, Brazil, where we centralize this discussion. To conclude, we emphasize the urgency of organized and coordinated actions that understand the ag(e)ing process complexity to face both the prejudiced discourses about older adults and the effects of isolation. We also point to the need to recognize and involve ourselves in the other generations of which we are a part, whether in memory or projection.
  • Privatization of old age: suffering, disease and violence in the relationship between older adults and caregivers Artigos Originais

    Estevam, Érica Aparecida; Francisco, Priscila Maria Stolses Bergamo; Silva, Rafael Afonso da

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo aborda o impacto da “privatização da velhice” sobre a qualidade do cuidado e a vida de idosos e familiares-cuidadores pelo cruzamento de três procedimentos: estudo dos dados de prontuários dos idosos atendidos entre 2009 e 2017 no Serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Família e Indivíduos (PAEFI) de um município de São Paulo; estudo dos resultados de instrumentos de verificação de indícios de violência; e análise qualitativa de entrevistas com idosos e cuidadores. A discussão introduz uma reflexão original da “privatização da velhice”, considerando não somente a tendência geral à desmontagem dos sistemas de proteção social e ao estabelecimento de um modelo familista de cuidado ao idoso, mas igualmente os efeitos do encapsulamento da esfera doméstica como vida privada, da progressão da nuclearização das políticas familiares, da crescente pregnância de modelos neoliberais de sociabilidade e subjetivação. Esses processos são abordados levando em conta as dinâmicas entrelaçadas das desigualdades sociais e das políticas familiares de cuidado. Os resultados permitem captar efeitos patogênicos e violentogênicos desses processos, como corroboram dados sobre indícios (84%) e risco (62,1%) de violência e frequência de problemas de saúde (80%) e transtorno mental comum (55,2%) entre cuidadores.

    Abstract in English:

    Abstract This article discusses the impact of “privatization of old age” on the quality of care and life of older adults and family-caregivers by crossing three procedures: study of data from medical records of older adults treated between 2009 and 2017 in the Specialized Protection and Care Service for Families and Individuals (PAEFI) of a municipality of São Paulo; study on the results of instruments to verify evidence of violence; and qualitative analysis of interviews with older adults and caregivers. The discussion introduces an original reflection of “privatization of old age”, considering not only the general tendency to dismantle social protection systems and the establishment of a family model of care for older adults, but also the effects of encapsulating the domestic sphere as private life, the progression of the nuclearization of family policies, the growing importance of neoliberal models of sociability and subjectivation. We addressed these processes considering the interwoven dynamics of social inequalities and family care policies. The results allow to capture pathogenic and violent effects of these processes, as corroborated by data on evidence (84%) and risk (62.1%) of violence, frequency of health problems (80%) and common mental disorders (55.2%) among caregivers.
  • Masculinity in pandemic times: where power decreases, violence increases, Artigos Originais

    Santos, Dherik Fraga; Lima, Rita de Cássia Duarte; Demarchi, Stephania Mendes; Barbosa, Jeanine Pacheco Moreira; Cordeiro, Marcos Vinicius da Silva; Sipioni, Marcelo Eliseu; Andrade, Maria Angélica Carvalho

    Abstract in Portuguese:

    Resumo No contexto de emergência da pandemia causada pela covid-19, o objetivo deste ensaio é refletir sobre as relações homem-poder-violência a partir das concepções de Hannah Arendt, problematizando o conceito normalizado de masculinidade hegemônica e buscando compreender o aumento de violência doméstica contra a mulher. Buscamos desconstruir a ideia de que existe um único modelo de masculinidade hegemônica que propõe uma dominação global dos homens sobre as mulheres, uma vez que mulheres também apresentam aspectos de masculinidade, sendo uma construção histórico-social que se transforma continuamente. Assim, diante das reformas históricas de gênero acrescidas da instabilidade provocada pela pandemia da covid-19, observa-se o aumento da violência domiciliar como efeito da diminuição do poder patriarcal, na tentativa de estabilizar o modelo de masculinidade definido por esse poder patriarcal, ou tenta-se reconstituí-lo (ressignificá-lo) em novas configurações.

    Abstract in English:

    Abstract In the context of the emergence of the pandemic caused by covid-19, the objective of this essay is to reflect on the man-power-violence relationships and the resignification of men’s place, from the conceptions of Hannah Arendt, problematizing the normalized concept of hegemonic masculinity and seeking to understand the increase in domestic violence against women. Throughout this essay, we seek to deconstruct the idea that there is a single model of hegemonic masculinity that proposes a global domination of men over women, since women also present aspects of masculinity, being a historical-social construction that is constantly changing. Thus, in the face of historical gender reforms added to the instability caused by the covid-19 pandemic, there is an increase in domestic violence as an effect of the decrease in patriarchal power, in an attempt to stabilize the masculinity model defined by this patriarchal power, an attempt is made to reconstitute it (re-signify it) in new configurations.
  • Racial inequalities in advanced clinical staging in women with breast cancer treated at a referral hospital in Rio de Janeiro, Brazil Artigos Originais

    Rodrigues, Graziele Marques; Carmo, Cleber Nascimento do; Bergmann, Anke; Mattos, Inês Echenique

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este estudo teve como objetivo analisar a associação entre raça/cor da pele e estadiamento clínico em mulheres com câncer de mama em um hospital de referência para tratamento oncológico do Sistema Único de Saúde. Trata-se de estudo seccional com 863 mulheres de 18 anos de idade ou mais, com câncer de mama incidente e estadiamento clínico até IIIC, matriculadas em um hospital de referência no Rio de Janeiro e entrevistadas entre novembro de 2016 e outubro de 2018. Foram coletadas variáveis sociodemográficas, de hábitos de vida e clínicas. Utilizou-se o escore de propensão com a técnica de ponderação para balancear os grupos de comparação quanto aos potenciais confundidores. A associação entre raça/cor da pele e estadiamento clínico foi analisada por meio das equações de estimação generalizada após balanceamento. O nível de significância de 5% foi adotado em todas as análises. Observou-se que 35,9% das mulheres se declararam brancas; 21,3%, pretas; e 42,8%, pardas. Mulheres de cor da pele preta apresentaram 63% mais chance de ter estadiamento II e III quando comparadas com as brancas (OR=1,63; IC95% 1,01-2,65). Conclui-se que mulheres pretas são diagnosticadas com tumores mais avançados quando comparadas com mulheres brancas.

    Abstract in English:

    Abstract This study sought to analyze the association between race/skin color and clinical staging in women with breast cancer at a referral hospital for cancer treatment of the Brazilian National Health System. This is a cross-sectional study of 863 women aged 18 or more, with incident breast cancer and clinical staging up to IIIC enrolled at a cancer referral hospital in Rio de Janeiro, Brazil, and interviewed between November 2016 and October 2018. Sociodemographic, lifestyle and clinical variables were evaluated. We used the propensity score with the weighting technique to balance comparison groups for potential confounders. The association between race/skin color and clinical staging was analyzed using generalized estimation equations after balancing. A significance level of 5% was adopted in all analyzes. We observed that 35.9% of women declared themselves white; 21.3%, black; and 42.8%, brown. Black women were 63% more likely to have stage II and III when compared to white women (OR=1.63; 95% CI 1.01-2.65). In conclusion, black women are diagnosed with more advanced tumors when compared to white women.
  • The participation of men in infant feeding: is this a new step towards gender equity? Artigos Originais

    Sorrentino, Elizabeth; Bógus, Cláudia Maria; Venancio, Sonia

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este estudo objetivou compreender a vivência de homens na alimentação dos seus filhos entre 6 e 12 meses de idade, com a finalidade de contribuir para a agenda de políticas públicas em programas de educação nutricional voltados para o desenvolvimento da primeira infância. A abordagem qualitativa apoiada pelo método hermenêutico-dialético, através de grupos focais com mães e entrevistas em profundidade com pais, frequentadores de um serviço público de saúde e de uma clínica de pediatria privada, permitiu compreender o tema sob circunstâncias socioeconômicas diferentes e organizá-los em duas categorias: a participação do gênero masculino na alimentação de seus filhos sob a ótica feminina e sob a sua própria ótica. Nos deparamos, nos resultados, com a complexidade como se move o fenômeno, fruto de uma rede de interações entre os indivíduos, seus valores e sua relação com o mundo presente. As expressões simbólicas reproduziram os valores tradicionais que norteiam tanto as crenças femininas quanto masculinas. Destaca-se, entretanto, o movimento de transformação nas atitudes de compartilhamento e envolvimento paterno com a alimentação dos filhos.

    Abstract in English:

    Abstract Our study investigates men’s experience in feeding their children aged from six to 12 months to contribute to the public policy agenda in nutritional education programs focused on early childhood development. The qualitative approach was substantiated by the hermeneutic-dialectical method, based on focus groups with mothers and in-depth interviews with parents and visitors to public health services and private pediatric clinics. We were able to investigate the topic under different socioeconomic contexts and organize them into two categories, namely: male participation in feeding their children, based on both women’s and men’s points of view. The results evidenced the complexity of the phenomenon, which is the result of a network of interactions among individuals, their values, and their relationship with the present world. Symbolic expressions have reproduced the traditional values, guiding both female and male beliefs. However, the transformation in paternal attitudes towards sharing and getting involved in feeding their children stood out.
  • Interprofessional education and collaborative practice in physical education training: reflections of an experience from the perspective of tutoring Artigos Originais

    Reubens-Leonidio, Ameliane da Conceição; Carvalho, Talita Grazielle Pires de; Antunes, Maria Bernadete de Cerqueira; Barros, Mauro Virgílio Gomes de

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Esse artigo objetiva descrever as características do componente curricular “módulo interprofissional em saúde” oferecido aos estudantes de graduação da área de saúde na Universidade de Pernambuco e apresentar um relato das experiências vivenciadas em atividades de tutoria, com destaque para a análise do cenário do núcleo da educação física. Essa estratégia de educação interprofissional e de prática colaborativa funciona em dois momentos pedagógicos, concentração e dispersão, que possibilitam o estudante entender o processo colaborativo de trabalho na perspectiva da integralidade e do cuidado na atenção à saúde em rede. Durante a concentração, estudantes do primeiro período reconhecem as possibilidades de atuação de seu núcleo em articulação com os demais e têm contato com conceitos da saúde coletiva. Durante a dispersão, os estudantes constroem e executam ações interprofissionais em uma instituição de ensino vinculada à estratégia de saúde da família, sendo as práticas corporais estratégias corriqueiras. Percebe-se que há uma mudança de atitude sobre a possibilidade de atuação no Sistema Único de Saúde (SUS); entretanto, é preciso que os conteúdos da saúde coletiva, inclusive a interprofissionalidade e as práticas colaborativas, perpassem toda a trajetória de formação em educação física, propiciando a qualificação para a integralidade da atenção no SUS.

    Abstract in English:

    Abstract This article seeks to describe the characteristics of the curricular component “interprofessional health module”, offered to undergraduate health students at the Universidade de Pernambuco (UPE) and to show a report of experiences in tutoring activities, with particular emphasis on the analysis of the Physical Education core scenario. This strategy of interprofessional education and collaborative practice works in two pedagogical moments, concentration and dispersion, which enable the student to understand the collaborative work process from the perspective of comprehensiveness and care in network health care. During concentration, health students from the first period recognize the possibilities of their core acting in articulation with others and have contact with concepts of collective health. During dispersion, students build and perform interprofessional actions, in an educational institution linked to the family health strategy, and body practices are commonplace strategies. We noticed that there is a change in attitude about the possibility of acting in the Brazilian National Health System (SUS); however, the contents of collective health, including interprofessionality and collaborative practices, must permeate the entire training path in Physical Education, providing the qualification for comprehensiveness of care in SUS.
  • “Seed for Fight”: activism, right to health and confrontations of LGBTI people in the covid-19 pandemic Artigos Originais

    Kauss, Bruno; Polidoro, Maurício; Costa, Adriano; Canavese, Daniel

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este trabalho investiga como a saúde de pessoas lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e intersexuais (LGBTI) tem sido afetada no contexto da pandemia da covid-19, por meio da percepção de ativistas da sociedade civil organizada, no Estado do Rio Grande do Sul (RS), Brasil. Realizou-se uma análise qualitativa, que reporta dados preliminares de um estudo maior sobre a Política Nacional de Saúde LGBTI. O levantamento foi feito entre maio e julho de 2020, com a aplicação de entrevistas realizadas online. O enfoque se deu sobre as percepções, as experiências individuais e coletivas de ativistas sobre a temática da saúde LGBTI, em meio ao atravessamento da pandemia da covid-19. Constataram-se efeitos sobre a mobilização comunitária; o acesso aos serviços de saúde; a saúde mental; e as situações de violência e proteção social. Conclui-se que as intervenções coletivas de pessoas LGBTI são fundamentais em contextos de crise sanitária e dão suporte à garantia do direito à saúde e preservação de políticas públicas a esta população.

    Abstract in English:

    Abstract This study investigates how the health of lesbian, gay, bisexual, transvestite, transsexual, and intersex (LGBTI) people has been affected in the context of the covid-19 pandemic, by the perception of organized civil society activists in the state of Rio Grande do Sul, Brazil. It is a qualitative analysis, which reports data from a larger study on the National Health Policy LGBTI. The survey was conducted between May and July 2020, with the application of online interviews. The focus was on the perceptions, individual and collective experiences of activists on the theme of LGBTI health, amidst the covid-19 pandemic. We found effects on community mobilization; access to health services; mental health; and situations of violence and social protection. The study concluded that the collective interventions of LGBTI people are fundamental in contexts of health crisis and support the guarantee of the right to health and the preservation of public policies for this population.
  • Complementary and integrative medicine in the higher education of physical education: advances, challenges, old and new debates Artigos Originais

    Barboni, Viviana Graziela de Almeida Vasconcelos; Carvalho, Yara Maria de

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A entrada das Práticas Integrativas e Complementares (PICS) nos currículos da área de saúde tem se dado de maneira insatisfatória, e na Educação Física não é diferente. Esse estudo se propõe a analisar a presença dessa temática atualmente na formação superior em Educação Física das universidades públicas federais e estaduais brasileiras, na perspectiva de elucidar quais os desafios, lacunas e avanços que a área enfrenta. Para isso, foi realizada a análise de 172 grades curriculares de graduações na área, os programas de 52 disciplinas em PICS encontradas e as linhas de pesquisa em Programas de Pós-Graduação e Grupos de Pesquisa liderados por profissionais da área. Os resultados evidenciam pouca inserção do tema nos currículos de graduação e, quando presente, se dão através de ofertas majoritariamente optativas, tecnicista e sem diálogos com o Sistema Único de Saúde. Ainda foi encontrada uma pouca participação da área na produção científica e pós-graduação em PICS.

    Abstract in English:

    Abstract The introduction of Complementary and Alternative Medicine (CAM) into undergraduate health programs has been unsatisfactory and this is not different in Physical Education. This study proposes an analysis of the presence of this theme in higher education in Physical Education at Brazilian federal and state public universities, aiming to elucidating the challenges, gaps and advances that the area faces. Thus, an analysis of 172 curriculum grades for undergraduate courses in the area was conducted. The programs of 52 disciplines in CAM and the research lines of Postgraduate Programs and Research Groups led by professionals in the area were also analyzed. The results show little insertion of the theme in the graduation curricula, and when present, they occur in elective and technical subjects, without dialogues with the Brazilian Unified Health System (SUS). There was still a small participation of the area in scientific production and post-graduation in CAM.
  • Testimonies during the pandemic: psychoanalytic reflections on trauma, State, economy and death Artigos Originais

    Souza Junior, Luiz Alberto de; Henderson, Guilherme Freitas

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este trabalho propõe-se a refletir sobre a experiência do sujeito perante a pandemia de covid-19 por meio de uma perspectiva psicanalítica. O material analisado discursivamente foi constituído por testemunhos de estudantes de graduação em psicologia publicados em um espaço virtual durante o período de distanciamento social. Os processos de subjetivação destacados em nossa análise foram discutidos em quatro núcleos temáticos: enfrentar o potencial traumático: poder testemunhar a queda do Outro; o (des)amparo dos sujeitos por parte do Estado: a potencialização do sofrimento psíquico; o imperativo superegoico da produção capitalista e os vestígios produtivos da improdutividade; (im)possibilidades do luto: transformações da nossa atitude diante da morte. Ao fim, buscamos evidenciar criticamente o aspecto destrutivo e autoritário da gestão estatal dos afetos sobre os sujeitos e a potência transformativa (analítica e política) das experiências da improdutividade, da indeterminação e do desamparo.

    Abstract in English:

    Abstract This study aims to reflect on subject’s experience in the face of the covid-19 pandemic from a psychoanalytic perspective. The material discursively analyzed was constituted by testimonies of undergraduate psychology students published in a website during the period of social distancing. The subjectivation processes emphasized in our analysis were discussed in four thematic groups: facing the traumatic potential: being able to witness the fall of the Other; the (un)protection of the subjects by the State: the potentiation of psychological suffering; the superegoic imperative of capitalist production and the productive traces of unproductivity; and (im)possibilities of mourning: changes in our attitude towards death. Finally, we seek to critically evidence the destructive and authoritarian aspect of the state management of affections on subjects and the transformative power (analytical and political) of the experiences of unproductivity, indeterminacy, and helplessness.
  • Debating Trans masculinities: a literature review on trans masculinities in Brazil Artigos Originais

    Pereira, Pamella Liz Nunes; Gaudenzi, Paula; Bonan, Claudia

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este trabalho analisa artigos, teses e dissertações que tratam das masculinidades trans na realidade brasileira. A busca foi realizada entre junho de 2018 e fevereiro de 2019 no Portal Regional da Biblioteca Virtual de Saúde (BVS) e no Banco de Teses e Dissertações da Capes. Para interagir mais profundamente com o corpus de análise, o material foi tratado a partir da análise de conteúdo temática. Tal análise gerou três temas principais: construção da identidade transmasculina; (in)visibilidade dos homens trans; corpo, saúde e hormonização. Identificou-se ainda uma temática residual: família e decisões reprodutivas. Em relação à problemática da identidade trans, o que parece estar em jogo é o alargamento ou a delimitação dos significantes da categoria “homem”. Sobre a temática da invisibilidade, observou-se um aumento da produção acadêmica sobre o tema e uma tensão entre a passabilidade e as demandas ativismo político. Quanto ao acesso à saúde, persistem os problemas relacionados à baixa cobertura e ao despreparo das equipes de saúde para lidar com as especificidades dos homens trans. Por fim, as questões reprodutivas ainda estão sendo semeadas e lançam mais perguntas que respostas.

    Abstract in English:

    Abstract Our study analyzes articles, theses and dissertations that discuss trans masculinities in Brazilian reality with a sociocultural approach. The search was conducted between June 2018 and February 2019 in two brazilian academic databases, the Portal Regional da Biblioteca Virtual de Saúde (BVS) and the Banco de Teses e Dissertações da Capes. To interact more deeply with the data, the material was approached by thematic content analysis. This analysis generated three main themes: Transmasculine identity construction; (In) visibility of Trans Men; and Body, health and hormones. A residual theme was also identified: Family and reproductive decisions. Regarding the problem of trans identity, the major conflict seems to be the widening or delimitation of the meaning of the category man. About invisibility, there was an increase of the researches about the theme, and there is a clear tension in between passing as cis man and contribute as public figures on social movements. Regarding access to health, the problems are related to the low coverage and to the failure of health teams in dealing with the specificities of trans men. Finally, reproductive questions are still being sown, casting more questions than answers.
  • The cognitive demands and the complexity of work for the urban farmers: a case study Artigos Originais

    Maas, Larissa; Gontijo, Leila Amaral

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O trabalho na agricultura vem aumentando as exigências impostas ao trabalhador com o uso de tecnologias. Porém, para atividades agrícolas onde o incremento do uso de tecnologias é limitado, como na agricultura urbana orgânica, pouco se sabe sobre a carga cognitiva da atividade. Atualmente, não há registros de estudos sobre a carga cognitiva de trabalhadores da agricultura urbana orgânica, mesmo porque esse ainda é um movimento tímido. A importância deste estudo reside no fato de aumentar o conhecimento e as informações sobre esta população para fomentar o desenvolvimento da área. O objetivo deste artigo foi relatar as exigências cognitivas impostas a estes trabalhadores de forma a identificar a complexidade do seu trabalho. Para isso, realizou-se um estudo de caso com agricultores urbanos que utilizam práticas orgânicas, comercializam seus produtos e fazem dessa sua atividade econômica principal. Os achados comprovam que a carga cognitiva é elevada, contribuindo para um trabalho complexo para estes agricultores. Assim, a importância em ampliar os estudos para validar as informações encontradas e contribuir para a construção de políticas públicas efetivas é urgente.

    Abstract in English:

    Abstract Agricultural work has been increasing the demands placed on workers with the use of technologies. However, for agricultural activities, in which the increase in the use of technologies is limited, such as organic urban agriculture, little is known about the cognitive load of this activity. Currently, there are no records of studies on the cognitive load of workers in organic urban agriculture, since this is still a timid movement. The importance of this study lies in the fact that it increases the knowledge and information about this population to encourage the development of the area. The purpose of this article was to report the cognitive requirements imposed on these workers to identify the complexity of their work. A case study was conducted with urban farmers that use organic practices, market their products and make of this their main economic activity. The findings prove that the cognitive load is high, contributing to a complex job for these farmers. Thus, the importance of expanding the studies to validate the information found and contribute to the construction of effective public policies is urgent.
  • Performance evaluation of health councils in small and medium-sized municipalities Artigos Originais

    Santos, Elane Patrícia Fernandes Costa dos; Moreira, Diane Costa; Bispo Júnior, José Patrício

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo objetiva avaliar o desempenho dos conselhos de saúde (CS) em municípios de pequeno e médio porte. Trata-se de pesquisa avaliativa com a utilização do método spidergram adaptado à realidade dos CS. A matriz avaliativa foi composta por cinco dimensões: autonomia, organização, representatividade, envolvimento comunitário e influência política. O estudo foi desenvolvido nos municípios de Nova Canaã e Itapetinga, ambos no estado da Bahia, por meio de análise documental, observação das reuniões e 31 entrevistas com conselheiros de saúde. Utilizou-se a análise de conteúdo temática para a categorização dos dados. Os CS apresentaram baixo nível de desempenho, com resultados mais desfavoráveis ao menor município. Verificaram-se limitações na autonomia, como fragilidades no apoio técnico, estrutura física e dotação orçamentária. A dimensão organização revelou irregularidades na realização das reuniões e a inexistência de comissões temáticas. Foram evidenciadas fragilidades da relação entre representantes e representados. Sobre o envolvimento comunitário, observou-se o esvaziamento dos CS e baixos índices de comparecimento dos representantes. A influência política revelou diminuta capacidade dos CS em influenciar na definição das políticas de saúde locais. A adaptação da matriz avaliativa se mostrou oportuna e adequada. Os dois casos avaliados demostraram insuficiências no processo participativo e na capacidade de influência política.

    Abstract in English:

    Abstract Our paper aimed at evaluating the performance of health councils (HC) in small and medium-sized municipalities in Brazil. This is an evaluative research. We used the spidergram method adapted to the HC reality. The evaluation matrix was composed of five dimensions: autonomy, organization, representativeness, community engagement and political influence. The study was developed in Nova Canaã and Itapetinga, state of Bahia, based on document analysis, observation of meetings, and interviews with 31 councils members. We used thematic content analysis to categorize the data. The HC showed a low level of performance, with more unfavorable results to the smaller town. We identified limited autonomy, with weaknesses in technical support, physical structure and financial independence. The organization dimension identified non-compliance with meeting scheduling and absence of thematic commissions. A weak relationship between the representatives and the organizations were observed. The dimension related to community engagement indicated empty HC and low representatives’ participation. The political influence dimensions showed limited capacity of HC to interfere in local health policies. The adaptation of the evaluative matrix has proved to be timely and appropriate to the reality of the Brazilian HC. Two cases evaluated showed weaknesses in the participatory process and in the political influence capacity.
  • Physical education, health and multiculturalism in covid-19 times: a high school experience Artigos Originais

    Godoi, Marcos; Novelli, Fabiula Isoton; Kawashima, Larissa Beraldo

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este relato de experiência descreve e analisa o projeto de ensino “O que podem os corpos em tempos de pandemia?” desenvolvido com turmas do 1o ano do ensino médio integrado ao curso técnico em Eventos, do Instituto Federal de Mato Grosso no âmbito da disciplina Educação Física, durante a pandemia da covid-19. A proposta de ensino foi baseada nos estudos culturais e no multiculturalismo, abordando os seguintes temas: conceitos de saúde; dicas para manter a saúde física e mental durante a pandemia; vulnerabilidades de indígenas, negros, mulheres e população LGBTQIA+ na pandemia e imagem corporal. Este projeto abordou temas sociais relevantes, promoveu uma maior utilização das tecnologias digitais no processo de ensino-aprendizagem, bem como estimulou a produção cultural dos estudantes.

    Abstract in English:

    Abstract This experience report describes and analyses the remote teaching project “What can bodies do in times of pandemic?” developed with classes from the 1st year of High School integrated to the technical course in Events, from the Federal Institute of Mato Grosso (FIMT), within the scope of the Physical Education discipline during the covid-19 pandemic. We rely on Cultural Studies and multiculturalism to develop our teaching proposal. The topics covered were: health concepts; tips for maintaining physical and mental health during the pandemic; vulnerabilities of indigenous, black, women and LGBTQIA+ population in the pandemic; and body image. Despite the difficulties encountered, this project addressed relevant social issues, promoted greater use of digital technologies in the teaching-learning process, as well as stimulated the students’ cultural production.
  • Interprofessionalism in the Family Health Strategy: a look on the actions of promotion of oral health Artigos Originais

    Alves, Hipácia Fayame Clares; Collares, Patrícia Moreira Costa; Alves, Renata de Sousa; Brasil, Christina César Praça; Carnaúba, Jéssica Pinheiro

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O trabalho interprofissional é necessário para a consolidação do modelo de atenção à saúde, porém o cirurgião-dentista encontra muitos desafios para trabalhar em equipe. Este estudo objetivou conhecer o interprofissionalismo, no âmbito da saúde bucal, entre os trabalhadores graduados da Estratégia Saúde da Família. Tratou-se de um estudo exploratório e transversal, com abordagem qualitativa, desenvolvido com 39 profissionais graduados da Atenção Básica do município de Icó, Ceará, Brasil. Os sujeitos pesquisados declararam uma deficiência na manutenção técnica nas unidades, a recorrente falta de insumos e a demanda excessiva de usuários como elementos que prejudicam o trabalho em equipe, assim como a inexistência de um plano de cargos, carreiras e salários, sendo um motivo de descontentamento entre os profissionais. Todos consideraram importante o trabalho interprofissional e sugeriram reuniões periódicas, atividades compartilhadas mais frequentes e capacitações como forma de intensificar essa ação. Apesar de o trabalho interprofissional ser reconhecido como fundamental para as ações de cuidado, é necessário mais comprometimento e apoio da gestão.

    Abstract in English:

    Abstract Interprofessional work is necessary for the consolidation of this healthcare model; however, the dental surgeon meet many challenges while working in a team. The objective of this study was to get to know interprofessionalism in the oral health field among the graduated workers of the Family Health Strategy. It was an exploratory and cross-sectional study, with qualitative approach, developed with 39 primary care graduated professionals from the municipality of Icó, state of Ceará, Brazil. The individuals surveyed declared a deficiency in the technical maintenance in the units, the recurring lack of inputs and excessive demand from users as elements that hinder teamwork, as well as the lack of a position, career and salary plan are a reason for discontent among the professionals. All of the participants considered interprofessional work important and suggested periodic meetings, more frequent shared activities and training as a way to intensify this action. Although interprofessional work is recognized as fundamental to care actions, more commitment and management support is needed.
  • Meanings of use of medicinal plants for nursing teachers in Catalonia Artigos Originais

    Badke, Marcio Rossato; Cogo, Silvana Bastos; Sehnem, Graciela Dutra; Monteiro, Amanda Suélen; Scopel, Mariana Ferreira; Martorell-Poveda, Maria-Antonia

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O objetivo deste trabalho é conhecer os significados que o uso de plantas medicinais como terapia complementar no cuidado à saúde tem para docentes do curso de enfermagem na Catalunha. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, do tipo exploratória e descritiva, realizada por meio de entrevista semiestruturada com quatro docentes do curso de enfermagem de uma universidade espanhola situada na região da Catalunha, no mês de maio de 2016. Para interpretação dos dados foi utilizada a análise de conteúdo proposta por Bardin. Na análise de conteúdo, emergiram dois temas: conhecimento e utilização de terapias complementares; e a cultura familiar influenciando o uso das plantas medicinais. Na primeira categoria, destacou-se que, além de conhecer, os professores também faziam uso das plantas frequentemente. Na segunda, ressalta-se como a influência familiar esteve presente e foi importante para perpetuar o conhecimento e formas de utilização durante as gerações. Evidenciou-se a popularização das terapias complementares e, portanto, é indispensável a articulação da prática pelos profissionais de saúde desde o processo de formação, sobretudo na enfermagem, tendo em vista a integralidade do cuidado oferecido ao usuário.

    Abstract in English:

    Abstract This study aims to learn the meanings for teachers of the Nursing course in Catalonia about the use of medicinal plants as complementary therapy in health care. This is a qualitative, exploratory and descriptive research, conducted through semi-structured interviews, with four professors of the Nursing course at a Spanish University located in the region of Catalonia, in May 2016. For the interpretation of the content analysis proposed by Bardin was used. In the content analysis, two themes emerged: Knowledge and use of complementary therapies and Family culture influencing the use of medicinal plants. In the first category, it was emphasized that, in addition to knowing, teachers also used plants frequently. In the second, it is emphasized how the family influence was present and was important to perpetuate the knowledge and forms of use during the generations. The popularization of complementary therapies became evident and, therefore, the articulation of the practice by health professionals is essential, since the training process, especially in nursing, considering the comprehensive care offered to the user.
  • Body limits and failure: the access to treatment of female crack users at a CAPSad from Rio de Janeiro Artigos Originais

    Vernaglia, Taís Veronica Cardoso; Cruz, Marcelo Santos; Peres, Simone Ouvinha

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O abuso de crack evidencia um problema de saúde pública complexo a ser enfrentado. Neste contexto, o consumo pelas mulheres as coloca em situação de maior vulnerabilidade. O artigo tem como objetivos identificar e descrever as motivações para o acesso ao tratamento de mulheres usuárias de crack em um Centro de Atenção Psicossocial (CAPSad), voltado ao atendimento de pessoas com problemas com o álcool e outras drogas. Trata-se de um estudo qualitativo, feito através de observação participante e realização de nove entrevistas em profundidade com mulheres usuárias de crack, submetidos à análise temática. Os resultados indicam a presença do corpo como o argumento usado pelas mulheres para justificar a procura pelo atendimento no CAPSad. As questões ligadas ao corpo, tais como, as vivências de cansaço físico, dor, sono, emagrecimento, esgotamento, medo de morrer e da violência das ruas, direcionaram as usuárias para o tratamento. Muitas delas sentiam essa necessidade em decorrência do abuso do crack e precisavam de ajuda dos profissionais de saúde, por meio do pedido de medicação e acolhimento noturno. Assim, é fundamental reconhecer o uso do corpo como ferramenta de acesso ao tratamento por parte das mulheres usuárias de crack.

    Abstract in English:

    Abstract Crack abuse evidences a complex public health problem to be confronted. In this context, crack use by women exposes them to vulnerable situations. This article aims at identifying and describing the motivations to access to treatment of female crack users in a Psychosocial Care Center (CAPSad) for people with alcohol and other drug problems. This is a qualitative study that used participant observation and in-depth interviews with nine female crack users examined by thematic analysis. The results indicate that the body is used as a reason to justify the seek for treatment. Body issues directed them to treatment, such as the experiences of physical tiredness, pain, sleep deprivation, weight loss, exhaustion, fear of dying and the violence on the streets. Many of them felt these needs due to crack abuse and showed that by requesting medication and night care from health professionals’ team. In conclusion, body must be understood as an important tool used by female crack users on access to treatment.
  • Analysis of network dynamics of Market concentration in healthcare companies in Brazil Artigos Originais

    Oliveira, Luana Martins; Menezes, João Paulo Calembo Batista; Ribeiro, Mirian; Gonçalves, Márcio Augusto; Souza, Marcio Coutinho de

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A promulgação da Lei nº 13.097/15 estendeu a possibilidade da participação de empresas estrangeiras na área da saúde no Brasil, até então acessível a apenas alguns setores, como o da saúde suplementar. Nesse contexto, o objetivo, no presente trabalho, foi caracterizar a dinâmica das redes de operações de atos de concentração econômica em hospitais e em planos de saúde no Brasil. Para isso, foram coletados dados nos processos disponibilizados no sítio do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), organizados a partir da estrutura societária e da origem dos investidores (estrangeira ou nacional) e analisados com a utilização de software para análise de redes. Por meio da análise dos dados, foi identificada a realização de 93 atos de concentração econômica no período de 2009 a 2017 e a participação de 12 empresas estrangeiras com origem predominante nos Estados Unidos da América. Esses atos de concentração evidenciaram a formação de uma robusta rede composta por três grupos econômicos com controle societário predominantemente estrangeiro, bem como uma latente necessidade de que sejam estabelecidas políticas para analisar os riscos e os benefícios dessa nova realidade ao mercado da saúde brasileiro. Caso contrário, colocar-se-á à sorte os potenciais reflexos no sistema de saúde brasileiro.

    Abstract in English:

    Abstract The promulgation of Law No. 13,097 / 15 extended the possibility of the participation of foreign companies in the health area in Brazil, until then accessible to some sectors, such as supplementary health. In this context, this paper seeks to characterize the dynamics of the networks of operations of economic concentration acts in hospitals and health plans in Brazil. For such purpose, data were collected from the processes available on the website of the Administrative Council for Economic Defense (CADE), organized from the corporate structure, originated by investors (foreign or national) and analyzed using network analysis software. In data analysis, 93 acts of economic concentration were identified from 2009 to 2017, the participation of 12 foreign companies with predominant origin from the United States of America. These acts of concentration evidenced the formation of a robust network composed of three economic groups with predominantly foreign corporate control and a latent need to establish policies to analyze the risks and benefits of this new reality to the Brazilian health market. In another scenario, potential reflexes in the Brazilian health system will be fortunate.
Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo. Associação Paulista de Saúde Pública. SP - Brazil
E-mail: saudesoc@usp.br