• On descriptions, rectifications, and scientific objectivity: methodological reflections from a research on sexual behavior and HIV/AIDS among men who have sex with men Ensaio

    Rios, Luís Felipe; Adrião, Karla Galvão

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este ensaio reflete sobre a positividade de conhecimentos produzidos por abordagens etnográficas, a partir da discussão dos meandros de uma pesquisa sobre homens que se relacionam sexualmente com outros homens e vulnerabilidade ao HIV/aids. Propõe como falsa a oposição entre metodologias explicativas e compreensivas, uma vez que ambos os princípios estão presentes, em maior ou menor grau, em todas as investigações em ciências humanas e sociais. Nessa linha, põe em xeque critérios de cientificidade do “senso comum científico” que fazem o uso da matemática como o demarcador. Exemplifica como a descrição crítica do próprio ato de pesquisar e das retificações sobre os obstáculos ao conhecimento, identificados no próprio caminho, conferem objetividade aos conhecimentos produzidos. O diferencial etnográfico em relação a outras abordagens de ênfase compreensiva é a explicitação da própria experiência dos pesquisadores no campo como recurso crítico e analítico.

    Abstract in English:

    Abstract This essay reflects on the positivity of knowledge produced by ethnographic approaches, based on the discussion on a research about men who have sex with men and vulnerability to HIV/AIDS, Considering that both explanatory and comprehensive methodologies are present, to a greater or less extent, in all investigations in human and social sciences, this essay proposes as false the opposition between both principles. It challenges the scientificity criteria of “scientific common sense” that use mathematics as demarcator. The text exemplifies how the critical description of the act of researching, and rectifying the obstacles to knowledge identified in the path itself grant objectivity to the resulting knowledge. The ethnographic differential of this essay consists of explaining the researchers’ field experience as a critical and analytical resource.
Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo. Associação Paulista de Saúde Pública. SP - Brazil
E-mail: saudesoc@usp.br