• Exclusive breastfeeding frequency at 30 days of life: review of longitudinal studies Revisão Crítica da Literatura

    Mosquera, Paola Soledad; Lourenço, Bárbara Hatzlhoffer; Cardoso, Marly Augusto

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A nutrição adequada no início da vida pode afetar o desenvolvimento e a sobrevivência infantil, por isso a adesão às práticas de aleitamento materno e o seu monitoramento regular tornam-se essenciais. Este artigo objetiva realizar uma revisão integrativa da literatura sobre a frequência do aleitamento materno exclusivo (AME) aos 30 dias de vida, divulgada em estudos longitudinais. Para isso, foram identificados artigos nas bases de dados PubMed e LILACS. A combinação dos termos de pesquisa foi “estudo prospectivo” e “aleitamento materno”. A busca limitou-se aos artigos em inglês, espanhol e português, e compreendeu as publicações entre os anos 2015 e 2020. Foram selecionados 17 estudos originais. Apesar das diferenças metodológicas entre eles, em relação ao tipo e tamanho de amostra, a definição do AME e método de mensuração, os resultados indicam alta taxa de início da amamentação (≥86%) e ampla variação da ocorrência de AME aos 30 dias de vida (4,5%-86%), com declínio substancial (<60%) em 63% dos locais investigados. Esses resultados distam do cumprimento da recomendação da Organização Mundial da Saúde de AME até o sexto mês de vida, e indicam a necessidade de investigações, com metodologia padronizada, para comparação dentro dos e entre os países, visando ao planejamento de ações para incentivo à amamentação.

    Abstract in English:

    Abstract Early life feeding can affect children’s development and survival. Adherence to breastfeeding practices and regular monitoring is essential. This study aims to conduct an integrative review of longitudinal studies on the frequency of exclusive breastfeeding (EBF) at 30 days of life. Articles were retrieved from the PubMed and LILACS databases. The combination of descriptors used was: “prospective study” and “breast feeding.” The search was limited to articles published between 2015 and 2020 in English, Spanish, and Portuguese. We selected 17 original studies. Despite their methodological differences regarding sample size and type, follow-up period, and EBF definition and measurement method, results indicated a high rate of breastfeeding initiation (≥86%) and a wide variation in the occurrence of EBF at 30 days of life (4.5% - 86%) with substantial decline (<60%) in 63% of the investigated areas. These results are far from complying with the recommendation from the World Health Organization of maintaining EBF up to the sixth month of a child’s life and point to the need for further investigations with a standardized methodology to allow for comparisons within and between countries, aiming at planning actions which support breastfeeding.
Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo. Associação Paulista de Saúde Pública. SP - Brazil
E-mail: saudesoc@usp.br