• Matrix support: a way to mental health and primary health care integration Ensaio

    Hirdes, Alice; Silva, Maira Kelly da Rosa

    Abstract in Portuguese:

    O ensaio aborda a integração da saúde mental na Atenção Primária à Saúde por meio do apoio matricial. Traz os diferentes aspectos da inserção da saúde mental na atenção primária e os fatores que atuam como barreiras ao processo. Discute os achados de pesquisas nacionais e internacionais sobre a temática e os elementos comuns à descentralização em saúde mental. Os resultados permitem inferir que a supervisão e o suporte de especialistas, a sistematicidade dos encontros, a longitudinalidade, a capacitação de profissionais generalistas e especialistas, os cuidados coordenados em rede e os recursos invisíveis desempenham um papel central para a integração saúde mental e atenção primária.

    Abstract in English:

    This essay tackles the integration of mental health in Primary Health Care through the matrix support. It brings the different aspects of integration of mental health insertion into primary care and the factors that act as barriers to the process. It discusses the findings of national and international researches about the theme and the common elements to decentralization in mental health. The results allow us to infer that the supervision and the support of experts, the systematic nature of the meetings, the longitudinality, the enablement of both generalist and expert professionals, the coordinated cares in network and the invisible resources perform a central role for the integration of mental health and primary care.
  • Territories and meanings: space, culture, subjectivity and care in psychosocial attentiveness Ensaio

    Lima, Elizabeth Maria Freire de Araújo; Yasui, Silvio

    Abstract in Portuguese:

    No contexto da saúde coletiva e da saúde mental, o conceito de território está presente em múltiplas dimensões e sentidos. Aparece em documentos que expressam princípios e diretrizes das políticas de saúde e no planejamento das ações locais, e é elemento central para organizar a rede de cuidado na atenção psicossocial. O presente ensaio busca discutir o conceito de território e seus usos nas práticas da atenção psicossocial, desenvolvendo um diálogo com o geógrafo Milton Santos e os filósofos Gilles Deleuze e Félix Guattari, que, de campos e perspectivas distintas, trabalham com esse conceito. Este diálogo possibilitou pensar o território em sua complexidade, como espaço, processo e composição, de forma a potencializar a relação entre serviço, cultura, produção do cuidado e produção de subjetividade.

    Abstract in English:

    In the light of the collective health and of the mental health, the concept of territory is present in multiple dimensions and meanings. It appears in documents that express principles and guidelines of the health policies and in the planning of local actions, and it is a central element to organize the care network in psychosocial attentiveness. This present essay aims to discuss the concept of territory and its uses in the practices of psychosocial care, developing a dialogue with the geographer Milton Santos and the philosophers Gilles Deleuze and Félix Guattari who, from different fields and perspectives, work with this concept. This dialogue made it possible to think the territory in its complexity, as space, process and composition, in order to optimize the relationship between service, culture, production of care and production of subjectivity.
Centro Brasileiro de Estudos de Saúde RJ - Brazil
E-mail: revista@saudeemdebate.org.br