RESENHA

 

 

Luiz Fernando Ferreira

 

 

DICIONÁRIO DE PARASITOLOGIA EGBa/UEFS. Orlando Bastos de Meneses Salvador/Feira de Santana, 1984.

Em ótima apresentação gráfica, a Universidade Estadual de Feira de Santana nos brinda com o trabalho do prof. Orlando Bastos de Meneses.

Professor aposentado de Parasitologia em Salvador, atualmente trabalhando em Feira de Santana, o autor, há muito preocupado com o assunto, já havia publicado em 1954 "Rótulos Etimológicos de Parasitologia Veterinária".

Obra pioneira em nosso meio, e entre as poucas existentes, mesmo em língua estrangeira, é de inestimável valor, para todos os que se iniciam nos estudos de Parasitologia, médica ou veterinária.

Trazendo como subtítulo "à luz da Etimologia e Biografia", o autor nos dá demonstração de sua grande erudição, ao analisar as origens gregas e latinas das palavras empregadas. De grande interesse, ainda, os dados biográficos e históricos dos grandes parasitologistas e suas obras.

No prefácio, feito pelo professor Uriel Franco, pode-se ter uma idéia do trabalho minucioso, da metodologia empregada, bem como do carinho com que o autor se dedicou à realização do seu trabalho.

Bastante interessante, ainda, o capítulo inicial intitulado "Em torno da Parasitologia e de seu histórico no Brasil", assinado pelo professor Paulo de Toledo Artigas.

Dentro da organização clássica de um dicionário, o autor trata tanto dos termos técnicos como dos populares, de parasitologia ou doença parasitária médica ou veterinária, bem como dos principais pesquisadores da especialidade.

De consulta fácil, escrito em linguagem elegante, o Dicionário de Parasitologia irá sem dúvida alguma ocupar um lugar de grande relevância na literatura Parasitológica.

Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rio de Janeiro - RJ - Brazil