Ciência & Saúde Coletiva, Volume: 23, Número: 11, Publicado: 2018
  • Ser mulher, gestar e parir: sentidos em transição e desafios para o setor saúde

    Villela, Wilza Vieira
  • Saúde sexual e reprodutiva: competências da equipe na Atenção Primária à Saúde

    Telo, Shana Vieira; Witt, Regina Rigatto

    Resumo em Português:

    Resumo Os direitos à saúde sexual e reprodutiva foram desenvolvidos recentemente advindos da luta pela cidadania e pelos Direitos Humanos. Embora haja um reconhecimento da necessidade de formação por competências nesta área, sua delimitação ainda não foi explorada no Brasil. Este trabalho teve como objetivo construir um referencial de competências transversais para a atenção em Saúde Sexual e Reprodutiva na Atenção Primária à Saúde a partir da visão de especialistas. Trata-se de um estudo exploratório-descritivo, de abordagem mista, através da técnica Delphi online, realizado com 41 especialistas em saúde Sexual e reprodutiva e direitos sexuais e reprodutivos. Foram realizadas três rodadas de Delphi. Das 36 competências resultantes da análise qualitativa, 32 alcançaram consenso, sendo classificadas em quatro domínios: ética e princípios profissionais; liderança e gestão; trabalho com a comunidade, saúde e educação, aconselhamento e avaliação; e, provisão do cuidado. Os resultados corroboram conteúdos de competências preconizadas na literatura internacional e apresentam inovações para a prática. Por serem transversais, estas podem subsidiar o planejamento de ações das equipes no âmbito da saúde sexual e reprodutiva.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Sexual and reproductive health rights were developed recently as a result from the movements held for Human Rights and citizenship. Delimitations of this subject have not been explored in Brazil yet, even though the importance of developing skills related to this subject is recognized. This paper aims to construct a Sexual and Reproductive health transversal skills framework based on specialists’ point of view. A mix methods descriptive exploratory research with the use of the Delphi Technique was developed with 41 specialists in sexual and reproductive health and rights. Three rounds of data gathering were carried out. Of the 36 skills resulting from the qualitative analysis, 32 achieved a general consent and were classified in four domains: ethics and professional principles; leadership and management; community work, health and education, counseling and evaluation; and health care. Results corroborate skills content recommended by the international literature. These skills, which are transversal, may support the development of actions and practices of the health professionals concerning sexual and reproductive health care.
  • O preconceito contra a mulher entre trabalhadores da Atenção Primária em Saúde

    Mesquita Filho, Marcos; Marques, Thaline Figueiredo; Rocha, Ana Beatriz Cavalcanti; Oliveira, Suellen Ramos de; Brito, Maíra Barbosa; Pereira, Camila Claudiano Quina

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo deste trabalho foi pesquisar a existência de preconceitos contra a mulher entre trabalhadores da Atenção Primária em Saúde e identificar fatores associados. Estudo transversal que teve a participação de 163 profissionais de APS. Foram utilizados os questionários Estereótipos de Gênero (EG) e o Inventário do Sexismo Ambivalente. Pesquisou-se indivíduos dos dois sexos, com mais de 18 anos e escolaridade básica ou média. Os escores médios tinham valores acima de 50,0% do valor máximo: EG – 53,8%, Sexismo Hostil – 58,2%; Sexismo Benévolo – 64,1%. As médias estratificadas por variáveis sociodemográficas eram elevadas. Foram encontradas diferenças significantes por sexo (masculino maior que feminino), religiões (maior nos evangélicos) e nos que usavam bebidas alcoólicas, no Sexismo Hostil. No Sexismo Benévolo houve diferenças por escolaridade (maior no nível básico), religião (maior nos evangélicos e católicos) e atividade exercida (maior em serviços gerais). Estratificando EG não se encontrou diferenças significantes. Preconceitos sexistas hostis, benevolentes e estereótipos de gênero foram detectados. Esse achado pode influir negativamente na relação serviço-usuárias agravando as iniquidades em saúde geradas pelas desigualdades entre gêneros.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The objective of this study was to research the existence of sexism against women among primary healthcare (PHC) workers and to identify associated factors. This was a cross-sectional study in which 163 PHC professionals of both sexes participated, all of whom were aged over 18 and had completed their primary or secondary education. The Gender Stereotyping and Ambivalent Sexism Inventory questionnaires were used. The average scores were more than 50% of the maximum score: Gender Stereotyping – 53.8%, hostile sexism – 58.2%, benevolent sexism – 64.1%. The average scores stratified by sociodemographic variables were higher. Significant differences in the hostile sexism score were found for sex (men scored higher than women), religion (higher scores for evangelical Christians) and among those who drank alcohol. For benevolent sexism, differences were found for schooling (greater scores for those who had only completed their primary education), religion (higher scores for evangelical Christians and Catholics) and area of work (greater for those working in general services). The stratification of the Gender Stereotyping scores did not point to significant differences. Sexist prejudice was found to exist for hostile sexism, benevolent sexism and gender stereotyping. This finding could have a negative influence on the service-user relationship, leading to greater inequities in health as a result of gender inequality.
  • Vulnerabilidade de mulheres negras na atenção ao pré-natal e ao parto no SUS: análise da pesquisa da Ouvidoria Ativa

    Theophilo, Rebecca Lucena; Rattner, Daphne; Pereira, Éverton Luís

    Resumo em Português:

    Resumo Com princípios de respeito à proteção e à implementação dos direitos humanos, à diversidade cultural, étnica e racial e à promoção da equidade, a Rede Cegonha assegura direitos ao planejamento reprodutivo e provimento contínuo das ações de atenção à saúde materna e infantil. Este trabalho objetivou analisar diferenças na atenção ao pré-natal e ao parto no SUS segundo raça/cor a partir de dados da Pesquisa da Ouvidoria Ativa da Rede Cegonha em 2012. Este estudo descritivo utilizou o banco de dados secundários da pesquisa da Ouvidoria Geral do SUS. Constituíram o universo desta investigação 253.647 mulheres, sendo que 50,8% se autodeclararam pardas, 35,4% brancas, 10,6% pretas, 2,1% amarelas, 0,6% indígenas e de 0,5% sem informações sobre raça/cor. As mulheres de raça/cor preta/parda aparecem em piores condições nas características socioeconômicas, na assistência ao pré-natal e ao parto, em todas as variáveis estudadas, menos para agressão no parto e pagamento suplementar. Esse conhecimento sobre iniquidades e vulnerabilidades deve servir de alerta para a sociedade e para o poder público como diretriz para a elaboração de políticas e ações destinadas a reduzir desigualdades em saúde.

    Resumo em Inglês:

    Abstract With principles of respect to the protection and implementation of human rights, cultural, ethnic and racial diversity and also the promotion of equity, the Stork Network ensures the right to reproductive planning and continued provision of care in maternal and child health. This study sought to evaluate the Active Ombudsman Survey of the Stork Network conducted with women who had their births assisted by the Unified Health System (SUS) in 2012, in order to analyze ethnic/racial differences in prenatal and childbirth care. This descriptive study used the secondary database from the survey conducted by the SUS Ombudsman. The universe of this investigation was constituted by 253,647 women, and 50.8% self-declared themselves as brown, 35.4% white, 10.6% black 2.1% yellow, 0.6% Indians and for 0.5% race/color was not informed. Women of black/brown race appear to be worse off in socioeconomic characteristics, prenatal and childbirth care, in all variables studied, except concerning aggression and supplementary payment. Knowledge about inequalities and vulnerability of this group may serve to alert society and the government, and as a guideline for the development of policies and actions to reduce health inequalities.
  • Novas práticas de atenção ao parto e os desafios para a humanização da assistência nas regiões sul e sudeste do Brasil

    Pereira, Ricardo Motta; Fonseca, Giovanna de Oliveira; Pereira, Ana Célia Cirino Costa; Gonçalves, Gabrielly Antunes; Mafra, Roberta Amaral

    Resumo em Português:

    Resumo Os diferentes modelos de assistência ao parto e a escolha pela realização de cesáreas ou parto vaginal há tempos são debatidos no Brasil e no mundo. A complexidade dos fatores que cercam o tipo de parto escolhido e sua assistência tem suscitado questionamentos que vão desde a qualidade da atenção obstétrica até o significado da parturição para as mulheres. Assim, a nova proposta do Ministério da Saúde (MS), de humanização na atenção ao parto estabelecendo mudanças em relação ao acesso, assistência, qualidade e resolutividade, tem por objetivo tornar a experiência da gestação mais humanizada e menos tecnicista. O Hospital Sofia Feldman, em Belo Horizonte (MG), é tido como referência pelas boas práticas nessa área, de acordo com a Agência Nacional de Saúde Suplementar. Para que a humanização do cuidado gestacional se torne uma realidade nacional ainda existem muitos desafios a serem superados dentro dos sistemas de saúde, como problemas, sobretudo quanto ao sistema de formação educacional, o qual continua a preparar profissionais de saúde dentro do modelo intervencionista, focado na figura do médico. O presente estudo tem por objetivo fornecer um panorama acerca das diferentes práticas assistenciais humanizadas, voltadas à gestação e ao parto, realizadas nas regiões sul e sudeste do Brasil.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The humanization of care in childbirth and the choice of performing cesarean or vaginal delivery have long been discussed in Brazil and worldwide. The complexities of the factors surrounding this issue range from the quality of obstetric care through to the significance of childbirth for women. A new proposal for humanization of delivery was introduced by the Brazilian Ministry of Health, the objectives of which were to make changes to the current system of delivery practices regarding, access, care, quality and resolution, in order to make it a more human and less technical experience. The Sofia Feldman Hospital, in Belo Horizonte - MG, is a benchmark in the adoption of best practices in care during childbirth, according to the Brazilian National Health Agency. However, for the humanization to become a national reality, there are still many challenges to be overcome within the public health system and the private partnerships. The most important problems are related with the current education system that continues to prepare health professionals to act in an interventional way, focused on the physician figure. This study aims to provide an overview about the different humanized care practices focused on pregnancy and childbirth, conducted in southern and southeastern Brazil.
  • A representação cultural de um “parto natural”: o ordenamento do corpo grávido em meados do século XX

    Ayres, Lilian Fernandes Arial; Henriques, Bruno David; Amorim, Wellington Mendonça de

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo deste estudo foi discutir as estratégias pedagógicas destinadas às mulheres para institucionalização da representação do parto normal a partir da obra Parto Natural: Guia para os futuros pais, publicada em 1955. Partiu-se de uma análise histórica e cultural desse livro em suas edições publicadas nos anos de 1955, 1957, 1960 e 1964, auxiliada por materiais publicados à época que compartilhavam das mesmas significações e representações referentes às questões do parto no contexto brasileiro. Esse período foi marcado pelo resgate e surgimento de métodos de preparação da mulher para o processo de parir. A análise, à luz do referencial teórico de Roger Chartier, principalmente com a noção de representação, e de Michel Foucault, indica que os dispositivos utilizados na tessitura da obra visaram propor um modelo de parto disciplinar, a institucionalização, medicalização e industrialização do parto normal no contexto brasileiro em meados do século XX.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The scope of this study is to discuss teaching strategies directed towards women to institutionalize the representation of normal birth based on the work “Natural Childbirth: A Guide for Future Parents”, published in 1955. The research begins with a historical and cultural analysis of the 1955, 1957, 1960 and 1964 editions of this book. It is aided by materials published, in the same period, which share the same meanings and representations concerning issues surrounding childbirth in the Brazilian context. It is a period marked by retrospectives and the emergence of methods for preparing women for the childbirth process. The results of our analysis, in the light of Roger Chartier’s theoretical framework, especially applying the notion of representation of Michel Foucault, indicate that the apparatuses used in the work’s registers sought to propose a disciplinary model for childbirth: institutionalization, medical insertion and industrialization of normal childbirth in the Brazilian context of the mid-twentieth century.
  • Carga de Retardo Mental Leve atribuída à exposição pré-natal ao metilmercúrio na Amazônia: estimativas local e regional

    Vasconcellos, Ana Claudia Santiago de; Barrocas, Paulo Rubens Guimarães; Ruiz, Claudia Maribel Vega; Mourão, Dennys de Souza; Hacon, Sandra de Souza

    Resumo em Português:

    Resumo A corrida pelo ouro na Amazônia elevou os níveis de mercúrio (Hg) no ambiente e, consequentemente, aumentou a exposição humana. Uma vez liberado em sistemas aquáticos, o Hg pode gerar metilmercúrio (MeHg), um composto tóxico que se acumula ao longo de cadeias tróficas. Vários estudos têm gerado evidências sobre a sensibilidade do cérebro ao MeHg, bem como sobre a vulnerabilidade do feto durante a gravidez. O principal objetivo deste trabalho foi estimar a carga de Retardo Mental Leve (RML) em populações amazônicas, causada pela exposição pré-natal ao MeHg, utilizando a metodologia proposta por Poulin (2008). As estimativas de RML, atribuída à exposição ao MeHg pré-natal, foram baseadas no cálculo dos Anos de Vida Ajustados por Incapacidade (DALY), que foi desenvolvido a partir de taxa de incidência RML nas populações estudadas. Em nível local, o cálculo da taxa de incidência RML baseou-se em dados primários sobre a exposição ao MeHg em mulheres ribeirinhas em idade fértil. A taxa de incidência RML foi igual a 5,96/1.000 nascidos, o que resulta na perda de 2,0 pontos de QI em 34,31% dos nascidos. A estimativa de DALY/1.000 nascidos foi igual a 71,2, enquanto o DALY foi de 576. Para as estimativas regionais, foram criados diferentes cenários de exposição. Os DALYs calculados variaram de 3.256 a 65.952 por ano.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The gold rush in the Amazon Region caused an increase of mercury (Hg) levels in the environment, and, consequently, raised human exposure. Once released into aquatic systems, Hg could generate methylmercury (MeHg), an extremely toxic compound, which is accumulated through trophic chains. Several studies have provided evidences of the brain sensitivity to MeHg, as well as, of the fetus vulnerability during pregnancy. The main objective of this study was to estimate the Mild Mental Retardation (MMR) in Amazonian populations, caused by prenatal exposure to MeHg, using the methodology proposed by Poulin (2008), which quantifies the environmental burden of disease. The estimates of the MMR burden, attributed to prenatal MeHg exposure, were based on the calculation of Disability-Adjusted Life Years (DALY), which were obtained from MMR incidence rate in the studied populations. At the local level, the MMR incidence rate calculations were based on primary data of MeHg exposure of riverine women at childbearing age. The MMR incidence rate was equal to 5.96/1,000 infants, which would result in 2.0 IQ points loss in 34.31% of the newborns. The estimated DALY/1,000 infants was equal to 71.2, while the DALY was 576. For the regional estimates, different exposure scenarios were created. The calculated DALY varied from 3,256 to 65,952 per year.
  • Fatores associados à ausência de aleitamento materno na alta hospitalar em uma maternidade pública de Maceió, Alagoas, Brasil

    Tenório, Micaely Cristina dos Santos; Mello, Carolina Santos; Oliveira, Alane Cabral Menezes de

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo deste artigo é avaliar a prevalência e os fatores associados à ausência de aleitamento materno na alta hospitalar em uma maternidade pública de Maceió, Alagoas, Brasil. Estudo transversal realizado com puérperas sob alta hospitalar assistidas na maternidade do hospital universitário da capital. Foram calculadas razões de prevalência (RP) e respectivos intervalos de confiança de 95% (IC95%) por regressão de Poisson com emprego de modelo hierarquizado. Aproximadamente 20% das puérperas não estavam amamentando. Hábito tabagista na gravidez [RP = 5,20; (IC95% = 1,75-15,33); p = 0,003]; intercorrências na gestação [RP = 3,50; (IC95% = 1,04-11,77); p = 0,042] e falta de informações sobre aleitamento materno no pré-natal [RP = 5,44; (IC95% = 1,78-16,67); p = 0,003] foram fatores desfavoráveis à amamentação. A prática de aleitamento materno dentro da maternidade está aquém do ideal. Evidencia-se a importância do pré-natal, visando fornecer orientações quanto à prevenção do tabagismo na gestação e aconselhamento sobre aleitamento materno, com atenção especial àquelas puérperas que tiveram intercorrências na gestação.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This article sets out to evaluate the prevalence and associated factors with the lack of breastfeeding upon discharge from hospital in a public maternity facility in Maceio, Alagoas, Brazil. It involved a cross-sectional study performed with women who had recently given birth at the moment of discharge from the maternity ward of a university hospital in the capital. Prevalence ratios (PR) and confidence intervals of 95% (CI95%) were calculated by Poisson regression with the use of a hierarchical model. Approximately 20% of mothers did not breastfeed. Smoking during pregnancy [PR = 5.20; (CI95% =1.75 to 15.33), p = 0.003]; complications during pregnancy [PR =3.50; (CI95% =1.04 to 11.77), p = 0.042] and insufficient information about breastfeeding during prenatal care [PR = 5.44; (CI95% 1.78 to 16.67); p = 0.003] were the major negative factors associated with the lack of breastfeeding. Breastfeeding in the maternity ward was lower than ideal. Guidelines on smoking prevention and encouragement of breastfeeding must be highlighted during prenatal care, especially for women with complications during pregnancy.
  • Não realização de citopatológico de colo uterino entre gestantes no extremo sul do Brasil: prevalência e fatores associados

    Terlan, Rodrigo Jacobi; Cesar, Juraci Almeida

    Resumo em Português:

    Resumo O câncer do colo do útero é o terceiro tumor mais frequente na população feminina e o teste citopatológico (CP) a principal estratégia para o rastreamento. Este estudo mediu a prevalência e os fatores associados à não realização de CP entre gestantes maiores de 25 anos, durante o pré-natal, no município de Rio Grande, RS, em 2013. A análise multivariável utilizou regressão de Poisson avaliada por meio de razão de prevalências (RP). Dentre as 1474 gestantes incluídas no estudo, 21,6% (IC95% 19,5%-23,7%) não realizaram CP nos últimos três anos. Na análise ajustada, a RP para não realização entre puérperas com escolaridade entre 0-4 anos foi 2,14 (IC95%:1,35-3,38) em comparação àquelas com 12 anos ou mais. Ter referido aborto prévio e consumido álcool durante a gestação mostrou RP = 1,38 (1,10-1,73) e 1,39 (1,04-1,84) de não fazê-lo em relação às demais, respectivamente. Realizar 1-5 consultas de pré-natal conferiu RP = 1,35 (1,03-1,77) em relação às demais. Evidencia-se proporção expressiva de não realização de CP e não cumprimento de recomendação básica do Ministério da Saúde. Os profissionais de saúde deveriam reforçar a necessidade de realização deste exame, bem como busca ativa na comunidade das gestantes com o perfil aqui descrito.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Cervical cancer is the third most common cause of cancer among women worldwide, and Pap smears are the best screening strategy for its detection. This study evaluated the prevalence and the associated factors of the non-performance of Pap smears among pregnant women above the age of 25 during prenatal care in the municipality of Rio Grande, Brazil, in 2013. The multivariate analysis was performed by Poisson regression evaluated by prevalence ratio (PR). Of the 1,474 pregnant women included in the study, 21.6% (95% CI, 19.5%–23.7%) had not been screened. The adjusted analysis evidenced a PR for the non-performance among puerperae with 0-4 years schooling of 2.14 (95% CI, 1.35–3.38) compared to those with 12 years or more. Reporting previous abortion and alcohol use during pregnancy showed a PR of 1.38 (1.10–1.73) and 1.39 (1.04–1.84) of not doing so compared to the other, respectively. Finally, performing 1–5 prenatal visits evidenced a PR of 1.35 (1.03–1.77) compared to the others. A high proportion of pregnant women non-performing Pap smears and non-compliance with the basic recommendation by the Brazilian Ministry of Health has been found. Health professionals should reinforce the need for this test and active search for pregnant women in the community with the profile described herein.
  • Fatores assistenciais e gestacionais associados à anemia em nutrizes atendidas em um banco de leite humano

    Ferreira, Larissa Bueno; Melo, Luisa Freitas de; Melo, Maria Eduarda Fernandes de; Sousa, Taciana Maia de; Miranda, Cristianny; Pereira, Simone Cardoso Lisboa; Notaro, Karine Antunes Marques; Santos, Luana Caroline dos

    Resumo em Português:

    Resumo A anemia é um problema de saúde pública que acomete cerca de 30% das gestantes brasileiras, podendo acarretar efeitos deletérios à saúde e qualidade de vida do binômio mãe-filho. O objetivo deste artigo é avaliar os fatores assistenciais e gestacionais associados à anemia entre nutrizes atendidas em um banco de leite humano (BLH) de referência. Estudo transversal com dados secundários referentes a informações sociodemográficas e gestacionais de 12283 nutrizes no período de 2009 a 2012. Aplicaram-se os testes Kolmogorov-Smirnov e Qui-quadrado ou exato de Fisher. Estimaram-se as Razões de Prevalência (RP) e respectivos Intervalos de Confiança-IC95%, por meio da Regressão de Poisson com variância robusta. Identificou-se a prevalência de anemia em 29,2% da amostra, sendo maior entre as mães que não realizaram o pré-natal (RP = 3,84; IC95% 3,26-4,54); as que realizaram até 3 consultas pré-natais (RP = 1,92; IC95% 1,21-3,06) e aquelas que tiveram gestação múltipla (RP = 2,29; IC95% 1,25-4,19). Os resultados apontaram maior prevalência de anemia entre as mulheres que não realizaram o pré-natal apropriado e as que tiveram gestações múltiplas, destacando-se a importância da assistência à saúde como fator de prevenção à anemia e demais intercorrências gestacionais.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Anemia is a public health problem that affects about 30% of Brazilian women, which may cause deleterious effects on the health and quality of life of mother and child. This article seeks to evaluate the healthcare and gestational factors associated with anemia among mothers receiving care at a human milk bank (HMB) of reference. It is a cross-sectional study with secondary data about sociodemographic and pregnancy information on 12283 nursing mothers from 2009 to 2012. The Kolmogorov-Smirnov and chi-square or Fisher’s exact tests were applied. The prevalence ratios (PR) and their 95% confidence intervals were estimated by Poisson regression with robust variance. Anemia was identified in 29.2% of the sample and the prevalence was higher among mothers who did not have prenatal appointments (PR = 3.84; 95% CI 3.26 to 4.54); those who made 3 or less antenatal visits (PR = 1.92; 95% CI 1.21 to 3.06) and those who have had multiple pregnancies (OR = 2.29, 95% CI 1.25 to 4.19). The results showed a higher prevalence of anemia among women who did not have the appropriate prenatal care and who have had multiple pregnancies, highlighting the importance of healthcare as a factor in the prevention of anemia and other complications during pregnancy.
  • Fatores associados à obesidade geral e ao percentual de gordura corporal em mulheres no climatério da cidade de São Paulo, Brasil

    França, Ana Paula; Marucci, Maria de Fátima Nunes; Silva, Maria de Lourdes do Nascimento da; Roediger, Manuela de Almeida

    Resumo em Português:

    Resumo Para verificar a associação entre obesidade e variáveis demográficas, clínicas e relacionadas ao estilo de vida em mulheres no climatério, foi realizado um estudo transversal com 469 mulheres de 40 a 65 anos em dois ambulatórios públicos da cidade de São Paulo. As variáveis dependentes foram: obesidade, segundo índice de massa corporal (IMC) e obesidade, segundo percentual de gordura corporal (%GC). A variável explanatória principal foi: fase do climatério (pré ou pós-menopausa); e as variáveis de controle foram: idade; anos de estudo; paridade; uso de terapia hormonal da menopausa; prática de atividade física e hábito de fumar. Realizou-se análise de regressão “glm” múltipla, utilizando para as análises o software Stata 9.2. Segundo o IMC, a obesidade associou-se positivamente, à paridade (RP = 1,62; IC 95% = 1,11-2,37) e, negativamente, aos anos de estudo (RP = 0,71; IC 95% = 0,55-0,91) e à prática de atividade física (RP = 0,45; IC 95% = 0,33-0,61). De acordo com o %GC, a obesidade associou-se positivamente à paridade (RP = 1,60; IC 95% = 1,03-2,49) e, negativamente, à prática de atividade física (RP = 0,43; IC 95% = 0,29-0,63). Enquanto a prática de atividade física foi um fator protetor, a multiparidade constituiu-se como fator de risco para a prevalência de obesidade no grupo de mulheres deste estudo.

    Resumo em Inglês:

    Abstract To verify the association between obesity and demographic, clinical and lifestyle variables in climacteric women, a cross-sectional study was conducted in outpatient clinics, with 469 women aged 40 to 65 years in the city of São Paulo, Brazil. The dependent variables were: obesity according to body mass index (BMI) and obesity according to percentage of body fat (% BF). The main explanatory variable was: climacteric phase (pre or postmenopausal); and control variables were: age; years of formal study; parity; menopausal hormone therapy (MHT) use; physical activity practice and smoking habit. Multiple regression analysis was performed using the Stata 9.2 software. According to the BMI, obesity was positively associated with parity (RR = 1.62, 95% CI = 1.11-2.37) and, negatively, with years of formal study (RP = 0.71, CI 95% = 0.55-0.91) and with physical activity practice (PR = 0.45, 95% CI = 0.33-0.61). According to the % BF, obesity was positively associated with parity (PR = 1.60, 95% CI = 1.03-2.49) and negatively with physical activity practice (PR = 0.43; 95% CI = 0.29-0.63). While being active physically was protective, multiparity was a risk factor for developing obesity for women in this study.
  • Transtorno mental comum entre mulheres encarceradas: estudo de prevalências e fatores associados

    Audi, Celene Aparecida Ferrari; Santiago, Silvia Maria; Andrade, Maria da Graça Garcia; Francisco, Priscila Maria Stolses Bergamo

    Resumo em Português:

    Resumo Método Transtornos mentais estão presentes em quatro das dez principais causas de incapacidade em todo o mundo. O objetivo deste artigo é analisar a prevalência e os fatores associados ao transtorno mental comum entre mulheres encarceradas. estudo transversal realizado com uma população de 1.013 mulheres encarceradas em uma prisão feminina. A prevalência de TMC foi avaliada através do SQR-20. O modelo de regressão logística hierárquica foi o método de análise utilizado para verificar associações independentes entre as variáveis sociodemográfica, estilo de vida, morbidade e violência com TMC e sua força de associação. A prevalência de TMC foi de 66,7%. Foram de forma independente e positivamente associadas com TMC as variáveis: falta de renda, hipertensão, uso de tranquilizantes, sedentarismo, tabagismo, sarna/pediculose, violência psicológica no ano antes de ser presa e ter testemunhado violência psicológica na família quando criança/adolescente. Atividades interdisciplinares entre as instituições de saúde, justiça e educação podem contribuir para uma avaliação qualificada das mulheres antes da admissão no sistema prisional, assim como contribuir para a melhoria das condições de vida e de melhores estratégias de saúde e recuperação.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Mental disorders are present in four of the ten main causes of incapacity across the world. This article aims to analyze the prevalence of Common Mental Disorders (CMD) in incarcerated women and associated factors. A cross-sectional study was conducted with a population of 1,013 women incarcerated in a female prison. The prevalence of CMD was assessed by the SRQ-20. The hierarchical logistic regression was the method of analysis used to search for independent associations between sociodemographic, lifestyle, morbidity and violence variables with CMD and strength of association. The prevalence of CMD was 66.7%. The following variables were independently and positively associated with CMD: lack of income, hypertension, tranquilizers, physical inactivity, smoking, scabies/pediculosis, psychological violence in the year before being arrested, and having witnessed psychological violence in the family in childhood/adolescence. Interdisciplinary activities among health, justice and education institutions can contribute to a qualified assessment of women before admission into the prison system. This can enable an approach that does not exacerbate or trigger the onset of CMD, contributing to the improvement in living conditions and for better health and recovery strategies.
  • Assimetria e simetria de gênero na violência por parceiro íntimo em pesquisas realizadas no Brasil

    Conceição, Thays Berger; Bolsoni, Carolina Carvalho; Lindner, Sheila Rubia; Coelho, Elza Berger Salema

    Resumo em Português:

    Resumo O presente estudo tem como objetivo analisar a violência por parceiro íntimo a partir das concepções de simetria e assimetria de gênero. Foram selecionadas para análise 79 publicações, com maior predominância entre os anos de 2006 a 2014 (78,5%). As áreas de revistas que abordaram o tema foram a psicologia (32,9%), seguida pela saúde pública (27,9%) e enfermagem (27,6%). Dos pesquisadores, 46,8% trabalham com o discurso da linha teórica feminista, cuja abordagem de gênero é considerada assimétrica. Produzem em sua maioria pesquisas qualitativas com amostra composta apenas de mulheres (81,1%), enquanto que 78,3% coletaram os dados a partir dos serviços de apoio à vítima de violência. Quando se observam as características dos estudos realizados por pesquisadores da linha teórica dos sociólogos da família que defendem a simetria de gêneros (25,3%), as abordagens qualitativas e quantitativas foram utilizadas em semelhantes proporções. A violência bidirecional foi apontada em 80% destas pesquisas. Constatamos forte liderança da linha teórica feminista nos discursos dos pesquisadores. Destaca-se a importância da discussão dos dados com diversos referenciais teóricos, pois a análise isolada, por qualquer que seja a área, corre o risco de ser tendenciosa e, assim, fragilizar os resultados.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This study aims to analyze intimate partner violence from the gender symmetry and asymmetry concepts. Seventy-nine papers were selected for analysis, and most were published in the 2006-2014 period (78.5%). The fields of journals that addressed the subject were psychology (32.9%) followed by public health (27.9%) and nursing (27.6%). Of the researchers, 46.8% work with the feminist theoretical line discourse, whose gender approach is asymmetrical. They mostly produce qualitative research with a sample consisting of women only (81.1%), and 78.3% collected data from violence victims’ support services. When looking at the characteristics of the studies conducted by researchers from the theoretical line of family sociologists who advocate gender symmetry (25.3%), qualitative and quantitative approaches were used in similar proportions. Bidirectional violence was identified in 80% of this research. We noted a strong leadership of the feminist theoretical line, which was identified in the discourses of the researchers. We stress the relevance of the discussion of the data with different theoretical frameworks, since analysis in isolation, regardless of the field, runs the risk of being biased and thus weaken the results.
  • Influência da autoconfiança materna sobre o aleitamento materno exclusivo aos seis meses de idade: uma revisão sistemática

    Rocha, Isabela Silva; Lolli, Luiz Fernando; Fujimaki, Mitsue; Gasparetto, André; Rocha, Najara Barbosa da

    Resumo em Português:

    Resumo A amamentação é uma prática diretamente relacionada com a saúde da mãe e, principalmente, do bebê. Apesar de ser um processo natural, muitas mães relatam dificuldades. Este estudo objetivou buscar evidências científicas sobre a questão: “Mãe com mais confiança consegue amamentar exclusivamente por 6 meses?”. Foi realizada uma revisão sistemática com busca em 5 bancos de dados eletrônicos, que resultou na inclusão de 4 estudos de coorte para avaliação. Realizou-se uma análise qualitativa dos resultados, porém não foi possível fazer a meta-análise. Autoconfiança em amamentar foi avaliada pela escala “Breastfeeding Self-Efficacy Scale”. Os estudos analisados mostraram que há associação estatística significante entre aleitamento materno exclusivo e autoconfiança em amamentar. A utilização da escala parece ser uma ferramenta confiável para identificar mães em risco para desmame precoce, facilitando o planejamento de ações pelos profissionais em saúde. As evidências obtidas mostraram a associação entre mães com maior confiança em amamentar e a amamentação exclusiva por 6 meses, porém estes resultados não podem ser generalizados devido à heterogeneidade das populações.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Breastfeeding is a practice directly related to the health of the mother and especially the baby. Despite being a natural process, many mothers report difficulties with breastfeeding. This study aimed to seek scientific evidence on the issue: “Can a mother with more confidence in breastfeeding exclusively breastfeed her baby for 06 months?”. We conducted a systematic review with a search in five electronic databases, and included four cohort studies for evaluation. We conducted a qualitative analysis of the results, considering the methodological differences and lack of data, and were unable to perform meta-analysis. Confidence in breastfeeding was evaluated by using the Breastfeeding Self-Efficacy Scale. The studies analyzed showed statistically significant association between the practice of breastfeed and confidence in breastfeeding. The application of a scale to evaluate trust and identify mothers at risk for early weaning appeared to be a reliable measurement tool, capable of facilitating action planning by health professionals. The evidence showed association between mothers with higher levels of confidence in breastfeeding and exclusive breastfeeding for 6 months, but these results could not be generalized because of the heterogeneity of the population.
  • Imagem corporal de adolescentes do sexo feminino saudáveis e sua associação com a atividade física: revisão sistemática

    Rica, Roberta Luksevicius; Bocalini, Danilo Sales; Miranda, Maria Luiza de Jesus; Valenti, Vitor Engrácia; Gama, Eliane Florêncio

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo do trabalho foi analisar a produção cientifica relacionada à imagem corporal em adolescentes do sexo feminino saudáveis e sua associação com a atividade física. Foi realizada uma revisão sistemática da literatura de artigos publicados em periódicos nacionais e internacionais. Os seguintes critérios de inclusão para os artigos foram adotados: amostra composta por adolescentes do sexo feminino e artigos publicados no período de 2005 a 2015. Foram incluídos 18 estudos com uma disparidade regional nas publicações de estudos na Europa (61,2%). A maioria dos estudos (95%) utilizou questionários como instrumentos de pesquisa para a atividade física e 55% utilizou escalas para analisar a imagem corporal, cujos conteúdos variaram, assim como as definições operacionais de atividade física e imagem corporal, dificultando a comparação dos resultados. Não observamos aumento na produção da literatura. Concluindo, os principais achados da presente revisão referem-se à falta de padrão na mensuração da atividade física e na análise da imagem corporal. Dessa forma, embora seja uma temática presente na literatura, é possível considerar que a diversidade de delineamento metodológico entre os estudos dificulta a comparação entre os dados, tornado imperativa a padronização de instrumentos e definições essenciais.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The aim of this study was to evaluate the related scientific production on body image in healthy female adolescents and its association with physical activity. A systematic review of national and international journals was conducted using the major electronic databases. The following inclusion criteria selection were used: sample of female adolescents, with different results; papers in English, Spanish and Portuguese; papers published from 2005 to 2015. Eighteen studies were included and carefully analyzed. The most published paper concentrations were found in Europe (61.2 %). Several studies (95%) used questionnaires as a research instrument to assess physical activity and 55% studies used scales to analyze the body image. No increase was found in the production of literature involving body image study and physical active behavior in healthy female adolescents. In conclusion, the main findings of this review relate to the lack of parameters for the measurement of physical activity and body image analysis. Thus, although it is a current thematic area in the literature, it is possible to consider that the diversity of methodological design between studies makes it difficult to compare the data, making it imperative to standardize instruments and definitions.
  • O Programa Nacional de Saúde Reprodutiva de Cabo Verde: alcances, limites e desafios

    Villela, Wilza Vieira; Lima, Redy Wilson; Brito, Cláudia Fernandes de

    Resumo em Português:

    Resumo Cabo Verde é um arquipélago do continente africano, com cerca de 538.535 habitantes. Desde sua independencia, em 1975, o país tem experimentado um rápido crescimento econômico e social, com ganhos significativos em escolarização, redução dos óbitos maternos e da mortalidade infantil. Em 2001, seguindo as diretrizes da Conferencia Internacional de População e Desenvolvimento (CIPD, Cairo, 1994), foi lançado o Programa Nacional de Saúde Reprodutiva, PNSR, visando incluir ações de saúde sexual e reprodutiva, SSR, para adolescentes, jovens e homens adultos, em parceria com o setor de educação e centros de juventude. Entretanto, a persistência da gravidez não planejada, do aborto clandestino e da infecção pelo HIV indicam lacunas na sua implementação. Estudos realizados no país apontam razões socioculturais e no âmbito da organização e oferta de serviços para os problemas identificados. Este trabalho tem como finalidade refletir sobre os alcance e limites do PNSR de Cabo Verde, considerando os desafios de implementação de políticas de saúde que afetam práticas culturais relativas ao gênero e a sexualidade; as especificidades demográficas, socioeconômicas e culturais de Cabo Verde e ainda a importancia da SSR para o desenvolvimento.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Cape Verde is an archipelago on the African coast, with 538,535 inhabitants living on nine islands. Since it gained independence in 1975, the country has experienced rapid economic and social growth, with significant gains in education as well as a reduction in maternal and infant mortality deaths. In 2001, following the guidelines of the International Conference on Population and Development (ICPD, Cairo, 1994), the National Reproductive Health Program (PNSR) was launched aiming to provide sexual and reproductive health (SRH) services to adolescents, young people and adult men, in partnership with the education sector and youth centers. However, the continuance of unplanned pregnancies, illegal abortions and HIV infections has indicated that there are gaps in the program`s implementation. Studies conducted in the country point to socio-cultural aspects as well as aspects covering organizations and the services on offer, as some of the reasons for the identified problems. This paper aims to reflect on the scope and limits of the PNSR in Cape Verde with consideration being given to the challenges of implementing health policies that affect cultural practices related to gender and sexuality. Consideration is also given to the specifics of Cape Verde`s demographics, economic and cultural aspects as well as the importance of the SRH services to its development.
  • Factores asociados a las concentraciones de hemoglobina en preescolares

    Pedraza, Dixis Figueroa; Araujo, Erika Morganna Neves de; Santos, George Luís Dias dos; Chaves, Leticia Rangel Mayer; Lima, Zilka Nanes

    Resumo em Espanhol:

    Resumen El presente estudio buscó identificar en niños preescolares la asociación de las concentraciones de hemoglobina con características socio-ambientales, maternas, biológico-nutricionales y las condiciones de salud; así como con las concentraciones séricas de zinc y retinol. Estudio transversal con muestra de 335 individuos, representativa de los niños de jardines infantiles del municipio de Campina Grande, Paraíba. En los 294 niños estudiados, el modelo ajustado mostró menores concentraciones de hemoglobina en casos de tipo de casa diferente de ladrillo; ausencia de red de escoto; colecta no pública de la basura; no tratamiento del agua para beber; dificultades maternas para leer, escribir o hacer cuentas; edad entre 9-24 meses; peso/edad < - 2 escore Z y problemas de salud en los últimos 15 días, bien como en casos de bajas concentraciones séricas de zinc y retinol. La multicausalidad de concentraciones inferiores de hemoglobina comprendió condiciones socio-ambientales y características materno-infantiles que refuerzan la importancia de medidas que prioricen los niños de menor edad, de madres con menor nivel educacional y con prejuicios en su peso, estado de salud y condición nutricional de otros micronutrientes importantes en el crecimiento.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This study sought to identify the association between the concentration of hemoglobin and socio-environmental, maternal, biological-nutritional and health condition characteristics in preschool children; as well as the serum concentrations of zinc and retinol. It involved a cross-sectional study with 335 individuals, a representative sample of children enrolled in child day care centers in the city of Campina Grande, Paraíba. In the 294 children studied, the adjusted model showed lower concentrations of hemoglobin when the house was not made of bricks; there was no sewerage system; no public garbage collection; no treatment of drinking water; maternal difficulties for reading, writing and making calculations; age between 9 - 24 months; weight/age < - 2 score Z and health problems in the last 15 days, as well as in cases of lower serum concentrations of zinc and retinol. The multicausality of lower hemoglobin levels included socio-environmental conditions and child-maternal characteristics that reinforce the importance of measures that prioritize the younger children of mothers with lower education levels and prejudiced in weight, health and nutritional status of other important micronutrients for growth.
  • Aspectos relacionados à utilização de antirretrovirais em pacientes de alta complexidade no estado do Rio de Janeiro, Brasil

    Madruga, Lívia Gonçalves dos Santos Lima; Silva, Gabriela Veloso Vieira da; Alves, Vinicius Abib Ramos; Velarde, Luis Guillermo Coca; Azeredo, Thiago Botelho; Setúbal, Sergio; Brito, Monique Araújo de; Lima, Elisangela da Costa

    Resumo em Português:

    Resumo O tratamento da aids implica a utilização de diversos medicamentos que compõem a terapia antirretroviral, sendo o controle logístico monitorado por um sistema nacional informatizado de dispensação, o Sistema de Controle Logístico de Medicamentos (SICLOM). O objetivo foi investigar a utilização da terapia antirretroviral de pacientes de dois hospitais universitários no Estado do Rio de Janeiro a partir do SICLOM. Foi realizado um estudo seccional com coleta de dados sociodemográficos e de dispensação, a partir do SICLOM. A avaliação da posse para estimativa de pacientes não aderidos foi realizada através do indicador de proporção de dias cobertos (PDC). Foram incluídos 538 pacientes com cadastro ativo no SICLOM, maiores de 18 anos de ambos os sexos. O ARV mais utilizado em ambos os hospitais foi lamivudina, dentre 58 esquemas diferentes identificados. A maior parte dos pacientes utilizava esquemas classificados como de primeira linha de tratamento. Em média, a proporção de dias cobertos (posse) pelo tratamento foi 88% (± 0,16). A linha de tratamento mostrou associação estatística com a posse, sendo observado melhor PDC 91% (p < 0,001) para os esquemas resgate. Este estudo corroborou o SICLOM como uma boa fonte para conhecimento do perfil de utilização de ARV.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Treatment of AIDS involves the use of the cocktail of drugs that make up the antiretroviral therapy. Its logistic control is monitored by a computerized national system of dispensation, the Logistic Control System of Medication (SICLOM). This study aimed to investigate, by means of SICLOM data, the use of antiretroviral therapy in patients treated at two University Hospitals in the state of Rio de Janeiro. A cross-sectional study was conducted with sociodemographic and dispensation data collected from SICLOM. The evaluation of drug ownership was done by calculating the Proportion of Days Covered (PDC). Five hundred and thirty-eight patients of both genders with active registration in SICLOM and over 18 years of age were included. The ART most used in both hospitals was lamivudine, considering the total of 58 different schemes identified. The mean of possession of groups was 88% (± 0,16). The factor associated with possession of drugs was the ART scheme, with PDC of 91% (p<0,001) for rescue schemes. This study confirmed that SICLOM was a reliable source to establish the profile of the population assisted.
  • Associação entre fatores socioeconômicos, comportamentais, saúde geral e condição da mucosa bucal em idosos

    Oliveira, Marisa Borges; Lopes, Fernanda Ferreira; Rodrigues, Vandilson Pinheiro; Alves, Claudia Maria Coelho; Hugo, Fernando Neves

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo deste estudo foi investigar a associação entre fatores socioeconômicos, comportamentais, saúde geral, saúde bucal e os desfechos de acúmulo de placa e condição de mucosa bucal em idosos. Este estudo transversal, conduzido entre 2004 e 2005, incluiu 785 idosos de Carlos Barbosa, RS. Questionários foram utilizados para coleta de dados socioeconômicos, comportamentais e estado de saúde. O exame físico das estruturas bucais e o Índice de Mucosa e de Placa de Henriksen (MPS) foram utilizados para categorizar os desfechos. Observou-se maior prevalência de acúmulo de placa moderado/grave entre os idosos mais velhos, do sexo masculino e com menor escolaridade. O uso de prótese dental total superior e renda de até 1 salário mínimo foram fatores de proteção para acúmulo de placa moderado/grave. Apenas as variáveis do primeiro bloco da estrutura conceitual, sexo masculino (OR = 2,13; IC95% = 1,26-3,61) e menor escolaridade (OR = 1,37; IC95% = 1,06-1,78) permaneceram associados como risco à presença de escore inaceitável do MPS. Os achados sugerem que idosos do sexo masculino e com menor escolaridade têm maior chance de saúde bucal precária, conforme o MPS.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This study aimed to investigate the association between socioeconomic and behavioral factors, general health, oral health, and plaque accumulation and oral mucosa condition outcomes in the elderly. This is a cross-sectional study conducted from 2004 to 2005 with 785 elderly dwellers of the city of Carlos Barbosa (RS), Brasil. We used questionnaires to collect socioeconomic, behavior and health status data. The physical examination of the oral structures comprised the Mucosal-Plaque Index proposed by Henriksen (MPS). A higher prevalence of moderate/severe plaque accumulation was observed in the elderly group, in less educated male elderly. The use of full upper dentures and income under one minimum wage were protective factors for moderate/severe plaque accumulation. Only the variables of the first block of the conceptual structure, male gender (OR = 2.13; 95% CI 1.26-3.61) and lower education (OR = 1.37; 95% CI 1.06-1.78) remained associated with an unacceptable MPS score. The findings suggest that, as per MPS, less educated male elderly are more likely to have poor oral health.
  • Uso de Facebook, estrés percibido y consumo de alcohol en jóvenes universitarios

    Oliva, Edna Idalia Paulina Navarro; Gherardi-Donato, Edilaine Cristina da Silva; Bermúdez, Javier Álvarez; Facundo, Francisco Rafael Guzmán

    Resumo em Espanhol:

    Resumen Analizar el efecto entre el uso de Facebook, el estrés percibido y el consumo de alcohol en jóvenes. Fue realizado un estudio descriptivo, correlacional y transversal. La muestra fue de 110 jóvenes universitarios jóvenes universitarios de Nuevo León, México. Muestreo probabilístico. Se utilizó una Cedula de Datos Personales y Prevalencias del Consumo de Alcohol, Cuestionario de Identificación de Trastornos por Uso del Alcohol (AUDIT), Cuestionario de Uso de Facebook y la Escala de Estrés Percibido. Se contó con la aprobación del Comité de Ética en Investigación. Se encontró que el 6,4% de los jóvenes mencionaron que el uso de Facebook ha afectado su consumo de alcohol. El visualizar anuncios con contenido de alcohol en Facebook se relacionó con el consumo de alcohol (rs = 0,204, p < 0,05). Las horas que se utiliza Facebook se relacionó con el estrés percibido (rs = 0,189, p < 0,05). Finalmente se observó que existe un efecto significativo entre las horas y días de uso de Facebook, el estrés percibido por los jóvenes, la edad y el sexo sobre el consumo de alcohol perjudicial en los jóvenes universitarios (R2= 30,9%, p = 0,003). Por lo tanto es importante y necesario el considerar las redes sociales como una variable importante para ser incluida en futuras intervenciones en salud mental.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Analysis of the effect between the use of Facebook, perceived stress and alcohol consumption among young people. A descriptive, correlative and cross-sectional study was carried out. The sample of 1110 young university students from Nuevo León, Mexico, was selected by probability sample. Personal Data and Prevalence of Alcohol Consumption Inventory, Alcohol Use Disorders Identification Test (AUDIT), Facebook Use Identification Test, Perceived Stress Scale were used. The Research Ethics Committee approved it. We observed 6.4% of young people have mentioned that the use of Facebook affected the alcohol consumption. Seeing adds with alcohol on Facebook was related to alcohol consumption (rs = 0,204, p < 0,05). At the time Facebook was used, it was related to the perceived stress (rs = 0,189, p < 0,05). Finally, it was observed that there is a significant impact between the hours and days of use of Facebook, the stress perceived by young people, the age and gender regarding the harmful alcohol consumption among university students (R2 = 30,9%, p = 0,003). Therefore, it is crucial and necessary to consider social networks an important variable to be included in future interventions regarding mental health.
  • A aplicação do modelo FPSEEA no gerenciamento de resíduos de serviço de saúde

    Stedile, Nilva Lúcia Rech; Schneider, Vania Elisabete; Nunes, Monique Walltrick; Kappes, Adriane Carine

    Resumo em Português:

    Resumo Para compreender a complexa relação entre o campo ambiental e o da saúde é indispensável o uso de indicadores. Para propor os de Saúde Ambiental, o Ministério da Saúde recomenda um Modelo proposto pela OMS. Este, denominado Modelo FPSEEA, é composto pelos elementos: Força Motriz, Pressão, Situação, Exposição, Efeito, Ações. O objetivo deste artigo é propor a aplicação deste Modelo no Gerenciamento dos Resíduos de Serviço de Saúde (RSS). Trata-se de pesquisa documental utilizando duas fontes de dados: a) relatórios técnicos de pesquisas sobre RSS dos últimos 15 anos (ambulatorial, odontológico, hospitalar, veterinário, universitário e de UBS) na Universidade de Caxias do Sul; b) Manual do MS “Saúde Ambiental: guia básico para construção de indicadores”. Os resultados evidenciam que o Modelo é relevante por permitir analisar determinado contexto, propor indicadores e definir ações específicas para, no caso deste estudo, monitorar e aprimorar formas de manejo dos RSS. Evidenciam, ainda, que o modelo proposto constitui uma importante ferramenta de análise, tanto na MWM, como no planejamento de ações que minimizem os riscos, especialmente biológicos e químicos, resultando em saúde e proteção do ambiente.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The use of health indicators is indispensable for understanding the complex relationship between the environmental and health fields. For the proposition of environmental health indicators, the Brazilian Ministry of Health (MH) recommends using a model proposed by the World Health Organization. This model is composed of the following elements: Driving Force, Pressure, State, Exposure, Effect, and Action; it is called the DPSEEA model. The objective of this study is to propose the application of this model in healthcare waste (HCW) management. This study was performed by documentary research using two data sources: a) technical reports on research on HCW from the last 15 years (outpatient, dental, hospital, veterinary, university, and primary care unit) at the University of Caxias do Sul, Brazil; and b) the MH manual entitled “Environmental Health: Basic Guide for the Construction of Indicators”. The results show that the model is relevant because it makes it possible to analyse a particular context, proposing indicators and defining specific actions for the case of this study, to monitor and improve methods of managing HCW. The results also show that the proposed model is an important analytical tool for both medical waste management and planning actions that will minimize risks, particularly chemical and biological, resulting in environmental health and protection.
  • Relação entre percepção sobre serviços odontológicos e condições de Saúde Bucal em hipertensos e diabéticos

    Oliveira, Eduardo José Pereira; Nogueira, Denismar Alves; Pereira, Alessandro Aparecido

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo deste estudo foi avaliar a relação entre a percepção sobre os serviços odontológicos e a saúde bucal numa população de hipertensos e diabéticos adscritos à Estratégia Saúde da Família em Alfenas, MG, Brasil. Estudo domiciliar, descritivo-analítico, com amostra randomizada e estratificada, composta por 186 sujeitos. Aplicaram-se os índices: Dentes Cariados, Perdidos e Obturados (CPOD); Índice de Dentes Funcionais (FS-T); Índice de Cuidados Odontológicos (ICO); Avaliação do uso e necessidade de próteses; Questionário de Avaliação da Saúde Bucal na Atenção Primária (ASBAP-usuário). Observou-se predomínio de mulheres (67,74%), hipertensos não diabéticos (58,60%) e idosos (52,69%) idade média de 64,26 (± 12,22) anos. Registrou-se CPOD = 27,00 (± 6,24); FS-T=8,94 (± 10,28); ICO=19,42 (± 26,80); 39,78% de uso de próteses parciais, 56,45% de próteses totais e necessidades de 36,02% de próteses parciais e 28,49% de próteses totais. No ASBAP-usuário, prevaleceram avaliações positivas dos serviços. A Saúde Bucal mostrou-se melhor entre os sujeitos que relataram bom vínculo com o dentista e pior entre os que consideraram bons os equipamentos utilizados nos Serviços, sendo ainda pontos críticos: acesso, rapidez e comunicação profissional-paciente.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The aim of this study was to evaluate the relationship between the perception of dental care services and oral health conditions in a hypertensive and diabetic population subscribed to the Family Health Strategy in the city of Alfenas, Minas Gerais, Brazil. This was a domiciliary, descriptive-analytical study with random and stratified sample, consisting of 186 individuals. The following indexes were applied: Decayed, Missing and Filled Teeth (DMFT); Filled and Sound Teeth (FS-T); Dental Care Index (DCI); Evaluation of the use and need of dentures; Oral health for primary care assessment questionnaire (OHPCA). A predominance of women (67.74%), hypertensive non-diabetic people (58.60%) and elderly people (52.69%), with an average age of 64.26 (± 12.22) years, was observed. We noticed a total DMFT of 27.00 (± 6.24); FS-T = 8.94 (± 10.28); DCI = 19.42 (± 26.80); 39.78% of partial dentures usage, 56.45% of total prosthesis usage with necessity of 36.02% of partial dentures and 28.49% of total prosthesis. In the OHPCA questionnaire, positive assessments of services were prevalent. Oral Health proved to be best among those individuals who reported good relationship with their dentists and worse among those individuals who considered as good the equipment used in the services. The critical aspects were: access, speed and professional-patient communication.
  • Protocolo de avaliação da probabilidade de uso recreativo de rios e sua aplicação para análise de risco

    Oliveira, Tatiana Figueiredo de; Buss, Daniel Forsin

    Resumo em Português:

    Resumo Águas contaminadas representam um risco à saúde não somente pelo consumo direto, mas também pelo uso recreativo. Estratégias de análise de risco visam à redução dos casos de contaminação e devem incorporar as percepções e aceitação das pessoas em assumir riscos. Um método rápido e simplificado foi desenvolvido para avaliar a probabilidade do uso de águas recreativas. Foram realizadas entrevistas em municípios com condições ecológicas distintas, para elencar fatores que embasam a decisão das pessoas pelo uso dos rios. Em seguida, foi elaborado e realizado pré-teste do Índice de Probabilidade de Uso Recreativo de Águas (I-PURA) que, após ajuste, foi aplicado em 26 balneários de 5 das 9 regiões hidrográficas do estado do Rio de Janeiro. Foram medidas, ainda, a frequência de uso, a contaminação bacteriana da água e um índice de avaliação do habitat (IAH). O I-PURA foi correlacionado à frequência de uso, mas não com o IAH, evidenciando que a percepção dos usuários é diferente de aspectos puramente ecológicos. Este método contribui com a análise de risco e manejo dos recursos hídricos. Locais em que há alta probabilidade de uso, ou uso observado, e alta contaminação são estratégicos para intervenção.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Contaminated waters constitute health risks not only due to direct consumption, but also in recreational use. Risk analysis strategies aim to reduce the instances of contaminations and must include the population’s perceptions and willingness to assume risks. A rapid and simple method was developed to evaluate the probability of use of recreational waters. Interviews were conducted in municipalities with different ecological conditions, in order to define the factors used by people to decide to use, or otherwise, river waters. After analyzing the results, the “Índice de Probabilidade de Uso Recreativo de Águas (I-PURA)” was elaborated and tested. The index was then employed at 26 river locations representing five of the nine hydrographic regions of Rio de Janeiro state. The frequency of use, water contamination and a Habitat Assessment Visual Index (IAH) was also measured. The I-PURA was correlated with the frequency of use. Furthermore, the I-PURA was not correlated with IAH, showing that user perceptions are different from purely ecological aspects. This tool offers useful information for risk assessment and environmental management. Sites with a high probability of use, or observed use, that are highly contaminated should be prioritized for interventions.
  • Pacientes psiquiátricos em situação de rua e encarceramento no Brasil

    Melo, Ana Paula Souto; Lima, Eduardo de Paula; Barros, Fabiana Cristina Ribeiro de; Camelo, Lidyane do Valle; Guimarães, Mark Drew Crosland

    Resumo em Português:

    Resumo Os pacientes psiquiátricos estão em risco aumentado de eventos adversos da vida, como ser preso e morar na rua. Investigamos a associação de características sociodemográficas, clínicas, comportamentais e eventos adversos de vida com o histórico de morar na rua, encarceramento e a coocorrência dessas duas condições ao longo da vida em um estudo multicêntrico de corte transversal de 2.475 usuários de 26 serviços de saúde mental no Brasil. “Odds ratios” foram obtidos por modelos de regressão logística multinomial. A prevalência de morar na rua, encarceramento e coocorrência dessas condições foi de 8,6%, 16,4% e 9,4%, respectivamente. Menor renda, viver em habitações instáveis, deficiência mental e tabagismo foram associados a morar na rua. Ser do sexo masculino, ter menor escolaridade, histórico de sexo sob efeito de álcool ou drogas e múltiplos parceiros sexuais foram associados ao encarceramento. Internações psiquiátricas, uso de substâncias, histórico de doenças sexualmente transmissíveis e violência sexual, física ou verbal foram associados à coocorrência das duas condições. Encarceramento e morar na rua são eventos muito prevalentes e correlacionados em pacientes psiquiátricos. Muitos dos fatores associados são modificáveis e podem agir sinergicamente exigindo cuidados integrados.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Psychiatric patients are at increased risk of adverse life events, such as being incarcerated and homelessness in their life course. Using data from a cross-sectional multicenter study of 2,475 patients selected from 26 mental health services in Brazil, we examined the association of sociodemographic, clinical, behavioral, and adverse life characteristics with history of homelessness, incarceration or their co-occurrence during lifetime. Odds ratios were obtained by multinomial logistic regression models. The prevalence of homelessness, incarceration and co-occurrence of these two conditions were 8.6%, 16.4%, and 9.4%, respectively. Lower income, living in unstable condition, intellectual disability, and cigarette smoking were associated with homelessness. Being male, lower schooling, sex under effect of alcohol or drugs, and multiple sex partners were associated with incarceration. Psychiatric hospitalizations, substance use, and history of sexually transmitted diseases, and sexual, physical, or verbal violence were associated with co-occurrence of both conditions. Our findings suggest that incarceration and homelessness are very prevalent and correlated in psychiatric patients in Brazil. Many of the associated factors are potentially modifiable, and may act synergistically requiring integrated care.
  • Plantas medicinais e fitoterápicos na Atenção Primária em Saúde: percepção dos profissionais

    Mattos, Gerson; Camargo, Anderson; Sousa, Clóvis Arlindo de; Zeni, Ana Lúcia Bertarello

    Resumo em Português:

    Resumo O Ministério da Saúde através da Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC) incentiva a oferta de Acupuntura, Homeopatia, Fitoterapia, Medicina Antroposófica e Termalismo no Sistema Único de Saúde (SUS). Este estudo avaliou o perfil de prescrição/sugestão e credibilidade no uso de plantas medicinais e fitoterápicos como terapia complementar entre 157 profissionais de 66 equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF) do município de Blumenau. A coleta de dados foi realizada entre abril de 2014 e fevereiro de 2015, utilizando um questionário semiestruturado em uma amostra composta por 42 (26,8%) médicos, 40 (25,5%) enfermeiros, 66 (42%) técnicos de enfermagem, 05 (3,2%) odontólogos e 04 (2,5%) técnicos de saúde bucal. As associações entre variáveis foram verificadas através da análise bivariada pelo teste Qui-Quadrado ou teste Exato de Fisher. Apesar de 65,6% dos entrevistados relatarem conhecer a PNPIC, a presença de fitoterápicos na Relação Nacional de Medicamentos Essenciais era desconhecida por 85,4%. A maioria (96,2%) dos profissionais acredita no efeito terapêutico das plantas medicinais, mas não prescrevem. No entanto, 98,7% dos entrevistados concordam com a iniciativa de ofertar esta prática integrativa e complementar no SUS após uma capacitação na área.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The Ministry of Health through the National Policy on Integrative and Complementary Practices (PNPIC) encourages the offer of Acupuncture, Homeopathy, Herbal Medicine, Hydrotherapy and Anthroposophical Medicine in the Unified Health System (SUS). This study evaluated the profile for the prescription/suggestion and credibility of herbal medicine usage as complementary therapy among the 157 professionals from the 66 Family Health Strategy (FHS) teams in Blumenau city. Data collection was conducted between the years of 2014 and 2015 through a semi-structured questionnaire applied to a sample comprised of 42 (26.8%) physicians, 40 (25.5%) nurses, 66 (42%) nursing technicians, 5 (3.2%) dentists and 4 (2.5%) oral health technicians. Bivariate associations were assessed using the Chi-Square test or Fisher’s exact test for variables. Despite 65.6% of respondents being aware of the existence of the PNPIC, the presence of herbal medicines on the National List of Medicines was unknown by 85.4%. The majority (96.2%) of the professionals believe in the therapeutic effects of medicinal plants but do not prescribe this medicine. However, 98.7% agreed with the initiative to offer this complementary and integrative practice through SUS after training in the area.
  • Prevalência e fatores associados ao prejuízo cognitivo em idosos de instituições filantrópicas: um estudo descritivo

    Rosa, Tábada Samantha Marques; Filha, Valdete Alves Valentins dos Santos; Moraes, Anaelena Bragança de

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo deste estudo foi avaliar a prevalência e os fatores associados ao prejuízo cognitivo em uma amostra de idosos residentes em instituições filantrópicas. Trata-se de um estudo transversal e descritivo, com 98 idosos institucionalizados. Os dados sociodemográficos e clínicos foram obtidos nos prontuários. A cognição foi avaliada através do: Mini Exame do Estado Mental, enquanto a manutenção de independência referente às atividades fundamentais (por exemplo: banhar-se, vestir-se, etc.) foi avaliada através do Índice de Katz. Por fim, avaliou-se o desempenho físico através da Short Physical Perfomance Batter. Para a análise estatística, testes não paramétricos foram utilizados. Houve 27,6% de idosos com déficit cognitivo. O prejuízo cognitivo não esteve associado às variáveis sociodemográficas, à independência referente, às atividades fundamentais, bem como ao desempenho físico. Verificou-se maior prevalência de doenças endócrinas, de transtornos mentais e de realização de tratamento psiquiátrico nos idosos com prejuízos cognitivos. A proporção de idosos com alterações cognitivas é semelhante à de outros estudos. Entre as variáveis avaliadas não foram identificados fatores de risco significativos associados à cognição.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The current transversal and descriptive study evaluates the prevalence and factors associated with cognitive liabilities in a sample of 98 elderly people residents of philanthropic institutions. The sociodemographic and clinical data were retrieved from the patients´ clinical charts. The cognition was assessed by the Mental State Mini-Exam, while the maintenance of independence regarding basic activities (such as bathing, putting on clothes, and others) was evaluated using the Katz Index. The Short Physical Performance Battery exam assessed their physical performance. Non-parametric tests were employed for the statistical analysis. Cognitive impairment was registered in 27.6% of the elderlies and was not associated with sociodemographic variables, independence in basic activities, and physical performance. We verified a high prevalence of endocrine diseases, mental disorders, and psychiatric treatment in the elderlies with cognitive impairments. The percentage of elderly with cognitive alterations is similar to those found in the literature. We identified no significant risk factors associated with cognition among the evaluated variables.
  • Fatores de risco e proteção para tentativa de suicídio na adultez emergente

    Pereira, Anderson Siqueira; Willhelm, Alice Rodrigues; Koller, Silvia Helena; Almeida, Rosa Maria Martins de

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo foi investigar os fatores de risco e proteção para tentativa de suicídio na adultez emergente. Participaram 189 indivíduos de 18 a 30 anos: 63 que já haviam tentado suicídio, 63 que tinham histórico de ideação suicida e 63 que nunca tiveram ideação suicida. Os dados foram coletados online com instrumentos relacionados à tentativa de suicídio e ideação suicida, ansiedade social, autoestima, autoeficácia, expressão social, relações de amizade e estressores desenvolvimentais. O grupo que não possui ideação apresentou médias superiores em autoeficácia (M = 35,35; DP = 6,44), autoestima (M = 41,33; DP = 7,02) e relacionamento familiar (M = 59,63; DP = 10,01). O grupo que apresentou ideação suicida teve médias superiores em ansiedade social (M = 26,03; DP = 10,25). Fatores protetivos são essenciais para a prevenção ao risco de suicídio e auxiliam na resolução de problemas na adultez emergente.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The aim of this study was to investigate the risk and protective factors for suicide attempt in emerging adulthood. 189 individuals (18 to 30 years old) participated in the study: 63 had already attempted suicide, 63 had a history of suicidal ideation, and 63 have never had suicidal ideation. They all completed an online research protocol about suicidal attempt and ideation, anxiety, self-esteem, self-efficacy, developmental stressors; social expression, and friendship. Those participants with no history of suicidal attempt showed higher scores of self-efficacy (M = 35.35, SD = 6.44), self-esteem (M = 41.33, SD = 7.02), and family relationships (M = 59.63, SD = 10.01). The suicidal ideation group showed higher scores of social anxiety (M = 26.03, SD = 10.25). Protective factors were essential to prevent the risk of suicide and help in solving problems in emerging adulthood.
  • Portfolio coletivo: avaliação do ensino e apredizagem em cursos de graduação da saúde

    Costa, Glauce Dias da; Driessen, Erik; Silva, Luciana Saraiva da; Campos, Aline Aparecida de Oliveira; Costa, Thiago de Melo Teixeira da; Donateli, Cíntia Pereira; Cotta, Rosângela Minardi Mitre

    Resumo em Português:

    Resumo O potencial do portfólio coletivo reflexivo como método de ensino, aprendizagem e avaliação precisa ser enfatizado. Os objetivos consistem em avaliar e validar a qualidade do portfólio coletivo como um método de ensino, aprendizagem e avaliação na formação de profissionais de saúde. A qualidade do portfólio foi analisada utilizando um inventário de análise que foi adaptado e testado para este estudo. No total, foram analisados 70 portfólios. O teste Kappa foi utilizado para analisar a reprodutibilidade, confirmando o nível de concordância entre os avaliadores. Análise descritiva e teste t foram realizados para comparar a construção do portfólio nos diferentes anos. Os construtos (layout e organização, compreensão, reflexão, crítica e pensamento criativo) apresentaram valores de alfa de Cronbach acima de 0,7, confirmando a alta confiabilidade da ferramenta. O teste Kappa ponderado revelou uma concordância elevada e significativa (+ 90%) entre os avaliadores. Notavelmente, certos itens e construtos apresentaram diferenças significativas ao longo dos anos. Todas as construções foram avaliadas melhor a partir de 2011, quando a ferramenta de avaliação e autoavaliação foi implementada. O sucesso do portfólio depende de estratégias que proporcionem aos alunos maior clareza e formas de desenvolver o método.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The potential of the reflective collective portfolio as a method of teaching, learning and assessment needs to be emphasized. The objectives is to assess and validate the quality of the collective portfolio as a method of teaching, learning and assessment in the training of health professional. Portfolio quality was analyzed using an inventory of analysis that was adapted and tested for this study. In total, 70 portfolios were analyzed. The Kappa test was used to analyze reproducibility, confirming the level of agreement between the appraisers. Descriptive analysis and the t-test were performed to compare results from the years the portfolios were produced. The constructs (layout and organization, comprehensive, reflective, critical and creative thought) exhibited Cronbach alpha values above 0.7, confirming the high reliability of the tool. The weighted Kappa test revealed an elevated and significant agreement (+90%) between the appraisers. Notably, certain items and constructs exhibited significant differences over the years. All of the constructs were assessed better from 2011 onwards, when the assessment and self-assessment tool was implemented. The success of the portfolio depends on strategies that provide students with greater clarity and forms of developing the method.
  • Estudo comparativo entre cuidadores formais e informais de idosos

    Diniz, Maria Angélica Andreotti; Melo, Beatriz Rodrigues de Souza; Neri, Karolina Helena; Casemiro, Francine Golghetto; Figueiredo, Leandro Correa; Gaioli, Cheila Cristina Leonardo de Oliveira; Gratão, Aline Cristina Martins

    Resumo em Português:

    Resumo Este estudo objetivou comparar as condições de saúde e a sobrecarga de cuidadores formais e informais de idosos. Estudo observacional, seccional, comparativo com coleta em 2014, em São Carlos/SP, utilizando-se os instrumentos Escala de Sobrecarga de Zarit e SRQ 20 (Self Reporting Questionaire). A amostra, constituída de 15 cuidadores formais e 35 informais. Os formais, maioria mulheres (86,7%), média de 36,7 anos, escolaridade de 13,7 anos, carga horária de 7,5 horas diárias de trabalho, 26,7% com desconforto emocional e maior frequência, sentiram-se “um pouco sobrecarregados” (40%). Os informais, maioria mulheres (85,7%), 42,9% representados por filhos, média de 55,2 anos, escolaridade de 7,1 anos, tempo de cuidado de 6,5 anos, com 19,8 horas diárias no cuidado ao idoso, 17 (48,6%) apresentaram leve sobrecarga e 16 (45,7%) apresentaram desconforto emocional. Revelaram-se importantes diferenças e alertas para o planejamento de intervenções visando à melhoria nas condições de saúde e de trabalho destes indivíduos.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This study was aimed to compare the health conditions and burden of formal and informal caregivers of older adults. Cross-sectional and comparative study with a quantitative approach. The data were collected in 2014 in São Carlos/SP, using the Zarit Burden Interview and the SRQ 20 (Self Reported Questionnaire). Results The sample included 15 formal and 35 informal caregivers. Among the formal caregivers, women were predominant (86.7%), with a mean age of 36.7, mean of 13.7 years of education, mean workload of 7.5 hours per day, 26.7% were diagnosed with emotional distress and they the majority mentioned feeling “a little overloaded” (40%). Concerning the informal caregivers, women were predominant (85.7%), 42.9% were the children of the older adult, with a mean age of 55.2 years, mean of 7.1 years of education, length of time as caregiver of 6.5 years, mean of 19.8 hours per day taking care of the older adult, 17 (48.6%) presented mild overload and 16 (45.7%) presented emotional distress. Conclusions The results revealed important differences and attention is needed to planning interventions to improve health and work conditions of these people.
  • Avaliação de Serviços de Saúde Mental Brasileiros: satisfação dos usuários e fatores associados

    Silva, Sarah Nascimento; Lima, Marina Guimarães; Ruas, Cristina Mariano

    Resumo em Português:

    Resumo A satisfação dos usuários é um importante critério para avaliar a qualidade dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). O objetivo foi avaliar a satisfação de usuários dos principais CAPS de uma região de Minas Gerais e seus fatores associados. Foi realizado um estudo transversal em 11 CAPS, os usuários foram entrevistados para aplicação da Escala de Avaliação da Satisfação dos Usuários com os Serviços de Saúde Mental e um formulário semi-estruturado com variáveis sociodemográficas e clínicas. Os usuários estavam satisfeitos com os CAPS, sobretudo quanto à competência dos profissionais, acolhida e ajuda recebida no serviço. Condições físicas e conforto do serviço obtiveram os menores escores na escala de avaliação de satisfação. Verificou-se que quase metade dos usuários não conhecia aspectos básicos de sua terapia medicamentosa, como o nome dos medicamentos em uso, e um terço relatou que já fez uso inadequado destes. Os usuários dos CAPS álcool e drogas ou de serviços de médio porte estavam mais satisfeitos que os dos CAPS saúde mental ou serviços com funcionamento 24h. Os usuários estão satisfeitos com o modelo de atenção praticado nos CAPS, embora detectada a necessidade de melhorias na estrutura física, mecanismos de participação e empoderamento dos usuários.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Patient satisfaction is an important criterion for assessing the quality of Brazilian mental health services at Psychosocial Care Centers (CAPS – from the Portuguese ‘Centro de Atenção Psicossocial’). The aim of this study was to evaluate the satisfaction of users at the main CAPS in a region of Minas Gerais state, Brazil, as well as associated factors. This was a cross-sectional study with 11 CAPS. Patients were interviewed using the Patient Satisfaction with Mental Health Services Scale (SATIS-BR) and a semi-structured questionnaire containing sociodemographic and clinical variables. The users were satisfied with the CAPS, particularly in terms of staff competence and the welcome received and care provided. The physical facilities and comfort at the centers obtained the lowest satisfaction scores on the scale. Almost half of the users were unfamiliar with basic aspects of their drug therapy, such as the name of medicines, and one-third reported inappropriate use of medications. Users of midsize CAPS and those providing treatment for alcohol and drug addiction were more satisfied than patients at mental health or 24-hour CAPS. Although this study identified a need for improvement in physical facilities, mechanisms of participation and patient empowerment, the users were satisfied with the CAPS care model.
  • Associação da força muscular com fatores sociodemográficos e estilo de vida em adultos e idosos jovens no Sul do Brasil

    Lima, Tiago Rodrigues de; Silva, Diego Augusto Santos; Kovaleski, Douglas Francisco; González-Chica, David Alejandro

    Resumo em Português:

    Resumo A força muscular é necessária para realização de atividades diárias, sendo considerada marcador de saúde global. O objetivo deste estudo foi identificar os fatores sociodemográficos e do estilo de vida correlatos à força de preensão manual (FPM) em adultos e idosos jovens. Estudo de base populacional com delineamento transversal, realizado com 705 indivíduos, de 25 a 65 anos de idade, da cidade de Florianópolis, SC, Brasil. Analisou-se a FPM por meio do instrumento de dinamometria manual. Os dados sociodemográficos e do estilo de vida foram levantados por entrevista. Utilizou-se regressão linear múltipla para a identificação das variáveis preditoras da FPM. Mulheres e indivíduos mais velhos foram os fatores associados a menores valores de FPM. Além disso, ser ativo no lazer foi associado a maiores valores de FPM. Intervenções objetivando a manutenção dos níveis de FPM nos indivíduos devem considerar o envelhecimento e aqueles inativos e insuficientemente ativos fisicamente no lazer.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Adequate muscular strength is required to perform daily activitiesand is considered a marker of overall health. The aim of this study was to identify sociodemographic and lifestyle factors associated with handgrip strength (HGS) in adults and the younger segment of the older population. A cross-sectional,population-based study was conducted with 705 individuals aged between 25 and 65 years in the city of Florianópolis, capital of the State of Santa Catarina, Brazil.HGS was assessed usinga manual hand dynamometer. Interviews were conducted with the participants to collect sociodemographic and lifestyle data.Multiple linear regressionwas performed to identify the predictors of HGS. The findings revealed that women and individuals from older age groups showed lower HGS, while being active during leisure time was associated with higher HGS.Interventions aimed at maintaining HGS levels in individuals should pay special consideration toaging and individuals who are physically inactive or insufficiently active during leisure time.
  • Tendência e causa múltipla de óbito por insuficiência renal crônica em município da Amazônia brasileira

    Amaral, Thatiana Lameira Maciel; Amaral, Cledir de Araújo; Miranda Filho, Adalberto Luiz; Monteiro, Gina Torres Rego

    Resumo em Português:

    Resumo O presente estudo buscou observar a tendência de mortalidade por insuficiência renal crônica (IRC) e verificar as causas básicas e associadas na capital do Acre, Amazônia brasileira. Para tanto, foi realizado um estudo ecológico com dados de óbitos por IRC do DATASUS ocorridos entre 1986 e 2012, em ambos os sexos de residentes em Rio Branco, Acre. Estimou-se a variação anual percentual (Estimated Annual Percentage Chance – EAPC) com a técnica de regressão log-linear de Poisson do programa Joinpoint. Os resultados demonstraram que as taxas de mortalidade ajustadas da IRC com correção variaram de 15,4 por 100.000 hab., em 1986, para 4,0 por 100.000 hab., em 2012. A EAPC foi de -3,5%, de 1986 a 2012. Os óbitos pela IRC apresentaram como causas associadas às doenças respiratórias, pneumonia e edema pulmonar, às septicemias e aos sinais e sintomas mal definidos. Quando analisada a IRC como causa associada, as principais causas básicas do óbito foram as doenças hipertensivas e o diabetes. Assim, houve redução da mortalidade por insuficiência renal crônica como causa básica no período observado, contudo medidas de prevenção e assistência em saúde devem ser mantidas.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This study examined the mortality trend due to chronic renal failure (CRF) and verified the underlying and associated causes for this trend in the capital of the state of Acre in the Brazilian Amazon. This ecological study used data provided by DATASUS related to mortality due to CRF, which occurred between 1986 and 2012 for male and female residents of the city of Rio Branco, Acre, Brazil. The estimated annual percentage chance (EAPC) was calculated by using Poisson log-linear regression and utilizing the Joinpoint program. The results showed that the adjusted mortality rates due to CRF, with correction, ranged from 15.4 per 100,000 inhabitants in 1986 to 4.0 per 100,000 inhabitants in 2012. The EAPC was -3.5% from 1986- 2012. Deaths by CRF presented associated causes such as respiratory diseases, pneumonia and pulmonary edema, septicemias and poorly defined signs and symptoms. When CRF was analyzed as an associated cause of death, the main primary causes of death were hypertensive diseases and diabetes. Thus, there was a decrease in mortality due to CRF as an underlying cause during the period studied; however, preventive and heath care measures should be maintained.
  • Prevalência simultânea de hipertensão e diabetes em idosos brasileiros: desigualdades individuais e contextuais

    Francisco, Priscila Maria Stolses Bergamo; Segri, Neuber José; Borim, Flávia Silva Arbex; Malta, Deborah Carvalho

    Resumo em Português:

    Resumo A prevalência da simultaneidade de doenças específicas nos idosos ainda é pouco descrita na literatura. O objetivo do estudo foi estimar a prevalência simultânea de hipertensão arterial e diabetes mellitus em idosos brasileiros, e os fatores contextuais e individuais a ela associados. Estudo transversal de base populacional com idosos (≥ 60 anos) entrevistados pelo Vigitel em 2012 (n = 10.991). As análises foram realizadas por meio de regressão de Poisson multinível no Stata 12. A média de idade dos idosos foi de 69,4 anos e a prevalência simultânea das doenças foi de 16,2% com variação nas capitais brasileiras. Em São Paulo e Curitiba as prevalências foram mais elevadas do que em Boa Vista e Manaus. Maiores prevalências foram observadas nas capitais das regiões Sul/Sudeste/Centro-Oeste, nos idosos de cor preta e parda, naqueles com escolaridade ≤ 8 anos de estudo, nos não fumantes e ex-fumantes, e com excesso de peso. Verificou-se o efeito da região geográfica na prevalência simultânea pela elevação de 23,5% na magnitude da razão de prevalencia, após ajuste para todas as variáveis individuais. Por meio do estudo, foi possível dimensionar o efeito do contexto onde estão inseridos os idosos (região de residência) sobre a prevalência das principais doenças que acometem e relacionam-se à mortalidade na população idosa na atualidade.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The simultaneous occurrence of specific diseases in older adults is explored little in the literature. The aim of this study was to estimate the prevalence of concomitant hypertension and diabetes in Brazilian older adults and determine associated contextual and individual factors. A population-based cross-sectional study was conducted with 10,991 older adults (≥ 60 years of age) interviewed during the 2012 Vigitel Survey. Statistical analysis involved multi-level Poisson regression. Mean age was 69.4. The prevalence of the concomitant occurrence of hypertension and diabetes was 16.2%, with differences found among the capital cities. Higher prevalence rates were found in cities located in the southern, southeastern and central-western regions of the country as well as among black and brown older adults, those with up to eight years of schooling, non-smokers, ex-smokers and those with excess weight. The effect of geographic region was demonstrated by the 23.5% increase in the prevalence of the concomitant diseases after adjusting for individual variables. The present findings enabled gauging the effect of context (region of residence) on the prevalence of the main diseases related to an increased mortality rate in the older population.
  • Reprodutibilidade de um questionário de atividade física em escolares de 9 a 15 anos de idade

    Bacil, Eliane Denise Araújo; Piola, Thiago Silva; Watanabe, Priscila Iumi; Silva, Michael Pereira da; Legnani, Rosimeide Francisco Santos; Campos, Wagner de

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo deste estudo foi analisar a reprodutibilidade “teste-reteste” de um questionário de Atividade Física em 1.189 escolares, de ambos os sexos, de 9 a 15 anos da rede pública de ensino de Curitiba/PR. A reprodutibilidade do questionário foi determinada pelo procedimento de medidas repetidas “teste-reteste” com uma semana de intervalo entre as aplicações. Para a análise dos dados utilizou-se o Coeficiente de Correlação Intraclasse (CCI), o percentual de concordância, o índice Kappa, o Kappa ajustado (Kappa PABAK) e o diagrama de dispersão de Bland-Altman. As análises estatísticas foram efetuadas no SPSS 21.0 adotando-se um nível de significância de 5%. Todos os CCI foram superiores a 0,80. A concordância entre as réplicas de aplicação do questionário foi moderada, Kappa variando de 0,51 a 0,61. Verificou-se concordância entre as réplicas de aplicação do questionário, sendo a diferença média entre a primeira e a segunda igual a 106,49 min/semana (IC95%: 79,05-133,92) com limites de concordância variando de 1.070,97 (+2DP) a -857,99 (-2DP) min/semana. Conclui-se que o questionário analisado neste estudo apresentou níveis satisfatórios de reprodutibilidade podendo ser utilizado para mensurar a atividade física tanto em crianças quanto em adolescentes.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The objective of this study was to analyze the “test-retest” reproducibility of a questionnaire on physical activity among 1189 school students of both genders, from 9 to 15 years age in public schools in Curitiba/PR. The reproducibility of the questionnaire was determined by the repeated measures procedure called “test-retest”, with an interval of one week between applications. For data analysis the Intraclass Correlation Coefficient (ICC), the percentage of correlation, the Kappa index, adjusted Kappa (Kappa PABAK) and Bland-Altman scatter diagram were used. Statistical analyses were performed using SPSS 21.0 adopting a 5% significance level. All ICC were higher than 0.80. The correlation between the application replicas of the questionnaire was moderate, Kappa ranging from 0.51 to 0.61. There was a correlation between the questionnaire applications, the average difference between the first and second being equal to 106.49 min/wk (IC95%: 79.05-133.92) with limits of correlation ranging from 1070.97 (+2SD) to -857.99 (-2SD) min/week. In conclusion, the survey analyzed in this study showed satisfactory levels of reproducibility, having the possibility of being used to measure physical activity in both children and adolescents.
  • Heterocontrole da fluoretação da água de abastecimento público em cidades do estado de Goiás, Brasil

    Scalize, Paulo Sérgio; Pinheiro, Roberta Vieira Nunes; Ruggeri Junior, Humberto Carlos; Albuquerque, António; Lobón, Germán Sanz; Arruda, Poliana Nascimento

    Resumo em Português:

    Resumo A adição do flúor na água é um método empregado na redução de cárie dentária. O controle da fluoretação é importante para manter a sua eficiência e, ao mesmo tempo, evitar o risco de ocorrência de fluorose, fruto do consumo de água com flúor em excesso. O objetivo deste trabalho foi avaliar a adequação dos níveis do fluoreto na água distribuída à população do estado de Goiás, Brasil. Foram analisadas 5.039 amostras de água coletadas em 225 municípios de Goiás, entre 2011 e 2013. Os resultados foram analisados por sazonalidade, tipo de manancial e localização geográfica. Ocorreu uma variação entre ausência e 2,5 mg F/L, com 28,2% das amostras entre 0,6 e 0,8 mg F/L e 39,1% entre 0,55 e 0,84 mg F/L. No período de chuva ocorreu um maior número de resultados atípicos e maiores valores quando comparados ao período da seca. Verificou-se que os sistemas abastecidos por água proveniente de mananciais subterrâneos possuem um menor controle de fluoreto quando comparados a sistemas provenientes de mananciais superficiais. Observou-se menores concentrações nas amostras coletadas no Norte e Leste goianos, com menos de 7,5% entre 0,6 e 0,8 mg F/L, para aquelas coletadas de sistemas de abastecimento que utilizam água de manancial subterrâneo com adição de fluoreto, existindo dificuldades na manutenção dos seus teores.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The addition of fluoride to the public water supply is a method used for reducing tooth decay. In this sense, the control of fluoridation is important for maintaining its efficiency and, at the same time, for avoiding the risk of fluorosis as a result of the consumption of water with excess of fluoride. The objective of this study was to evaluate the adequacy of fluoride levels in the water distributed to populations of the state of Goiás, Brazil. Towards this aim, 5,039 water samples collected between 2011 and 2013 in 225 municipalities of the state of Goiás were analyzed for fluoride level. The results were assessed with regard to season, type of water source and geographic location. Fluoride levels were found to vary between complete absence and 2.5 mg F/L, with 28.2% of the samples being between 0.6 and 0.8 mg F/L, and 39.1% between 0.55 and 0.84 mg F/L. The rainy season produced a greater number of atypical results and higher values than the dry period. The systems supplied by groundwater sources were shown to have a limited control of fluoride concentration compared to systems supplied by surface water sources. Lower concentrations of fluoride were found in samples collected in the North and East Mesoregions of Goiás, with less than 7.5% being between 0.6 and 0.8 mg F/L, which systems are mainly supplied by groundwater sources with fluoride addition .
  • Padrão epidemiológico da má oclusão em pré-escolares brasileiros

    Bauman, José Mansano; Souza, João Gabriel Silva; Bauman, Claudiana Donato; Flório, Flávia Martão

    Resumo em Português:

    Resumo Objetivou-se avaliar a prevalência e o padrão de distribuição da má oclusão em pré-escolares brasileiros e sua associação com macrorregião, local de moradia, sexo e raça autodeclarada. Foram analisados dados de 6.855 crianças de 5 anos participantes do SB Brasil 2010. No levantamento, a má oclusão foi diagnosticada segundo o Índice de Foster e Hamilton. Conduziu-se análises descritivas, bivariadas e múltiplas (RP/IC95%). Identificou-se que 63,2% das crianças possuíam ao menos um dos problemas oclusais avaliados: chave de caninos (22,9%), sobressaliência (32,9%), sobremordida (34,6%), e mordida cruzada posterior (18,7%) e, portanto, foram considerados com má oclusão. Maior chance da presença de má oclusão foi identificada entre os residentes das regiões Centro-Oeste (1,08/IC95%-1,01-1,15), Nordeste (1,21/IC95%-1,14-1,28), Sudeste (1,27/IC95%-1,20-1,34) e Sul (1,34/IC95%-1,26-1,42), quando comparados aos residentes na região Norte. Foi maior também entre as crianças do sexo feminino (1,06/IC95%-1,02-1,09). Identificou-se elevada prevalência de má oclusão em pré-escolares brasileiros, sendo esta associada ao sexo e à macrorregião de moradia. Tais achados podem contribuir na ampliação de políticas públicas e no acesso ao tratamento para esta população.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This study aimed to evaluate the prevalence and distribution profile of malocclusion in Brazilian preschoolers and its association with macro-region, housing, gender, and self-reported race. In total, 6,855 children aged five years participating in the National Oral Health Survey (called SB Brasil 2010) were analyzed. Malocclusion was diagnosed according to the Foster and Hamilton index. We conducted descriptive, bivariate and multiple regression analyses (PR/CI95%). We identified that 63.2% of children had at least one of the occlusal problems evaluated: canines’ key (22.9%), overjet (32.9%), overbite (34.6%), and posterior crossbite (18.7%) and, thus, were considered with malocclusion. Higher probability of the presence of malocclusion was identified among the residents of the Midwest (1.08/95%CI 1.01-1.15), Northeast (1.21/95%CI 1.14-1.28), Southeast (1.27/95%CI 1.20-1.34) and South (1.34/95%CI 1.26-1.42) regions when compared to residents in the North. It was also higher among female children (1.06/95% CI 1.02-1.09). No associations were identified concerning race and location of the municipality (capital/no capital). A high prevalence of malocclusion was identified in Brazilian preschoolers, and it was associated with gender and the macro-region. These findings may contribute to expanded public policies and greater access to treatment for this population.
  • Estresse ocupacional e fatores associados em servidores públicos de uma universidade federal do sul do Brasil

    Lopes, Samuel Völz; Silva, Marcelo Cozzensa da

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo do estudo foi verificar a prevalência de estresse e os fatores associados em servidores técnico-administrativos de uma universidade federal do sul do Brasil. A amostra foi composta por 371 servidores públicos. Foram coletadas variáveis sociodemográficas, comportamentais e de trabalho. O estresse no trabalho foi mensurado pelo Job Stress Scale (JSS). Para a análise dos dados foram realizados cálculos de estatística descritiva e inferencial, através de análise bivariada e multivariável. A maioria dos indivíduos era do sexo feminino (57,4%) e as médias de idade e escolaridade encontradas para a amostra foram, respectivamente, de 45,1 e de 18 anos de estudo. A estrutura de trabalho foi classificada como inadequada por 42% dos indivíduos. Entre os servidores, 22,7% foram classificados em alta exigência e 28% em trabalho passivo. Na análise ajustada, o estresse no trabalho mostrou-se associado à menor escolaridade, pior estrutura de trabalho e menor apoio social. Indivíduos com estrutura adequada tiveram odds de 2,79 e 2,30, respectivamente, para baixa exigência e trabalho passivo. Estes aspectos devem ser foco de intervenção por parte dos gestores da universidade no sentido de reduzir o nível de estresse e risco de adoecimento.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The aim of the study was to verify the prevalence of stress and associated factors in technical-administrative employees of a federal university of the south of Brazil. The sample was comprised of 371 civil servants. Sociodemographic, behavioral and occupational variables were collected. The occupational stress was measured by the Job Stress Scale (JSS). Data analysis was performed using descriptive and inferential statistics, through bivariate and multivariate analysis. Most subjects were female (57.4%) and the average age and education of the sample were, respectively, 45.1 years and 18 years of study. The workplace infrastructure was classified as inadequate by 42% of subjects. Of the civil servants, 22.7% were classified as being in high stress positions and 28% in passive work routines. In the adjusted analysis, occupational stress was associated with a lower level of education, poor workplace infrastructure and less social support. Individuals with adequate structure had odds of 2.79 and 2.30, respectively, of being in low stress and passive job positions. These aspects should be the focus of interventions by university managers to reduce the level of stress and risk of illness.
  • Associação das condições normativas e subjetivas de saúde bucal com a insatisfação com os serviços odontológicos entre adultos brasileiros

    Nóbrega, Diego Figueiredo; Souza, João Gabriel Silva; Assis, Ana Camila Batista Medeiros de; Martins, Andréa Maria Eleutério de Barros Lima; Bulgareli, Jaqueline Vilela

    Resumo em Português:

    Resumo Avaliou-se a prevalência da insatisfação com os serviços odontológicos e sua associação com condições normativas e subjetivas de saúde bucal entre adultos brasileiros. Trata-se de um estudo transversal que utilizou dados do inquérito nacional de saúde bucal (SB Brasil) realizado em 2010. Considerou-se uma amostra representativa da população adulta brasileira. Foram conduzidas análises descritivas, bivariadas e múltiplas (OR/IC 95%) com correção pelo efeito desenho. Dentre os 4.539 adultos incluídos, 614 (13,4%) relataram a insatisfação com os serviços odontológicos utilizados. A insatisfação foi maior entre aqueles que apresentavam algum dente cariado (1,61/1,06 ; 2,44), que estavam insatisfeitos com seus dentes e boca (2,36/1,39 ; 4,02) e que haviam relatado dor de dente nos últimos 6 meses (1,99/1,29 ; 3,07). Conclui-se que a prevalência da insatisfação com os serviços odontológicos entre adultos brasileiros foi baixa e esteve associada a condições normativas e subjetivas de saúde bucal.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The prevalence of dissatisfaction with dental services and its association with normative and subjective oral health conditions among adult Brazilians was evaluated. This cross-sectional study used data from the last Brazilian National Oral Health Survey (SBBrasil), conducted in 2010. It was considered a representative sample of the adult Brazilian population. Data were analyzed by descriptive, univariate and multiple statistics (OR / 95% CI), with correction by the design effect. Among the 4539 adults included in the study, 614 (13.4%) reported dissatisfaction with dental services. Dissatisfaction was higher among adults who had any decayed teeth (1.61 / 1.06; 2.44), adults who were dissatisfied with their teeth and mouth (2.36 / 1.39; 4.02) and adults who had reported toothache in the previous six months (1.99 / 1.29, 3.07). The conclusion drawn was that the prevalence of dissatisfaction with dental services among Brazilian adults was low and associated to normative and subjective oral health conditions.
  • A disponibilização de fósforo nas águas pelo uso de detergentes em pó: aspectos ambientais e de Saúde Pública

    Quevedo, Claudia Maria Gomes; Paganini, Wanderley Silva

    Resumo em Português:

    Resumo Este artigo aborda a interface social e ambiental da presença de fósforo nas águas de abastecimento, dimensionando os impactos ocasionados pelo uso de detergentes fosfatados em pó sobre a qualidade e a disponibilidade dos recursos hídricos, no tocante à ocorrência da eutrofização. Com base em dados a respeito da formulação e consumo dos produtos comercializados no Brasil, relata a evolução do assunto e apresenta o retrato da situação atual. Indica que os detergentes brasileiros possuem, hoje, baixa concentração de fósforo, de forma que representam um reduzido risco de impacto sobre o nível trófico das águas. Pontua, entretanto, a necessidade de ajustar o conteúdo da legislação à prática do mercado e de aprimorar as políticas públicas relacionadas com a educação ambiental. Mediante um processo efetivo de comunicação e educação, será possível conscientizar a população acerca do assunto, contribuindo para a manutenção do controle dessa importante fonte de fósforo no meio ambiente e para o aumento da disponibilidade hídrica, por meio da prevenção dos processos de eutrofização.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This article addresses the social and environmental aspects related to the presence of phosphorus in surface water bodies, assessing the impacts caused by the utilization of powder detergents on the quality and availability of water resources, with particular respect to the occurrence of eutrophication. Based on data concerning the composition and consumption of the products currently sold in Brazil, the evolution of this phenomenon leading to the current situation is reported. Indications are that Brazilian detergents have a low phosphorus content, thus it is possible to infer that these products offer a small risk of impacting the trophic levels of surface waters. There is, however, a need to adjust the content of legislation to market practices, as well as improve public policies related to environmental education. By means of an intensive process of communication and education, awareness about the issue can be raised, keeping this major source of phosphorus in the environment under control and contributing to the increase in the availability of water, through the prevention of eutrophication processes.
  • Exposição a agrotóxicos entre estudantes e seus familiares em Nova Friburgo, Rio de Janeiro

    Veríssimo, Gesiele; Kós, Maria Isabel; Garcia, Tatiana Rodrigues; Ramos, Janinne Alves dos Santos; Souza, Carolyne Cosme de; Moreira, Josino Costa; Meyer, Armando

    Resumo em Português:

    Resumo Agricultura é uma ocupação de risco, principalmente a familiar em países em desenvolvimento. Os perigos ocupacionais comuns a essa atividade podem atingir a toda família, incluindo crianças e adolescentes. Este estudo descreve o padrão do uso de agrotóxicos entre estudantes e seus familiares em uma região agrícola localizada em Nova Friburgo, Estado do Rio de Janeiro, Brasil. Características sociodemográficas, hábitos, práticas de trabalho e grau de exposição a agrotóxicos foram adquiridas através do uso de questionário. Nossa população de estudo consistiu em estudantes e seus familiares de ambos os sexos, entre 6 e 85 anos de idade (N = 352) sendo 167 mulheres e 185 homens. Houve a predominância de participantes entre 10 - 19 anos (71,3%), solteiros (77,5%), e a maioria com o ensino fundamental incompleto (54,5%). Quanto à ocupação, 45,5% reportaram-se como agricultores e 39,6% como estudantes. As variáveis mais associadas à exposição a agrotóxicos foram sexo (p < 0,001), nível educacional (p < 0,001) e ser agricultor (p < 0,001). Nossos resultados mostraram que crianças e adolescentes parecem ter o mesmo grau de exposição a agrotóxicos que adultos. Nossos achados também sugerem que sexo, ocupação e nível educacional, incluindo professores, estão diretamente associados ao grau de exposição.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Farming is a risky occupation, especially family farming in developing country. The occupational hazards commonly used in such activity could affect all family members, including children and adolescents. This study describes the pattern of pesticide exposure among students and their families from a farming region located in Nova Friburgo, State of Rio de Janeiro, Brazil. Sociodemographic characteristics, habits, working practices and the degree of exposure to pesticides were assessed by a questionnaire. Our study population consisted of students and family members of both sexes, aged between 6 and 85 years old (N = 352) being 167 women and 185 men. There was a predominance of participants between 10-19 years (71.3%), singles (77.5%), and most had not completed primary education (54.5%). In terms of occupation, 45.5% reported to be farmers and 39.6% were students. The variables mostly associated with pesticide exposure were sex (p < 0.001), educational level (p < 0.001), and being a farmer (p < 0.001). Our results showed that children and teenagers seemed to have the same degree of exposure to pesticides as the adults. Our findings also suggest that sex, occupation and educational level, despite teachers were included, are directly associated with degree of exposure.
  • Diabetes mellitus referida: incidência e determinantes, em coorte de idosos do município de São Paulo, Brasil, Estudo SABE – Saúde, Bem-Estar e Envelhecimento

    Roediger, Manuela de Almeida; Marucci, Maria de Fátima Nunes; Gobbo, Luis Alberto; Dourado, Daiana Aparecida Quintiliano Scarpelli; Santos, Jair Licio Ferreira; Duarte, Yeda Aparecida de Oliveira; Lebrão, Maria Lúcia

    Resumo em Português:

    Resumo Verificar a associação da incidência de diabetes melito (DM) e variáveis determinantes em coorte de idosos. Foram analisados idosos, participantes do Estudo SABE – Saúde, Bem-Estar e Envelhecimento, realizado no município de São Paulo, em 2000 (2.143 idosos), e em 2006 (1.115 idosos). As variáveis de estudo foram: DM; sociodemográficas (sexo, grupo etário, escolaridade, companhia no domicílio), estado nutricional (risco para obesidade, obesidade e gordura abdominal), clínicas (número de doenças referidas) e de estilo de vida (ingestão de bebida alcoólica, hábito de fumar, ingestão de carnes e de frutas, legumes e verduras). Utilizou-se regressão logística múltipla para verificar a associação entre variáveis de estudo, utilizando o programa Stata/SE 10.0. Em 2006, 914 idosos, sobreviventes de 2000, foram analisados, dos quais 72 constituíram os novos casos de DM (incidência de 7,7/1.000 pessoas-ano). Verificou-se associação (p < 0,000) entre incidência de DM com obesidade corporal (OR = 1,67; IC = 1,00–2,81) e gordura abdominal elevada (OR = 2,32; IC = 1,47-3,67). Concluiu-se que a obesidade corporal e a gordura abdominal elevada foram as variáveis que contribuem para o desenvolvimento da DM em idosos.

    Resumo em Inglês:

    Abstract To verify the association between the incidence of DM and predictors, in a cohort of elderly people. Elderly people (≥ 60 y) were analyzed, of both genders, participants of the SABE Survey, carried out in the city of São Paulo, Brazil, in 2000 (n = 2,143) and 2006 (n = 1,115). The study variables were: DM; demographic (gender, age group, education level, companionship in the residence), nutritional status (risk for obesity, body obesity, and high abdominal fat), clinical (number of reported diseases), and lifestyle (alcohol consumption, smoking, intake of meat and fruit and vegetables). Multiple logistic regression (p < 0.05) was used to verify the association between variables of this study, with the statistical software Stata/SE 10.1. In 2006, 914 subjects, survivors of 2000, were analyzed and 72 were identified as new cases of DM (7.7/1.000 person-years). It was found that body obesity (OR = 1.67, CI = 1.00 to 2.81) and high abdominal fat (OR = 2.32, CI = 1.47 to 3.67) were predictors of the incidence of DM in the elderly (p < 0.000). It was concluded that body obesity and abdominal fat are the variables which contribute to the development of DM in the elderly.
  • Estudo comparativo da qualidade de vida de idosos asilados e frequentadores do centro dia

    Simeão, Sandra Fiorelli de Almeida Penteado; Martins, Géssika Araujo de Lima; Gatti, Marcia Aparecida Nuevo; Conti, Marta Helena Souza De; Vitta, Alberto De; Marta, Sara Nader

    Resumo em Português:

    Resumo Objetivou-se comparar a QV de idosos asilados e frequentadores do Centro Dia do Asilo Vila Vicentina, no município de Bauru/SP. A amostra contou com 48 sujeitos, sendo 21 homens, 5 do Centro Dia e 16 asilados, e 27 mulheres, 16 do Centro Dia e 11 asiladas, que responderaim aos questionários: caracterização sociodemográfica, WHOQOL-Old e WHOQOL-Bref. As respostas, submetidas à estatística descritiva e inferencial, permitiram comparar os escores de QV dos asilados aos dos frequentadores do Centro Dia, por meio do Teste de Mann Whitney. Os resultados apontaram melhores escores de QV para os idosos do Centro Dia, destacando-se as mulheres. As institucionalizadas tiveram os piores valores de QV, sobressaindo-se os domínios Físico e Psicológico. Os domínios com escores mais baixos foram: Meio Ambiente (42,6 ± 10,7 para as asiladas e 44,4 ± 9,7 para os homens do Centro Dia) e Intimidade (13,1 ± 17,3 para as asiladas e 9,4 ± 22,7 para os asilados). Os mais altos foram: Relações Sociais (74,0 ± 13,6 para as mulheres do Centro Dia e 68,3 ± 10,9 para os homens do Centro Dia) e Morte/Morrer (83,6 ± 22,0 para as mulheres do Centro Dia e 80,0 ± 32,6 para os homens do Centro Dia).

    Resumo em Inglês:

    Abstract The aim of this study was to compare the QOL of the elderly living in nursing homes and those who attend the Day Center (Centro Dia) at the the Asilo Vila Vicentina in the city of Bauru/SP. The sample consisted of 48 subjects, 21 men, 5 from the Day Center and 16 nursing home residents, and 27 women, 16 from the Day Center and 11 nursing homes residents, who answered the following questionnaires: socio-demographic characteristics, WHOQOL-Old, and WHOQOL-Bref. The responses were submitted to descriptive and inferential statistics to compare the QOL scores of the nursing home residents with the elderly who attend the Day Center using the Mann Whitney test. The results showed better QOL scores for the elderly who attend the Day Center, in which women stood out. Among the institutionalized elderly, women presented the worst QOL values, particularly in the Physical and Psychological domains. The domains with the lowest scores were Environment (42.6 ± 10.7 for women in nursing homes and 44.4 ± 9.7 for men at the Day Center) and Intimacy (13.1 ± 17.3 for women in nursing homes and 9.4 ± 22.7 for men in nursing homes). The domains with the highest scores were Social Affairs (74.0 ± 13.6 for women at the Day Center and 68.3 ± 10.9 for men at the Day Center) and Death/Dying (83.6 ± 22.0 for women at the Day Center and 80.0 ± 32.6 for men at the Day Center).
  • Análise da preferência digital de idade no sistema de farmacovigilância do Brasil, 2008-2013

    Mota, Daniel Marques; Vigo, Álvaro; Kuchenbecker, Ricardo de Souza

    Resumo em Português:

    Resumo Analisar a preferência digital na variável “idade” da base de dados de casos de eventos adversos a medicamentos notificados entre 2008 e 2013 no sistema de farmacovigilância do Brasil. A base de dados foi analisada em três etapas: 1) exploração inicial; 2) padronização de variáveis; e 3) manejo dos registros repetidos. A preferência digital da variável “idade”, segundo sexo e regiões agrupadas do país, foi determinada usando os métodos de Whipple e Myers e medida, também, pelo teste de aderência baseado na estatística χ2 ao nível de 5% de significância.Predominou a população feminina (60,3%), perfazendo uma razão feminino/masculino de 1,5:1 e com maioria feminina em oito das 12 faixas etárias estudadas.Ao longo do período analisado não foi observado qualquer preferência de dígito terminal na variável “idade”. As idades registradas nas notificações parecem não demonstrar imprecisão e, por conseguinte, esta informação pode ser interpretada como de qualidade não duvidosa. Tais resultados apontam para um bom desempenho na coleta de dados e informações relacionados à variável “idade” do sistema de farmacovigilância do Brasil.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The scope of this article is to analyze the digital preference for the "age" variable in the database of cases of adverse drug events reported between 2008 and 2013 in the pharmacovigilance system in Brazil. The database was analyzed in three stages: 1) Initial exploration; 2) standardization of variables; and 3) duplicate records management. The digital preference for the "age" variable according to sex and grouped regions of the country, was determined using the Whipple and Myers methods and also measured by the adhesion test based on statistical χ2 at 5% significance level. The female population was predominant (60.3%), with a female/male ratio of 1.5:1 and a female majority in 8 of the 12 age groups. Throughout the period under analysis, no preference for a terminal digit was observed in the "age” variable. The ages that were registered in the database appear not to reveal any imprecision and, therefore, this information cannot be interpreted as unreliable. These results point to a good performance in collecting data and information related to the “age” variable of the Brazil's pharmacovigilance system.
  • Validação Psicométrica do Short Form of the Smoking Consequences Questionnaire (S-SCQ) a um contexto brasileiro

    Souza, Marília Silva de; Araújo, Jaciana Marlova Gonçalves; Souza, Luciano Dias de Mattos

    Resumo em Português:

    Resumo Fumar representa 24% das mortes na população geral, sendo o fator que explica o maior número de anos de vida perdidos. É importante compreender as expectativas relacionadas ao comportamento de fumar. O presente estudo teve por objetivo validar o instrumento Short Form of the Smoking Consequences Questionnaire (S-SCQ) para uma versão brasileira. Após o processo de adaptação semântica para o idioma e o contexto nacional, o S-SCQ foi aplicado numa amostra de 129 pessoas. No passo seguinte, foram realizadas análises psicométricas para o conjunto de 21 itens. Os dados foram submetidos à prova de validade de construto por meio de Análise Fatorial Exploratória, com tratamento “pairwise” para casos omissos. Para proceder a Análise Fatorial se utilizou inicialmente o método da Análise dos Componentes Principais (ACP). Após, foi feita a Fatoração dos Eixos Principais (FEP) utilizando rotação Varimax com normalização de Kaiser. A fidedignidade da escala total (com 21 itens) apresentou índice alfa de Cronbach 0,851 e Lambda 2 de Gutmann 0,870. Índices bastante satisfatórios foram observados também nas subescalas. No mesmo sentido, os valores de correlação item-total também confirmaram os bons índices de fidedignidade da escala.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Smoking accounts for 24% of deaths in the general population and is also the factor that explains the biggest amount of years of life lost. It is important to understand the expectations regarding smoking behavior. The present study aimed to validate the Short Form of the Smoking Consequences Questionnaire (S-SCQ) for a Brazilian version. The Researchers did the process of semantic adaptation to language and national context. The S-SCQ was applied in a sample of 129 people. The next step was to perform psychometric analyses for the set of 21 items. Exploratory Factor Analysis, with pairwise treatment for missing cases, was used to achieve construct validity. To carry out Factor Analysis, the method of Principal Component Analysis (PCA) was used initially. Afterwards, Principal Axis Factoring (PAF) using Varimax rotation with Kaiser normalization was applied. The reliability of the total scale (21 items) showed a Cronbach alpha index of 0.851 and a 0.870 Lambda2 of Gutmann. Quite satisfactory rates were also observed in the subscales. Similarly, the item-overall correlation values also confirmed the scale’s good reliability indices.
  • Preocupações sobre a estética dentária com qualidade de vida relacionada à saúde bucal em adultos no sul do Brasil

    Goulart, Mariél de Aquino; Condessa, Aline Macarevich; Hilgert, Juliana Balbinot; Hugo, Fernando Neves; Celeste, Roger Keller

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo do presente estudo foi avaliar a associação entre a aparência dos dentes com a qualidade de vida relacionada à saúde bucal. Quinze centros de atenção primária com serviços odontológicos foram selecionados em Porto Alegre, Brasil. Os indivíduos foram entrevistados a partir de uma amostragem aleatória de domicílios. O desfecho avaliado foi ter um escore de OHIP14 > 0. As exposições foram: cor e posição autorreferida dos dentes, percepção da saúde bucal e preocupação com a estética dental. Os dados foram analisados com regressão logística. De 1.943 indivíduos contatados, 433 utilizaram os serviços públicos odontológicos, dos quais 73% tinham algum impacto na qualidade de vida; 35,2% dentes manchados e 47,5% dentes apinhados. Além disso, 22,2% já haviam tentado clarear os dentes. Indivíduos preocupados com a cor tinham 2,56 vezes (IC 95%: 1.34-4.89) mais chances de relatar qualquer impacto após o ajuste para número de dentes, tabagismo e educação. Preocupações com a posição dos dentes, relato de dentes manchados ou apinhados, idade, sexo e renda não foram significativas (p > 0,30). Houve uma associação direta e independente entre as preocupações com a cor do dente e qualidade de vida. O efeito da cor do dente pode ser mediado pela percepção da estética.

    Resumo em Inglês:

    Abstract It aims to evaluate the association between dental appearance and Oral Health Related Quality of Life. Fifteen primary care services with dental services were selected in Porto Alegre, Brazil. Individuals were interviewed from a random sampling of households in the catchment area of the health centres. The outcome was having an OHIP14 score > 0 (any impact). The main exposures included self-reported tooth colour and position, perception of oral health and concern with dental aesthetics. Data were analysed with stepwise logistic regression. Of 1943 individuals contacted, 433 used public dental services in the last year. Seventy-three percent had some impact on quality of life, 35.2% and 47.5% reported stained and crowded teeth, respectively. Also, 22.2% had already tried bleaching their teeth. Individuals concerned with colour were 2.56 times (95% CI: 1.34-4.89) more likely to report any impact after adjusting for number of teeth, smoking and education. Concerns about tooth position, reporting stained or crowded teeth, age, sex and income were not significant (p > 0.30). There is a direct and independent association between concerns with tooth colour and quality of life. The effect of tooth colour on quality of life may be mediated by individuals’ perceptions of aesthetics.
  • Proteção social brasileira e demandas no tratamento oncológico infantojuvenil

    Huesca, Isabel Marco; Vargas, Eliane Portes; Cruz, Marly Marques da

    Resumo em Português:

    Resumo O artigo discute a questão da proteção social frente às demandas apresentadas no tratamento oncológico infanto/juvenil no Brasil. Tem como objetivo problematizar os avanços e os limites do sistema de proteção social brasileiro frente às demandas sociais decorrentes do tratamento oncológico infanto/juvenil que ultrapassam os limites específicos da atenção à saúde. Trata-se de estudo qualitativo que foi estruturado com base na análise de documentos oficiais, Leis, Decretos, Portarias e Políticas e da literatura destinados às crianças e adolescentes em tratamento de câncer cujas consequências incapacitantes produzem demandas sociais que impactam, sobretudo, a vida familiar. O trabalho apresenta as políticas sociais como um recurso fundamental ao tratamento, considerando a demanda por renda e deslocamento, de modo a possibilitar uma efetiva atenção à saúde. Entretanto, as reflexões apontam haver na atualidade uma retração das políticas sociais pelo Estado que se exprimi na focalização e no repasse de suas responsabilidades a outros setores da sociedade civil.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This article discusses the issue of social protection against the demands presented in the treatment of children and adolescents in Brazil. It aims to problematize the advances and limits of the Brazilian social protection system in face of the social demands arising from the treatment of children and adolescents that go beyond the specific limits of health care. It is a qualitative study that was structured based on the analysis of official documents, Laws, Decrees, Ordinances and Policies and the literature destined to children and adolescents in cancer treatment whose incapacitating consequences produce social demands that impact, above all, family life. The paper presents social policies as a fundamental resource for treatment, considering the demand for income and displacement, in order to enable an effective health care. However, the reflections indicate that there is now a retraction of social policies by the State that was expressed in the focus and transfer of responsibilities of the State to other sectors of civil society.
  • Fatores de risco associados aos óbitos por causas mal definidas nos estados do Brasil: uma análise multinível

    Rodrigues, Nádia Cristina Pinheiro; Daumas, Regina Paiva; Almeida, Andréa Sobral de; O’Dwyer, Gisele; Andrade, Mônica Kramer de Noronha; Flynn, Matthew Brian; Lino, Valéria Teresa Saraiva

    Resumo em Português:

    Resumo Este estudo descreve as mudanças espaço-temporais da proporção de causas mal definidas no Brasil (1998-2012) e seus fatores associados. Coletamos informações da proporção de óbitos por causas mal definidas por idade (15-59 anos), sexo, período, local de residência, além de fatores socioeconômicos. Utilizou-se modelo multinível de Poisson para investigar os fatores associados às causas mal definidas dos óbitos. Ao contrário dos estados do sul e centro-oeste, identificou-se clusters com elevados níveis proporcionais destes óbitos nos estados do norte, nordeste e sudeste. A maior proporção de óbitos mal definidos ocorreu em 1998-2002 (0,09), no norte e nordeste (0,14 e 0,12, respectivamente), nos grupos etários mais velhos (0,09) e nos locais com condições socioeconômicas desfavoráveis. A análise ajustada indicou diferença dos níveis de causas mal definidas de acordo com a região, a idade, o período, a escolaridade, a desigualdade social e a renda. Nossos resultados sugerem que quanto menor a faixa etária e melhores as condições socioeconômicas, menor o risco de óbitos mal definidos. Apesar de nos últimos anos a qualidade dos dados de mortalidade no Brasil ter aumentado, os investimentos na melhoria do registro dos óbitos não podem ser descontinuadas.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This study describes the spatial-temporal changes of the proportion of ill-defined causes of death in Brazil (1998-2012) and investigates which demographic and socioeconomic factors affect this proportion. We collected information of the proportion of ill-defined causes of death by age (15-59 years), sex, period, locality, and socioeconomic data. We used a multilevel Poisson model to investigate which factors affect the risk of ill-defined causes of death. Unlike states located in the South and Midwest, we detected clusters with high proportional levels of these deaths in states in the North and Northeast regions. A greater proportion occurred in 1998-2002 (0.09), in the North and Northeast (0.14 and 0.12, respectively), in older age groups (0.09), and in places with poor socioeconomic conditions. The adjusted analysis showed differences in proportion according to the region, age, period, schooling, social inequality, and income. The results indicate that the lower the age group and the better the socioeconomic situation, the lower the risk to register the cause of death as ill-defined. Although over the past years, the quality of Brazil’s mortality data has gradually increased, investments towards improving mortality registries cannot be discontinued.
  • Riesgo de muerte por suicidio en población Colombiana 2000-2013

    Rodríguez-Hernández, Jorge Martín; Rocha-Buelvas, Anderson; Mendieta-Izquierdo, Giovane; Hidalgo-Troya, Arsenio

    Resumo em Espanhol:

    Resumen Analizar el riesgo de muerte por suicidio en Colombia, a partir de covariables sexo, grupo etario, año, región y/o departamento de 2000 a 2013. Se utilizaron las bases de datos de muertes por suicidio y proyecciones poblacionales del DANE. Se realizó un estudio longitudinal y analítico. De 2000 a 2013, se establecieron las tendencias anuales de muertes por suicidio por covariables mediante modelación y se recogieron estimaciones de riegos Se utilizó el modelo de regresión de Poisson (MRP). Se emplearon IRR según el MRP con nivel de significancia (P < 0,05). Los colombianos entre los años 2000-2013, de sexo masculino, de 15 a 34 años, de las regiones Central y Oriental y de los Departamentos de Vaupés, Huila y Quindío fueron los que mayor riesgo tuvieron de morir por suicidio. La tasa de suicidios fue levemente decreciente conforme pasaron los años. El mayor riesgo de suicidio ocurrió en hombres en edad productiva, adultos mayores y en regiones poco desarrolladas. Colombia requiere una política de salud mental que implemente estrategias de atención primaria, promoción de la salud y prevención de la enfermedad, orientadas a fomentar la calidad de vida, detección de ideación suicida, tratamiento y rehabilitación a estas personas desde el enfoque de derechos y atención integral.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The scope of this article is to analyze the risk of death by suicide in Colombia based on the covariables of sex, age group, year, region and/or department from 2000 to 2013. The databases of deaths by suicide and population projections of DANE were used. A longitudinal and analytical study was conducted. From 2000 to 2013, annual trends of deaths by suicide by means of modeling of covariables were established and risk estimates were collected. The Poisson regression model (PRM) was used. IRR was used according to the MRP with a level of significance of (P <0.05). Colombians between the years 2000-2013, male, 15 to 34 years old, from the Central and Eastern regions and from the Departments of Vaupés, Huila and Quindío were those with the highest risk of death by suicide. The suicide rate decreased slightly as the years went by. The highest risk of suicide occurred among men of productive age, older adults, and in underdeveloped regions. Colombia requires a mental health policy that implements strategies for primary care, health promotion and disease prevention, aimed at promoting the quality of life, detection of suicidal ideation, treatment and rehabilitation of these people from a comprehensive rights and care approach.
  • Uso de rastreadores para busca de reações adversas a medicamentos como motivo de admissão de idosos em pronto-socorro

    Nagai, Kelly Lie; Takahashi, Patricia Sayuri Katayose; Pinto, Lucia Mendes de Oliveira; Romano-Lieber, Nicolina Silvana

    Resumo em Português:

    Resumo Reações adversas a medicamentos (RAM) podem ser causa de enfermidades, incapacidades ou óbitos, principalmente em idosos. Realizou-se busca ativa de suspeitas de RAM que motivaram a procura de idosos por cuidados em pronto socorro (PS) utilizando rastreadores e discutindo seu uso nessa unidade de atendimento. Tratou-se de um estudo transversal e retrospectivo que utilizou adaptação dos rastreadores do “Institute of Healthcare Improvement”. Foram analisados 287 prontuários, nos quais foram encontrados 38 rastreadores que identificaram 7 suspeitas de RAM. Uma foi encontrada sem uso dos rastreadores. Assim, no total, foram encontradas 8 reações (2,79%). Os medicamentos mais implicados foram os para trato alimentar e metabolismo e sistema cardiovascular. Dos rastreadores testados, alguns são essenciais para uso em PS, como os que indicam problemas com anticoagulantes, hipoglicemiantes e anti-hipertensivos, medicamentos bastante utilizados por idosos. Outros são adequados a estudos prospectivos, por necessitarem avaliação detalhada para confirmar da suspeita de RAM. Os rastreadores devem ser adaptados para cada instituição, mas se mostraram úteis para a detecção das suspeitas de RAM, identificando problemas ocorridos fora do ambiente hospitalar e sinalizando medicamentos que envolvem maior risco ao paciente idoso.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Adverse drug reactions (ADRs) can cause illness, disability or death, especially in the elderly. An active search for suspected ADRs was carried out using triggers, which motivated the search of elderly people under care in adult emergency departments (ED). It was a cross-sectional and retrospective study that used an adaptation of the Institute of Health Care Improvement triggers. A total of 287 medical records were analyzed and 38 triggers were found, identifying 7 suspected ADRs. One was found without the use of triggers. Thus, in total, 8 ADRs (2.79%) were found, of which 6 were considered serious. There was a higher prevalence of ADRs in females (62.5%) and in those over 80 years of age (50%). The medications most implicated were those for alimentary tract and metabolism and cardiovascular system. Of the triggers tested, some are essential for use at EDs, such as those that indicate problems with anticoagulants, hypoglycemic agents and antihypertensives. Triggers have proved useful for an active search for suspected ADRs at EDs, including severe ones, identifying problems occurring outside hospital settings and signaling medications that pose an increased risk to the elderly .
  • Fatores associados à autopercepção de saúde dos idosos usuários dos restaurantes populares de Belo Horizonte

    Gomes, Mariana Fernandes Souza; Pereira, Simone Cardoso Lisboa; Abreu, Mery Natali Silva

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo deste artigo foi avaliar a autopercepção de saúde entre idosos usuários dos Restaurantes Populares (RP) de Belo Horizonte (BH) e os fatores associados a esse desfecho. Trata-se de um estudo transversal realizado em todos os RP e refeitórios de BH. A autopercepção de saúde foi classificada como ruim e muito ruim; regular; boa e muito boa. Como possíveis fatores associados foram consideradas variáveis sociodemográficas, econômicas, aquelas relacionadas à saúde física e aos recursos sociais. Na análise univariada foram utilizados os testes Qui-quadrado e Mann-Whitney. Na análise multivariada foi construído um modelo de regressão logística ordinal. A amostra consistiu em 279 idosos, sendo a maioria (68,5%) do sexo masculino. A maioria dos idosos (57,5%) considerou sua saúde como boa ou muito boa. Foram fatores associados a uma melhor percepção de saúde na análise multivariada (valor-p < 0,05): a satisfação com o relacionamento com os amigos, não ter diabetes e também nenhuma outra doença cardiovascular e, por último, a baixa frequência e ausência dos problemas que dificultam os idosos de fazerem as coisas que precisam ou querem fazer. Estudos como este contribuem para o entendimento da percepção de saúde da população idosa associado a diversos fatores que podem influenciar no envelhecimento saudável.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The scope of this paper was to evaluate the self-rated health among elderly frequenters of low-budget community restaurants (RP) in Belo Horizonte (BH) and the factors associated with this outcome. It involved a cross-sectional study in all RP and BH cafeteria. The self-rated health was classified as bad and very bad; average; good and very good. Sociodemographic and economic variables were considered to be possible associated factors, as well as those related to physical health and social resources. In the univariate analysis, the Chi-square test and Mann-Whitney tests were used. In the multivariate analysis a model of ordinal logistic regression was created. The sample consisted of 279 elderly people, the majority (68.5%) being male. Most of the elderly (57.5%) considered their health as being good or very good. Factors associated with better health perception in the multivariate analysis (p-value < 0.05) were satisfaction with relationships with friends, not having diabetes or any other cardiovascular disease and finally, the low frequency and lack of problems that hinder the elderly from doing the things they need or want to do. Such studies contribute to the understanding of the health perception of elderly people associated with several factors that can influence healthy aging.
  • Ensaios sobre Michel Foucault no Brasil. Presença, efeitos, ressonâncias

    L’Abbate, Solange
  • ERRATA

ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: revscol@fiocruz.br