Physis: Revista de Saúde Coletiva, Volume: 28, Número: 4, Publicado: 2018
  • Mais um ano que se encerra…

    CAMARGO JR, KENNETH R. DE
  • O sujeito preventivo das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti nas campanhas publicitárias: obrigação, culpabilização e álibi para a responsabilidade do poder público

    Wermelinger, Eduardo Dias; Salles, Inês Cristna Di Mare
  • O transtorno bipolar na rede: a construção do diagnóstico em um grupo on-line

    Corrêa, Luisa Motta; Lima, Rossano Cabral

    Resumo em Português:

    Resumo O artigo aborda os significados e sociabilidades que um grupo do Facebook sobre o transtorno bipolar tem produzido em torno deste diagnóstico, através de uma etnografia virtual. Junto à crescente penetração dos referenciais psiquiátricos na cultura, a bipolaridade vem se disseminando por meios como a internet e participando do modo como inúmeras pessoas interpretam e experimentam suas oscilações emocionais. A etnografia buscou investigar os impactos do diagnóstico na compreensão de si, os tons em que os participantes falam dele, os tratamentos e concepções sobre natureza/causas da bipolaridade abordados etc. Foram analisadas as dez publicações mais comentadas do grupo no período de um mês e, com base nos diferentes eixos temáticos identificados, chegou-se ao seguinte resultado: a maioria dos relatos traz experiências dolorosas, situando a bipolaridade como obstáculo a ser contornado; o endosso e identificação mútua pelo diagnóstico são frequentes no grupo, estimulando o companheirismo; os medicamentos são o recurso privilegiado no tratamento do transtorno, que é visto como incurável, mas passível de regulação; o cultivo de pensamentos e atitudes positivos são algumas das estratégia usadas para contornar as fases difíceis, mostrando uma postura pragmática em relação ao sofrimento psíquico; a bipolaridade é definida como uma entidade externa à personalidade.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This article addresses the meanings and sociabilities that a Facebook group about bipolar disorder has produced on this diagnostic, through an online ethnography. Along with the growing penetration of psychiatric references in culture, bipolarity has been spreading through media such as the internet and participating in the ways many people interpret and feel their emotional oscillations. The ethnography sought to investigate the effects of diagnosis on self-understanding, the tones in which participants talk about it, treatments and conceptions about nature/causes of bipolarity addressed, etc. The ten most commented publications of the group in one month were analyzed and, based on the thematic axes identified, the following results were reached: most publications talk about painful experiences, placing bipolarity as an obstacle to be circumvented; endorsement and mutual identification by diagnosis are frequent in the group, encouraging companionship; medicines are the privileged resource in the treatment of the disorder, which is seen as incurable, but amenable to regulation; the cultivation of positive thoughts and attitudes are some of the strategies used to overcome difficult phases, showing a pragmatic attitude towards psychic suffering; bipolarity is defined as an entity external to personality.
  • Rede de Atenção à Saúde Mental: estudo comparado Brasil e Catalunha

    TRAPÉ, THIAGO LAVRAS; CAMPOS, ROSANA TERESA ONOCKO; COSTA, KAREN SARMENTO

    Resumo em Português:

    Resumo O estudo pretende analisar e comparar as redes de atenção à saúde mental do Brasil e da Catalunha através dos componentes macroestruturais da política. Trata-se de uma revisão dos documentos orientadores da política de saúde mental do Brasil e da Comunidade Autônoma da Catalunha na Espanha. Ambos os territórios possuem leis que sustentam o modelo de saúde mental de base comunitária. Na Catalunha, a política é construída de modo mais técnico e verticalizado, influenciada pelas OMS, enquanto no Brasil a construção é ascendente, com ampla participação social na definição das ações. O financiamento na Catalunha é maior tanto na saúde global quanto, especificamente, na saúde mental; no Sistema Único de Saúde (SUS), a saúde mental é área subfinanciada dentro de um sistema subfinanciado. Em ambos, o foco do financiamento vem se alterando, com maior investimento em serviços comunitários, mas a Catalunha ainda despende maior parte do financiamento para os hospitais. O modelo de gestão no Brasil ainda é, fundamentalmente, de gestão direta e na Catalunha, indireto. Ambos possuem uma rede ampla e diversificada de serviços, mas com necessidade de lidar com o contingente de moradores de hospitais psiquiátricos e avançar em mecanismos avaliativos que respondam à complexidade da política.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The study aims to analyze and compare the networks of mental health care in Brazil and Catalonia through the macrostructural components of the policy. This is a review of the guiding documents of mental health policy in Brazil and the Autonomous Community of Catalonia in Spain. Both territories have laws that support the community-based model of mental health. In Catalonia, the policy is built in a more technical and vertical way, influenced by the WHO, while in Brazil the construction is ascending with broad social participation in the definition of actions. Financing in Catalonia is greater both in global health and, specifically, in mental health; in the SUS, mental health is an underfunded area within an underfunded system. In both, the focus of financing is changing, with more investment in community services, but Catalonia still spends most of the funding for hospitals. The management model in Brazil is still, fundamentally, direct management and in Catalonia, indirect. Both have a wide and diversified network of services, but need to deal with the contingent of residents of Psychiatric Hospitals and advance in evaluation mechanisms that respond to the complexity of the policy.
  • Agente Comunitário de Saúde: implicações dos custos humanos laborais na saúde do trabalhador

    SANTOS, AMANDA CORRÊA DOS; HOPPE, ARIANE DOS SANTOS; KRUG, SUZANE BEATRIZ FRANTZ

    Resumo em Português:

    Resumo O estudo teve como objetivo investigar o custo humano físico, cognitivo e social no trabalho do agente comunitário de saúde (ACS) e sua relação com possíveis danos à sua saúde. Estudo transversal, descritivo, quantitativo-qualitativo, com 251 ACS de municípios da 13ª Coordenadoria Regional de Saúde-RS. Os dados foram coletados em entrevistas, questionário sociodemográfico e “Inventário de Trabalho e Riscos de Adoecimento” (ITRA). Utilizaram-se para a análise dos dados a média dos escores fatoriais e a Análise de Conteúdo. Todos os fatores relativos aos custos humanos apresentaram avaliação moderada/crítica. Quanto aos danos à saúde, os danos físicos receberam avaliação moderada/crítica, sendo os demais avaliados como positivos/suportáveis. Apesar disso, foi relatada a presença de transtornos psíquicos, em um discurso de banalização do sofrimento advindo do trabalho.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This study aimed to investigate the physical, cognitive and social human costs in the work of the community health worker (CHW) and its relation with possible damages to their health. Descriptive, cross-sectional, quantitative and qualitative study, conducted with 251 CHW’s in municipalities from the 13th Regional Coordination of Health Rio Grande do Sul state, Brazil. Data were collected through interviews, sociodemographic questionnaire and “Inventory of Work and Illness Risks” (ITRA). The average factor scores and Content Analysis were used for the analysis of data. All factors relating to human costs had moderate / critical evaluation. As for health damage, physical damage received moderate / critical evaluation, and the others were evaluated as positive / supportable. However, the presence of mental disorders was reported, in a discourse that trivialized suffering from work.
  • Rede de atenção ao idoso: fatores facilitadores e barreiras para implementação

    COELHO, LÍVIA PEREIRA; MOTTA, LUCIANA BRANCO DA; CALDAS, CÉLIA PEREIRA

    Resumo em Português:

    Resumo Este artigo tem por objetivos identificar e discutir os fatores que favorecem e os que dificultam a implementação de uma Rede de Atenção ao Idoso em um município com 100% de cobertura pela Estratégia Saúde da Família. Foi utilizada a metodologia qualitativa, com a realização de dez grupos focais e entrevista semiestruturada com o gestor de saúde do município. Os resultados foram contrastados com dados da estrutura do sistema de saúde local. O estudo revela que lógica atual do processo de trabalho da ESF não diferencia a assistência ao idoso à do adulto. Apesar da consolidação da atenção primária como porta de entrada e da forte atuação dos agentes comunitários de saúde no município estudado, a fragmentação do sistema de saúde e a ausência de um modelo de atenção à saúde da pessoa idosa ainda são grandes limitadores da assistência a essa população. Esse contexto é agravado pela deficiência dos recursos humanos e pelo cenário de desvalorização social da velhice. Espera-se que os conhecimentos gerados possam se transformar em subsídios para a implementação de um modelo de atenção à saúde do idoso adequado à realidade local.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This article aimed to identify and discuss the factors that favor and hinder the implementation of an Integrated Delivery Network Service for the Elderly in a municipality with 100% coverage by the Family Health Strategy. Using a qualitative method, ten focus groups were conducted, a semi-structured interview with the municipal health manager was performed, and the results were compare with the structure of the local health system. The results revealed that the current logic of the work process in primary health care does not differentiate the care delivered to the elderly from the one provided to adults. Despite the consolidation of primary health care as an entry point and the strong presence of community health agents in the studied city, fragmentation of the health system and the absence of a model of health care for the elderly are still limiting factors for comprehensive care. Lack of human resources training and devaluation of old age aggravate this scenario. It is expected that the knowledge generated by this study can be turned into subsidies for the implementation of a model for elderly care suitable to local conditions.
  • Condições de segurança alimentar em uma comunidade indígena da Colômbia

    FARFÁN, JUAN CAMILO CALDERÓN; TORRES, DOLLY ARIAS; GÓMEZ, MARTHA NIDIA PAPAMIJA; TAMAYO, MARIA PAULA QUINTERO

    Resumo em Espanhol:

    Resumen La seguridad alimentaria se consigue cuando todas las personas, en todo momento, tienen acceso físico y económico a suficiente alimento, seguro y nutritivo, para satisfacer sus necesidades alimenticias y sus preferencias, con el objeto de llevar una vida activa y sana. Objetivo: Explorar condiciones de seguridad alimentaria en los comuneros del Resguardo Indígena La Gabriela. Método: Estudio cualitativo, de alcance exploratorio, que aplicó las técnicas de foto-voz y grupos de discusión. Se efectuó análisis de contenido. Resultados: Las condiciones de seguridad alimentaria de la comunidad indígena La Gabriela están asociadas al territorio y a prácticas alimentarias modificadas por influencia externa, lo cual afecta su autonomía generando dependencia a cadenas comerciales estimuladas por el libre mercado. Es preciso formular políticas que fortalezcan las creencias, costumbres y tradiciones ancestrales, lo cual requiere mayor atención por parte de las entidades estatales y los gobiernos.

    Resumo em Português:

    Resumo A segurança alimentar é alcançada quando todas as pessoas, em todos os momentos, têm acesso físico e econômico a alimentos suficientes, seguros e nutritivos, para satisfazer suas necessidades e preferências alimentares, a fim de levar uma vida ativa e saudável. Objetivo: Explorar as condições de segurança alimentar dos membros da comunidade da Reserva Indígena La Gabriela. Método: Estudo qualitativo, de abrangência exploratória, que aplicou as técnicas de foto-voz e grupos de discussão. Realizou-se análise de conteúdo. Resultados: As condições de segurança alimentar da comunidade indígena La Gabriela estão associadas ao território e às práticas alimentares modificadas por influência externa, o que afeta sua autonomia, gerando dependência de cadeias comerciais estimuladas pelo mercado livre. É necessário formular políticas que fortaleçam crenças, costumes e tradições ancestrais, o que requer maior atenção por parte das entidades e governos estaduais.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Food security is achieved when all people, at all times, have physical and economic access to sufficient food, safe and nutritious, to meet their dietary needs and preferences, in order to lead an active and healthy life. Objective: To explore conditions of food security in the community members of the La Gabriela Indigenous Reserve. Method: Qualitative study, of exploratory scope, that applied the techniques of photo-voice and discussion groups. Content analysis was carried out. Results: The food security conditions of the La Gabriela indigenous community are associated to the territory and food practices modified by external influence, which affects their autonomy generating dependence on commercial chains stimulated by the free market. It is necessary to formulate policies that strengthen ancestral beliefs, customs and traditions, which requires greater attention on the part of state entities and governments.
  • Infância, adolescência e mal-estar na escolarização: o que dizem os especialistas?

    COUTINHO, LUCIANA GAGEIRO; CARNEIRO, CRISTIANA

    Resumo em Português:

    Resumo Este artigo é oriundo de uma pesquisa em psicanálise e educação, que aliou estudo de casos múltiplos e pesquisa-intervenção, realizada no Serviço de Psiquiatria da Infância e Adolescência do Instituto de Psiquiatria da UFRJ (SPIA/IPUB-UFRJ). Parte de uma constatação que as condições sociais que sustentam o laço educativo têm sofrido grandes transformações nas últimas décadas. Levando em conta a tese freudiana a respeito do mal-estar inerente à civilização, visa discutir o mal-estar na escolarização de crianças e adolescentes, mais especificamente a partir do discurso dos especialistas que foram convocados a atender os casos estudados. Tece uma reflexão sobre o mal-estar no contexto dos atendimentos clínicos e em seus encaminhamentos, bem como problematiza a hegemonia do discurso médico na compreensão e condução desse processo.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This article comes from a research in psychoanalysis and education, which allied multiple case study and intervention research, carried out in the Department of Child and Adolescent Psychiatry, Institute of Psychiatry, Rio de Janeiro Federal University (SPIA/IPUB-UFRJ). It starts with an observation that the social conditions that underpin the educational bond have undergone great transformations in the last decades. Taking Freud’s thesis of the malaise inherent in civilization into account, it aims to discuss the malaise in the schooling of children and adolescents, more specifically from the discourse of the specialists who were called to attend the cases studied. It brings a reflection on the malaise in the context of the clinical appointments and in its referrals, and problematizes the hegemony of the medical discourse in the understanding and conduction of this process.
  • Carne única, carne nova. Corpo e democratização das tecnologias biomédicas de transformação corporal para pessoas trans no atual cenário argentino

    DELLACASA, MARIA ALEJANDRA

    Resumo em Espanhol:

    Resumen Este artículo pretende reflexionar acerca del proceso que va desde la producción de conocimiento biomédico en torno a identidades sexo-genéricas diversas, a las transformaciones en los modos de representar a las personas trans como sujetos de derecho, frente al Estado argentino. La intervención en la escena política de colectivos organizados imprimió una serie de particularidades al dispositivo médico-legal de la transexualidad en Argentina. Así, sujetos-pa(de)cientes nacidos en “cuerpos equivocados” pasaron a organizarse colectivamente y a emponderarse desde ese cuerpo como vehículo, para exigir y negociar otras posibilidades de ser y estar en el mundo. La reciente sanción de la Ley de Identidad de Género introdujo cambios en torno a la democratización del acceso a tecnologías biomédicas de transformación corporal, así como en las dinámicas de atención hospitalaria y sus implicancias en la producción de subjetividades mediadas biotecnológicamente. Finalmente, se introduce un debate en torno a nuevas formas de biosociabilidad y producción de conocimiento que configuran particulares relaciones entre ciencia, tecnología, usuarios, profesionales de la salud e instituciones públicas.

    Resumo em Português:

    Resumo Este artigo tem como objetivo refletir sobre o processo que vai desde a produção de conhecimento biomédico sobre diversas identidades sexuais genéricas, até mudanças nos modos de representar as pessoas transexuais como sujeitos de direito frente ao governo argentino. A intervenção dos coletivos organizados no cenário político imprimiu uma série de particularidades ao dispositivo médico-legal da transexualidade na Argentina. Assim, sujeitos-pacientes / que padecem, nascidos em “corpos errados”, passaram a se organizar coletivamente e empoderar-se a partir daquele corpo como um veículo para exigir e negociar outras possibilidades de ser e estar no mundo. A recente promulgação da Lei de Identidade de Gênero introduziu mudanças na democratização do acesso a tecnologias biomédicas de transformação corporal e dinâmicas de cuidados hospitalares e suas implicações na produção de subjetividades mediadas biotecnologicamente. Por fim, apresenta-se um debate em torno de novas formas de biossociabilidade e produção de conhecimento que formam relações particulares entre ciência, tecnologia, usuários, profissionais de saúde e instituições públicas.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This paper looks to reflect on the process ranging from the production of biomedical knowledge around diverse sex-generic identities, to the transformations in the ways of representing trans people, as subjects of law in the Argentine State. The organizations have broken into the political arena, imprinting some characteristics to the medical and legal transsexuality device in Argentine. Thus, subjects-patients/sufferers that have born in “wrong bodies” became collectively organized and empowered from this body as a vehicle to demand and negotiate other possibilities of being in the world. The recent approval of the Gender Indentity Law introduced changes in the democratization of access to biomedical technologies of body transformation, in the hospital care dynamics and its implications on the production of subjectivities biotechnologically mediated. Finally, we introduce the discussion about new ways of biosociabilty and knowledge production, which configure particular relationships between science, technology, users, health professionals and public institutions.
  • “Era urgente e indispensável agir”: o tracoma em São Paulo no início do século XX

    LÓDOLA, SORAYA; CAMPOS, CRISTINA DE

    Resumo em Português:

    Resumo No início do século XX o tracoma, enfermidade oftálmica contagiosa, tornou-se endêmica no interior do estado de São Paulo. Em 1906, mediante a infecção de quase 40% da população rural examinada, o governo estadual implantou 25 postos de tratamento em diversos municípios. Foi uma campanha audaciosa, dispendendo recursos com equipes médicas, transporte e medicação. O objetivo desta pesquisa é analisar por que o Serviço Sanitário interviu sobre o tracoma, num período em que as ações profiláticas estavam restritas às áreas urbanas. O recorte temporal se inicia em 1898, quando o primeiro artigo médico foi publicado, e termina em 1906, com a formação dos postos tracomatosos. Como fontes, foram utilizados relatórios governamentais, revistas médicas, teses e jornais. Concluímos que a pressão exercida por médicos e imprensa, concomitante à proteção do setor agroexportador, influenciaram a implantação das comissões.

    Resumo em Inglês:

    Abstract At the beginning of the 20th century, trachoma, a contagious ophthalmic disease, became endemic in the interior of the state of São Paulo. In 1906, through the infection of almost 40% of the rural population examined, the state government implemented 25 treatment stations in several municipalities. It was an audacious campaign, spending resources with medical staff, transportation and medication. This research aimed to analyze why the Health Service intervened on trachoma in a period in which prophylactic actions were restricted to urban areas. The temporal cut begins in 1898, when the first medical article was published, and ends in 1906, with the formation of trachomatous posts. As sources, government reports, medical journals, theses and journals were used. We conclude that the pressure exerted by doctors and the press, concomitant to the protection of the agroexport sector, influenced the implementation of the commissions.
  • A importância da porta de entrada no sistema: o modelo integral de cuidado para o idoso

    OLVEIRA, MARTHA REGINA DE; VERAS, RENATO PEIXOTO; CORDEIRO, HÉSIO DE ALBUQUERQUE

    Resumo em Português:

    Resumo A literatura mostra que a prestação de serviços aos idosos deve ser mais eficiente. Usuários necessitam de serviços que integrem atenção primária e demais serviços, além de equipe de saúde qualificada. O plano de cuidados e a gestão são elementos-chave para o sucesso da assistência. Há necessidade de modificar o modelo assistencial, a começar pela integração e coordenação dos serviços. Este texto é baseado em dois experimentos bem-sucedidos de modelos assistenciais para idosos, o da UnATI-UERJ e do Projeto Idoso Bem-Cuidado, iniciativa da Agência Nacional de Saúde Suplementar, que propõe um modelo inovador de atenção. Ambos são compostos por cinco níveis hierarquizados de cuidado: (1) acolhimento, (2) núcleo integrado de cuidado, (3) ambulatório geriátrico, (4) cuidados complexos de curta duração e (5) cuidados longa duração, nos quais se destacam os três primeiros, nas instâncias leves de cuidado. Identificação do risco e integralidade da atenção nos diferentes pontos da rede são o cerne deste modelo. O principal compromisso do projeto é melhorar a qualidade e a coordenação do atendimento desde a porta de entrada do sistema e ao longo do cuidado, com consequente utilização mais adequada dos recursos e melhor resultado para o paciente.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The literature shows that the provision of services to the elderly should be more efficient. Users need services that integrate primary care and other services, as well as qualified health staff. The care plan and management are key elements for the success of the care. There is a need to modify the healthcare model, starting with the integration and coordination of services. This text is based on two successful healthcare models for the elderly, that of UnATI-UERJ and the Well-Cared Elderly Project, an initiative of the National Supplementary Health Agency that proposes an innovative model of care. Both are comprised of five hierarchical levels of care - (1) care, (2) integrated care center, (3) geriatric outpatient clinic, (4) short-term complex care and (5) long-term care - the first three stand out, in the light instances of care. Risk identification and completeness of attention at different points in the network are at the heart of this model. The main commitment of the project is to improve the quality and coordination of care from the system's entrance door and throughout care, with consequent better use of system resources, both by health professionals and by users and patients.
  • Modelo comunitário para promoção, prevenção, assistência e proteção ante situações de abuso sexual de crianças e adolescentes

    WALD, GABRIELA; CAMAROTTI, ANA CLARA; CAPRIATI, ALEJANDRO JOSÉ; KORNBLIT, ANA LIA

    Resumo em Espanhol:

    Resumen Presentamos aquí un modelo teórico para la construcción de respuestas comunitarias a problemas de salud integral adolescente. El mismo condensa el trabajo realizado por nuestro equipo a lo largo de los últimos 15 años, tanto en el ámbito de la investigación como en la asistencia técnica a programas de intervención en Argentina.El modelo está organizado en 3 ejes conceptuales de los cuales se desprenden 10 principios y 6 pasos, los cuales recuperan los debates de la promoción de la salud, la salud colectiva y la pedagogía crítica. Si bien el mismo puede ser utilizado para trabajar distintas problemáticas de salud integral adolescente, se muestra en este artículo aplicado a un tema concreto y de relevancia internacional: el abuso sexual contra niños, niñas y adolescentes. Esta modelización supone una dialéctica que, por un lado, da lugar para que lo singular y contingente de cada experiencia pueda aparecer. No obstante, reconoce que muchos problemas se repiten en distintas comunidades, ya sea cercanas o geográficamente alejadas, y que la experiencia en el abordaje de los mismos puede aportar a construir nueva acción informada en la práctica. Proponemos aquí un trabajo basado en la inclusión de las diferencias, donde se interroguen los mitos, las creencias, los prejuicios y los estereotipos que sostienen las múltiples discriminaciones que pueden sufrir las personas.

    Resumo em Português:

    Resumo Apresentamos um modelo teórico para a construção de respostas comunitárias a problemas de saúde integral do adolescente. O mesmo condensa o trabalho realizado por nossa equipe ao longo dos últimos 15 anos, tanto na área da pesquisa quanto na assistência técnica a programas de intervenção comunitária na Argentina. O modelo está organizado em três eixos conceptuais dos quais se desprendem dez princípios e seis passos, que recuperam os debates sobre a promoção da saúde, saúde coletiva e pedagogia crítica. Embora este possa ser utilizado para o trabalho com distintas problemáticas de saúde integral adolescente, é mostrado neste artigo aplicado a um tópico específico de relevância internacional: o abuso sexual contra crianças e adolescentes. O modelo supõe uma dialética que, por um lado, permite que o singular e contingente de cada experiência apareçam. Não obstante, reconhece que muitos problemas se repitam em comunidades distintas, sejam perto ou geograficamente longe, e que a experiência na abordagem dos mesmos pode construir uma nova ação informada na prática. Proporemos aqui um trabalho baseado na inclusão das diferenças, em que se interroguem os mitos, crenças, preconceitos e estereótipos que sustentam as múltiplas discriminações que as pessoas podem sofrer.

    Resumo em Inglês:

    Abstract We present here a theoretical model for the construction of community responses to comprehensive adolescent health problems. It summarizes the work done by our team over the last 15 years, both in the field of research and in technical assistance to intervention programs in Argentina. The model is organized into 3 conceptual axes from which 10 principles and 6 steps emerge; it retrieves the debates of health promotion, collective health and critical pedagogy. Although it can be used to work on different problems of adolescent health, in this article it is applied to a specific topic of international relevance: sexual abuse against children and adolescents. This modeling implies a dialectic that, on the one hand, gives place so that the singular and contingent of each experience can appear. However, it recognizes that many problems are repeated in different communities, either close or geographically distant, and that the experience in dealing with them can contribute to build new action informed in practice. We propose here a work based on the inclusion of differences, where the myths, beliefs, prejudices and stereotypes that support the multiple discriminations that people can suffer are questioned.
  • Competências para o trabalho nos Consultórios na Rua

    MACHADO, MARCELO PEDRA MARTINS; RABELLO, ELAINE TEIXEIRA

    Resumo em Português:

    Resumo A criação das equipes de Consultórios na Rua (eCR) recoloca em discussão a questão da formação em saúde, em especial para o trabalho com a população em situação de rua (PSR). Este estudo teve como objetivos: identificar os componentes de competências utilizadas pelos profissionais (conhecimentos, habilidades e atitudes); sistematizar e associar os componentes de tais competências; propor a síntese dos elementos mapeados em competências para o trabalho nas eCR. De abordagem qualitativa, a pesquisa foi realizada em duas fases de coleta e sistematização de dados: a realização de três grupos focais com as eCR do Distrito Federal; a construção de consenso sobre competências para trabalho na eCR em consulta a expertos, das cinco regiões do país, utilizando o Método Delphi. Foram elencados 25 conhecimentos, 37 habilidades e 16 atitudes como componentes das competências para o trabalho nas eCR. A partir dos 30 elementos mais votados pelos expertos, foram propostas três competências: uma no campo da clínica/cuidado, outra no campo do processo de trabalho e a última, sobre o trabalho em rede. Finalmente, discutiram-se os elementos que não foram incluídos na lista principal e como estes podem contribuir para o debate sobre a atuação dos profissionais em saúde para a atuação no Sistema Único de Saúde (SUS) e junto à PSR.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The creation of the Street Offices teams (eCR), to reassess issues related to the professional training for health, especially to working with people living on the streets (PSR). This study aimed at: identifying components of currently enacted competencies (knowledge, skills and attitudes); framing and associating these elements; proposing the synthesis of the mapped components as the core competencies for working in the eCR. With qualitative approach, this work assumed two phases for collecting and systematizing data: the execution of focus groups with three eCR from the Federal District; and the construction of consensus on competencies for work in the eCR, consulting 20 workers, managers and experts, from the five regions of the country, using the Delphi Method. Were considered as components of the competencies for the work at eCR: 25 knowledge, 37 skills, and 16 attitudes. From the 30 most voted elements by the experts, three competencies were proposed: one related to the clinical care, other related to the work process and the last one on service networking. Finally, the elements that were not included in the main list and how they can contribute to the debate about the health professionals, better qualifying them to work in the Unified Health System (SUS), with PSR.
  • Desafios às ações educativas das Equipes de Saúde Bucal na Atenção Primária à Saúde: táticas, saberes e técnicas

    BRASIL, PAULA ROBERTA DA CONCEIÇÃO; SANTOS, ADRIANO MAIA DOS

    Resumo em Português:

    Resumo Estudo sobre as práticas educativas das Equipes de Saúde Bucal na Atenção Primária à Saúde em Salvador, Bahia. A pesquisa teve como objetivos a análise das táticas das Equipes de Saúde Bucal para envolvimento da comunidade nas práticas de educação em saúde e discutir os saberes e técnicas desenvolvidas nas ações educativas. Optou-se pela abordagem qualitativa, por meio de 22 entrevistas semiestruturadas, envolvendo sete cirurgiões-dentistas, sete auxiliares de saúde bucal, seis gerentes das unidades de saúde e dois gestores distritais. A análise de conteúdo temática orientou a análise e interpretação dos resultados. O modelo educativo estava centrado no saber do cirurgião-dentista, revelado no caráter prescritivo e burocrático das atividades desenvolvidas na comunidade. Tais práticas educativas tendem a não incentivar a autonomia dos usuários, fazendo-os, de certa forma, reféns do modelo hegemônico de produção do cuidado focado na doença.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Study on the educational practices of Oral Health Teams, members of the Primary Health Care in Salvador, Bahia state, Brazil. The research aimed to analyze the tactics used by Oral Health Teams for community involvement in health education programs and discuss pedagogical practices (knowledge and techniques) developed in educational activities. Qualitative approach was carried out by using 22 semi-structured interviews involving seven dentists, seven oral health assistants, six managers of health facilities and two district managers. Thematic content analysis guided the outcomes discussion. The educational model was centered on dentist’s knowledge, revealed in prescriptive and bureaucratic nature of the activities in the community. Such educational practices tend not to encourage the users’ autonomy, making them, in a sense, hostage to the hegemonic model of care focused on disease.
  • Regulação em saúde no setor privado: o caso da ANS no Brasil e da ERS em Portugal

    ARAUJO, ISABELLE MARIA MENDES DE; NASCIMENTO, DMITRI FELIX DO; PEREIRA, ANGELA MARIA

    Resumo em Português:

    Resumo No Brasil, o Sistema Único de Saúde (SUS) vem se consolidando enquanto um subsistema público de saúde que convive com um sólido subsistema privado de saúde suplementar e complementar. O sistema de saúde português, de forma semelhante, caracteriza-se pela presença de três subsistemas assistenciais: o Serviço Nacional de Saúde, um setor de seguros privados e um setor privado em ascensão. Para ambos os países, a questão do setor privado é um dilema e um desafio para as suas respectivas entidades reguladoras, a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e a Entidade Reguladora da Saúde (ERS). Desse modo, objetiva-se compreender como as instituições reguladoras atuam sobre o setor privado, demonstrando o crescimento desse setor, a segmentação dos sistemas de saúde, e o perfil de reclamações dos beneficiários/utentes. Para tal, realizou-se uma sistematização da literatura, levantamento dos gastos em saúde na base da OCDE, IBGE, ANS e ERS. Percebe-se que, com a consolidação de um padrão de empresariamento privado da saúde, inicia-se uma disputa por segmentos de clientela e especializações; o fortalecimento do setor privado preserva suas bases de financiamento público mediante sua presença marcante e cada vez mais organizada nas arenas decisórias públicas, com o Estado, e nos fluxos do mercado.

    Resumo em Inglês:

    Abstract In Brazil, the Unified Health System (SUS) has been consolidated as a public health subsystem that coexists with a solid private subsystem supplementary and complementary health. The Portuguese health system, similarly, is characterized by the presence of three health subsystems: the National Health Service, private insurance and rising private sector. For both countries, the issue of the private health sector is a dilemma and a challenge to their respective regulators, the National Supplementary Health Agency (ANS) and the Regulatory Authority of Health (ERS). Thus, we aim to understand how regulatory institutions act on the private sector, demonstrating the growth of this sector, the segmentation of health systems, and the profile of complaints of beneficiaries. To this end, we carried out a systematic literature, survey of health expenditures on the basis of the OECD, IBGE, ANS and ERS. It With the consolidation of a pattern of private health business created a dispute over client segments and specializations; the private sector preserves its public funding base through its strong presence and increasingly organized in public decision-making arenas, with the State, and market flows.
  • Análise da Produção Legislativa em Saúde na 54ª e 55ª Legislaturas do Congresso Nacional do Brasil: o que os parlamentares produzem em saúde?

    BEM, IVAN PRICKEN DE; DELDUQUE, MARIA CÉLIA

    Resumo em Português:

    Resumo Introdução: O Poder Legislativo federal, representado pelo Congresso Nacional, é por excelência a instituição responsável pelo arcabouço legal do Brasil. A Constituição Federal de 1988 determinou que a saúde é um direito do cidadão e que o Estado tem a obrigação de prover os meios para que a alcancem plenamente. Objetivo: Analisar as 2.316 proposições legislativas apresentadas na 54ª Legislatura e nos dois anos iniciais da 55ª Legislatura que versam sobre a questão. Metodologia: trata-se de estudo descritivo com abordagem quali-quantitativa das proposições legislativas, considerando a região de origem e o partido político dos parlamentares que apresentaram as proposições; os assuntos abordados; a composição das Casas Legislativas na 54ª e 55ª Legislaturas. Resultados: Os resultados apontam para a produção legislativa que visa principalmente ao aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde e para a baixa atenção a outros temas, como a saúde indígena. Conclusão: Devido à omissão parlamentar em diversos campos da saúde, há uma especial tendência a deixar ao Poder Executivo o poder de legislar sobre determinadas matérias sanitárias.

    Resumo em Inglês:

    ABSTRACT Introduction: The Federal Legislative Branch, represented by the Congress, is the institution responsible for the legal framework of Brazil. The Federal Constitution of 1988 determined health as a right for the citizens, and the State is obliged to provide it so they can achieve full health. Objective: To analyze 2,316 legislative proposals presented in the 54th Legislature and during the first two years of the 55th Legislature regarding health issues. Methods: Descriptive study with a qualitative approach of the legislative propositions considering its region of origin and the political party involved with the proposals; regarding subjects and the House of Legislative composition during the 54th and 55th Legislatures. Results: The results state that the legislative production aims to improve the Unified Health System and show little attention to other issues such as indigenous health. Conclusion: Due to parliamentary omission in several health fields, there is a tendency to leave to the Executive Branch the power to legislate on certain health matters.
  • Desafios da prevenção e controle da dengue na fronteira Brasil/Bolívia: representações sociais de gestores e profissionais da saúde

    COSTA, ELISÂNGELA MARTINS DA SILVA; COSTA, EDGAR APARECIDO DA; CUNHA, RIVALDO VENÂNCIO DA

    Resumo em Português:

    Resumo Este estudo tem por objetivo identificar e analisar as representações sociais dos gestores e profissionais da saúde sobre os desafios da prevenção e controle da dengue em Corumbá, Mato Grosso do Sul, fronteira Brasil/Bolívia. Trata-se de uma pesquisa qualitativa fundamentada na teoria das representações sociais. Para a coleta de dados foram entrevistados cinco gestores e 63 profissionais da saúde atuantes na estratégia Saúde da Família e na Santa Casa de Misericórdia de Corumbá; a análise do conteúdo se fez pela técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. Os resultados apontam que o município possui grandes dificuldades de enfrentamento da dengue pelo fato de ficar na fronteira. Na análise dos discursos foram identificadas quatro ideias centrais: insuficiência de recursos financeiros, mobilidade transfronteiriça, reduzida cooperação fronteiriça e cultura dos bolivianos. O estudo reforça a necessidade de cooperação bilateral ou multilateral para melhor atendimento à saúde nos territórios de fronteira.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This study aims to identify and analyze the social representations of health managers and professionals on challenges of combating dengue fever in Corumba, Mato Grosso do Sul state, Brazil/Bolivia border. It is a qualitative research based on the theory of social representations. For data collection were interviewed five managers and 63 health professionals active in the Family Health Strategy and Santa Casa de Misericordia, whose content analysis was done using the Collective Subject Discourse technique. The results indicate that the municipality has great difficulties to combat dengue fever because it is a border. In the discourse analysis, four main ideas were identified: insufficient financial resources, cross-border mobility, border cooperation reduced and Bolivian culture. The study reinforces the need for bilateral or multilateral cooperation for better health care in border areas.
  • Aspectos restritivos à integralidade nos Núcleos de Apoio à Saúde da Família: o olhar dos stakeholders

    ARAUJO NETO, JOÃO DUTRA DE; ALBUQUERQUE, IZABELLE MONT'ALVERNE NAPOLEÃO; LIRA, GEISON VASCONCELOS; BOSI, MARIA LÚCIA MAGALHÃES

    Resumo em Português:

    Resumo Os Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasf) visam ampliar e qualificar ações junto à Estratégia de Saúde da Família (ESF), contribuindo para consolidar os princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), a exemplo da integralidade, que ainda se depara com muitos desafios, um dos quais é a cultura organizacional. O objetivo deste estudo foi analisar os aspectos restritivos ao princípio da integralidade. Trata-se de um estudo avaliativo, orientado pelo enfoque de quarta geração, tendo como cenário um município do Nordeste do Brasil; envolveu gestores, profissionais do Nasf, profissionais da ESF e usuários, totalizando 27 participantes. Para a construção do material discursivo, utilizamos entrevistas semiestruturadas, operacionalizando o Círculo Hermenêutico-Dialético. O material empírico deu origem a quatro categorias: fragilidade do vínculo com o território; desafios do trabalho em equipe multidisciplinar; falta de competências para a atuação no Nasf; e deficiência de apoio logístico. Evidencia-se como fator restritivo de destaque à atuação do Nasf concernente à integralidade a fragilidade do vínculo entre as equipes de saúde e destas com a população, além da falta de competências dos profissionais, cuja importância se expressa nos resultados.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The Family Health Supporting Nuclei (FHSN) aim to expand and qualify health actions along with the Family Health Strategy (FHS), to consolidate the principles of the Unified Health System (SUS), as an example of comprehensiveness that still faces many challenges, among which there is the organizational culture. This study aimed to analyze the restrictive aspects of the principle of integral care. It is an evaluative study, guided by the fourth-generation approach, in the scenario of a municipality in the Northeastern Brazil. It involved managers, FHSN professionals, FHS professionals and users, totaling 27 participants. For the construction of the discursive material we used semi-structured interviews, operating the Hermeneutic-Dialectic Circle. The empirical material gave rise to four categories: Fragility of the link with the territory; Challenges of multidisciplinary teamwork; Lack of competencies for FHSN performance and Logistic Support Disability. The study evidences as a restrictive factor of importance FHSN’s actions concerning integral care, the fragility of the link between health teams and those with the population, as well as the lack of skills of professionals, whose importance is expressed in the results.
  • Outro olhar sobre a vigilância sanitária de produtos no Brasil: a legislação de controle sanitário das importações em foco

    DELPHIM, CHRISTIANE TEIXEIRA DOS SANTOS; KORNIS, GEORGE EDWARD MACHADO

    Resumo em Português:

    Resumo Este artigo tem como objeto a regulamentação adotada pelo Brasil no que tange ao controle sanitário da importação de produtos sob vigilância sanitária. O estudo incorporou os aspectos políticos, técnicos, econômicos e institucionais envolvidos no controle das importações. Destaca-se, ainda, a identificação de atores que se mostraram relevantes na formulação e na implantação das normas. Nesta perspectiva, foi realizado estudo singular do conjunto das normatizações publicadas entre 1996 e 2013 editadas desde a antiga Secretaria de Vigilância Sanitária até a Anvisa. Como resultado, foram selecionadas cinco normas para análise, bem como suas alterações posteriores, caracterizando um estudo qualitativo de caráter exploratório, executado com base na análise temática de conteúdo. O exame desse material permitiu traçar uma trajetória do controle sanitário das importações, possibilitando destacar as condicionantes para as alterações dos regulamentos e os efeitos produzidos por estas. Observou-se que tanto a elaboração quanto os posteriores desdobramentos das normatizações foram influenciados pelas mudanças políticas e econômicas observadas no país e no mundo, sofrendo a determinação de organismos internacionais e de atores intra e extra-institucionais, que conduziram a restrições no controle de produtos importados. O estudo permitiu conhecer melhor a prática da vigilância sanitária, no âmbito da importação.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This article focuses on the regulation adopted by Brazil in relation to health inspection of imports of goods under sanitary surveillance. The study incorporated the political, technical, economic and institutional aspects involved in the sanitary control of imports. Noteworthy is also the identification of actors relevant in the formulation and implementation of standards. In this perspective, we performed singular study of all norms published between 1996 and 2013 edited from the former Health Surveillance Secretariat to the National Sanitary Surveillance Agency (Anvisa). As a result, five standards were selected for analysis as well as its subsequent amendments, featuring a qualitative exploratory study based on thematic content analysis. The examination of this material allowed to draw a trajectory of sanitary control of imports, which unfolded from the analysis of standards, allowing highlight the conditions for changes in regulations and the effects of such changes. It was observed that both the elaboration and later developments of norms were influenced by political and economic changes observed in the country and the world, suffering the determination of international organizations and intra and extra-institutional actors, which led to restrictions in the health control products imported. The study allowed a better understanding of the practice of sanitary surveillance in the import scope.
  • Publicização da gestão hospitalar no SUS: reemergência das Organizações Sociais de Saúde

    REIS, MANOELA CERQUEIRA; COELHO, THEREZA CHRISTINA BAHIA

    Resumo em Português:

    Resumo O Estado da Bahia foi pioneiro na privatização da gestão hospitalar por meio de uma política de incentivo às Organizações Sociais de Saúde (OSS), sob o discurso da eficiência. A rapidez de penetração do setor privado na esfera pública, com alteração da noção de democracia e interesse público, tem sido globalmente observada. A análise da incorporação das OSS à gestão dos hospitais estaduais baianos, proposta por este estudo de caso, utilizou documentos disponíveis em sites de domínio público e entrevistas com gestores de hospitais “publicizados” e da Secretaria Estadual de Saúde da Bahia (Sesab). A interpretação dos resultados sob o filtro de categorias históricas e analítico-operacionais evidenciou a ascensão das terceirizações, a partir de 1996, e a incorporação das OSS à cena hospitalar baiana, a partir de 2005, pari passu com o afrouxamento do Conselho Estadual de Saúde e o avivamento do discurso de maior resolutividade das OSS, que seriam “quase como o Estado”. Para afinar-se com o novo discurso governamental, empresas antes terceirizadas mudaram sua personalidade jurídica para OSS, demonstrando um processo de privatização disfarçada, no bojo de um governo que sustentou discurso contrário a essa prática, antagônica aos princípios de seguridade da saúde, expressos na Constituição Federal.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The state of Bahia has been a “pioneer” in privatization of hospital management through a policy of encouraging Health Social Organizations (OSS) under the discourse of greater efficiency. The rapidity as the private sector penetrates the public sphere and modifies the notion of democracy and public interest has been noted around the world. To analyze the process of OSS management in two cases, documents available in the public domain sites and interviews with the hospital and the Health Department of Bahia State (SESAB) management staff were used. A comparison between the data collected by different sources was supported by historical and operational-analytical categories which allowed its interpretation and showed the rise of outsourcings since 1996, and the emergence of OSS in the Bahia hospital scene from 2005 forward, side by side with the weakness of the Health State Council control and the revival of the “best efficiency” discourse that would be "almost like the state." To meet the new policy and tune up with the new government discourse, ex-outsourced companies changed their legal personality to OSS. Such disguised privatization process was protagonized by a government that supported contrary speech about this practice antagonistical to the principles of health security, expressed by the Brazilian Constitution.
  • Mães presas, filhos desamparados: maternidade e relações interpessoais na prisão

    FLORES, NELIA MARIA PORTUGAL; SMEHA, LUCIANE NAJAR

    Resumo em Português:

    Resumo O objetivo deste estudo foi elucidar a repercussão da prisão da mulher no âmbito da maternidade e das relações interpessoais, estabelecidas antes e durante o cumprimento da pena. Trata-se de pesquisa exploratória e transversal com delineamento qualitativo, com 15 participantes presas em regime fechado. Foram realizadas 13 entrevistas semiestruturadas e três grupos focais entre abril e julho de 2017. Os dados obtidos foram submetidos a uma análise de conteúdo. Concluiu-se que a precariedade das relações interpessoais estabelecidas durante o cumprimento da pena influencia na possibilidade do exercício da maternidade no contexto prisional. Por isso, é necessário investimento para mediar o ambiente prisional, a fim de torná-lo mais favorável às relações interpessoais entre as presas, o que poderá propiciar um ambiente menos hostil para o acolhimento de visitantes, tendo em vista o fortalecimento dos vínculos com filhos e familiares.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This study aimed to elucidate the repercussion of the imprisonment of women in the context of maternity and interpersonal relations established before and during the fulfillment of the sentence. This is an exploratory and cross-sectional research with a qualitative design, with 15 participants arrested in closed regime. A total of 13 semi-structured interviews and 3 focus groups were conducted between April and July 2017. The data were submitted to a content analysis. It was concluded that the precariousness of interpersonal relations, established during the fulfillment of the sentence, influence the possibilities of exercising maternity in the prison context. Therefore, investments are needed to mediate the prison environment, making it more conducive to interpersonal relationships among prisoners, which may provide a less hostile environment for the reception of visitors, with a view to strengthening ties with children and relatives.
  • Apoio institucional na Atenção Básica: análise dos efeitos relatados

    GUIZARDI, FRANCINI LUBE; LEMOS, ANA SILVIA PAVANI; MACHADO, FELIPE RANGEL DE SOUZA; PASSERI, LEONARDO

    Resumo em Português:

    Resumo O artigo mapeou os efeitos associados à intervenção do apoio institucional no contexto da atenção básica em saúde, com a perspectiva de identificar e problematizar o alcance e as questões relevantes para sua consolidação. Realizamos uma pesquisa bibliográfica, no Portal de Periódicos da Capes e na Biblioteca Virtual de Saúde (BVS), entre janeiro de 2016 e outubro de 2017. O corpus empírico da pesquisa foi composto por 68 documentos. A literatura confirma o movimento de institucionalização do apoio institucional no âmbito da atenção básica, possibilitando-nos entrever avanços, dificuldades e contradições. As mudanças relatadas sugerem que o apoio promove impactos reais nas práticas sociais que permeiam o cotidiano dos serviços de saúde. Apontam também para perspectivas promissoras de mudanças na cultura organizacional dessas instituições. Contudo, evidenciam o desafio de aguçar as dimensões e implicações políticas e culturais dessa forma de intervenção, a fim de que não sejam moldadas e direcionadas apenas para a qualificação dos processos de trabalho e consigam intervir de forma substantiva na democratização das instituições de saúde.

    Resumo em Inglês:

    Abstract The article maps the effects associated with the intervention of institutional support in primary health care in Brasil, in order to identify the scope and issues relevant to its consolidation. We carried out a bibliographic research, in CAPES Journals Portal and in the Virtual Library of Health, between January of 2016 and October of 2017. The empirical corpus of the research comprised 68 documents. The literature confirms the movement of institutionalization of this management support in the scope of health primary care, enabling us to see its advances, difficulties and contradictions. The changes reported suggest that the methodology promotes real impacts on social practices that permeate the daily life of health services. They also point to promising perspectives for changes in the organizational culture of these institutions. However, they highlight the challenge of heightening the political and cultural dimensions and implications of this form of intervention, so that they are not molded and directed only at the qualification of work processes and can intervene substantively in the democratization of health institutions.
  • “A reação é o mais difícil, é pior que hanseníase”: contradições e ambiguidades na experiência de mulheres com reações hansênicas

    SILVA, LIDIANE MARA DE ÁVILA E; BARSAGLINI, RENI APARECIDA

    Resumo em Português:

    Resumo Estudo de abordagem socioantropológica, analisa a experiência de mulheres com reações hansênicas, quadro agudo de evolução crônica que acomete cerca da metade das pessoas que têm hanseníase. Foram entrevistadas sete mulheres com reações, acompanhadas por um serviço de referência em Cuiabá-MT, região com maior número de casos no Brasil. A análise foi realizada na modalidade temática e os resultados abrangem o contexto em que vivem, o aparecimento e interpretação das reações, as repercussões e dilemas de um “tratamento que adoece”. As reações imbricam-se na trajetória da hanseníase e são marcadores do adoecimento por intensificarem a dor ou por causarem marcas e eritemas pelo corpo. Ao explicarem sua origem, as reações são inseridas em contextos abrangentes e situações de estresse ou tristeza. O tratamento torna-se um problema na medida em que afeta como elas se veem, processo que é acrescido e incorporado à situação estigmatizante causada pela hanseníase. Ter reações pode ser considerado “pior” do que ter hanseníase, pois nem sempre é possível prevê-las ou controlá-las; por isso, assume-se que a noção de cura requer outros sentidos, baseados na reconstrução cotidiana. Reitera-se a importância de abordar o problema em perspectiva que favoreça uma atenção integral aos adoecidos.

    Resumo em Inglês:

    Abstract Study of socio-anthropological approach on the experience of women with leprosy reactions, an acute chronic evolution that affects half of those who have leprosy. Seven women with reactions were interviewed, accompanied by a reference service in Cuiabá-MT, the region with the highest number of cases in Brazil. The analysis was carried out in the thematic modality and the results cover the context in which they live, the appearance and interpretation of the reactions, the repercussions and dilemmas of a "treatment that gets sick". Reactions are embedded in the trajectory of leprosy and are markers of illness by intensifying pain or causing bruising and erythema throughout the body. In explaining their origin, reactions are inserted into broad contexts and situations of stress or sadness. Treatment becomes a problem as it affects how they look, a process that is added and incorporated into the stigmatizing situation caused by leprosy. Having reactions can be considered "worse" than having leprosy, since it is not always possible to predict or control them and therefore, it is assumed that the notion of cure requires other senses, based on daily reconstruction. It reiterates the importance of approaching the problem in a perspective that favors a comprehensive care for the patients.
  • O reconhecer e o lidar dos agentes comunitários de saúde diante da bioética: entre a ética do cuidado e os poderes disciplinares

    CHUENGUE, ANA PAULA GONÇALVES; FRANCO, TULIO BATISTA

    Resumo em Português:

    Resumo Este artigo discute o trabalho do agente comunitário de saúde (ACS) com foco nos problemas éticos enfrentados no cotidiano do trabalho e cuidado, espaço de cuidado e as diretrizes disciplinares sobre sua atividade. A metodologia é de origem qualitativa com utilização da cartografia associada a instrumentos da etnografia (observação participante, caderno de campo e entrevista semiestruturada). O ACS tem sido considerado um trabalhador diferenciado por pertencer à comunidade e à instituição de saúde. Tal característica pode trazer um potencial para a produção de projetos terapêuticos singulares e apontam também para a existência de conflitos na relação trabalhador-usuário e para o exercício de poder e de novas formas de controle. Trabalho e espaços de convivência comunitária não encontram limites precisos. As narrativas dos ACS mostram sua visão a respeito dos usuários, o sentido de vínculo, demonstrando sentimento de solidariedade e compaixão, o que corrobora a proposta da ética do cuidar baseada na responsabilidade pela conexão humana. Há fragilidades na formação do ACS para lidar com as questões de cuidado em saúde. Ser da comunidade interfere na sua própria privacidade e na intervenção excessiva na vida das pessoas, reproduzindo atitude de controle dos corpos.

    Resumo em Inglês:

    Abstract This article discusses the work of community health agents (ACS) focusing on the ethical problems in their daily work and care, the space of care and the disciplinary guidelines in their activities. In the scenario of changing care model, ACS have increasingly been considered differentiated workers as they belong to the community and to the health institution. These characteristics can bring a differential and potential for the production of unique therapeutic projects at the same time, which point to the existence of conflicts in the worker-user relationship and to the exercise of power and new forms of control in the primary care setting. Work and community spaces do not find precise limits. The ACS narratives show their viewpoint about users, the weaknesses in their formation, still based on actions that make them the sanitary police. There is professional hierarchy in the health team, the interviewees' statements showed the idea they have about the bond with users, which shows the feeling of solidarity and compassion, corroborating with the proposal of the ethics of caring based on responsibility for the human connection. Being from the community interferes with one’s privacy and excessive intervention in people's lives, reproducing biopower attitudes in the control of bodies.
  • O sistema de informática na reforma do GES no Chile: uma etnografia dos dispositivos de governança em saúde

    CARRASCO, JIMENA; MEDINA, SEBASTIÁN

    Resumo em Espanhol:

    Resumen En las últimas décadas las Tecnologías Informáticas han sido incorporadas a los sistemas de atención sanitaria, de la mano de la conformación de “redes asistenciales” que deben integrar distintos niveles, instituciones y agentes. En Chile, el régimen de “Garantías Explicitas en Salud” (GES) se vincula a estas reformas modernizadoras del Estado, cuya meta es mejorar la eficiencia del gasto público. El presente trabajo analiza críticamente el desarrollo e implementación del “Sistema de Información para la Gestión de Garantías en Salud” (SIGGES) incorporando metodologías propias de los Estudios Sociales de la Ciencia y Tecnología, y se propone un diseño de “etnografía del dispositivo”. Como principales resultados, se evidencia que esta tecnología informática tiene un rol central en la estabilización de la política modernizadora en salud, que pone la gestión administrativa por sobre la integralidad de los cuidados. El SIGGES actúa como mediador entre múltiples niveles y agentes en salud para medir la productividad del sistema, vinculado al financiamiento, con lo cual modifica actividades clínicas y procesos de subjetivación, haciendo que se privilegien prestaciones curativas sobre preventivas y de promoción, patologías GES sobre No-GES, y conglomerados urbanos sobre zonas rurales.

    Resumo em Português:

    Resumo Nas últimas décadas, as tecnologias da informação foram incorporadas aos sistemas de saúde por meio da criação de "redes assistenciais", que devem integrar diferentes níveis, instituições e agentes. No Chile, o regime de "garantias explícitas em saúde" (GES) liga-se a essas reformas modernizadoras do Estado, cujo objetivo é melhorar a eficiência dos gastos públicos. Este trabalho analisa criticamente o desenvolvimento e implementação do "Sistema de Informação para a Gestão de Garantias em Saúde" (SIGGES), incorporando metodologias dos Estudos Sociais de Ciência e Tecnologia, e propõe um desenho de "etnografia do dispositivo". Como principais resultados, fica evidente que esta tecnologia da informação tem papel central na estabilização da política de saúde modernizadora, que deixa a gestão administrativa acima da integralidade do cuidado: o SIGGES atua como um mediador entre vários níveis e agentes em saúde para medir a produtividade do sistema, vinculada ao financiamento, com o qual modifica atividades clínicas e processos de subjetivação, privilegiando serviços curativos em vez de preventivos e de promoção; patologías GES em vez de No-GES, e centros urbanos em detrimento de áreas rurais.

    Resumo em Inglês:

    Abstract In the last decades, computer technologies have been incorporated into health care systems, through the conformation of "healthcare networks" that must integrate different levels, institutions and agents. In Chile, the system of "Explicit Guarantees in Health" (GES) is linked to these modernizing reforms of the State, whose goal is to improve the efficiency of public spending. This work critically analyzes the development and implementation of the "Information System for the Management of Guarantees in Health" (SIGGES) incorporating methodologies from the Social Studies of Science and Technology, and proposing a "device ethnography" design. As main results, the evidence shows that this information technology has a central role in the stabilization of modernizing health policy, which places administrative management over the integrality of care: SIGGES acts as a mediator between multiple levels and agents in health to measure the productivity of the system, linked to financing, with which modifies clinical activities and processes of subjectivation, privileging curative benefits on preventive and promotion, pathologies GES on No-GES, and urban conglomerates on rural areas.
IMS-UERJ RJ - Brazil
E-mail: publicacoes@ims.uerj.br