Epidemiologia e Serviços de Saúde, Número: ahead, Publicado: 2017
  • Equidade de sexo e gênero na pesquisa: fundamentação das diretrizes SAGER e uso recomendado

    Heidari, Shirin; Babor, Thomas F.; Castro, Paola De; Tort, Sera; Curno, Mirjam

    Resumo em Português:

    RESUMO CONTEXTO: Diferenças de sexo e gênero são muitas vezes negligenciadas no desenho da pesquisa, na implementação do estudo e no relato científico, bem como na comunicação científica em geral. Este descuido limita a capacidade de generalização dos achados das pesquisas e a sua aplicabilidade à prática clínica, em particular para as mulheres, mas também para os homens. Este artigo descreve a fundamentação lógica para um conjunto internacional de diretrizes, com o intuito de encorajar uma abordagem mais sistemática para o relato de sexo e gênero na pesquisa entre disciplinas. MÉTODOS: Um painel de 13 peritos, representando nove países, desenvolveu as diretrizes por meio de uma série de teleconferências, apresentações em conferências e uma oficina de dois dias. Realizou-se uma pesquisa na internet com 716 editores de revistas, cientistas e outros membros da comunidade editorial internacional, bem como uma busca bibliográfica sobre políticas de gênero e sexo na publicação científica. RESULTADOS: As diretrizes sobre Equidade de Sexo e Gênero em Pesquisa (Sex and Gender Equity in Research - SAGER) são um procedimento abrangente para relatar informações sobre sexo e gênero no desenho do estudo, na análise de dados, nos resultados e na interpretação dos achados. CONCLUSÕES: As diretrizes da SAGER destinam-se principalmente a orientar os autores na preparação de seus manuscritos, mas também são úteis para os editores, como guardiões da ciência, para integrar a avaliação de sexo e gênero em todos os manuscritos como parte integrante do processo editorial.

    Resumo em Inglês:

    ABSTRACT BACKGROUND: Sex and gender differences are often overlooked in research design, study implementation and scientific reporting, as well as in general science communication. This oversight limits the generalizability of research findings and their applicability to clinical practice, in particular for women but also for men. This article describes the rationale for an international set of guidelines to encourage a more systematic approach to the reporting of sex and gender in research across disciplines. METHODS: A panel of 13 experts representing nine countries developed the guidelines through a series of teleconferences, conference presentations and a 2-day workshop. An internet survey of 716 journal editors, scientists and other members of the international publishing community was conducted as well as a literature search on sex and gender policies in scientific publishing. RESULTS: The Sex and Gender Equity in Research (SAGER) guidelines are a comprehensive procedure for reporting of sex and gender information in study design, data analyses, results and interpretation of findings. CONCLUSIONS: The SAGER guidelines are designed primarily to guide authors in preparing their manuscripts, but they are also useful for editors, as gatekeepers of science, to integrate assessment of sex and gender into all manuscripts as an integral part of the editorial process.
  • Epidemiologia e Serviços de Saúde: história, conquistas e futuro

    Garcia, Leila Posenato; Duarte, Elisete
  • Epidemiologia e Serviços de Saúde: 25 anos em revista

    Reis, Juliana Gonçalves; Duarte, Elisete; Eble, Laeticia Jensen; Garcia, Leila Posenato

    Resumo em Português:

    RESUMO Em 2017, a Epidemiologia e Serviços de Saúde: revista do Sistema Único de Saúde do Brasil (RESS) celebra 25 anos. A RESS foi criada em 1992, como Informe Epidemiológico do SUS (IESUS) e, em 2003, adotou nome e formato atuais. Este estudo tem como objetivos descrever os assuntos abordados e a abrangência geográfica das instituições de vínculo dos autores dos artigos publicados no IESUS e na RESS; e mapear as políticas e estratégias editoriais da RESS nas seguintes áreas de foco: educação, informação, comunicação, corresponsabilidade e antecipação. A comparação entre os períodos do IESUS (1992-2002) e da RESS (2003-2016) revelou crescimento do número de documentos publicados, assim como ampliação dos temas abordados, da abrangência geográfica dos autores e do alcance da publicação. O mapeamento das políticas e estratégias editoriais evidenciou um grande rol de iniciativas alinhadas aos princípios da ética na publicação, que possivelmente têm contribuído para o desenvolvimento da revista.

    Resumo em Espanhol:

    RESUMEN En 2017, Epidemiología y Servicios de Salud: revista del Sistema Único de Salud de Brasil (RESS) cumple 25 años. La RESS fue creada en 1992, como Informe Epidemiológico del SUS (IESUS) y, en 2003, adoptó el nombre y el formato actuales. Este estudio tiene como objetivos describir los temas abordados y el alcance geográfico de las instituciones de los autores de los artículos publicados en IESUS y RESS; y asignar las políticas y estrategias editoriales de RESS en áreas de enfoque: educación, información, comunicación, corresponsabilidad y anticipación. La comparación entre los períodos del IESUS (1992-2002) y de la RESS (2003-2016) reveló crecimiento del número de documentos publicados, la ampliación de los temas, del alcance geográfico y de la publicación. El mapeo de las políticas y estrategias editoriales evidenció un rol de iniciativas alineadas a los principios de la ética en la publicación, que posiblemente han contribuido al desarrollo de la revista.

    Resumo em Inglês:

    ABSTRACT In 2017, Epidemiology and Health Services: journal of the Brazilian National Health System (RESS) celebrates 25 years. RESS was created in 1992 as SUS Epidemiological Report (IESUS) and, in 2003, adopted its current name and format. This study's objectives are to describe the subjects covered and the geographical spread of authors’ institutions of the articles published in IESUS and RESS; and to map RESS’ editorial policies and strategies in the following areas of focus: education, information, communication, co-responsibility and anticipation. The comparison between IESUS (1992-2002) and RESS (2003-2016) periods revealed an increase in the number of documents published, as well as an increase in the topics covered, the geographical spread of the authors and the scope of publication. The mapping of editorial policies and strategies has evidenced a large number of initiatives aligned with the principles of publication ethics, which may have contributed to the development of the journal.
  • Uso de serviços de saúde entre adultos residentes na Região Metropolitana de Manaus: inquérito de base populacional, 2015

    Silva, Marcus Tolentino; Galvão, Taís Freire

    Resumo em Português:

    Resumo OBJETIVO: descrever o uso de serviços de saúde entre adultos residentes na Região Metropolitana de Manaus, Amazonas, Brasil. MÉTODOS: estudo descritivo, com dados de inquérito de base populacional realizado com adultos (≥18 anos) residentes na Região Metropolitana de Manaus em 2015; foi empregada amostragem probabilística por conglomerados em três estágios; os dados foram coletados nos domicílios dos participantes. RESULTADOS: participaram 4.001 adultos, 52,8% mulheres, 49,7% entre 18-34 anos; 80% avaliaram seu estado de saúde como bom/regular; nas duas semanas anteriores à entrevista, 20,9% (IC95% 19,7;22,2%) utilizaram serviço de saúde, 44,4% deles uma unidade básica de saúde; 2,9% (IC95% 2,4;3,4%) nunca consultaram um serviço de saúde; entre aqueles que consultaram médico na vida (n=3.886), a maioria avaliou positivamente a última consulta. CONCLUSÃO: a situação de saúde e última consulta foram avaliados positivamente; um quinto da população acessou algum serviço de saúde na quinzena anterior, sendo a unidade básica o principal serviço.

    Resumo em Espanhol:

    Resumen OBJETIVO: describir el uso de servicios de salud en adultos de la Región Metropolitana de Manaus, Amazonas, Brasil. MÉTODOS: estudio descriptivo transversal de base poblacional realizado con adultos de la Región Metropolitana de Manaus en 2015; utilizamos muestreo probabilístico en tres etapas; los datos fueron colectados en los domicilios. RESULTADOS: se incluyeron 4.001 individuos, 52,8% mujeres, 49,7% entre 18-34 años; 80% clasificó su estado de salud como bueno/regular; en las última quincena, 20,9% (IC95% 19,7;22,2%) utilizaron servicios de salud, 44,4% de estos en unidades básicas; 2.9% (IC95% 2,4;3,4%) nunca consultaron un médico; entre los que ya visitaron a un médico, la mayoría evaluó positivamente la última consulta. CONCLUSIÓN: la situación de salud y última consulta fueron evaluadas positivamente; un quinto utilizó un servicio en la quincena anterior, las unidades básicas fueron el principal servicio utilizado.

    Resumo em Inglês:

    Abstract OBJECTIVE: to describe the use of health services in adults living in Manaus Metropolitan Region, Amazonas, Brazil. METHODS: a population-based cross-sectional study was carried out with adults (≥18 years) living in Manaus Metropolitan Region in 2015; probabilistic sampling with three-stage clusters was used; data were collected at the participants’ households. RESULTS: 4,001 adults participated, 52.8% were women, 49.7% aged 18-34 years; 80% rated their health status as good/regular; in the fortnight previous to the survey, 20.9% (95%CI 19.7;22.2%) had used a health service, 44.4% of those visited a primary health care unit; 2.9% (95%CI 2.4;3.4%) never used a health service; among those who already visited a doctor (n=3,886), most gave positive feedback about the last visit. CONCLUSION: health situation and last medical visit were positively assessed; one fifth of the population had used a health service in the two weeks prior to the interview, primary health care units were the main services used.
Secretaria de Vigilância em Saúde - Ministério da Saúde do Brasil Brasília - Distrito Federal - Brazil
E-mail: leilapgarcia@gmail.com