• Outside clinical setting experience in a public hospital and oral health promotion Atualização

    Medeiros Júnior, Antonio; Alves, Maria do Socorro Costa Feitosa; Nunes, Jussara de Paiva; Costa, Iris do Céu Clara

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Descrever a atividade docente assistencial, cujo objetivo é proporcionar experiência de promoção da saúde bucal coletiva a estudantes concluintes do curso de odontologia. MÉTODOS: Tal experiência fundamenta-se na avaliação do desempenho do aluno, como educador em saúde bucal, à medida que ele tem, entre outras tarefas, a de motivar pacientes internados e seus acompanhantes, na geração de hábitos saudáveis, visando à assistência integral e mais humanizada do paciente hospitalizado. RESULTADOS: Os resultados mostraram que as metas desejadas foram atingidas, visto que a higiene bucal dos pacientes já se tornou uma tarefa incorporada à rotina hospitalar, considerando-se os índices de biofilme dentário: inicial, 1,72; e final, 1,17, respectivamente. Essa diferença, de acordo com a estatística U-Mann-Whitney, mostrou-se significativa, pois o valor de p<0,0001 traduz o alto nível de motivação, alcançado pelo binômio mãe-criança, no que se refere à higiene oral. CONCLUSÕES: Conclui-se que as experiências de ensino-aprendizagem, oriundas das atividades interdisciplinares e multiprofissionais, têm permitido melhor entendimento do processo saúde-doença, por parte do aluno de odontologia. Servem ainda como oportunidade para o seu aprendizado sobre o planejamento e execução de atividades educativo-preventivas, que complementam sua vivência técnico-profissional e despertam a sensibilidade social, tão necessária à sua formação acadêmica.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To describe a teaching aid activity aimed at providing experience for promoting collective oral health to graduating dental students. METHODS: This experience was based on the evaluation of students' performance as oral health educators as they had, among other duties, to motivate inpatients and their families to practice healthy habits aiming at a comprehensive and more human care of hospitalized patients. RESULTS: The results show that oral hygiene was incorporated into hospital routine, evidenced by the differences between baseline and final dental biofilm indices (1.72 and 1.17, respectively). Using the U-Mann-Whitney test, this difference was extremely significant (p<0.001) and reveals that mother-child were highly motivated with respect to oral hygiene. CONCLUSIONS: It is concluded that teaching-learning experiences derived from interdisciplinary and interdisciplinary activities have allowed for a better understanding of the health-disease process by dental students. It is also an opportunity for learning about planning and implementing education-prevention activities, which complement these students' technical-professional experience and promotes social sensitivity, which is essential to professional training.
  • Geriatric outpatient healthcare: hierarchical demand structuring Atualização

    Lourenço, Roberto Alves; Martins, Cláudia de Souza Ferreira; Sanchez, Maria Angélica S; Veras, Renato Peixoto

    Abstract in Portuguese:

    No Brasil, o rápido crescimento da população de idosos vem produzindo grande impacto no sistema de saúde, com elevação dos custos e da utilização dos serviços. A ineficiência dos modelos tradicionais de assistência ao idoso torna imprescindível a mudança no paradigma de atenção à saúde dessa população, por meio do desenvolvimento de novos modelos de atenção que incorporem a identificação, a avaliação e o tratamento de idosos com perfis mórbidos e funcionais variados, passíveis de serem aplicados nas diversas modalidades assistenciais. Propõe-se um modelo ambulatorial, em duas etapas, que se diferencia pela profundidade e abrangência das ações, organizadas em níveis crescentes de complexidade e capazes de selecionar subgrupos de indivíduos que, por suas características de risco, devem progredir, diferenciadamente, na estrutura de atenção. Descreve-se a primeira etapa, que pressupõe a captação e identificação de risco de grandes grupos de idosos, por meio de um fluxo hierarquizado de ações e o uso de instrumentos de avaliação com sensibilidades e especificidades adequadas. O indivíduo com 65 anos ou mais, captado por demanda espontânea ambulatorial, captação domiciliar ou busca telefônica, é classificado segundo avaliação de risco, denominada Triagem Rápida, composta de oito itens. Dependendo do risco encontrado, o indivíduo será encaminhado para acompanhamento clínico usual e atividades em centros de convivência de idosos (risco baixo e médio) ou para outra etapa da avaliação funcional (riscos médio-alto e alto). A segunda etapa será tema de artigo posterior.

    Abstract in English:

    In Brazil, the rapid growth of the elderly population has been causing a great impact on the healthcare system, with increased costs and service utilization. The inefficiency of traditional models for geriatric healthcare has made it essential to change the healthcare concepts for this population. This can take place through the development of new healthcare models that include the means to identify, assess and treat elderly patients with a variety of morbid and functional conditions, and which can be applied diverse healthcare scenarios. An outpatient model is proposed, with two stages that differ in the depth and coverage of their actions. These stages are organized as increasing levels of complexity and are capable of selecting subgroups of individuals that, because of their risk characteristics, should follow different paths through the healthcare structure. This paper discusses the first stage of this model, which involves risk identification among large groups of elderly people, by means of structuring a hierarchical flow of actions and using assessment tools of adequate sensitivity and specificity. Individuals aged 65 years or over who are detected through walk-in outpatient consultation, home visits or telephone interview are classified using a rapid screening risk evaluation instrument composed of eight items. Depending upon the level of risk presented, the individual will either be referred to another level of functional evaluation (medium-high and high risk levels), or to normal clinical care and old people's community centers (low and medium risk levels). The second stage will be the subject of a subsequent paper.
Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revsp@org.usp.br