• Governance of medium complexity health actions and services in a health region Artigo Original

    Domingos, Carolina Milena; Ferraz, Edinalva de Moura; Carvalho, Brígida Gimenez

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O estudo objetivou analisar atores e suas relações, espaços e desafios enfrentados na governança das ações e serviços de saúde de média complexidade em uma região de saúde. Estudo qualitativo, desenvolvido por meio de entrevistas com gestores públicos de saúde, um representante do Gestor Estadual de Saúde, o apoiador regional do Paraná e o diretor do Consórcio Intermunicipal de Saúde. Os resultados permitiram classificar os atores em governamentais e de mercado. As reuniões das comissões intergestores regionais foram ressaltadas como possíveis espaços para a governança das ações e serviços de saúde de média complexidade. Entre os desafios, estão: a falta de solidariedade e compartilhamento de responsabilidades entre os entes federativos; a fragilidade do ente municipal, em relação aos demais atores envolvidos na governança; a interferência política de deputados, junto ao Gestor Estadual. A governança das ações e serviços de saúde de média complexidade se apresenta como um grande jogo, permeado por relações de competição e conflitos.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The study aimed to analyze actors and their relationships, spaces and challenges faced in the governance of actions and services of medium complexity health in a health region. A qualitative study, developed through interviews with public health managers, a representative of the State Health Manager, the regional supporter of Paraná and the director of the Intermunicipal Health Consortium. The results allowed to classify the actors in government and market. The meetings of the regional interagency commissions were highlighted as possible spaces for actions and services of medium complexity health governance. Among the challenges, are: the lack of solidarity and sharing of responsibilities between federative entities; the fragility of the municipal entity, in relation to the other actors involved in governance; the political interference of deputies, with the State Manager. Actions and services of medium complexity health governance presents itself as a great game, permeated by competitive relationships and conflicts.
  • Care to the bereaved family: a necessary public action Artigo Original

    Aciole, Giovanni Gurgel; Bergamo, Daniela Carvalho

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O processo de luto é singular, e se desenvolve conforme as características do enlutado e as circunstâncias da morte, cada vez mais frequente nos hospitais. Existem muitas dificuldades no enfrentamento do luto, por isto, é importante a oferta de cuidado às famílias enlutadas. Este estudo relata e analisa as repercussões das intervenções ofertadas por um hospital público do interior paulista, por meio de pesquisa qualitativa, com abordagem compreensiva, a partir da fenomenologia sociológica. Utilizou-se entrevista semiestruturada, e o material coletado foi submetido à análise de conteúdo. Os familiares enlutados manifestaram dificuldades para enfrentar tal período, e, mesmo diante de mortes previsíveis, há a necessidade de um espaço para que eles sejam ouvidos e compreendidos. O estudo comprova o benefício de o cuidado ao luto ser realizado pela equipe do hospital, pois este contato no período post-mortem do usuário proporciona um sentimento de conforto à família diante do ocorrido.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The mourning process is unique, and develops according to the characteristics of the mourner and the circumstances of death, increasingly growing in hospitals. There are many difficulties in coping with mourning, therefore, it is important to offer care to bereaved families. This study reports and analyzes the repercussions of interventions offered by a public hospital in the interior of São Paulo, through qualitative research, with a comprehensive approach, based on sociological phenomenology. A semi-structured interview was carried out, and the collected material was submitted to content analysis. The bereaved relatives showed difficulty in facing such period, and, even in the face of foreseeable deaths, there is the need of a space for them to be heard and understood. The study confirms the benefit of bereavement care to be performed by the hospital staff, because this contact in the post-mortem period of the user provides a feeling of comfort to the family in the face of the incident.
  • Social representations of disease, uses and meanings attributed to Integrative and Complementary Practices by students Artigo Original

    Coelho, Maria Thereza Ávila Dantas; Carvalho, Vinicius Pereira de; Porcino, Carle

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O objetivo deste estudo foi apreender as representações sociais de estudantes universitários sobre a doença e analisar os usos e significados conferidos por eles às Práticas Integrativas e Complementares. Para isso, realizou-se uma pesquisa qualitativa apoiada na Teoria das Representações Sociais, utilizando um questionário semiestruturado para a coleta dos dados, que incluiu, em sua estrutura, o Teste de Associação Livre de Palavras. A maior parte dos estudantes declarou estar no primeiro semestre do curso, na faixa etária de 18 a 24 anos e possuir religião. Para eles, a doença esteve mais associada ao desequilíbrio, sendo a massagem a prática mais adotada. Esses estudantes relacionaram as práticas integrativas à produção de benefícios à vida, à saúde e à manutenção ou alcance da qualidade de vida individual. Nesse sentido, as respostas sugerem que os discentes acreditam na eficácia das práticas integrativas, considerando-as como ligadas à promoção, prevenção e recuperação da saúde. Eles mostram-se abertos a outras racionalidades médicas, ainda que também estejam ligados ao modelo biomédico. Compreender como estudantes pensam a doença e a utilização de práticas integrativas colabora para atribuir sentidos aos projetos terapêuticos organizados no sistema de saúde, dirigindo-se a atenção para a construção da integralidade do cuidado.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The objective of this study was to apprehend the social representations of university students about disease and to analyze the uses and meanings conferred by them to Integrative and Complementary Practices. For this purpose, a qualitative research based on the Theory of Social Representations was carried out, using a semi-structured questionnaire to collect the data, which included, in its structure, the Free Word Association Test. The majority of students declared to be attending the first semester of the course, in the age group of 18 to 24 years old and has a religion. For them, disease was most associated with imbalance, with massage being the practice most adopted. These students have related integrative practices to production of benefits to life, health and maintenance or achievement of individual quality of life. In this sense, the answers suggest that students believe in the efficacy of integrative practices, considering them as linked to health’s promotion, prevention and recovery. They are open to other medical rationalities, although they are also linked to the biomedical model. Understanding how students think about disease and use of integrative practices collaborate to assign meanings to therapeutic projects organized in health system, directing the health care to construction of comprehensive care.
  • Failures in Pharmaceutical Services management for Judicialized Medicines, in 16 municipalities of the Brazilian Southeast Artigo Original

    Ferreira, Tatiana de Jesus Nascimento; Magarinos-Torres, Rachel; Santos-Pinto, Claudia Du Bocage; Osorio-de-Castro, Claudia Garcia Serpa

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO Desde a década de 1990, as solicitações de medicamentos por via judicial vêm se intensificando. Vários estudos têm traçado o panorama destas demandas. Buscou-se descrever a existência de organização própria da gestão da Assistência Farmacêutica (AF) Municipal para o atendimento de medicamentos demandados judicialmente. Um conjunto de 16 municípios incluiu 4 de cada estado da região Sudeste brasileira. Para a descrição do perfil da gestão da AF, foi estruturada uma matriz de indicadores que contemplou suas dimensões de recursos humanos, financeiros e suas atividades. Em nove municípios, a gestão dos medicamentos solicitados por via judicial coube ao gestor local da AF. Os indicadores com os piores desempenhos em todas as respostas foram aqueles que versaram sobre as despesas com Medicamentos Judicializados. Somente seis gestores informaram que realizavam análise técnica das prescrições e contato regular com o judiciário. Em sete municípios, os gestores não souberam especificar a modalidade de aquisição dos medicamentos demandados. A gestão municipal tem papel preponderante sobre a gestão da AF e precisa ser revista, havendo a necessidade de amplo questionamento a respeito do seu papel e de eventuais mudanças pelas quais possa passar.

    Abstract in English:

    ABSTRACT Since the 1990s, judicial demands for medicines have intensified. Several studies have outlined these demands. We describe the organization of the management of Municipal Pharmaceutical Services (PS) for the provision of medicines demanded through litigation. The sample included 16 municipalities, four for each state in the Brazilian Southeast. To describe the management profile of PS, a matrix of indicators was developed including dimensions of human and financial resources, and PS activities. In nine municipalities, management of medicines acquired through litigation was the responsibility of the local manager of PS. Indicators on expenditures with litigated medicines were the ones with the worst performance. Only six managers informed using technical analysis of prescriptions and regular contact with the judiciary. In seven municipalities, managers were unable to specify the modality of acquisition of medicines. Municipal management plays a major role in the management of PS and must be reviewed, with the need for a thorough questioning regarding its role and possible changes it needs to implement.
  • Access and embracement in the Primary Care of the Western region of Pará Artigo Original

    Silva, Larissa Ádna Neves; Harayama, Rui Massato; Fernandes, Franciane de Paula; Lima, Juliana Gagno

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O artigo teve como objetivo geral analisar as condições de acesso e acolhimento da Atenção Básica na região de saúde do Baixo Amazonas, localizada no Oeste do Pará, sob a perspectiva das equipes de saúde e dos usuários. Trata-se de uma pesquisa descritiva e quantitativa, na qual foram utilizados dados secundários do segundo ciclo do PMAQ-AB, ano 2014. Foram selecionadas variáveis do Instrumento de Avaliação Externa dos módulos II (profissional) e III (usuários). Consideraram-se 58 equipes de saúde e 232 usuários de 11 municípios da região de saúde. Alguns avanços notáveis no processo de trabalho das equipes estão relacionados com formas de agendamento, Unidades Básicas de Saúde (UBS) próximas aos domicílios dos usuários, horário de funcionamento e implantação do acolhimento. Contudo, há dificuldades na organização da agenda e necessidade de fichas e fila para que o usuário chegue ao atendimento. A pesquisa revelou alta porcentagem de implantação do acolhimento como parte do cotidiano de trabalho das equipes, entretanto, cabe avaliar não apenas a existência, mas também a qualidade do acolhimento, visto que este é mais do que uma triagem ao médico. De modo geral, ainda persistem obstáculos no processo de escuta e na resolutividade das necessidades de saúde dos usuários.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The article aims to analyze the conditions of access and embracement of Primary Care in the health region called Baixo Amazonas, located in Western Pará, from the perspective of health teams and patients. This is a descriptive and quantitative research, which used secondary data from the second cycle of PMAQ-AB, in the year 2014. Variables from the External Evaluation Instrument of modules II (professional) and III (patients) were selected. 58 health teams and 232 users from 11 municipalities in the health region were considered. Some notable advances in the work process of teams are related to scheduling, UBS close to patients homes, opening hours and implementation of the embracement. However, there are difficulties in organizing the agenda as well as the need of tokens and queue for the user to reach the service. The research revealed a high percentage of implantation of the embracement as part of the teams’ daily work, however, it is important to evaluate not only the existence, but the quality of the embracement, since it is more than a screening to the doctor. In general, obstacles still persist in the listening process and in resolving the health needs of patients.
  • Context of work and professional satisfaction of nurses who work in the Family Health Strategy Artigo Original

    Oliveira, Maria Mônica de; Pedraza, Dixis Figueroa

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO A pesquisa objetivou avaliar o contexto de trabalho e a satisfação profissional de enfermeiros que atuam na Estratégia Saúde da Família no estado da Paraíba, estabelecendo uma análise comparativa entre equipes convencionais e do Programa Mais Médicos (PMM). Trata-se de um estudo transversal realizado com 50 enfermeiros de 34 municípios representativos de todas as gerências regionais de saúde do estado. Obtiveram-se informações quanto ao perfil dos profissionais, estrutura das unidades de saúde, contexto de trabalho e satisfação profissional. Para o contexto de trabalho, utilizou-se a Escala de Avaliação do Contexto do Trabalho, enquanto para apreender a satisfação profissional, foram utilizadas perguntas adaptadas das dimensões satisfação e remuneração da metodologia Great Place to Work. Em sua totalidade, os domínios concernentes à estrutura das unidades de saúde, ao contexto de trabalho e à satisfação profissional auferiram avaliações satisfatórias. Entretanto, constataram-se deficiências, principalmente na organização do trabalho. Não houve diferenças ao se comparar equipes convencionais e do PMM. Correlações importantes e significativas foram observadas entre o contexto de trabalho e suas subdimensões com a satisfação profissional. Esta pesquisa evidencia condições críticas de organização do trabalho que influenciam negativamente a satisfação profissional, com problemas na gestão do processo de trabalho que focam o aumento da produtividade.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The research aimed to evaluate the work context and the professional satisfaction of nurses who work in the Family Health Strategy in the State of Paraíba establishing a comparative analysis between conventional teams and those of the More Doctors Program. This is a cross-sectional study carried out with 50 nurses from 34 municipalities representing all the regional health managements in the State. Information was obtained on the profile of professionals, structure of health units, work context, and professional satisfaction. The Work Context Assessment Scale was used for the context of work, while for the purpose of apprehending professional satisfaction, questions adapted from the satisfaction and remuneration dimensions of the Great Place to Work methodology were used. In their totality, the domains concerning the structure of the health units, the work context and the professional satisfaction have received satisfactory evaluations. However, there were deficiencies, mainly in the organization of work. There were no differences when comparing conventional and More Doctors Program teams. Important and significant correlations were observed between the work context and its sub-dimensions with job satisfaction. This research shows critical conditions of work organization that negatively influence professional satisfaction, with problems in the management of the work process that focus on increasing productivity.
  • The pattern of alcohol consumption among the users of the Family Health Units in the municipality of Recife (PE) Artigo Original

    Silva, Maria das Graças Borges da; Lyra, Tereza Maciel; Diniz, George Tadeu

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO Pesquisas internacionais e nacionais apontam o aumento expressivo de mulheres com consumo abusivo de álcool, e este consumo gera danos sociais, psicológicos e biológicos em suas vidas. O objetivo do presente estudo foi avaliar os padrões do consumo de álcool por mulheres cadastradas nas Unidades de Saúde da Família no município do Recife (PE). Trata de um estudo exploratório descritivo de abordagem quantitativa, que provém de uma pesquisa original, através de uma amostra definida de 864 mulheres com idades iguais ou superiores a 18 anos. Utilizou um questionário sociodemográfico e o Teste para Identificação de Problemas Relacionados ao uso do Álcool. Os padrões de riscos encontrados entre as participantes foram: 57,9% não bebem; 23,7% bebem de baixo risco; 11,9% bebem de médio risco; e 6,3% bebem de alto risco; predominantemente mulheres jovens, na faixa etária de 18 a 39 anos; sem trabalho e com ensino fundamental. Verificou-se que 54,93% faziam uso abusivo de bebidas alcoólicas em dia típico e 22,93% sofreram ocorrência de apagão alcoólico. Esses resultados evidenciam a importância da elaboração de estratégias de cunho preventivo e da redução de danos diante do beber, para a assistência à saúde da mulher.

    Abstract in English:

    ABSTRACT International and national surveys point to the significant increase of women with alcohol abuse, and this consumption generates social, psychological and biological damages in their lives. The objective of this study was to evaluate the patterns of alcohol consumption among women enrolled in the Family Health Units in Recife (PE). It is an exploratory descriptive study with a quantitative approach, which comes from an original survey through a defined sample of 864 women aged 18 years or older. It used a sociodemographic questionnaire and the Test for Identification of Problems Related to the use of Alcohol. The risk standards found among participants were 57.9% do not drink; 23.7% drink at low risk; 11.9% drink at medium risk; and 6.3% drink at high risk; predominantly young women, in the age group 18 to 39; without work and elementary school. It was verified that 54.93% made abusive use of alcoholic beverages in a typical day and 22.93% suffered an alcoholic blackout. These results evidence the importance of elaborating preventive and harm reduction strategies in relation to drinking, for women’s health care.
  • Health needs of the rural population: how can health professionals contribute? Artigo Original

    Lima, Ângela Roberta Alves; Dias, Nathalia da Silva; Lopes, Luani Burkert; Heck, Rita Maria

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO A urgência de ampliar o saber acerca das condições de saúde, de vida e dos anseios das famílias rurais, bem como as ações que os profissionais de saúde estão realizando para contemplar a prevenção de doença e a promoção da saúde, fundamentou a realização dessa investigação, que buscou compreender o que é necessário para ter saúde na perspetiva da população rural e como os profissionais podem contribuir para esse processo. Pesquisa qualitativa realizada com 57 agricultores, que residiam em 25 municípios do extremo sul do Rio Grande do Sul. Utilizou como técnicas de coleta de dados a observação sistemática, o registro fotográfico, a coleta de plantas medicinais e a entrevista semiestruturada. Os dados revelaram que as expectativas das famílias rurais em relação às ações dos profissionais de saúde configuram-se como instauradoras de necessidades em saúde nesses territórios, de obter uma relação mais próxima com os serviços, de que suas experiências vividas sejam compartilhadas, reconhecidas e valorizadas. As necessidades concatenam-se com a construção de espaços de relação e encontro, nos quais sejam oportunizados compartilharem experiências, servindo de suporte para superar as dificuldades individuais enfrentadas.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The urgency to broaden the knowledge about the health conditions, life, and desires of rural families, as well as the actions that health professionals are taking to contemplate disease prevention and health promotion underpinned this research. It sought to understand what is needed to have health from the perspective of the rural population, and how professionals can contribute to this process. Qualitative research conducted with 57 farmers, who lived in 25 municipalities of the extreme south of Rio Grande do Sul. It used as data collection techniques systematic observation, photographic record, collection of medicinal plants and semi-structured interview. The data revealed that the expectations of rural families regarding the actions of health professionals are configured as establishing health needs in these territories, to obtain a closer relationship with the services, that their lived experiences are shared, recognized, and valued. The needs are concatenated with the construction of spaces of relationship and encounter, in which they have opportunities to share experiences, serving as support to overcome the individual difficulties faced.
  • Case study on institutional support in the federal management of Primary Health Care in Brazil Artigo Original

    Guizardi, Francini Lube; Passeri, Leonardo; Lemos, Ana Silvia Pavani; Machado, Felipe Rangel de Souza

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O artigo analisou as potencialidades e os limites da função apoio institucional como estratégia para democratizar a gestão federal de políticas de saúde, a partir do campo de ação da Política Nacional de Atenção Básica, no período compreendido entre 2011 e 2015. A pesquisa adotou como perspectiva metodológica a epistemologia qualitativa, com o emprego de entrevistas em profundidade, grupos focais e observação participante. Os resultados foram depurados por meio de dois ciclos interpretativos: no primeiro, mapearam-se atribuições, modos de inserção, estratégias de intervenção e organização do processo de trabalho; no segundo, exploraram-se os padrões institucionais presentes na experiência. O referencial teórico do estudo foi baseado na abordagem ergológica e no conceito de instituição, conforme tradição do institucionalismo francês. Observou-se que a estratégia de apoio institucional engendrou e fortaleceu redes sociotécnicas, produzindo maior acesso a recursos e compartilhamento do processo decisório da política pública, com potenciais relevantes de intervir em sua democratização. Contudo, a necessidade de implementação de programas prioritários requisita ser mais bem equacionado no desenho dessa estratégia de gestão.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The article analyzes the potentialities and the limits of the institutional support function as a strategy to democratize the management of health policies. This aim was investigated in the National Policy of Primary Health Care, in the period between 2011 and 2015. Qualitative epistemology was adopted as methodological perspective, with the use of in-depth interviews, focus groups, and participant observation. The results were assessed through two interpretative cycles. In the first one, of a descriptive nature, we seek to map out assignments, modes of insertion, intervention strategies, and organization of the institutional support work process. In the second cycle, of an analytical nature, the institutional patterns present in this experiment were explored. The theoretical framework of the study was based on the ergological approach and the concept of institution, according to the tradition of French institutionalism. We observed that the institutional support strategy generated and strengthened socio-technical networks articulated in function of the National Policy of Primary Health Care. However, the necessity of implementation of priority programs demands it to be better considered in the design of this management strategy.
  • Regionalized Health Surveillance in the State of Pernambuco: a case study Artigo Original

    Lopes, Natália Barros; Albuquerque, Ana Coelho de; Felisberto, Eronildo

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O objetivo deste estudo foi o de avaliar a implantação da Vigilância em Saúde (VS) regionalizada em Pernambuco. Trata-se de um estudo avaliativo realizado nas etapas normativa e exploratória. A avaliação normativa utilizou abordagem quantitativa para as dimensões estrutura e processo, medindo o grau de implantação da VS em quatro regiões de saúde de Pernambuco. A etapa exploratória consistiu na realização de entrevistas semiestruturadas com informantes-chave para apreender a percepção desses indivíduos acerca do processo de regionalização da VS em Pernambuco e dos fatores facilitadores e dificultadores desse processo. Nas regiões I, II e III, a VS foi classificada como 'parcialmente implantada' e na região IV, como 'implantada'. A 'estrutura' foi classificada como 'parcialmente implantada' em todas as regiões, e o 'processo' foi classificado como 'parcialmente implantado' nas regiões I e III, e como 'implantado' nas regiões II e IV. Conclui-se que a regionalização da VS em Pernambuco ainda está incompleta apesar de ser um processo de grande relevância, uma vez que o nível regional pode planejar e promover estratégias mais adequadas para cada contexto, privilegiando as diferentes realidades dos municípios.

    Abstract in English:

    ABSTRACT This study aimed to evaluate the implementation of Regionalized Health Surveillance (HS) in the State of Pernambuco. It is an evaluative study carried out by means of the normative and the exploratory steps. The normative evaluation applied a quantitative approach for the structure and process dimensions, measuring the degree of HS implementation in four health regions of Pernambuco. The exploratory step consisted of semi-structured interviews with key informants so to apprehend also their perception about the HS regionalization process in Pernambuco as the factors that ease and hinder the process. HS was classified as 'partially implemented' in regions I, II and III, and 'implemented' in region IV. 'Structure' was classified as 'partially implemented' in all regions. 'Process' was classified as 'partially implemented' in regions I and III, and 'implemented' in regions II and IV. We concluded that HS regionalization in Pernambuco is still incomplete, despite being a process of great relevance, since the regional level is able to plan and promote strategies more appropriate for each context, given the specific characteristics of each municipality.
  • Access to treatment of women with breast cancer Artigo Original

    Sousa, Samara Maria Moura Teixeira; Carvalho, Maria das Graças Freire de Medeiros; Santos Júnior, Luiz Ayrton; Mariano, Sarah Borges Carolina

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O objetivo do estudo foi caracterizar o acesso ao tratamento da mulher com diagnóstico de câncer de mama no estado do Piauí, Brasil. Estudo transversal analítico, desenvolvido em duas instituições hospitalares de referência, no período de janeiro a junho de 2018. A população compreendeu mulheres diagnosticadas com câncer de mama que realizaram tratamento no período de 2016 a 2017. A amostra foi de 155 participantes. A amostragem foi estratificada proporcional. Os dados foram processados no IBM® SPSS®, e calculadas estatísticas uni e bivariadas. Constatou-se que o tempo para o tratamento foi de, em média, 112,7 (±93,6) dias, variando de 12 a 550 dias (≡18,3 meses ou 1,5 anos), sendo que 71,6% das mulheres iniciaram o tratamento em um período superior a 60 dias do diagnóstico do câncer de mama. Foram verificadas associações estatisticamente significativas entre o atraso para início do tratamento e o território estadual de residência (p=0,041) e o estágio da doença (p=0,037). Dessa forma, o acesso ao tratamento do câncer de mama não está acontecendo como preconizado. Ressalta-se, portanto, a necessidade de uma maior organização dos serviços de saúde em rede, levando em conta as necessidades da população, por meio do atendimento em tempo oportuno.

    Abstract in English:

    ABSTRACT This study was aimed at characterizing the access to treatment of women diagnosed with breast cancer in the state of Piauí, Brazil. A cross-sectional analytical study was developed in two referral hospital institutions from January/2018 to June/2018. The population comprised women diagnosed with breast cancer who underwent treatment in the period from 2016 to 2017. The sample amounted to 155 participants. Sampling was proportionally stratified. The data was processed in IBM® SPSS®, and uni and bivariate statistics were calculated. It was noted that the average time for treatment was of 112.7 (± 93.6) days, varying from 12 to 550 days (≡18.3 months or 1.5 years), with 71.6 % of the women starting treatment within a period higher than 60 days following breast cancer diagnosis. Statistically significant associations were verified between the delay to start treatment and the state territory of residence (p = 0.041) and the disease stage (p = 0.037). The conclusion is that women are not having access to breast cancer treatment as recommended. Therefore, it is worth noting the need for greater organization in the network of health services, taking into account the needs of the population through timely health care.
  • ‘An empty bag cannot stand upright’: The Bolsa Família Program and mortality caused by malnutrition Artigo Original

    Santos, Rafael dos; Bottega, Carla Garcia

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO As condições de saúde resultam de fatores socioeconômicos, sobretudo aquelas doenças de causas evitáveis, como a desnutrição em crianças nos seus primeiros anos de vida. Assim, o objetivo deste estudo foi investigar a relação entre a mortalidade na infância por desnutrição e as ações em saúde do Programa Bolsa Família, comparando dados nacionais com dados do Rio Grande do Sul. Foram correlacionados, por meio do método de Pearson, dados referentes ao Programa Bolsa Família (número de famílias beneficiárias, condicionalidades em saúde colocadas pelo Programa e valores transferidos às famílias beneficiárias) com as taxas de mortalidade por desnutrição em crianças menores de cinco anos entre os anos 2005 e 2014. Os dados, cuja coleta foi realizada entre agosto e setembro de 2016, são originários da Matriz de Informação Social (MI Social), das bases do Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos e do Sistema de Informações de Mortalidade. Os resultados demonstraram que o Bolsa Família atua por meio da transferência de renda, pois impacta no estado nutricional da criança, e exaltaram o caráter intersetorial do Programa, possibilitando melhores condições de cidadania aos seus beneficiários, por meio da ampliação do acesso aos serviços públicos e da participação em ações de promoção e prevenção em saúde.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The health of a person is the result of socioeconomic factors, especially those pertaining to preventable conditions, such as malnutrition in early childhood. Thus, this study investigated the relation between child mortality caused by malnutrition and the health measures of the Bolsa Família (Family Allowance) program in Brazil, comparing nationwide data with data from the state of Rio Grande do Sul. The Pearson correlation coefficient was used to analyze data from Bolsa Família (the number of families benefitting from the program, the health conditions it requires for eligibility, and the amount of money transferred to the families) in relation to malnutrition mortality rates among children under five, from 2005 to 2014. The data, collected between August and September 2016, were obtained from the Social Information Center (Matriz de Informação Social) of the Live Birth Information System (Sistema de Informações Sobre Nascidos Vivos) and the Mortality Information System (Sistema de Informações de Mortalidade) of Brazil. The results demonstrate that Bolsa Família functions by transferring income, which positively affects the nutrition of children, and that its intersectionality allows for better citizenship conditions for families, by broadening access to public services and participating in health promotion and disease prevention programs.
  • Domestic violence against elderly people assisted in primary care Artigo Original

    Barros, Renata Laíse de Moura; Leal, Márcia Carréra Campos; Marques, Ana Paula de Oliveira; Lins, Maria Eduarda Morais

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO Este artigo objetiva investigar a prevalência de violência doméstica contra idosos assistidos na atenção básica e possíveis fatores associados. Estudo descritivo de corte transversal, com 169 indivíduos de 60 anos ou mais, de ambos os sexos, cadastrados nas Unidades de Saúde da Família (USF) da microrregião 4.1 da cidade do Recife (PE). Idosos com agravo à saúde que comprometesse a comunicação e/ou cognição foram excluídos. Os dados foram coletados por meio de entrevistas nos domicílios ou nas USF, com questões sociodemográficas, saúde autopercebida e instrumento de pesquisa para avaliar possíveis situações de violência, que foi desenvolvido e validado em Porto Rico e adotado pelo Ministério da Saúde. Verificou-se a existência de 133 idosos com sinais indicativos de pelo menos um tipo de violência em seu ambiente doméstico, representando uma prevalência de 78,7%, sendo a negligência o tipo mais prevalente (58,5%), seguida de violência psicológica (21,5%) e financeira (14%). Os idosos entrevistados que classificaram sua saúde como regular/ruim têm esse risco aumentado. O estudo reforça a hipótese da existência de violência doméstica contra os idosos. Assim, identificar a sua prevalência é o primeiro passo para o enfrentamento desse problema de saúde pública.

    Abstract in English:

    ABSTRACT This article aims to investigate the prevalence of domestic violence against elderly people in primary care and possible associated factors. A descriptive, cross-sectional study, with 169 individuals aged 60 years and over, of both sexes, enrolled in the Family Health Units (FHU) of the 4.1 micro region of the city of Recife. Elderly people with health impairment that compromised communication and/or cognition were excluded. The data were collected through interviews in the homes or FHU, with socio-demographic issues, self-perceived health and the research instrument to evaluate possible situations of violence, which was developed and validated in Puerto Rico and adopted by the Ministry of Health. There were 133 elderly people with indicative signs of at least one type of violence in their domestic environment, representing a prevalence of 78.7%, with negligence as the most prevalent type (58.5%), followed by psychological (21.5%) and financial (14%). The elderly interviewed who classified their health as regular/poor have this increased risk. The study reinforces the hypothesis of the existence of domestic violence against the elderly. Thus, identifying its prevalence is the first step in addressing this public health problem.
  • The professionals’ perspective on the patient discharge process of the Caps-AD: criteria and difficulties Artigo Original

    Silva, Lennon Leonardo Pereira da; Almeida, Anderson Batista de; Amato, Tatiana de Castro

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O objetivo foi compreender como ocorre o processo de alta de pacientes do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (Caps-AD), na perspectiva dos profissionais. Foram investigados os critérios de alta utilizados pelas instituições (Caps-AD), pelos profissionais e as dificuldades encontradas durante o processo de alta. A metodologia foi qualitativa, por meio de entrevistas em profundidade realizadas com dezesseis profissionais atuantes em cinco Caps-AD de São Paulo. O recrutamento ocorreu por bola de neve, e o material foi transcrito e submetido à análise de conteúdo. Observou-se que não há uma padronização e clareza dos critérios de alta nos Caps-AD. Os profissionais consideraram como critérios de alta: mudança no padrão de uso da substância, reinserção social, melhora no funcionamento psicológico e nas habilidades de enfrentamento do indivíduo e alcance dos objetivos estabelecidos. As maiores dificuldades encontradas foram divergências na equipe, onipotência dos profissionais, dificuldades relativas ao rompimento dos vínculos, dependência institucional, instabilidade dos pacientes e dificuldades na articulação com a rede de saúde. Os resultados expressam a complexidade e a amplitude da questão da alta em Caps-AD, uma vez que o processo é caracterizado pela articulação das dimensões sociais, econômicas, políticas, subjetivas e institucionais.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The aim was to understand how the discharge process of patients at the Psychosocial Care Centers for Alcohol and Drugs (Caps-AD) occurs, from the professionals’ perspective. The discharge criteria used by the institutions (Caps-AD), by the professionals and the difficulties encountered during the discharge process were investigated. The methodology was qualitative, through in-depth interviews carried out with sixteen professionals working in five Caps-AD at São Paulo. The recruitment was by snowball technique, and the material was transcribed and subjected to content analysis. It was observed that there is no standardization and clarity of the discharge criteria at the Caps-AD. The professionals considered as discharge criteria: change in the pattern of use of the substance, social reintegration, improvement in psychological functioning and coping skills of the individual and achievement of established goals. Most of the difficulties encountered were the differences in the team, professionals’ omnipotence, difficulties related to the rupture of the bonds, institutional dependence, patient instability and difficulties in health network articulation. The results express the complexity and amplitude of the discharge issue in Caps-AD, since the process is characterized by the articulation of social, economic, political, subjective and institutional dimensions.
  • The e-SUS AB system: perceptions of the nurses of the Family Health Strategy Artigo Original

    Araújo, Jaianne Ricarte de; Araújo Filho, David Correia de; Machado, Lucas Dias Soares; Martins, Rosa Maria Grangeiro; Cruz, Rachel de Sá Barreto Luna Callou

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O presente estudo teve por objetivo compreender a percepção dos enfermeiros quanto ao uso do sistema e-SUS AB no seu contexto de trabalho da Estratégia Saúde da Família (ESF). No tocante aos aspectos metodológicos, é uma pesquisa do tipo exploratória e descritiva, com abordagem qualitativa, realizada na cidade de Crato, Ceará. Participaram do estudo 18 enfermeiros que se enquadraram nos critérios de inclusão de estarem vinculados à ESF do município e que fizeram uso do sistema há pelo menos um mês. Os resultados obtidos a partir dos relatos dos participantes foram categorizados em: Processo de introdução e preparação dos profissionais para manuseio do sistema e-SUS AB; Potencialidades e desafios encontrados pelos enfermeiros diante do uso do sistema e-SUS AB; e Sentimentos dos enfermeiros em relação ao sistema e-SUS AB. Conclui-se que a utilização desse sistema, segundo as percepções dos enfermeiros, pode se constituir como uma ferramenta importante dentro do contexto da ESF, contribuindo para otimização dos processos de trabalho. Entretanto, ainda existem aspectos e concepções que dificultam a completa incorporação dessa tecnologia.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The present study aims to understand the nurses’ perceptions regarding the use of the e-SUS AB system in their work context of the Family Health Strategy (FHS). Regarding the methodological aspects, it is an exploratory and descriptive research, with a qualitative approach, carried out in the city of Crato, Ceará. There were 18 nurses participating in the study, who met the inclusion criteria of being linked to the city’s FHS and who had used the system for at least one month. The results obtained from the reports of the participants were categorized as: Process of introduction and preparation of professionals to handle the e-SUS AB system; Potentialities and challenges encountered by nurses regarding the use of the e-SUS AB system; and Nurses’ feelings regarding the e-SUS system. It is concluded that the use of this system, according to the nurses’ perceptions, can constitute an important tool within the context of the FHS, contributing to the optimization of the work processes. However, there are still aspects and conceptions that hinder the complete incorporation of that technology.
  • Research groups of health evaluation in Brazil: an overview of collaborative networks Artigo Original

    Cruz, Marly Marques da; Oliveira, Sydia Rosana de Araújo; Campos, Rosana Onocko

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O objetivo deste estudo foi o de caracterizar os grupos de pesquisa registrados na área temática avaliação em saúde do Diretório do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), segundo sua certificação, ano de formação, região e estado do País, instituição e linha de pesquisa. Por meio do levantamento de todos os grupos de pesquisa da área de avaliação em saúde do CNPq de 1976 a 2017, identificaram-se 385 grupos. Não foram analisados 30 grupos por terem sido excluídos (6,7%), serem inexistentes (0,8%) ou duplicados (0,3%). Estatística descritiva aplicada aos 355 grupos analisados revelou que estão presentes em todas as regiões do País com distribuição bastante desigual, havendo maior concentração na região Sudeste (42,8%), sobretudo no eixo São Paulo - Rio de Janeiro; os principais vazios se localizam nos estados do Amapá, Roraima e Rondônia. A linha de pesquisa mais frequente foi a de 'avaliação e monitoramento de intervenções em saúde'. O panorama dos grupos de pesquisa confirma a conhecida desigualdade brasileira na produção de conhecimentos, bem como a necessidade de se aprofundar a investigação sobre as redes colaborativas de pesquisa em avaliação e de se promover a equidade investigativa e de formação.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The objective of the study was to characterize the research groups recorded in the Health Evaluation thematic area of the National Council for Scientific and Technological Development (NCSTD) directory, categorized per certification, year of inception, region and state of the country, institution and research line. By means of data retrieved from NCSTD' health evaluation area research groups from 1976 to 2017, we identified 385 groups. Of these, 30 groups could not be analyzed due to their exclusion from the database (6,7%), non-existence (0.8%) or double entry (0.3%). Descriptive statistics applied to the 355 groups revealed that they are present in all regions of the country, although very unequally distributed. There is a higher concentration in the Southeast region (42.8%), at the São Paulo - Rio de Janeiro axis, being the main voids located in the states of Amapá, Roraima and Rondônia. The most frequent research line respected 'evaluation and monitoring of health interventions'. The research groups' depiction confirmed the well-known Brazilian inequality in the production of knowledge, as well as the need both to deepen research on collaborative research networks under evaluation and to promote research and training.
Centro Brasileiro de Estudos de Saúde RJ - Brazil
E-mail: revista@saudeemdebate.org.br